Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Quando tive a oportunidade de vir para o Sporting, sentia que era uma oportunidade de estar aqui mais perto, de ter, a nível nacional, um impacto diferente num grande clube. A partir do primeiro ano, em que as coisas não correram muito bem a nível colectivo e individual, deixei essa obsessão de lado e passei a pensar muito mais no clube do que na selecção.

mw-1280.jpg

É claro que a gente acaba sempre por ter o objectivo de representar Portugal. Repeti várias vezes em entrevistas: para mim, é a maior honra que um jogador pode ter, mas deixou de ser obsessão, acho que sofri demasiado. Sempre que chegava ali a quinta-feira, ao meio-dia e meia, queria ver mesmo se estava convocado, depois senti que isso começou a mexer muito comigo. Com o trabalho que fui fazendo, acabou por me dar um bocadinho de paz tentar focar-me muito mais no Sporting.

Apesar do meu bom momento, acredito que Portugal está bem servido. Existe também a corrente de mudança, com jogadores mais jovens. O Gonçalo Inácio também já merecia uma oportunidade, já a tinha tido mas depois teve uma infeliz lesão. Ele está mais do que preparado para poder fazer um bom trabalho.

Excerto da entrevista de Luís Neto, a Expresso

publicado às 04:31

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


2 comentários

Imagem de perfil

De Leão do Norte a 27.03.2022 às 16:03

Uma entrevista onde Luís Neto mostra a forma diferenciada como pensa e actua. Está claramente acima da média do panorama futebolístico nacional.
É um privilégio o plantel profissional do Sporting Clube de Portugal contar com um jogador assim, com muito para além dos atributos técnicos.
Não tenho dúvidas que estamos perante um excelente dirigente desportivo em potência e gostaria que o Sporting, após o final da sua carreira, o aproveitasse nesse sentido.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 27.03.2022 às 16:23

Já trocámos impressões sobre este assunto e estamos cem por cento em sintonia.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D




Cristiano Ronaldo