Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




As Notas de Julius 2021/22 (03)

Julius Coelho, em 15.08.21

Nesta rubrica, o leitor tem a oportunidade de apreciar - e se entender, criticar as notas (0-6) que eu atribuí aos jogadores do Sporting e a outros intervenientes do jogo com o SC Braga da 2.ª jornada da Liga BWIN, que resultou numa vitória do Sporting por 2-1. Golos de Jovane Cabral (40') e Pedro Gonçalves (50').

Passagem em Braga com distinção e ainda não foi desta que o treinador dos bracarenses conseguiu enganar Rúben Amorim, vitória personalizada da melhor equipa em campo, melhor organizada, mais destemida e muito focada no objectivo dos 3 pontos. Pena a tremenda infantilidade do Matheus Reis que, ao ser expulso, deixou a equipa reduzida a dez elementos e quase deitava tudo a perder. Valeu o guarda-redes espanhol que com duas espantosas defesas ajudou a agarrar a vitória e evitar o que seria uma tremenda injustiça e desilusão se o Braga tivesse conseguido empatar nesse período. 

Screenshot (243).png

DESTAQUE - JOVANE CABRAL - 5.5 - Um golaço com soberba execução técnica, a assistência ao golo de Pedro Gonçalves e meia dúzia de arrancadas pela esquerda que provocaram o alerta na defesa do Braga, foi o suficiente para ser decisivo na vitória da equipa. Teve contudo um mau arranque no início da partida, falhando os primeiros passes que quase comprometeram os colegas da defesa, mas foi-se recompondo e entrou depois bem no jogo até à sua substituição.

ANTÓNIO ADÁN - 5.5 - Deu espectáculo, só foram 4 paradas extraordinárias que vão seguramente tirar o sono na noite de hoje ao Yuri Medeiros, Abel Ruiz, Fábio Martins e Al Musrati. Ter um guarda-redes com esta categoria pode-se sonhar sempre o que se quiser, aquele tiraço do "6" do Braga a morrer nas suas mãos daquela forma, como se nada tivesse passado, deixou-nos sem palavras.

RICARDO ESGAIO - 4.5 - Irrepreensível a anular as jogadas do veloz Galeno e sem levar qualquer cartolina amarela. Fantástico o cruzamento para entrada fulgurante do Jovane de cabeça que deu o primeiro golo. A vida do Pedro Porro não vai ser nada fácil esta época. Transformou-se num senhor jogador, de facto é muito bem vindo.

GONÇALO INÁCIO - 4 - Já consegue ser imperial em todas as suas acções, apresenta uma evolução notável na leitura do jogo e dos espaços; está já de pedra e cal naquela posição. Quase que fazia o segundo golo, mas o cabeceamento foi ligeiramente ao lado. Na parte final do jogo já com a equipa em inferioridade numérica e com tantas trocas à esquerda, ele e os colegas defesas tiveram mesmo que se agarrar uns aos outros, porque num ápice o jogo complicou-se e ficou feio.

SEBASTIÁN COATES - 4.5 - Até à expulsão do Matheus Reis foi comandante e imperador, nunca dando grande azo aos avançados do Braga, geriu sempre muito bem os espaços nas suas costas, entre a linha de toda a defesa e o Adán. Já está melhor fisicamente e começa de novo a ser um problema para os adversários no jogo aéreo, principalmente nas bolas paradas. Levou um amarelo porque o Fábio Martins é também um grande jogador e foi mais rápido.

ZOUHAIR FEDDAL - 4 - Fez uma boa exibição, muito forte na antecipação e nunca temeu ter que usar o físico pela garra, também já está com mais capacidade física mas não se livrou de andar também aos papeis naqueles minutos finais após a expulsão do colega que abriu todo aquele espaço à esquerda perto de si e que o Braga estava a tentar aproveitar para entrar.

RÚBEN VINAGRE - 4 - Outra excelente exibição de um jovem jogador que está a mostrar muita qualidade e coragem. É rápido e inteligente a defender e sabe muito bem subir pelo seu corredor com critério, personalidade e segurança. Está a provar que estamos muito melhor nas laterais que na época passada.

JOÃO PALHINHA - 4 - Foi de novo um leão incansável em todas as zonas do terreno. Ainda não atingiu a sua melhor condição física, mas já ganha a maioria dos lances por antecipação, cada vez mais posicionalmente entrosado com o Matheus Nunes. Falta sim uma melhor ligação dos dois com o Pedro Gonçalves, aparecem ainda por vezes demasiado afastados em momentos que deviam estar mais juntos.

MATHEUS NUNES - 5.5 - Marcava um golo e teria nota máxima. Mas que excelente jogo fez o Matheus Nunes! Cada vez melhor a segurar a bola, irrequieto, espontâneo, aguerrido e veloz. Já usa a cabeça para executar bons lançamentos nos espaços vazios à distância. É um joker naquele meio campo, tem magia e é um gosto vê-lo naquelas arrancadas que faz levando os adversários a correr atrás dele. 

PEDRO GONÇALVES - 4 - O suspeito do costume na hora de finalizar com um soberbo remate seco e colocado que não deu hipóteses ao gigante guardião da baliza do Braga. Não fez uma primeira parte brilhante, vai com certeza trabalhar uma melhor ligação com o Matheus Nunes e o João Palhinha que irá ajudar para que se desgastem menos. Terá que recuar no terreno mais vezes e entrar assim de forma mais constante no jogo.

PAULINHO - 3.5 - O menos notado na frente do ataque da equipa, mas trabalhou bastante e teve participação na movimentação com várias trocas de bola na excelente jogada que lançou à esquerda o Jovane e que acabou no segundo golo marcado pelo Pedro Gonçalves. Com a expulsão, tudo mudou e ele foi um dos sacrificados para o treinador refrescar a equipa.

NUNO SANTOS - 3 - Teve uma entrada ingrata, levava a missão de manter a pressão alta na saída dos defesas do Braga e esperar uma bola que entrasse no seu espaço, mas viu a equipa ficar reduzida a dez elementos pouco tempo depois e foi forçado a alterar o seu plano e ter que ocupar posições mais recuadas. 

MATHEUS REIS - 1 - Incompreensível o número de erros que este jogador continua a cometer do tipo Borja versão 2. Que tremendo disparate o primeiro amarelo e depois ainda é displicente naquela entrada quando já está admoestado. É imperdoável, sacrificou a equipa a momentos de sofrimento que não merecia e pôs em risco a vitória e os 3 pontos. São estes tipos de "acidentes" que podem depois marcar uma época. Terá forçosamente que repensar a sua forma de actuar e alcançar outro tipo de tranquilidade.

TIAGO TOMÁS - 2 - Entrou e minutos depois o Braga fez o seu golo e tudo mudou. O ataque da equipa do Sporting desapareceu e o Tiago andou à deriva sem quaisquer efeitos práticos nas suas acções até ao apito final.

PEDRO PORRO - 2.5 - A substituição do Rúben Vinagre com a expulsão do Matheus Reis baralharam todo aquele lado esquerdo e com isso toda a organização defensiva da equipa. Num só jogo o lado esquerdo conheceu três elementos, quando o Rúben Amorim deslocou o Ricardo Esgaio para lá e fez entrar o Pedro Porro para a direita. O Pedro cumpriu como pôde naquela confusão e em momentos de grande sacrifício de todos.

MANUEL UGARTE - 2 - Estreou-se de leão ao peito, mas a sua entrada a cinco minutos do final foi mera estratégia para incomodar a dinâmica de jogo do Braga que estava em claro crescimento. 

RÚBEN AMORIM - 5.5 - Preparou mais uma vez muito bem o jogo e tornou ainda mais infeliz o Carlos Carvalhal, que perde já 5 vezes seguidas com o Sporting. Naturalmente viu a equipa chegar aos dois golos de vantagem com superioridade bem notável, mas aquela traição do Matheus Reis quase que levava tudo a perder. Foi todavia um novo e grande desafio para ele, vir a ser obrigado a colocar três jogadores diferentes no lado esquerdo da defesa. Reagiu muito bem às incidências que provocaram a expulsão e manteve a equipa unida, quiçá tenha recuado em excesso.

CARLOS CARVALHAL - 4 - Preparou melhor a equipa que no jogo anterior da Supertaça, mas até à expulsão e em igualdade numérica a sua equipa raramente incomodou a defesa do Sporting, que controlou sempre a partida e o resultado. Depois da expulsão e com o espaço que se abriu no lado esquerdo da defesa do Sporting foi com tudo por aí, colocou toda a sua artilharia em jogo, conseguindo ainda reduzir com um golo e nos instantes finais levou a incerteza no resultado, mas no final ganhou com toda a justiça a melhor equipa.

LUIS GODINHO (Árbitro) - 5.5 - Excelente actuação, técnica e disciplinarmente. Foi correcto e justo nas suas decisões, quiçá na primeira parte deveria ter mostrado o cartão amarelo mais cedo, o Raul Silva andou a pedi-lo. Corajoso a não se deixar ir na manha dos jogadores em faltas que eram de facto inexistentes. Tem tudo para se tornar um bom árbitro de momento que não tenha no VAR os podres da arbitragem portuguesa.

HUGO MIGUEL (VAR) - 4 - Decidiu correctamente quando foi chamado a intervir, principalmente na validação do golo do Jovane. Ficaram só algumas duvidas no lance entre o guarda-redes do Braga, Matheus e o Coates.

publicado às 03:18

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


54 comentários

Imagem de perfil

De Greenlight a 15.08.2021 às 06:49

Caro Julius,
Estou de acordo com as suas notas exceptuando a do árbitro. O Godinho deixou os jogadores do Braga, nomeadamente Raul Silva, dar pancada a torto e a direito. Se em vez do Sporting, tivesse o opositor sido o SLB, o Braga teria ido para o intervalo com um jogador expulso e assim o Mestre JJ aplicaria a sua táctica mais eficaz, o 11 contra 10. Ontem foi um jogador do Sporting que foi expulso e bem, há que reconhecer. A nota de Matheus Reis está certa mas não concordo com o seu comentário. Não devemos esperar que MR repense o seu jogo pois é um jogador sem categoria para uma equipa com as ambições do Sporting e ontem, mais uma vez, fez asneira. Espero, antes, que Ruben Amorim repense as suas escolhas e prescinda, definitivamente, de Matheus Reis ou ainda se arrisca a ver a sua equipa a ser enterrada por este jogador sem classe.
Finalmente e para todos aqueles que, agora, endeusam João Mário, pois agora veste de vermelho, há que sublinhar a grande exibição de Matheus Nunes.
SL
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 15.08.2021 às 10:27

Um bom dia de Domingo para todos os amigos leitores que nos acompanham no Camarote Leonino.

Green, no geral o árbitro na minha opinião esteve bem, repare que eu escrevi que de facto deveria ter amarelado o Raul Silva ainda na primeira parte naquele lance em que ceifou o nosso jogador, mas ele pretendeu segurar o jogo de outra forma, repare que o Esgaio já tinha dado 2 pranchadas no Galeno e numa delas virou o boneco em que poderia ter sido admoestado. Foi por isso que o Raul Silva escapou, mas falou-lhe duro na forma para que todos ouvissem, que na próxima não escaparia e os colegas dele ouviram também e foi aí que segurou o jogo, os jogadores do Braga andaram mais de mansinho até fazermos os golos.
Eu pretendi tambem passar a mensagem que o mau da fita nunca foi o Luis Godinho, mas sim quem ele teve no VAR quando daquelas horríveis decisôes da época passada, os tais a quem eu chamo de cancros da arbitragem portuguesa.

Caso o Rúben Amorim continue a dar oportunidades ao Matheus Reis este tem que repensar muito bem na sua forma de actuar, é imperdoável o primeiro amarelo naquela fase perigosa do jogo, foi burro e não podemos ter burros na equipa, a sua atitude quase que destruía o trabalho todo feito até esse momento.

Matheus Nunes destruiu ontem a campanha mentirosa que foi lançada de que o Sporting estava arrependido de ter deixado sair o João Mario para o Benfica, se o Matheus Nunes jogasse na equipa encarnada sentava o João Mario. Este miudo está a fazer o lugar dele de forma fantástica e com muito maior proveito para a equipa.
Sem imagem de perfil

De Rui a 15.08.2021 às 08:20

Uma vitória muito importante, a mostrar a quem tem dúvidas de que esta equipa merece respeito. Repetir o pedido de RA: que não se venda ninguém!
Esgaio e Vinagre foram grandes reforços. Continuo a achar que é necessário um defesa central para o plantel, embora a disponibilidade financeira não seja grande: Neto não tem sido utilizado, e M. Reis falha. Não sei se Feddal e Inácio aguentarão o ano todo.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 15.08.2021 às 10:31

Concordo mas já o tinha dito a época passada, de momento que o Matheus Reis mostrou não estar à altura nas inumeras oportunidades que tem tido vão ter que procurar outra solução ou vem de dentro dos jovens da Academia ou terá que vir de fora, O Matheus Reis é um enterra.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 15.08.2021 às 08:29

Vai-me desculpar, mas discordo da apreciação que faz.ao trabalho do árbitro no aspecto disciplinar. O Raul Silva quando leva o cartão amarelo devia de ser o segundo. Porque anteriormente, devia ter visto o primeiro amarelo numa.jogada a roçar a expulsão. Aquilo é uma agressão, a bola já.não está lá.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 15.08.2021 às 09:11

O Julius responde ao seu comentário, mas eu deixo o alerta que se não se identificar não voltará a ser publicado.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 15.08.2021 às 14:35

Desculpe. Às vezes sai com a identificação, outras sai como anónimo. Fernando Pais
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 15.08.2021 às 10:35

Sem identificar-se fica difícil poder responder-lhe, mas deixo a nota que até que concordo que esse lance o Raul Silva passous das marcas e andou a "pedi-las" mas o Esgaio já tinha virado o boneco (Galeno) por 2 vezes e foi por isso que o árbitro optou por avisar alto e bom som o Raul Silva para que todos ouvissem e dessa forma segurou o jogo, a verdade é que depois e até aos nossos golos os jogadores do Braga andaram mais mansinhos.
Perfil Facebook

De Vítor Cruz a 15.08.2021 às 08:55

A nota do Paulinho deveria no meu entender no máximo de 2,5. Tirando o bom passe para Jeovane no golo de Pote andou ausente do jogo e não ganhou um lance nas disputas aéreas com o central do Braga. Quando salta com o central adversário geralmente encolhe a cabeça de forma defensiva e receosa, não salta determinado para ganhar o lance. Se o Sporting tivesse um ponta de lança a sério com mobilidade, profundidade e melhor jogo aéreo quem seria capaz de parar esta equipa?
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 15.08.2021 às 10:49

De facto o Paulinho não teve um jogo muito bem conseguido, mas os centrais do Braga também já o conhecem muito bem e sabem os seus pontos fortes e menos fortes, a sua nota ganhou mais valor pelo espírito guerreiro e no papel que teve no envolvimento na bonita jogada que deu o segundo golo em que quebrou bem forte o Braga. No seu estilo conseguiu todavia sacar algumas faltas ao adversário em momentos importantes do jogo. Mas reconheço que a nota é simpática e generosa.
Sem imagem de perfil

De RCL a 15.08.2021 às 09:18

Globalmente de acordo com as notas do Julius, embora Adán pelas grandes defesas, em momentos críticos do jogo, estivisse à beira do 6. Ele e Matheus Nunes merecem destaque.
Paulinho no Sporting joga para a equipa, no Braga era um 9, é um elemento muito útil no esquema de Amorim, compreende-se o empenho que pôs na sua contratação. Está sempre nos momentos decisivos como no jogo do título contra o Boavista.
O Sporting, embora tenha individualidades que se destacam, vale, sobretudo, pelo conjunto. #OndeVaiUm VãoTodos.
SL
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 15.08.2021 às 10:55

Adán ontem foi um monstro no jogo, mostrou uma qualidade impressionante, marcou golos quando os evitou ao adversário com aquelas paradas que nos deixaram sem respiração, eu ontem terminei de ver o jogo num estado como se o tivesse jogado, cansado e repleto de suor tal a forma como o vivi.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 15.08.2021 às 09:32

Caro amigo Julius

Gosto muito de ver como o Matheus Nunes está a aguentar a pressão de "substituir" João Mário. É verdade que Rúben Amorim numa conferência de imprensa disse tudo o que havia para dizer, mas o jogador tem muito mérito. Para além da eficácia de Matheus, é um prazer vê-lo a conduzir a bola e o jogo para o meio campo adversário.

Adán esteve soberbo. Todos nós apreciamos e valorizamos Max, mas está à vista a razão da vinda do guarda-redes espanhol.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 15.08.2021 às 11:07

Amigo leão Zargo,

Com o jogo que fez ontem, creio que já passou essa fase, agora já não vai lembrar-se mais de quem está a substituir, ganhou a sua "plaza" com direito e estilo.
Está a nascer ali uma estrela, o miudo joga muito, aquilo por vezes parece um filme de ação, ele a escapar-se em grande correria com os adversários atrás dele como loucos. Está a ser fantástico, receava que ele ainda não estaria suficientemente apto quando nos momentos em que não poderia perder a bola, mas está a surpreender, ele sabe mesmo guardá-la.
Creio que com o que fez ontem desactivou aquela campanha da treta de elevarem o João Mario no Benfica como se ele estivesse a fazer algo muito diferente, eles que fiquem com o João Mario que nós ficamos com o Matheus e não vamos querer trocar nunca.
Essa campanha que comentei tem como objectivo de justificar o brutal investimento que fizeram com ele e com isso tapar os olhos aos associados desse clube.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 15.08.2021 às 17:50

Amigo Julius

Absolutamente de acordo. O João Mário é passado, o futuro passa por Matheus e outros jogadores do plantel.
Sem imagem de perfil

De MAV a 15.08.2021 às 11:04

Apesar do Adan ter tido uma saida em falso único erro, para mim foi o homem do jogo.
Muito bom jogo do Sporting até Matheus Reis entrar.. falta-me os elogios para o trabalho de RA mas , não sei o que vê neste jogador. Até Nazinho me parece melhor. Posso estar enganado mas não vai evoluir mais.
Grande jogo do outro Matheus o transporte de bola que faz é incrível 20M??!!! Não me façam rir com esses valores. Poucos jogadores o fazem com aquela passada larga.
Espero que Vinagre dure mais porque 60m por jogo não chega.
Dá bem para comparar com o furacão Nuno Mendes.
Ontem achei que Palha encheu menos o campo espero que não seja as propostas!!!
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 15.08.2021 às 11:17

Vamos por partes caro amigo,

Adán, Matheus Nunes e Jovane mereciam o destaque estiveram num patamar muito semelhante, a opção caiu no Jovane porque neste jogos o primeiro golo é sempre das tarefas mais dificeis de executar e além disso esteve fantástico no passe para uma zona ao jeito do Pedro Gonçalves que não perdoou, nessa perpectiva mereceu ser ele o destaque. Matheus Reis entrou para destruir tudo num ápice, pelo menos temos a boa notícia que não vai poder estar no próximo jogo.
Os ingleses rápido vão torcer a orelha por terem demorado a decidir dar os 20M que o Sporting aceitava à 2 semanas atrás pelo Matheus Nunes, agora começa a complicar-se bastante.

O Vinagre e o Palha ainda não têm a condição fisica desejável mas essas coisas por vezes resolvem-se em uma semana. O Vinagre anda agora em outros patamares de responsabilidade mas surpreende porque se vê que aprende rápido e tem sido das melhores surpresas que temos tido com a nova equipa.
Sem imagem de perfil

De João Correia a 15.08.2021 às 11:07

O Inácio é muito mal batido no golo do Braga. Não se antecipou ao cruzamento, deixa o adversário descoberto nas suas costas e levanta o pé à bola quando era claro um lance para a cabeça.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 15.08.2021 às 11:20

A hora era de sufoco e os avançados do Braga estavam a entrar por todo o lado, o maior problema foi o buraco que se abriu à esquerda com tantas trocas que teve e várias bolas perigosas entraram por ali, o cruzamento em arco bem medido torna a vida difícil aos centrais.
Penalizo mais a forma fácil como aquela bola entrou na esquerda da nossa defesa.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 15.08.2021 às 18:19

Bem visto, Julius. De facto o Gonçalo teve uma acção pouco eficiente, mas o problema esteve essencialmente na movimentação do nosso lado esquerdo. O cruzamento foi perfeito.
Sem imagem de perfil

De uipa. a 15.08.2021 às 11:34

Adan , Matheus Nunes e Jovane , grandes exibições. Pote é insubstituível nesta equipa .
A nossa equipa foi sempre melhor até ao erro tremendo de Matheus Reis . Paulinho foi massacrado e ao descer no relvado ( indicações do treinador) abriu avenidas para Jovane e Pote .
Porro foi uma boa notícia apareceu com aquela força tão típica nele.
Os três centrais são " o trio harmonia " ontem furiosamente marcados na construção pelos avançados .
Esgaio, Vinagre e Palhinha ao nível elevado habitual.
Temos uma equipa dificil de bater.
Abraço leonino
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 15.08.2021 às 11:41

Caro amigo, descreveu tudo muito bem,
É verdade, Paulinho baixava propositadamente para arrastar os centrais e facilitar espaços nas laterias para o Jovane e o Pote, repetiu-se por várias vezes, é um trabalho menos visível mas de extrema utilidade na estratégia da equipa.

Temos seguramente uma equipa muito díficil de bater. A jogar em supeioridade numérica o Braga injustamente quase que cheirava ...o empate, nada mais que isso.
Perfil Facebook

De Fúlvio Amaral a 15.08.2021 às 11:37

Bom dia julius

A nota do Matheus Reis é de todo exagerada nem um 1 merece, merecia sim ser despachado antes do fecho do mercado.

Em relação ao Adan mais uma exibição monstruosa contra o Braga, mas chamo à atenção a algumas hesitações nos cruzamentos já o tinha notado no jogo com a supertaça.

O melhor em campo foi claramente Matheus Nunes

Não gostava de estar na pele de Rubén Amorim na altura de tirar Ricardo Esgaio da equipa tem estado impressionante

Abraço julius e bom domingo
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 15.08.2021 às 11:55

Estive para lhe fazer um traço no lugar da nota porque fiquei fulo com aquele primeiro amarelo, antevi nesse lance o que poderia vir a seguir que infelizmente se confirmou, o homem é burro mesmo, pensa que anda ainda lá pela América do Sul com aquelas espertinices de atirar a bola para longe com o jogo parado, não sabe medir o momento do jogo, quase que destruía tudo, Carlos Carvalhal não sabia que iria ter um aliado de peso no jogo, foi a melhor substituição para o Braga.

Pois aquele murro na atmosfera não estava nos planos do Adán mas em todo o resto foi fantástico.
Matheus Nunes roçou a nota máxima, já agora recordo que a nota mais alta que dei nos jogos da época passada ao João Mário foi o 5 e ontem o Matheus já ultrapassou esse registo à segunda jornada.

Pois, a vida não vai ficar fácil para o Pedro Porro, o Esgaio é um jogador muito competente e irrepreensível no plano tactico.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 15.08.2021 às 11:57

Igualmente caro amigo, abraço e um óptimo dia de Domingo.

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo