Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Apenas os factos

Rui Gomes, em 27.05.14
 

 

As estatisticas referentes à performance de Eric Dier durante a época de 2013/14. Isto, para evitar as deturpações, à conveniência dos argumentos, que se verificam nos comentários do prévio post:

 

I LIGA

 

- Titular em 8 jogos - suplente utilizado em 5 jogos - suplente não utilizado em 17 jogos - 864 minutos de jogo (9,6 jogos)

 

II LIGA

 

- Titular em 9 jogos - 860 minutos de jogo (9,6 jogos)

 

TAÇA DA LIGA

 

- Titular em 3 jogos - 283 minutos de jogo (3,1 jogos)

 

1.ª Arouca - SNU

2.ª Académica - SU - 18'

3.ª Benfica - SU - 36'

4.ª Olhanense - T - 94'

5.ª Rio Ave - T - 95'

6.ª SC Braga - SNU

7.ª V. Setúbal - SNU

8.ª FC Porto - SNU

9.ª Marítimo - T - 96'

10.ª Guimarães - T - 96'

11.ª Paços de Ferreira - SNU

12.ª Gil Vicente - SNU

13.ª Belenenses - SNU

14.ª Nacional - SNU

15.ª Estoril - SNU

16.ª Arouca - SU - 23'

17.ª Académica - SU - 32'

18.ª Benfica - T - 92'

19.ª Olhanense - SNU

20.ª Rio AVe - T - 94'

21.ª SC Braga - SNU

22.ª V. Setúbal - SNU

23.ª FC Porto - T - 95'

24.ª Marítimo - SNU

25.ª Guimarães - SNU

26.ª Paços de Ferreira - SNU

27.ª Gil Vicente - SNU

28.ª Belenenses - SU - 9'

29.ª Nacional - T - 94'

30.ª Estoril - SNU

 

Se há uma pergunta que eu gostaria de fazer a Leonardo Jardim - partindo do princípio que a decisão foi dele - é qual a razão da sua quase total não utilização a partir da sua excelente exibição na vitória sobre o FC Porto. Se Marcos Rojo não tivesse sido expulso no jogo com o Belenenses, a época para Eric Dier teria para todos efeitos terminado à 23.ª jornada. Há um outro ciclo intrigante: foi titular nas vitórias consecutivas sobre o Marítimo e Guimarães - 9.ª e 10.ª jornadas - mas depois não foi utilizado um único minuto nos seguintes 5 jogos.

 

Mais um daqueles casos em que há razões que a própria razão não compreende.

 

publicado às 12:42

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


3 comentários

Sem imagem de perfil

De iorda9 a 27.05.2014 às 13:35

Oh Rui

Não foi mais vezes titular porque os outros dois também fizeram, como todos sabemos boas exibições, tanto que sofremos apenas 20 golos durante todo o campeonato

Já agora, vale o que vale, mas sofremos 7 golos em 8 jogos (o,88/jogo) com Dier a titular

e 13 em 22 jogos (0,59/jogo), com Mauricio e Rojo

Acho que todos concordamos que Dier tem um potencial superior a Mauricio, mas LJ é um tecnico resultadista e pragmatico e tendo Mauricio e Rojo em bom plano, a opção ia quase sempre para estes.

Para além disso - o que aconteceria se Dier fizesse 3 ou 4 jogos menos bons jogando mais vezes a titular ?

Tem de haver um misto entre a aposta e a protecção a jovens valores, principalmente numa posição como de DC

Acho no entanto que Dier tem condições para jogar mais este ano e espero que o Sporting e o jogador (ou o pai) cheguem a acordo
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 27.05.2014 às 14:53

Já disse inúmeras vezes que a época passada teria sido a ideal para Eric Dier crescer na posição, mesmo cometendo alguns erros no percurso. A saída de Leonardo Jardim após somente uma época deixa-se a acreditar que os seus objectivos eram apenas e tão só os resultados no imediato, sem consideração pelo desenvolvimento dos talentos que o Sporting formou, mesmo tendo dado alguma oportunidade a Carlos Mané.

As diversas contratações sem nexo, quer por decisão da SAD quer com o aval dele aparentam confirmar esta minha tese.

Há jogadores, como o Eric , entre outros, que chegaram ao ponto de evolução que só serem atirados para a "arena" poderá contribuir para o seu melhoramento. A exemplo, andámos toda a época aflitos na posição 10 ou aquela que era desempenhada por André Martins, e nunca foi dada uma oportunidade a João Mário. Também, o que é que Heldon fez (quase nada) que o emprestado Viola ou Ricardo Esgaio não poderiam ter feito muito melhor ?

Não me parece que esta SAD esteja a fazer uma real aposta na nossa formação. E as primeiras contratações de Verão confirmam mais do mesmo, e ainda, creio eu, estão muitos mais para vir.
Sem imagem de perfil

De Mike Portugal a 27.05.2014 às 15:14

Eu concordo que a 1ª prioridade desta direção não é a formação. Foi sim, tentar meter a equipa na champions, daí o treinador ter sido resultadista como foi. Acho que encaixa bem na tua teoria Rui.

A aposta na formação só se poderá fazer se o clube tiver alguns resultados a nivel financeiro e desportivo.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds