Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

img_920x518$2019_02_19_17_41_03_1507652.jpg

 

Raúl Silva foi suspenso por dois jogos pelo Conselho de Disciplina (CD), na sequência do auto por flagrante delito aberto após participação do Sporting, que acusava o central do SC Braga de agredir Marcus Acuña no jogo do último domingo, num lance ocorrido aos 81', que passou despercebido ao árbitro Jorge Sousa e ao VAR.

 

A participação do Sporting foi apresentada na segunda-feira de manhã, com a Comissão de Instrutores a abrir um auto por flagrante delito e a concluir que havia razão para punir o futebolista brasileiro. A decisão foi tomada em processo sumário e está descrita no mapa de castigos já enviado para os clubes.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:38

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


15 comentários

Sem imagem de perfil

De antonio a 19.02.2019 às 18:49

Que passasse despercebida ao árbitro aceito, agora ao VAR não posso aceitar.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.02.2019 às 18:51

É mais um caso que fica por explicar. Aliás, a não acção de Jorge Sousa também é curiosa, porque verifica-se nas imagens que ele está bem situado e muito perto dos jogadores.
Sem imagem de perfil

De antonio a 19.02.2019 às 18:54

Ok, mas aceito, agora o VAR é inaceitável, para não dizer outra coisa.
Sem imagem de perfil

De J. Oliveira a 19.02.2019 às 19:07

Se o Rui me permitir, complemento a informação: como levou um amarelo durante o jogo com com o Sporting, que foi o 5º amarelo, passa a ser castigado, no total com 3 jogos.
SL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 19.02.2019 às 21:11

Exacto. Optei deliberadamente por não comentar isso, já que é um outro caso.

Decerto que o Braga vai recorrer da suspensão para atrasar o castigo.
Sem imagem de perfil

De PSousa a 19.02.2019 às 19:09

Excelente!
Mas agora digam lá o que seria se o Braga até empatasse em Alvalade e com golo deste arruaceiro?
Repetiam o jogo?
Cada vez mais acho que quem está no VAR não pode ser árbitros, mas sim alguém que faça formação e seja contratado, para não haver disto.
O que mais me agradou, foi Acuña não ter reagido.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 19.02.2019 às 19:17

O problema do VAR nestes casos não é do ser humano que lá está. O protocolo de intervenção do VAR é que tem que ser revisto.
Sem imagem de perfil

De PSousa a 19.02.2019 às 19:21

Mike,
É o protocolo e o ser humano. Ele pode dizer que há agressão e o árbitro só tem de ir ver, ponto.
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 20.02.2019 às 08:55

Caro Mike, em caso de agressão, o protocolo do VAR tem a competência de informar o árbitro que pode dar imediatamente o vermelho ou ir ver as imagens. Neste caso, o VAR devia ter intervindo! É mais uma que fica por mostrar.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 20.02.2019 às 09:54

R. Ribeiro,

Certo, mas penso que o protocolo também diz que se o árbitro vir a cena e nada assinalar, já não pode fazer nada. E neste caso o árbitro estava a olhar para o lance e viu, logo penso que o VAR nada pode fazer. O que digo é que tem que haver alteração deste protocolo e permitir o VAR intervir em QUALQUER lance, tenha sido julgado pelo árbitro ou não.
Sem imagem de perfil

De antonio a 19.02.2019 às 19:32

Tem de ser alguém com experiência e provas dadas. Infelizmente não há ninguém melhor que os árbitros para fazer de VAR.
O problema é que os melhores árbitros são pouco competentes e falta-lhes ética. Ao protocolo falta transparência.

Não há vontade de mudar isto.

Pelo menos houve uma reação rápida neste caso e a punição é justa. Já noutros casos foi a demora que se viu.

Sem imagem de perfil

De PSousa a 19.02.2019 às 19:41

A velha história da experiência e provas dadas, até eu faço de VAR.
Na minha opinião, é formar, tipo curso universitário e pagar-lhes! Penalizando-os quando deixam passar casos destes.
E depois nestes casos, ninguém teria de saber quem é o VAR, a não ser a Liga e FPF.
É a minha opinião, vale o que vale.
Sem imagem de perfil

De antonio a 19.02.2019 às 22:02

Ainda menos transparente seria!
Sem imagem de perfil

De Augusto Bala a 19.02.2019 às 20:59

Participação à segunda e decisão à terça? Clap, clap!! Nem parece a liga portuguesa! Se ele se chamasse Rúben qualquer coisa, aí o figurino de certeza que seria outro
Sem imagem de perfil

De João Gil a 19.02.2019 às 21:59

Nada que o jogador do Braga não merecesse. A arbitragem de Jorge Sousa, dos fiscais de linha e do VAR foi penalizadora para o Sporting e protectora para o Braga, desde o primeiro segundo do jogo. Apesar do Sporting estar acostumado não significa que não deva reclamar justiça nos casos em que a mesma é subtraída pela incompetência e pela negligência de terceiros. Já agora a ideia que um clube teve de pedir controlo anti doping a FCP e SLB antes e depois dos jogos daqui até ao fim do campeonato podia estender-se igualmente a SCB e SCP. Era interessante e profilático se calhar, ir conhecendo os resultados.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo