Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A realidade do Sporting B

Leão Zargo, em 17.01.17

 

20191463_OzeCj.jpg

 

O programa eleitoral de Bruno de Carvalho, “Sporting no coração, confiança no futuro” (2013), realçava que “a existência de uma equipa B é de enorme importância para o desenvolvimento sustentado e servirá de ponte entre o futebol júnior e o futebol sénior. Utilizando as mesmas metodologias, práticas, organização e sistemas de jogo que a equipa sénior profissional, os jovens que integram a equipa B estarão aptos a integrar a equipa principal, seja em caso de necessidade, seja por mérito próprio, fruto do desempenho pessoal.”

 

Nada disto se verifica actualmente. Na realidade, não existe um projecto para a equipa B, não há um planeamento a médio prazo, tudo decorre de uma visão economicista e casuística. Tomam-se decisões de acordo com o contexto, com as oportunidades que surgem, com o que parece adequado em determinado momento. Não é visível qualquer articulação com a equipa principal.

 

A classificação do Sporting B na II Liga é péssima, a equipa leonina não consegue vencer um jogo desde 23 de Novembro, quando derrotou o União da Madeira. Depois dessa partida, sofreu cinco derrotas e um empate, ou seja, conseguiu um ponto em dezoito pontos possíveis. Mas, ainda pior será o cepticismo quanto há possibilidade de alguns jogadores da B integrarem o plantel principal nos próximos meses.

 

No Portimonense-Sporting do passado domingo, vestiram a camisola leonina os atletas Pedro Silva, Pedro Empis, Guilherme, Kiki, Abdu, Aouacheria, Gelson Dala, Bubacar, Delgado, Ary Papel e Ronaldo. Budag substituiu Bubacar aos 30 minutos e Pedro Marques entrou aos 73 minutos para o lugar de Aouacheria.

 

Verificando o ano do vínculo desportivo ao Sporting de cada um destes treze jogadores, constata-se o seguinte:

 

Pedro Silva desde 2010-11 (iniciados)

Pedro Empis desde 2010-11 (iniciados)

Guilherme Ramos desde 2012-13 (juvenis)

Kiki Kouyaté desde 2016-17

Abdu Conté desde 2011-12 (iniciados)

Bilel Aouacheria desde 2016-17

Gelson Dala desde 2016-17

Bubacar Djaló desde 2011-12 (iniciados)

Pedro Delgado desde 2010 a 2012 e 2016-17

Ary Papel desde 2016-17

Ronaldo Tavares desde 2013-14 (juvenis)

Budag Nasyrov desde 2016-17

Pedro Marques desde 2016-17

 

Isto é, dos treze jogadores sportinguistas que defrontaram o Portimonense, apenas seis fizeram o seu percurso formativo na Academia de Alcochete, seis foram contratados em 2016-17 e um começou a formação na Academia, esteve noutros clubes durante quatro anos e regressou no início desta época.

 

Estamos perante uma situação de grave descaracterização da equipa B. Não se percebe qual foi o modelo que presidiu à concepção da equipa, nem os princípios de complementaridade que determinaram a sua constituição. Nem os responsáveis dão a cara, mesmo sabendo que o programa eleitoral de Bruno de Carvalho em 2013 garantia que “o Presidente do Sporting terá a liderança directa do Futebol e da Academia. A equipa pluridisciplinar (da estrutura do futebol) reportará ao Presidente”.

 

Há sérios motivos para se recear que estamos perante um tempo dolosamente perdido.

 

publicado às 15:36

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


22 comentários

Imagem de perfil

De Leão Zargo a 17.01.2017 às 18:55

jpinto

De facto, a realidade dos jogadores a quem se dirige a equipa B é diversificada. Tem razão quando afirma que “não é liquido é que seja o ultimo patamar antes da equipa principal”.
Depende dos jogadores em causa. Há casos em que se sentirão confortáveis, há outros que necessitam de sair. Talvez os que têm mais classe necessitem de outras paragens, mas isto é muito relativo.

Adrien, Cedric, William, Patrício, Gelson João Mário, por exemplo, seguiam percursos diferentes. Cada caso é um caso. Técnicos competentes servem para detectar essas particularidades.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo