Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ainda os surreais 2 cms

Rui Gomes, em 07.04.21

Screenshot (59).png

Neste primeiro 'frame', a bola ainda não foi pontapeada. É por de mais óbvio que não há câmera nenhuma em posição para gravar o instante exacto do contacto do jogador do Sporting com a bola. Note-se, com atenção aos pés, que Pote, quanto muito, está em linha com o jogador do Moreirense.

Screenshot (60).png

Neste 'frame', verifica-se que a bola já está no ar, cerca de dois metros por cima dos jogadores. Neste instante, o pé direito do jogador do Moreirense está claramente mais recuado que quaisquer dos pés de Pote.

Screenshot (58).png

Neste 'frame', a bola já está um pouco mais distante. Note-se que Pote continua em clara posição regular.

Não é matéria simples ser cem por cento exacto com este processo de demonstração, mas serve, sobretudo, para sublinhar a real impossibilidade de determinar - com ou sem as supostas linhas virtuais - que Pote estava 2 cms em posição irregular.

Mais uma fantochada da arbitragem e do futebol português!!!

Screenshot (62).png

Bruno Esteves VAR - Rui Cidade AVAR

Comentário do nosso colega Leão do Norte:

Já em tempos, num post aqui no Camarote Leonino, foi expresso o seguinte pensamento sobre o VAR:

"Os poderes do futebol não dormem e pensaram em formas diversas de adulterar a ideia original da utilização do VAR, transformando-o numa ferramenta que pode servir para manter os seus privilégios, desde que fosse cuidadosamente utilizada.

O VAR parece instrumentalizado, não a favor de uma justiça nas decisões, mas sim em favor de decisões que, em determinadas ocasiões, são as que melhor servem os interesses dos poderes instalados. Vão continuar, sem qualquer pudor ou temor, a explorar a face "oculta" desta tecnologia e com as mais variadas formas, de modo a perverterem o seu verdadeiro sentido de justiça. Um dos exemplos é parando as imagens 5 cm mais à frente ou 5 cm mais atrás do real, o suficiente para colocar a linha do fora de jogo no local que mais lhes convém...".

(Ante) Ontem, em mais de uma ocasião, tivemos bons exemplos dessa actuação!

publicado às 03:48

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


31 comentários

Sem imagem de perfil

De Luis Fernandes a 07.04.2021 às 10:35

À velocidade com que os jogadores se desmarcam, tendo por base o principio de que o que conta é a posição do jogador que recebe a bola no momento em que a mesma sai do pé do jogador que a passa, não é neste momento possível fisicamente detetar um fora-de-jogo com 2 cm. É impossível. Dois cm de deslocação corresponderão a 0,004 segundos! Ou seja, o VAR é que decide se é fora de jogo ou não. E decidiu prejudicar o Sporting.
Sem imagem de perfil

De Francisco a 07.04.2021 às 10:53

A cadência padrão de projeção é de 24 quadros por segundo, portanto um fotograma (frame) equivale a 0,0417 segundos.
Isto quer dizer que EM APENAS 1 SEGUNDO vemos 24 imagens para dar a sensação de movimento.
Na verdade, acabamos por comer aquilo que o VAR nos quiser dar pois APENAS NESSE MESMO SEGUNDO ele pode escolher o fotograma mais conveniente.
Em apenas 1 segundo o 5º fotograma pode estar em jogo e o 12º ou o 20º ou o 24º pode já estar em fora de jogo ... 2 cm.
Existem 24 opções de escolha… num segundo apenas.
Esta é uma das poderosas armas que o VAR dispõe quando não existe margem de erro.

Sem imagem de perfil

De Luis Fernandes a 07.04.2021 às 11:07

E significa ainda que o tempo que o Pote demora a "fugir" dois cm em relação ao defesa adversário é 10 x menor do que um frame!!
Por outras palavras, é impossivel saber se um jogador está fora-de-jogo 2 cm com esta velocidade de frame! É uma questão de escolha da parte de quem analisa.
Sem imagem de perfil

De Luis Fernandes a 07.04.2021 às 11:09

E o mesmo principio de aplica á bola (e sua velocidade) a sair do pé do jogador que faz o passe.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 07.04.2021 às 11:59

Por isso a necessidade de existir uma margem de erro.
Imagem de perfil

De Greenlight a 07.04.2021 às 13:38

Caro Julius,
A margem de erro, a existir, será sempre, ou quase sempre, usada para prejudicar o Sporting e favorecer os clubes do Sistema. O problema não é o VAR em si mesmo que, na minha opinião, atenua o enviesamento do Sistema, mas sim as pessoas que servem o VAR, ou melhor dizendo, que se servem do VAR. Enquanto os agentes corruptores, vulgo os Bandidos, não forem para a cadeia o futebol e outras coisas mais em Portugal, não vão melhorar. Como dizia a Procuradora Jubilada Maria José Morgado, no outro dia, na TV, a Justiça portuguesa não tem os meios suficientes para atacar com eficácia os "crimes de colarinho branco" pois não há mortos nem feridos e é muito difícil fazer a prova. Depois existe a "máxima" de que o arguido é presumivelmente inocente. Enfim, anda-se às voltas e é muito difícil apanhar a canalha "com a boca na botija".
SL
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 07.04.2021 às 13:56

A canalha corrupta instalou-se e nem dorme a pensar nas formas mais sofisticadas que lhes permitam "esconder" as porcarias que fazem, ja perceberam faz tempo que vivem no País ideal, num paraíso que faz florir a bandizagem com estilo porque protegidos pela ineficácia dos sistemas de justiça.

As poucas vergonhas repetidas muitas vezes deixam de parecer tão vergonhosas e passam a ser ....naturais um conforto para quem ousa praticá-las ou faz vida delas.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 07.04.2021 às 16:08

Em Portugal, para um determinado número de pessoas, e não só no futebol, "vergonha" não entra na equação.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 07.04.2021 às 11:36

Relembro ainda que nos anularam um golo no jogo anterior ao Tiago Tomás num lance sem evidências de que a bola saiu numa jogado do Porro..... isto é, sem evidências o VAR não pode reverter decisões tomadas em campo, excepto quando o clube é o Sporting.
Sem imagem de perfil

De Implacável a 07.04.2021 às 12:35

Última jornada, o SCP encontra-se com um ponto de vantagem em relação ao segundo classificado.
A partida chega ao minuto noventa com o placar a assinalar a vantagem do SCP por uma bola a zero. De repente, o Marítimo marca um golo!
Após prolongada paragem, as imagens mostram que o jogador insular que marcou o golo estava adiantado dois centímetros em relação ao último defensor Sportinguista.
Em que é que ficamos? Perdemos o campeonato com um golo em fora de jogo porque o do Pote foi surreal?! Ou cumpre-se o óbvio e o golo é invalidado?!

Haverá sempre situações limite.
Só é considerado golo quando a bola ultrapassa a linha de cabeceira na totalidade (para dentro da baliza, naturalmente). Mas um destes dias houve uma polémica com o Mourinho por não lhe validaram um golo porque faltou 1cm para que a bola entrasse totalmente...
Agora vem a malta exigir que basta a bola entrar em mais de metade da sua área que já é golo. OK! Então e quando, numa bola de 50 cm de circunferência, entrarem apenas 24 cm?
Merda! Outra vez o centímetro!
Para resolver o assunto, passa a haver uma margem! De quanto? de 5 cm!
OK, então e quando a mesma bola só tiver entrado 19cm?!
F***! Outra vez o centímetro!

E voltamos ao meu raciocínio inicial! Quem quase marcou considera surreal, quem não sofreu considera que se cumpriu o óbvio...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 07.04.2021 às 12:37

Escreveu tanto para dizer quase nada!!!
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 07.04.2021 às 14:02

O caro não entende ou não quer entender ou tam uma terceira hipótese quer bancar o bobo para nos fazer o quê? Rir?

No futebol a tecnologia que o VAR tem nas suas mãos garante com precisão sem margem de erro diferenças de 2 cm?

Ë disso que se trata.

Sabe qual é o unico mecanismo que têm para essa certeza? Chama-se Vontade da conveniência de cada um.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 07.04.2021 às 16:06

Com esse, é perder tempo Julius!
Sem imagem de perfil

De AlexandreP a 07.04.2021 às 14:58

Implacavel, foi o arbitro a fazer de homem estatua a fingir que não viu o jogador do moreirense quase arrancar o pé ao Nuno Mendes. E o 4 arbitro e o VAR e toda a corja de comentadores que se agarram à conversa dos 2cm para nos ROUBAREM ontem os 3 pontos.

Relembro, que sempre que havia duvidas em lances com intervencao do VAR em jogos do Porto, vinha sempre uma comunicação oficial a informar que tinha havido uma falha de comunicações com a cidade do futebol e que tinham afetado as instruções do VAR. Ora, se o VAR tem o PODER de por 2 cms retirar 3 pontos a uma equipa, ou no lance de clarissimo vermelho directo assobiar para o lado. Então sempre que o VAR perde-se a comunicação, seria como o arbitro principal do campo se ausentar do jogo para ir fazer chichi. Ou há criterios iguais para todos, ou isto é a grande fantochada que nós sabemos que é.

E esquecam o discurso que o Sporting é só calimeros. Que eu saiba, quem se tem andado a queixar por tudo e por nada é o Benfica e o Porto, ou é o COVID, ou sao penalties, ou são expulsoes. Haviam de ser prejudicados metade do que nós somos, e até o primeiro ministro tomava medidas. Irra!!!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 07.04.2021 às 16:05

Esse "implacável" não está interessado nos factos à vista. Já lhe apaguei um comentário só com disparates.
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.04.2021 às 16:17

Pelo visto não é só a ele!
O caro tem alguma coisa contra a verdade ou é apenas avesso a opiniões?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 07.04.2021 às 16:35

Eu não tolero pessoas que não sabem/conseguem manifestar a sua opinião construtivamente e até visam ridicularizar terceiros.

Mantenha isto em mente quando comentar.
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.04.2021 às 18:03

Deixarei essa defesa para o visado mas quem diz de um comentário pertinente que "é escrever muito e dizer nada" e que o seu autor "banca o bobo", é que visam ridicularizar os demais.
E olhe que não fui eu o autor de tais considerações...
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 07.04.2021 às 23:07

Agora so escuto choroes, queriam à força um
Penalti de .....2cm
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 07.04.2021 às 13:00

Eu acho que se deveria haver uma margem de erro para o software, ou seja, aceitar que até 10cm o software poderia estar enganado e considerar como estando em jogo. Assim só se marcariam foras de jogo com mais de 10cm. Porquê 10cm? Porque acho uma medida pequena suficiente para não desvirtuar o fora de jogo mas larga o suficiente para compensar possíveis erros das linhas virtuais e do tempo de paragem da imagem.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 07.04.2021 às 14:04

Só posso estar de acordo, precisamente o que defendo desde o inicio.

Comentam que depois voltaremos aos 2cm sobre os 10cm mas aí é claro que serão 12cm ou 8cm em ambos fica claro.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 07.04.2021 às 16:04

E depois ainda temos recintos como o do Moreirense que não tem as condições adequadas para o uso do VAR com veracidade e exactidão.

Tanto assim é, que se vê nas imagens disponíveis que não há câmara nenhuma para mostrar ao VAR o exacto momento que a bola é pontapeada. Sendo assim. como é então possível determinar os tais 2 cms?
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.04.2021 às 16:22

Ó Mike, então e quando um jogador nosso for apanhado em off side por... 12cm?
E depois, o VAR não interveio para anular o golo ao Sporting mas para tentar reverter a decisão da equipa de arbitragem que já havia sancionado o lance como fora de jogo!
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 07.04.2021 às 16:25

Elitista,

Tal como escrevi no comentário, 10cm é mais do que razoavel para uma margem de erro. Se for um fora-de-jogo por 10,5cm , como já estamos a dar margem de erro, será sempre fora-de-jogo. É para isso que serve a margem de erro. O que é preciso é concordar que os 10cm são margem suficiente.
Sem imagem de perfil

De Elitista a 07.04.2021 às 18:06

Mas ficaremos sempre como melão de termos ficado a 0,5cm de podermos ter o golo validado e haverá sempre quem considere que houve excesso de zelo na apreciação do lance.

Imagem de perfil

De Mike Portugal a 07.04.2021 às 19:36

O melão existe sempre em qualquer circunstância. Mas ter uma margem de erro seria extremamente importante para colmatar as deficiências do software. Não é a mesma coisa ter a margem de erro e o fora de jogo acontecer, do que não ter a margem de erro.
Sem imagem de perfil

De verdesangue a 07.04.2021 às 18:05

Antes do var aparecer, havia a lei de em caso de duvida beneficiava-se a equipa atacante, agora com o var provavelmente desapareceu esse item. E agora com esta novidade dos 2cm, ainda veremos que mesmo com os calcanhares perfeitamente alinhados, à esquadria, se o defesa calçar o 40 e o avançado o 42 provavelmente o avançado ficará em fora de jogo, porque sua biqueira como calça dois numeros acima deverá ficar alguns centimetros para lá da do defesa.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 07.04.2021 às 18:16

A lógica que prevalece no futebol português é oculta!

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo