Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Académica 2 - Sporting 2 (1959-60)

Leão Zargo, em 17.03.20

2020-03-16.png

A Académica e o Sporting empataram 2-2 para o Campeonato Nacional em 17 de Janeiro de 1960, no Estádio Municipal de Coimbra. Nesse jogo o ânimo das duas equipas era bem diferente: desde o início de Dezembro, os leões lutavam ombro a ombro com o Benfica, ambos com os mesmos pontos no 1º lugar da classificação, enquanto que os estudantes, a meio da tabela, batiam-se com o V. Guimarães, Leixões, V. Setúbal e SC Covilhã.

No final, a alegria de uns e o desalento de outros exprimiu com rigor essa diferença. Em virtude do empate os leões cederam a liderança aos encarnados e o treinador Fernando Vaz foi substituído por Mário Imbelloni, um argentino que treinava os juniores. O Estádio estava repleto de espectadores, sendo impressionante o número de adeptos e bandeiras sportinguistas.

O filme com mais de quinze minutos, apesar de não ter som, é precioso. Mostra o futebol português do início dos anos 60 tal como era, um jogo aberto, ofensivo, com poucas marcações, algo ingénuo, quase sem faltas e muitos golos. Participaram nesta partida Maló, Mário Wilson, Mário Torres e Rocha que fizeram história na Académica e os jovens Fernando Mendes, Hilário e Morato que se destacariam em Alvalade.

Em 1959-60 decorreu a renovação da equipa leonina, depois de Travaços, Caldeira, João Martins, Joaquim Pacheco e Vasques, o último dos “cinco violinos”, terem terminado a carreira. A juventude leonina era compensada pela classe de Seminário e Fernando Puglia (que não alinhou neste jogo) e pela experiência de David Júlio e Hugo Sarmento. O capitão Fernando Mendes tinha apenas 22 anos.

Ficha de jogo:

Campeonato Nacional, 15.ª jornada

Académica 2 - Sporting 2

Estádio Municipal de Coimbra, 17 de Janeiro de 1960 

Árbitro - Costa Martins (AF Porto)

Académica - Maló, Chipenda, Mário Wilson, Mesquita, Curado, Mário Torres, Rocha, Miranda, Jorge Humberto, Araújo e José Júlio

Treinador - Óscar Montez

Sporting - Octávio de Sá, Hilário, Lúcio, Morato, David Júlio, Fernando Mendes, Hugo Sarmento, Ferreira Pinto, Vadinho, Seminário e Faustino Pinto

Treinador - Fernando Vaz

Golos - José Júlio (25m), Hugo Sarmento (41m), Faustino Pinto (51m) e Mário Wilson (87m).

publicado às 12:00

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo