Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

mw-860.jpg

 

Segundo notícia avançada este domingo pelo jornal O Jogo, Jorge Jesus chegou a acordo com Bruno de Carvalho para sair do Sporting, disposição que ainda carece de confirmação oficial da Sporting SAD.

 

Ainda de acordo com aqueke diário, nenhuma das partes terá de ressarcir a outra no valor de oito milhões de euros, verba que Jesus teria de receber em salários no ano de contrato remanescente.

 

Também por confirmar, uma outra notícia que dá Jesus com um acordo verbal com os sauditas do Al-Hilal, aos quais irá vincular-se por uma temporada, mantendo, porém, uma cláusula de oção por mais uma época. Na Arábia Saudita o ainda técnico dos leões vai auferir um ordenado anual livre de impostos de sete milhões de euros, além de outros prémios por objectivos que podem chegar a mais três milhões de euros.

 

Eu sou um dos que mais quer ver Jorge Jesus sair do Sporting, mas o timing, atendendo à crise existente, apresenta um cenário muito complexo, especialmente se o rastejante do presidente se der a contratar novo treinador no imediato. A possibilidade de esse técnico vir a ser Ricardo Sá Pinto, apenas labirinta uma junção já por si intricada de várias considerações.

 

O futuro do actual líder é muito incerto neste momento, não obstante a sua relutância em largar o poder e o anunciado leque de medidas, quase todas ilegais, que ele pretende implementar. Uma eventual providência cautelar que resulte numa initimação judicial, é uma das equações a ser ponderada pela legítima Mesa da Assembleia Geral. A outra, na minha opinião muito mais consequente face ao estado de coisas de momento, seria a suspensão de funções de Bruno de Carvalho com efeito compulsivo e imediato.

 

Esta última opção impediria o actual Conselho Directivo de avançar com acções ilegais e, no que a um treinador diz respeito, evitaria o hipotético comprometimento de uma futura nova Direcção.

 

Com tudo isto, esperamos que a MAG avance de imediato com queixas judiciais, porque não se vislumbra qualquer outro enquadramento que seja solução, face à ignóbil postura do ainda presidente e restantes elementos directivos.

 

publicado às 11:00

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


92 comentários

Imagem de perfil

De PSousa a 03.06.2018 às 14:29

Rui,
Do Patrício sei eu bem a história, não preciso de mais informações.
Sobre o Podence, claro que foi para colocar pressão sobre o presidente, mas o SCP não é o presidente e por isso fizeram ao SCP e não ao presidente. Ou será que confundem as duas coisas?

Você acha que o presidente vai sair por esta pressão?
Sem imagem de perfil

De de Vigia a 03.06.2018 às 15:27

Eu diria mais. Não saírá não só porque não quer ser um exemplo de cedência aos jogadores, mas também porque é teimoso (e muito!!)
Além disso onde é que esta sociedade iria parar se os colaboradores das empresas passassem a decidir quem governaria as Sociedades Anónimas (desportivas ou outras). Parece que estão a querer regressar ao "verão quente" do PREC..... dasssse.....!!!

Existe uma outra questão que ainda não vi abordada. Toda a gente faz contas às perdas do SCP com as rescisões e ninguém ainda reflectiu quanto o SCP terá direito se os jogadores perderem as causas em Juízo!!
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 03.06.2018 às 15:49

Não são os colaboradores que decidem quem gere as empresas. No entanto, isso não significa que não hajam regras (e já agora, leis). Se um colaborador não está disposto a aturar frescuras de quem administra ou gere, principalmente se for ilegal, tem todo o direito em desligar-se da entidade e, caso se comprovem ilegalidades e/ou má fé, de exigir indemnizações.

Não vejo qual o espanto!
Sem imagem de perfil

De de Vigia a 03.06.2018 às 16:02

Certo!
Há no entanto um pequeno pormenor "...frescuras de quem administra ou gere, principalmente se for ilegal.." tem de ser provado que foi a entidade patronal a promover. As cartas não são uma prova em si mesmas, ainda que pintem cenários o mais negros possível para atingir o objectivo da rescisão. Os seus conteúdos é que terão de ser obrigatoriamente comprovados.

Deixe-me dizer que casos semelhante (uns mais e outro menos graves) ocorridos nos últimos anos no Brasil, na Alemanha, em França, na Argentina ou Inglaterra, não tiveram o mesmo efeito nesses jogadores como o efeito que está a ter nos do Sporting. O próprio Anthony Lopes foi agredido por um adepto há pouco tempo e também não entrou com rescisões.
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 03.06.2018 às 16:18

Essa decisao irá caber aos tribunais. Entretanto, a desvinculação torna-se efetiva. Quem contratar os jogadores em causa estarão cientes dos riscos inerentes.

As situações de bullying e desvirtuamento da dignidade dos funcionários parece-me evidente e, ainda por cima pública (grande parte dos descrição dos eventos é público) e a completa falta/falha de condições de segurança, facilmente de comprovar quer em Alvalade quer em Alcochete será suficiente para ter justa causa, não sendo necessário haver causalidade entre as intervenções do presidente e o ataque (ou seja, não será necessário a prova de que BdC terá sido mandante - a ter sido - ou instigador moral dos crimes cometidos).

Cada um, per si, é dono e senhor das decisões que toma para o seu futuro, independentemente do que tenha acontecido noutros casos. Eu, por mim, não os consigo comparar já que não possuo nenhuma informação sobre o que refere de outros casos “semelhantes”
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 03.06.2018 às 16:24

Uma observação sobre o Anthony Lopes: não tem nada a ver! Foi um ato isolado de um adepto, não havia nenhuma tensão e eventos percursores entre o clube e o jogador. Não são, em nada, comparáveis!

Este é o único caso que posso comentar porque me lembro e é um caso concreto.
Sem imagem de perfil

De de Vigia a 03.06.2018 às 17:09

Pois, eu também esqueci o Guimarães e não foi assim há tanto tempo..... mas será como quiser: nada comparáveis.....!!! Pelo menos foi o que nos descreveram o treinador e o presidente do Vitória.......
Sem imagem de perfil

De de Vigia a 03.06.2018 às 17:06

São as suas opiniões, que apenas têm o valor que o amigo lhes dá e nada mais do que isso!
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 03.06.2018 às 17:35

Sobre o valor das opiniões, nem sei que lhe diga!

Não tenho instituída nenhuma cotação para as minhas opiniões, pelo que não estou munido de nenhuma ferramenta de comparação para diferenciar a minha da sua (e da dos outros, bem entendido). Deste ponto de vista, a do valor, penso que estamos conversados.

Não tendo nenhuma valoraçao opinativa (desconheço escala, mas tenho a certeza que é por minha ignorância), julgava eu que a argumentação poderia ter algum, digamos, valor, mesmo que qualitativo. Achava eu que estávamos a esse nível. Engano meu, pelos vistos.

Talvez estejamos perante uma discussão dicotômica entre o poder da emoção e da razão. Não vou eu concluir sobre qual delas estará a prevalecer, porque - Deus me livre - não vou dar a minha opinião nisto, que só para mim tem valor.
Sem imagem de perfil

De de Vigia a 03.06.2018 às 21:10

O caro não sai do mesmo registo, convence-se que as coisas se passaram assim ou assado apenas porque sim... Na apresentação que faço de factos, que também reflectiram violências sobre jogadores, alguns até já que deram origem a penalizações aos prevaricadores, e que permitem fazer uma reflexão o FE diz: ah sim, não sabia, não vi nem estava lá. O que lhe interessa é que já construiu uma convicção - o (com todas as adjectivações que aqui já lhe fora feitas) BdC é o culpado ponto (final) ! E daí não sai nem ninguém o tira..... Interessa-lhe apenas passar uma mensagem factual ou não factual!

A valoração opinativa é dada pela quantidade daqueles que a acolhem quando é proferida. Esperemos por eleições para, nas circunstância que à data rodearem o acontecimento, vermos opinativamente a quem daremos o nosso valor/apoio.

Nota: hoje temos mais um "Maduro" a colocar-se em bicos dos pés (alguém que lhe empreste um lista telefónica das antigas para como o outro colocar debaixo dos pés). O nosso SCP está a tornar-se apetecível. Quem diria!!
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 03.06.2018 às 22:55

Estranho, estranho é a argumentação do vitória de Guimarães aparecer exatamente depois do comunicado do sporting.

Portanto, estamos esclarecidos quanto ao lado da “barricada”, certo? Estamos entendidos sobre as tais convicções.
Perfil Facebook

De Luis Vicente a 03.06.2018 às 16:04

Tenho a certeza que o PSousa não sabe a história toda sobre oPatricio!!!
Se sabe,diga!!
Se não disser,fica como o outro do grande investidor.
Imagem de perfil

De PSousa a 03.06.2018 às 16:08

Ainda bem que tem a certeza.
Se a quiser ouvir da minha boca, terei todo o prazer de tomar um café, de resto não me peçam para a escrever aqui. Há coisas que não se escrevem mas podem "dizer-se"!
Perfil Facebook

De Luis Vicente a 03.06.2018 às 17:46

Eu,ao contrário do caro,vou aqui dizer,na minha vida nunca me escondi!!

O Rui e o Sporting estiveram com tudo acertado com o Nápoles!!
O Nápoles trocou de treinador Sarri por Ancelloti.
Ancelloti recusou o Rui
O Nápoles contratou o Leno do Leverkusen,por indicação do Ancelloti.
O CD do Sporting através de G.Pinheiro pediram há GESTIFUTE,para ajudar a "vender" o Rui.
A Gestifute,o Rui e o G.Pinheiro chegaram acordo com o Wolves.
Quando vão para assinat o contrato o G.Pinheiro aparece envergonhado perante os outros parceiros,com a exigência do Bruno de mais 2 milhões.
Já volto aos 2 milhões,e porque é que aparecem.
Ficou acordado com o G.Pinheiro mandato pelo CD do Sporting,que a Gestifute ia receber os célebres 7 milhões.
Mas como aparecem os 7 milhões?
Dividas da SAD do Sporting há GESTIFUTE,e comissão da venda do Rui que faz os 7 milhões.
O Wolves recusa pagar mais 2 milhões do que tinha sido acordado.
Agora pergunta vc,porque aparecem os 2 milhões?
Eu vou-lhe responder!!!
O acordo entre o Sporting e o Wolves implicava o pagamento em 3 anos dos 18 milhões.
Como a SAD do Sporting em termos de Tesouraria está a ZEROS,e precisa de dinheiro urgentemente e como sabe que o EO nunca vai ser aprovado pela CMVM,nunca vai ser aprovado.
OBruno preparava-se para fazer um FACTORING com a garantia dos 18 milhões do Wolves.
Mas aí como o Bruno sabia que tinha de pagar de juros entre 10 e 12 % sobre os 18 milhões tentou um golpe de "chico esperto" para ver se com esses 2 milhões fosse o Wolves a pagar os juros do FACTORING.
Conclusão,o negócio estourou e o Rui rescindiu.
Estou certo ou estou errado?
Imagem de perfil

De PSousa a 03.06.2018 às 17:52

Nem tudo é "verdade", mas há pormenores que o caro também sabe.
E da minha parte não se trata de me esconder mas sim de fidelidade e cordialidade para com quem em informou de como tudo se passou.

Em tempos, já existiram outras situações como essa e não houve rescisões!
O que me chateia MESMO é a falta de palavra do homem, ele não pode pedir hoje uma coisa e amanhã outra. Ou melhor, pedir pode, já o fez... infelizmente!

Perfil Facebook

De Luis Vicente a 03.06.2018 às 18:54

Caro diga lá,o que não é "verdade"?
Imagem de perfil

De PSousa a 03.06.2018 às 19:04

Se lhe disser, iria ter de contar a parte que eu sei.
Mas "verdade" não era bem o que eu queria dizer, mas sim faltam aí uns detalhes que nem tudo é culpa do "bicho". É tipo 85%
E no Factoring podemos dizer que está a aplicar uma taxa elevada, mas tudo bem!
Quanto ao OE não lhe sei dizer se vai ser aprovado ou não, logo se verá!
Perfil Facebook

De Luis Vicente a 03.06.2018 às 19:36

O meu caro,desculpe mas já percebi que o que disse que sabia do negócio Rui é uma mão cheia de nada.
Já vou com conhecimento de 85% brevemente vou ter 100% de razão,mas também é um pormenor que pouco importa.

Quanto ao EO obrigacionista,garanto-lhe que nunca vai ser aprovado pela CMVM,ou quer que lhe explique porquê?

Tenha um bom resto de Domingo.
Imagem de perfil

De PSousa a 03.06.2018 às 19:39

O que eu sei fica comigo... seja para si uma mão cheia de nada ou não.
Eu quis dizes que a culpa do "bicho" é que era 85%, não o seu conhecimento!
Não precisa de explicar, porque o tempo dirá se tem razão ou não.

Bom resto de domingo para si também!
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 03.06.2018 às 16:07

Quem ousa fazer confusão entre o que é SCP e o presidente é o próprio BdC e alguns dos seus seguidores! No entanto, quem representa o SCP e define o seu modelo de governação é o presidente. Logo, se o presidente define um estilo de gestão, esse fica o estilo oficial de SCP. Deste ponto de vista, são uma e a mesma coisa!

Podence não quer colocar pressão coisíssima nenhuma! Quer é largar o local de trabalho que o pode prejudicar em termos futuros, como profissional de futebol. Resta saber se fez alguma tentativa de negociar com o SCP uma maneira airosa de sair, que permitisse ao SCP encaixar alguma receita. Mas o BdC só sabe “negociar” quando tem os trunfos todos nas mãos. Quando não tem, acha que pode fazer o mesmo.
Imagem de perfil

De PSousa a 03.06.2018 às 16:15

Ah pois não quis!
E eu sou o pai natal!

Meu caro fique com a sua opinião.
Acha mesmo que as cartas de rescisão, iguais sem tirar nem por é por tudo isso que diz. Infeliz coincidência serem ambos jogadores da Gestifute... não abram os olhos não!

É evidente que a gestão de recursos humanos e a forma não é a adequada ao que nós gostamos por parte do presidente. No entanto temos duas rescisões até ao momento... de quem? de que forma?

Mas olhe que não estou a dizer que possam ou não ter razão... o SCP é que não merece. E neste momento quem está a fazer a confusão\mistura do SCP com BdC, são estes! É evidente também que não se gosta de estar numa empresa com um "chefe" destes, mas este vai acabar por ceder, mas não com rescisões.
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 03.06.2018 às 16:37

Qual é a admiração das cartas serem (quase) iguais? A maioria dos eventos são no mesmo espaço no mesmo tempo e coletivas! O que seria estranho eram serem muito diferentes. Claro que sendo o mesmo representante, os advogados hão de ser os mesmos. Qual a estranheza? Quem tem que abrir os olhos serão quem quer arranjar uma teoria da conspiração, que assim é mais fácil de odiar!

Veja de entende! Neste momento, mais que nunca, SCP é BdC e BdC é SCP. Não confunda os “custos” de sócio (emoção e quotas) com os de profissional (quer jogador, quer outro qualquer). Para este é o seu futuro que está em causa. Amor à camisola tem limites!

O jogador(es) estão-se a borrifar se o presidente cede ou não por causa das rescisões! Só sabem que querem fugir deste filme o mais rápido possível. A minha opinião é que, neste momento, com ou sem BdC (alguns) querem dar o fora, começar nova vida noutro lado qualquer que lhes deiam as condições mínimas!
Imagem de perfil

De PSousa a 03.06.2018 às 16:56

Estranho, ser só no Sporting!
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 03.06.2018 às 17:03

Não compreendi! O que é que é estranho e com que entidade está a comparar?
Imagem de perfil

De PSousa a 03.06.2018 às 17:07

Segundo veio a publico, os jogadores, treinadores, etc. do V. Guimarães tiveram uma situação idêntica e há quem diga que bem pior. Porque razão não terão os jogadores apresentado "falta de segurança" e "traumas"?
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 03.06.2018 às 17:21

É muito simples: no momento da invasão e agressões, não há nenhum litígio entre presidente (ou mais abrangente, clube) e equipa. Mesmo que haja falas na segurança, tal não é visto com os mesmos olhos. Num caso há animosidade noutra há solidariedade. Noite para o dia, não?

No caso do Guimarães, até poderia haver causa para rescisão (não sei muito sobre o assunto), caso se provasse falhas , mas os jogadores não viram o acto como estando relacionado com o comportamento do seu presidente. Não é o caso no Sporting.
Imagem de perfil

De PSousa a 03.06.2018 às 17:24

Era aí que eu queria chegar, então é contra o presidente e não contra o Sporting.
Mas os jogadores rescindem com o Sporting e não com o presidente, certo?
Ou seja, neste caso, o alvo é fazer pressão sobre BdC e talvez, quem sabe, não ser da vontade do jogador.

Caro, cada um vai ter a sua opinião e vamos defender a mesma, é como nos casos do penalty ou falta, para uns é para outros não.

Interessava-me mesmo é ver uma alternativa para o Sporting e saber como se pode "obrigar" a novas eleições.
SL
Sem imagem de perfil

De hugo gomes a 03.06.2018 às 17:36

Psousa o Bruno de Carvalho é o representante máximo do Sporting e por isso as suas declarações são a voz do Sporting e por isso os jogadores estao a rescindir pela ofensa á dignidade e falta de condições de segurança da parte Sporting motivado pelo seu presidente.
Imagem de perfil

De PSousa a 03.06.2018 às 17:41

Hugo,
Tranquilo, eu entendo isso. No entanto se o presidente de qualquer empresa fizer uma declaração no geral, eu não posso\devo prejudicar a instituição e sim mover algo contra esse presidente.
O Sporting não é Bruno de Carvalho, deu muito a Patrício e a Podence
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 03.06.2018 às 17:46

Estamos em “loop” infinito!
O presidente representa o SCP, não são dissociáveis! No caso do BdC por maioria de razão. Os jogadores não podem (nem devem) decidir as suas vidas sobre qual o futuro (que está completamente incerto) que poderiam ter no clube. E como já disse, estou em crer (uma opinião, friso) que para muitos deles se estarão já a borrifar para quem será o próximo presidente e quando haverá um! É o chamado ponto de não retorno, consideram que o que lhes aconteceu (tudo, não só o ataque) não tem desculpa e não querem sequer a hipótese, qualquer que ela seja, de poderem ficar!

Como se resolve, não sei. Uma coisa tenho eu bastante certeza: houve males que foram irremediavelmente feitos e o futuro do clube vai ter que se desenhar com base e apesar disso.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 03.06.2018 às 19:06

PS,
Tenho mais, uma vez, que discordar consigo, e da sua afirmação, de que o presidente não é o Sporting. Acontece que este presidente assume-se como o Sporting, e assim sendo, este Sporting é o presidente.

Acha correcto que a direcção demita a MAG, órgão máximo do clube?( uma medida que não tem suporte estatutário) Acha bem que a direcção nomeie uma "MAG" situação não prevista nos Estatutos? Acha bem que a direcção se recuse a validar mais mil assinaturas para realizar uma assembleia, como está previsto estatutariamente?

Afinal qual é o conceito de democracia neste Sporting?
Imagem de perfil

De PSousa a 03.06.2018 às 19:11

Meu caro,
Estamos cá para isto, para discordar uns dos outros, se todos gostássemos de amarelo, o que seria.

O presidente para mim não é o Sporting, nunca nenhum o foi e muito menos este!
A todas as suas questões . NÃO redondo! Mas para isso há os meios legais que temos de colocar em campo.

Neste presidente, pelos vistos, não há conceito de democracia. No Sporting existe, porque o Sporting somos nós e até à data, em rara excepções aqui no CL, fomos alvo de "ditadura".
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 03.06.2018 às 19:29

PS,
Eu por acaso até, nas cores, sou muito pluralista. Nem o vermelho me incomoda, até porque do ponto de vista político, é símbolo revolucionário.
Não considera o presidente o Sporting. Tudo bem, mas uma coisa, são opiniões, outra é a realidade.
NÃO redondo? Ainda bem, mas infelizmente há muito sportinguistas que diriam. SIM redondo, portanto não me parece que o conceito de democracia no Sporting, seja dado adquirido.
Imagem de perfil

De PSousa a 03.06.2018 às 19:33

A mim também não me incomoda muito as cores.
Você questionou-me e eu respondi com o NÃO redondo, o que os outros diriam é com eles, e tenho receio nos SIM que ando a ver, mas também já vi o caso mais "negro". Já vi uma falange como eu, que nem sim nem sopas (neutro) e que já se estão a colocar do lado do anti-BdC (espero não ser muito agressivo o anti).

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D




Cristiano Ronaldo