Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

21-10-2015-Assembleia-Geral-da-Liga-02.jpg

 

A Liga de clubes agendou, para 15 de Junho, a Assembleia Geral extraordinária que vai decidir como será feita a integração do Gil Vicente no campeonato principal, na sequência da decisão judicial sobre o "Caso Mateus".

 

Em comunicado, a Liga convocou uma Assembleia Geral extraordinária que terá na ordem de trabalhos a "apreciação, discussão e votação dos critérios para a integração da Gil Vicente Futebol Clube na Liga, em cumprimento da decisão proferida pelo Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa no âmbito do processo comummente designado Caso Mateus, bem como de composição dos quadros competitivos e regime de subidas e descidas das competições profissionais".

 

Com a inclusão do Gil Vicente, a Liga deverá incluir 20 equipas na próxima época. Está em aberto, ainda, qual o critério para definir que outra equipa vai subir administrativamente, assim como o modo como se fará, posteriormente, o reajuste para retomar o actual formato da I Liga, que prevê apenas 18 equipas.

 

Parece-me que a opção mais justa e adequada é a recuperação do União da Madeira, que se classificou em 17.º lugar, com 29 pontos, mais 4 do que a despromovida Académica. No entanto, a Associação de Futebol do Algarve está a promover a realização de um "play-off" especial para determinar o clube que acompanhará o Gil Vicente na integração na I Liga. Isto, compreende-se, porque o Portimonense foi o 4.º classificado da II Liga, depois do Chaves e Feirense, já promovidos.

 

Por muito agradável que fosse ter um clube algarvio no campeonato - e não há garantia alguma que venceriam o "play-off", caso se realizasse - acho que não faz grande sentido. Contudo, estamos a falar do futebol português onde tudo é possível e se a questão for a votos na Assembleia Geral da Liga, não surpreenderá verificar que outros interesses virão à superfície quanto à tomada de decisão e, até, haverão aqueles que olham com agrado a redução de viagens para a Madeira, já para não evocar aqueles dias de nevoeiro que perturbam o agendamento de jogos.

 

Muito mais complexo será a determinação do processo que facultará o regresso da I Liga a 18 clubes, na época de 2017/18, partindo do princípio que este é um objectivo prioritário tanto da Liga como da Federação. Qualquer que seja o processo, terá impacte óbvio e imediato nas duas principais Ligas portuguesas.

 

Já escrevi vários textos sobre o "Caso Mateus" e afins, e ainda não consigo ultrapassar a incredibilidade de ter levado dez anos a chegar a este ponto. E, não querendo lançar ideias, tudo isto poderia ainda ficar sem efeito imediato, caso o Belenenses - a outra parte do "Caso" - decidisse recorrer da decisão do Tribunal Administrativo de Lisboa.

 

Dizer que é um caso "Made only in Portugal" é dizer muito pouco.

 

publicado às 15:16

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


5 comentários

Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 08.06.2016 às 15:37

Mas se ocorrer recurso de uma das partes, este processo não será suspenso?
Eu acho que a verificar-se a subida do Gil Vicente, então que seja só na época 17/18, para que na próxima época se fizesse as devidas correcções e assim não andarmos a fazer um campeonato com 20 equipas, o que seria totalmente ridículo!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 08.06.2016 às 15:42

Tudo indica que o Belenenses não vai recorrer. Não duvido que pressões estarão a ser exercidas nesse sentido, pela aceitação da decisão tanto pela FPF como pela Liga.

Creio que a integração será imediata, até porque não li o acórdão do caso, mas até pode ter sido uma imposição do Tribunal.

Uma Liga com 20 clubes não faz sentido, de facto, mas nestas circunstâncias não há alternativa. Não sei se adiar mais uma época resolverá seja o que for. Isto, partindo do princípio que o Gil Vicente reúne as condições exigidas para integrar a Liga imediatamente.
Sem imagem de perfil

De joao pereira a 08.06.2016 às 16:44

Caro Rui,

Estou completamente de acordo consigo, 20 Clubes para a 1ªLiga é completamente irracional.
Tanto para a dimensão do País, competitividade da Liga, dimensão financeira dos Clubes e da própria Liga.

Até a própria 2ª Liga está alargada com os "B"'s, mas acho que mantendo esse número de Clubes deviam ter a 2ªLiga dividida por zonas (Norte / Sul ) e depois com play-off e Final.

Assim teriamos um controlo de custos com as deslocações e também um espirito competitivo diferente.
Play-off de Subida e Descida com os 6 primeiros e 6 últimos.

Para a 1ª Liga, agora com esta questão do Gil, acho que descer mais um esta temporada é injusto, por isso se subir o Gil, o União ficava na 1ª.

Mas então na próxima temporada descem 4 e sobem 2 ?

Vamos ter um calendário com 20 Clubes na 1ª Liga, uma Taça da Liga, Taça de Portugal, jogos das seleções e competições Europeias...
Não faz sentido nem em termos desportivos, nem financeiros, vamos ser honestos o Gil Vicente sobe e vai-se aguentar quanto tempo na 1ª Liga ?

A diferença de jogo / jogadores / condições / vencimentos entre Gil, Académica, Tondela, União (só para dar estes exemplos) e os 4 primeiros do campeonato é GIGANTE... não dou mais um ano para voltarem a descer...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 08.06.2016 às 16:49

Veremos como os "entendidos" lidam com esta questão. Já era intenção reduzir o número de clubes na II Liga, mas com esta nova situação não sei bem como vai ser.

Creio que há uma certa relutância em dividir a II Liga em termos regionais.
Sem imagem de perfil

De PSousa a 08.06.2016 às 19:19

SL
Esta situação é demais por ridícula... só mesmo em Portugal.
As decisões tem de ser céleres e não deviam ter qualquer tipo de recurso, pelo menos estas... que confusão se gerou... qual será que foi o custo para o Gil e para outros durante estes 10 anos? Impressionante...

Rui Gomes, jogo de Portugal na TVI às 19h 45m... LOL

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo