Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




As lágrimas de crocodilo do bandido

Rui Gomes, em 27.05.24

img_920x519$2024_05_27_00_14_04_2256792.png

Andou mais de 40 anos a corromper/perverter o futebol português, foi derrotado no acto eleitoral do seu clube e, mesmo assim, não desaparece do mapa, preferindo andar na praça armado em vítima, com lágrimas de crocodilo.

Desapareça, não deixa saudades, a história não vai esquecer a escuridão da sua existência mesmo que para os fanáticos igualmente sombrios do FC das Antas seja um herói.

Não deixa de ser justo que o seu clube conquistou o seu último troféu muito pelos mesmos métodos que fizeram parte integral da sua liderança obscura.

publicado às 06:17

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


3 comentários

Sem imagem de perfil

De Zé Manel a 27.05.2024 às 10:25

Muito cuidado com o senhor que se segue, não tenho grande confiança que a forma de estar mude assim tanto. Foram 40 anos de padrinho, as pessoas do antas viveram uma vida inteira com esta forma bélica de estar no futebol, num clima de impunidade, alguns nem conheceram outro presidente, não estou convencido que hajam grandes mudanças. Talvez se quebrem influências que haviam, mas... pé atrás. SL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 27.05.2024 às 16:19

A cultura do Antas está bem enraizada e não vai mudar de um dia para o outro, e nem sequer sei se Villas-Boas é o homem indicado para a mudança.

Mas, para já, gostava de ver o bandido desaparecer do mapa de uma vez por todas.
Sem imagem de perfil

De Diz as verdades a 27.05.2024 às 18:56

Concordo com o Rui Gomes o polvo deixou raízes, o pintinho ainda mexe cá fora, não acredito que este venha mudar alguma coisa,fizeram tanto barulho nas eleições, só pólvora seca ,eles até se dao bem, foi so para o inglês ver, para a imprensa lhes dar mais força, é tudo farinha do mesmo saco , ontem foi uma arbitragem a semelhanca do apito dourado

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D




Cristiano Ronaldo