Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




As Notas de Julius 2023/24 (43)

Julius Coelho, em 03.04.24

Nesta rubrica, o leitor tem a oportunidade de apreciar - e se entender, criticar as notas (0-6) que eu atribuí aos jogadores do Sporting CP e a outros intervenientes do jogo com o Benfica para a Taça de Portugal - Meias Finais - 2ª mão, que resultou num empate 2-2. Golos de Morten Hjulmand 47' e Paulinho 55'.

SPORTING ELIMINA BENFICA, FOI MELHOR NO CONJUNTO DOS 2 JOGOS E VAI ESTAR NA FINAL DO JAMOR

Nem com a melhor exibição da época e perante o seu público a águia dobrou o Leão. Um jogo aberto com 4 golos e oportunidades repartidas, apesar do maior domínio da equipa da casa. Faltou maior intensidade e pressão à equipa de Alvalade que facilitou muito na defesa que se revelou instável, errando muitos passes na saída, com Diomande e Gonçalo Inácio em destaque pela negativa, desastrados na reacção e no passe . Com tamanha instabilidade, o treinador do Sporting viu-se obrigado, após intervalo, a fazer grande revolução no sector recuado, substituindo 3 elementos de uma assentada. Matheus Reis sacou influência ao Di Maria, St. Juste e Geny Catamo trouxeram outra dimensão ao futebol leonino e foram decisivos para que a equipa tivesse bola e pudesse responder com oportunidades, chegou à vantagem por duas vezes, mas o Benfica respondeu empatando a partida, resultado que serviu ao Sporting para carimbar com justiça a presença na grande final do Jamor.

Screenshot (1521).png

DESTAQUE - MORTEN HJULMAND - 5 - Silenciou a Luz com um grande golo, fora da área rematou colocado metendo a bola na gaveta. Foi muito penalizado na primeira parte pelo grande desacerto do passe dos colegas da defesa, na segunda parte com mais espaço carregou a equipa em vários lances rápidos e vistosos, em que mostrou toda a sua grande classe.

FRANCO ISRAEL - 5 - Grande exibição, não merecia aquela traição dos colegas da defesa que consentiram os lances que resultaram nos 2 golos sofridos, com remates à queima sem defesa. Negou dois golos ao Di Maria com portentosas defesas e mostrou sempre muita segurança com os pés e com as mãos.

RICARDO ESGAIO - 2.5 - Fechou bem o seu lado, conseguiu sair com critério da primeira zona de pressão do adversário, os problemas estiveram mais à frente, quando tinha que decidir na construção, não esteve ao nível que se exigia.

OUSMANE DIOMANDE - 1 - Um dos piores jogos que fez no Sporting, inadmissível tantos falhanços, com passes demasiado curtos, interceptados facilmente pelo adversário. O Ramadam não pode explicar tanta displicência, que causou danos em toda a organização de jogo da equipa e que motivou o avanço das linhas de pressão do Benfica.

SEBASTIÁN COATES (Cap) - 5 - Se não fosse a sua grande experiência e aquela primeira parte podia ter acabado desastrosa, apesar dos vários erros cometidos pelos colegas do lado, manteve a tranquilidade e segurança nas dobras, com vários cortes de grande nível. Mostrou a grande liderança que se lhe reconhece com a bola no pé, dando o exemplo.

GONÇALO INÁCIO - 2.5 -  Vários erros no passe e ainda a deixar-se ultrapassar em alguns lances na primeira parte, melhorou na etapa complementar, sendo mais assertivo no espaço e no passe curto mas sem a confiança para o passe largo. Os cruzamentos que resultaram nos golos sofridos saíram do seu lado, o que o penaliza.

NUNO SANTOS - 2.5 - Não surpreendeu com a facilidade que se lhe reconhece a sair pelo corredor, mas também nas dificuldades em fechar os espaços atrás na hora de defender, nunca conseguiu opor-se ao Di Maria.

DANIEL BRAGANÇA - 4 - O melhor elemento no meio campo durante a primeira parte, sempre com bom critério no passe, lutou muito na procura de espaços, mas foi um "D. Quixote" sempre muito isolado.

FRANCISCO TRINCÃO - 3 - Enquanto teve pernas tentou levar a equipa para a frente, exagerou em vários lances com bola perdendo a noção do timing do passe, deixando-se cair na armadilha do cerco adversário.

PAULINHO - 3 - Nota positiva pelo golo pleno de oportunidade e que levou a equipa à vantagem do 2-1, logo a seguir perdeu escandalosamente o 3-1 que mataria o adversário e pouco mais se viu. Nunca segurou uma bola de costas e falhou sempre na disputa dos lances aéreos.

VIKTOR GYOKERES - 4 - Jogou a meio gás e ainda assim fez a assistência para o 1º golo, deu vários nós cegos ao António Silva, atirou um balázio ao poste da baliza do Trubin após jogada individual sensacional e ainda deu de bandeja uma bola para o Paulinho falhar escandalosamente o 3-1. Penalizado por se ter deixado enganar pelo Otamendi no lance do 1-1.

GENY CATAMO - 3.5 - Revolucionou o jogo da equipa com a sua entrada, desconcertou o Aursnes em vários lances, e deu dimensão ao ataque da equipa, esteve envolvido nos dois golos da equipa. O negativo, quando se  deixou "comer" algo infantilmente pelo Rafa, que apareceu nas suas costas a fazer o 2-2.

JEREMIAH ST. JUSTE - 3.5 - Merecia nota mais elevada, não fossem os 2 golos sofridos pelo seu lado, teve acção directa na melhoria da equipa em toda a segunda parte, sendo mais assertivo no passe que o substituído Diomande. Esteve ligado aos 2 golos marcados pela equipa.

MATHEUS REIS - 3.5 - Como no jogo da primeira mão voltou a ser a sombra do Di Maria, retirando-lhe influência e o protagonismo. O menos bem, a incapacidade de travar directa ou indiretamente os 2 cruzamentos que resultaram nos golos sofridos e que empataram no resultado.

MORITA - 3 - Discreto e sem entrar muito bem no jogo, foi lento a decidir no critério do passe e na leitura do timing de soltar-se da pressão dos adversários, que o encurralaram em vários lances.

MARCUS EDWARDS - 2 - Quase que consegue arrancar nota positiva nos 10' que jogou, protagonizou 2 grandes lances que levaram o pânico à defesa encarnada, estará de volta o pequeno grande génio?.

RÚBEN AMORIM - 5 - Conquistou justamente o primeiro objectivo da época, a presença no Jamor. Se a ideia primordial era desgastar o adversário obrigando-o a correr o dobro, foi conseguida, mas com riscos elevados, principalmente na primeira parte em que pouco ou nada resultou de positivo, com a defesa sempre muito insegura a consentir muitos erros desnecessários perto da sua área que convidaram o adversário a subir linhas e pressionar na saída de bola. Grande melhoria no segundo período com as substituições que efectuou e que rectificaram parte do problema. No conjunto dos dois jogos a equipa foi melhor e está justamente na final.

ROGER SCHMIDT - 4 - Tinha tarefa árdua, os jogadores encarnados teriam que correr o dobro se quisessem anular a desvantagem que trouxeram de Alvalade. A justiça de que tudo tentaram nos 90 minutos, correram de facto mais e lutaram heroicamente, com mais agressividade e velocidade, mas foi insuficiente, o adversário marcou por duas vezes e até podia ter matado o jogo fazendo 3-1. Terá que reconhecer que no conjunto dos 2 jogos o Sporting foi melhor e um justo vencedor.

JOÃO PINHEIRO (Árbitro) - 5 - É histórico, afinal ele sabe apitar, é só querer, e ontem quis, vestiu finalmente a camisola da arbitragem, honrando-a com excelente prestação, técnica e disciplinarmente, com a cereja no topo, pela forma segura como geriu o azedume encarnado no final do jogo.

HUGO MIGUEL (VAR) - 5 - Desta vez não se deixou influenciar pela pressão do universo lampiónico, incluindo os comentadores dos canais que transmitiram o directo. Quando querem até sabem.

publicado às 08:15

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


52 comentários

Perfil Facebook

De Sandro M B Castanho a 03.04.2024 às 09:01

ola amigos do sporting agora tambem estou no sapo blogs com o meu nome desporto numa capa .
vi do substack .
viva a nos .
saudaçoes leoninas .
bom dia .
Sem imagem de perfil

De Hugo T a 03.04.2024 às 10:07

Bom dia,
Ganhámos o conjunto dos dois jogos porque fomos mais competentes.
Duas notas negativas relativamente a algo que muitas vezes menosprezado, o fairy play. Primeiramente da parte do Sporting, mesmo percebendo aos 5 minutos de jogo que o árbitro não ia apitar "faltinhas" e mergulhos para o relvado (principalmente aos visitantes), boa parte dos nossos jogadores insistiram em abdicar de jogar deixando-se cair a qualquer encosto, o benfica foi "agressivo" e tinha de ganhar, e jogou sempre no limite sem ser de qualquer modo violento ou faltoso nas entradas (aqui uma nota positiva para o futebol).
De seguida relativamente ao benfica, em particular o seu treinador (que caiu a máscara faz muito), inadmissível a forma como que em todo o jogo (com apoio de restante "comitiva técnica ") procurou pressionar e condicionar a arbitragem e suas decisões junto do quarto árbitro, um Conceição e seu médico em potência!
SL
Sem imagem de perfil

De Hugo T a 03.04.2024 às 10:13

Adenda
O comentário era em resposta ao Post e não ao comentário do Sr. Sandra, as minhas desculpas.
De acrescentar que nem referi a postura do Di Maria, o habitual, forma triste dum jogador com tanto talento para terminar a carreira como que um arruaceiro de segunda categoria.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 17:09

Hugo,

o treinador alemão é arrogante por natureza e se alguém merece perder é ele para que regresse á terra e deixar-se daquela sua forma de superioridade como se fosse a grande coisa, quem se julga que é? Está pressionado pela sua própria arrogância e quando não ganha a culpa é sempre alheia, dos outros, por isso não surpreende todo aquele espetáculo, dá-se como opositor ao VAR mas ontem o VAR ja lhe servia para marcar um pênalti que o árbitro entendeu e bem não marcar, o alemão tem um ego muito grande no bico do seu nariz sempre empinado, nariz que empina sempre à conveniência. Por vezes até faz papel de tolinho com as bizarras declarações que faz, julga-se acima dos outros e merece perder, esse tipo não merece ser feliz, com tanta falta de humildade, enfim...

Quanto ao jogo concordo que fomos algo "anjinhos" em muitos lances exemplo do Trincão que lhe faltou ontem ser um dos duros da equipa como o é o Gyo, Coates e Hjulmand, pena não termos mais assim. Sabado esperamos que o sejam todos.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 13:32

Um bom dia de quarta feira para todos...

Peço desculpa pelo atraso, mas tive um problema elétrico na minha casa e fiquei sem internet toda a manhã e por isso sem a possibilidade de poder responder aos amigos leitores.
Sem imagem de perfil

De Rui Câmara Pina a 03.04.2024 às 10:14

Há um ou dois meses estávamos a jogar bem melhor, não sei se será cansaço físico ou mental. Esgaio nunca me dá muita confiança, e as constantes viagens de Morita e Diomande têm um preço. Espero que os jogadores tenham aprendido a lição para sábado, mas será que têm agora capacidade para isso? Quanto ao árbitro, eu até achei que ele podia ter marcado penalti no lance Coates/Rafa.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 13:39

Rui,
Pode até ter sido estratégico do treinador, fazer correr o adversário, eles é que tinham que correr atrás do resultado adverso, mas tínhamos que ter mais posse de bola e sem o acerto no passe ficou mais difícil, correu bem mas é óbvio que sábado vão ter que jogar de forma muito diferente. Acredito que iremos estar mais fortes, já com o Pedro Gonçalves, á direita atras devem jogar o Geny e um dos 2 (Quaresma/ St. Juste e á direita o Reis para parar o Di Maria.

Quanto ao lance que descreve, é difícil ajuizar com precisão, o lance não é de todo claro e seria aceite qualquer decisão, o que surpreende é que o árbitro era o Pinheiro e quis-se limpar pelo erro de Guimarães, não correndo o risco de errar de novo.
Sem imagem de perfil

De Rui Câmara Pina a 03.04.2024 às 14:41

Exactamente, Julius. mas olhe que não acho que tenha sido estratégico, o Sporting foi surpreendido com a pressão do SLB. Eu nem contava que eles fizessem uma pressão tão eficaz na 1ª parte ! Abraço
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 17:17

Mas Rui,
lançar de início na Luz o Nuno Santos é convidar a pressão do Benfica, foi un "pajarito" para o Di Maria e ainda provocou problemas ao Inácio que andou aos papeis em muitos lances, depois do outro lado o Diomande pensou que estava num conto de fadas e nunca acordou para o jogo, isso foi convite direto para serem pressionados, do outro lado não precisavam de um treinador muito inteligente para perceber o que tinham que fazer de tão óbvio que foi.
A segunda parte a defesa com todas aquelas mexidas já deu um ar do que pode ser no sábado, onde acredito que estaremos mais fortes, aí não podemos deixar correr tanto o jogo, a vantagem é que o empate também não lhes serve a eles e aí pode estar a grande solução estratégica.
Sem imagem de perfil

De Fernando a 03.04.2024 às 10:20

Caríssimo,
não sou muçulmano nem pratico o Ramadão. Mas já assisti de perto quem pratica o jejum. Se Diomande faz o Ramadão 100%, eventualmente ou comeu mesmo antes do jogo ou não comeu desde o nascer do sol do dia de ontem.
Se ele está bem ou não, é entre ele e Ruben Amorim, mas digo-lhe já que o Ramadão não é fácil.

https://hamariweb.com/islam/lisboa_ramadan-timing146350.aspx

Saudações leoninas
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 13:55

Fernando,

Vivo há 15 anos num País muçulmano e eu próprio pratico o Ramadão, o Ramadão ou se faz 100% ou não se faz, fui treinador também de jogadores muçulmanos e independentemente das dificuldades alimentares pelos horários diferentes, tem forma de os jogadores organizarem o seu jejum, o problema é que alguns optam por ficarem acordados até à última refeição das 5h manhã e óbvio que depois é impossível dormirem o suficiente e por isso perdem reação, em qualquer profissão, andam sonâmbulos todo o o dia.
Obvio que a opção é de cada um e tem que se respeitar, mas muitos muçulmanos passam por cima da refeição da meia noite, praticando só a primeira a das 20h e vão dormir mais cedo para acordarem ás 5h da manhã e alimentarem-se depois com a última refeição. Neste caso o Diomande imagino que ficará acordado até as 5h da manhã, recordamos o caso Slimani, com a opção igual, depois fica-lhes impossível render, o jogo foi as 8h45 e de certeza que se alimentou, o problema é mesmo as poucas horas de sono.

Eu pratico as duas opções, tem dias que vou dormir saltando a refeição da meia noite, tem dias que faço as 3 refeições e nesse caso fico acordado até as 5h da manhã, faço-o dependendo do nível de responsabilidade que tenho no dia seguinte.

Nota: Não necessitamos de ser muçulmanos para praticar o ramadão, é aconselhável em termos de saúde.
Sem imagem de perfil

De Fernando a 03.04.2024 às 17:33

Agradeço a sua partilha Julius, o que é muito relevante. Espero que a situação de Diomande e o seu estado de alerta durante um jogo de futebol de alta competição seja claro tanto para Diomande como para Ruben Amorim para poderem decidir de plena consciência.
Saudações leoninas
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 17:49

O problema é que é mesmo opção do Diomande em que o treinador não pode interferir, pode sim apresentar-lhe a questão se pode durante o resto da semana até sabado praticar essa opção de saltar a refeição da meia noite e poder assim dormir mais tempo, tem outra opção que não é la muito conveniente que é comeram nas duas primeiras refeições, 20h e 24h e saltarem a das 5h da manhã o problema é que depois da refeição da meia noite não vão poder dormir com a barriga tão cheia, tão pesada, acabam por dormir la para as 2h ou mesmo 3h da manha, dormem ate a meio da manha seguinte mas ficam demasiadas horas sem comer e beber, é a pior opção.

A melhor é mesmo saltarem a refeição da meia noite, só o Diomande pode responder ao que está disposto a fazer. A verdade é que para se apresentar no jogo como ontem melhor é nem ser convocado.
Sem imagem de perfil

De Fernando a 03.04.2024 às 18:00

Caro Julius, espero que decidam o melhor possível para o SCP e que nos consiga levar à vitória no derbi. Pena calhar nesta altura e com o Diomande que apesar da sua juventude tem mostrado grande maturidade noutras alturas.
Saudações leoninas
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 17:50

O problema é que é mesmo opção do Diomande em que o treinador não pode interferir, pode sim apresentar-lhe a questão se pode durante o resto da semana até sábado praticar essa opção de saltar a refeição da meia noite e poder assim dormir mais tempo, tem outra opção que não é lá muito conveniente que é comeram nas duas primeiras refeições, 20h e 24h e saltarem a das 5h da manhã o problema é que depois da refeição da meia noite não vão poder dormir com a barriga tão cheia, tão pesada, acabam por dormir lá para as 2h ou mesmo 3h da manha, dormem ate a meio da manha seguinte mas ficam demasiadas horas sem comer e beber, é a pior opção.

A melhor é mesmo saltarem a refeição da meia noite, só o Diomande pode responder ao que está disposto a fazer. A verdade é que para se apresentar no jogo como ontem melhor é nem ser convocado.
Sem imagem de perfil

De José Santos a 03.04.2024 às 10:40

A comunicação social vermelhusca consegui transformar a vitória do Sporting na eliminatória na melhor exibição da época feita pelo slb.....
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 13:57

José Santos

Nós já estamos cansados de vitórias morais, eles também merecem viver esse estado de espírito, deixemo-los curtir essa satisfação, mas quem irá estar no Jamor na final é o Sporting e muito justamente.
Sem imagem de perfil

De José Santos a 03.04.2024 às 15:31

Nem mais.....
SL
Sem imagem de perfil

De Rumo Certo - Ventos Favoráveis a 03.04.2024 às 11:07

Por elementar dever de justiça, devo começar por parabenizar a excelência da arbitragem, algo que me apraz registar e, que ao longo de mais de 40 anos a ver futebol, raramente senti razões e motivos para destacar desta forma meritória.
Antes e muito pelo contrário, considerando todos os antecedentes e factos inequívocos, que muito prejudicaram na vertente desportiva e acima de tudo na parte económica e financeira a honrosa e prestigiada instituição Sporting Clube de Portugal.
Atrevo-me, com alguma cautela e prudência, a admitir e julgar, de que finalmente algo de positivo poderá eventualmente estar a mudar ao nível da arbitragem, o que a confirmar-se seria motivo de enorme regozijo, após tantos e tantos anos e épocas de total arbítrio de esbulho, de fraude e despautério, conluios e evidências de parcialidades determinantes nas competições e atribuições de títulos.
E confesso, que por muito longe andavam os meus sentidos e cogitações, quando antecipadamente foi indigitado o Sr. João Pinheiro como chefe de equipa de arbitragem e o Sr. Hugo Miguel no VAR.
Quanto ao jogo em si, o mesmo foi emotivo e podia cair para qualquer um dos lados, ficando a ideia que a equipa anfitriã esteve fisicamente em melhor plano a ocupar os espaços e a pressionar, ou seja, com um fulgor mais «oxigenado», o que lhe permitiu, por mérito, ter maior iniciativa (que também lhe competia, face à desvantagem).
Posto isto, ambos os treinadores, têm motivos para retirar as devidas ilações, sobre a história do jogo e, procederem aos ajustes que melhor entenderem para o próximo embate.
Dito isto, espero que os nossos jogadores estejam em condições óptimas em termos físicos, técnicos e de níveis de concentração, que retirem espaço de manobra ao adversário, possam libertar e proceder à troca de bola com mais eficiência.
Vamos lá.

Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 14:15

Rumo Certo - Ventos Favoráveis,

Ainda não estou totalmente convencido dessa mudança, ontem foi de facto um sinal bastante positivo, até fica a ideia que foi dada uma derradeira chance a esta dupla (Pinheiro/Miguel) para mostrarem o que na verdade valem como árbitros e VAR depois de chorrilhos de erros em vários jogos com inclinação sempre para o mesmo lado, vamos ver o que irá acontecer já no próximo sábado no que eu considero ser o jogo do ano.

Quanto ao jogo, é fundamental o acerto no passe e nesse tão importante capítulo estivemos surpreendentemente muito mal, a um nível muito baixo que até o classifico em muitos momentos do jogo como inadmissível nesta equipa do Sporting. Obvio que isso dá ainda mais confiança ao adversário a subir linhas na pressão logo na saída da bola e tivemos dificuldades em lidar com isso, muito por culpa de alguns jogadores na defesa que por algum motivo tiveram bloqueio mental, o Rúben teve que fazer revolução nesse setor ao intervalo substituindo 3 elementos , mais de 50% da defesa, isso explica grande parte do problema que não creio ter sido físico. Afinal eles é que tinham que correr bem mais que nós para tentarem pelo menos igualarem a eliminatória. Na segunda parte tivemos também os nossos bons momentos, alguns até brilhantes que deram uma ideia do que podem fazer agora em Alvalade no sábado.

Na verdade até considero que parte dos lances que o adversário perigou a nossa baliza foram erros nossos consentidos, como os 2 golos que marcaram que já não se usam em equipas deste quilate.
Sem imagem de perfil

De José Silva a 03.04.2024 às 11:28

O Sporting foi melhor no 1º jogo e ontem o Benfica foi superior ao Sporting, mas no conjunto das duas mâos, o Sporting passou com justiça. De ressalvar mais uma vez, a boa arbitragem do Pinheiro sem qualquer influência no resultado , é caso para dizer,até que enfim, onde as críticas assertivas e oportunas de Frederico Varandas depois do jogo de Braga, parece que se fizeram ouvir..No próximo jogo em Alvalade estou um pouco preocupado, porque pelo que vi ontem, o Sporting se quiser ganhar o jogo, terá que correr muito mais do que...ontem.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 14:28

José Silva,

Estou convicto que faremos um jogo muito diferente, os jogadores estão conscientes do que fizeram e do que têm que fazer, até porque iremos apresentar uma equipa mais forte, imagino já com o Pedro Gonçalves e com a defesa mais organizada quiçá o modelo da segunda parte, ou até com inclusão do Quaresma, porque é muito rápido na reação. O meio campo reforçado e parece que temos o Edwards de volta, gostei do que fez ontem nos poucos minutos que jogou.

Provocamos muitos erros consentidos que na nossa casa com o apoio do nosso público não acontecem, só aí já será bastante diferente, o próprio Gyo não deu tudo, dá muito mais do que deu ontem.
Sem imagem de perfil

De FF a 03.04.2024 às 11:40

Bom-dia,
Tenho a obrigação de estender a mão à palmatória pelo comentário que teci ontem sobre o árbitro do jogo.
Apesar do que não faz esquecer o desempenho em jogos passados, como é do conhecimento geral.
Posto isto, faço votos para que a arbitragem do jogo de ontem seja o prenúncio dum futuro melhor para este e restantes colegas de profissão.
FF
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 14:33

FF
Ficamos todos surpreendidos, eu próprio estava muito desconfiado, mas algo de facto se passou ou estará a passar na arbitragem, fiquei deveras perplexo nas divididas com o Pinheiro a dar-nos a bola a nós várias vezes, nunca tinha feito isso antes.

Estaremos atentos no sábado, se estará de facto em marcha o processo de arrependimento de vários árbitros.
Sem imagem de perfil

De RCL a 03.04.2024 às 11:47

Bom dia Julius
Plenamente de acordo com as suas notas. Este não foi o melhor jogo do Sporting, mesmo assim Gyokeres mandou um balázio à trave e Paulinho perdeu um golo cantado. Os dois golos do Benfica resultaram de falhas na nossa defesa. Há algum cansaço disfarçado pela superior organização da equipa. Sábado teremos que jogar o dobro, ganhando ao Benfica, teremos o título no Bolso.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 14:36

RCL,
Sem dúvida, os golos do Benfica já não se usam em equipas do nível do Sporting, cruzamentos previsíveis para o 2º poste darem golo??? Foram erros primários.

O importante é que vamos estar no jamor na grande festa da final.

Sábado teremos um jogo muito diferente, aí o Sporting irá mandar muito mais no jogo.
Sem imagem de perfil

De Zé Manel a 03.04.2024 às 12:47

Primeiro dar os parabéns à equipa do Sporting e aos sportinguistas. Depois dizer que foi um excelente jogo de futebol, com um arbitragem à altura. Ontem o Benfica foi mais agressivo sobre a bola do que nós, perdemos muitas bolas e fizemos maus passes porque não conseguimos igualar essa agressividade. Obviamente que eles é que tinham que correr atrás do prejuízo. Fica a ideia que jogaram melhor do que nós porque efectivamente jogaram mais tempo no nosso meio campo e foram causando algum frisson em chegadas à entrada da nossa área ou em cruzamentos. Apesar disto, a verdade é que se analisarmos as oportunidades, foi 50/50 para cada lado. Os meus destaques vão para o Morten Hjulmand, Coates, Israel e Gyokeres, que apesar de não ter marcado manteve sempre a defesa do adversário em sentido. Sábado há que melhorar os índices de agressividade (no bom sentido) porque é uma final. Se ganharmos temos grandes probabilidades de sermos campeões nacionais. SL
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 14:43

Zé Manel
a nossa equipa forçosamente terá que jogar muito melhor para não correr o risco de vir a perder o jogo, o Benfica tem bons jogadores e não lhes podemos facilitar como ontem fizemos na maioria do tempo.
Jogar na Luz com o Nuno Santos foi um grande risco, quase suicídio, sabendo que defende mal, desiquilibrou o Inácio que entrou numa espiral de erros, no outro lado da defesa tivemos um Diomande a 30%, sonâmbulo e um Esgaio com conhecidas limitações técnicas, foi o suficiente para o Benfica perceber que era pelos corredores que tinha que apertar, ganharam muitas vezes a profundidade com relativa facilidade.

Sábado teremos outra capacidade mental para exercer pressão durante muito tempo de jogo.
Sem imagem de perfil

De AlexandreP a 03.04.2024 às 14:22

Excelente empate que nos deu a vitoria nas duas maos.

Quanto à arbitragem é verdade que foi justa e imparcial. Mas a taça em termos financeiros é a feijoes. Ja o proximo jogo conta muito em termos financeiros porque podera definir o acesso directo à champions. Eu desconfio que infelizmente no proximo derby a arbitragem ira inclinar o campo...
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 03.04.2024 às 14:48

Alexandre,

Na nossa casa fica sempre mais difícil inclinarem se estivermos á altura das nossas reais capacidades, será uma equipa diferente a entrar no jogo e mentalizada que não pode haver margem para o tipo de erros grosseiros que cometeram na luz, principalmente ao nível do passe.

Vamos acreditar que iremos fazer um grande jogo, também não creio que eles irão poder correr tantos como ontem, nós sim podemos e devemos correr muito mais.

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D




Cristiano Ronaldo