Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




As Notas de Julius (4)

Rui Gomes, em 16.01.21

scpra4.jpg

Na 4.ª edição desta nova rubrica, temos a oportunidade de ler e comentar as notas (0-6) que o nosso leitor Julius atribuiu aos jogadores do Sporting e a outros intervenientes no jogo de ontem com o Rio Ave, que acabou num empate (1-1), a contar para a 14.ª jornada da Liga NOS.

"Sporting muito previsível, lento e frouxo, num dia que era importantíssimo ganhar os três pontos desse por onde desse, defraudou em muito as expectativas dos sportinguistas. Até parece que existe um feitiço da macumba das galinhas sem cabeça que sempre impede que o passo saia mais largo sem que haja um tropeção. Sem a resposta que se exigia, sem reacção e com níveis muito baixos em termos individuais, faltou lá no fundo o querer ganhar de verdade".

ANTONIO ADÁN - 3 - Sem culpa no golo, foi assistente ao jogo a maior parte do tempo, teve algumas falhas na colocação da bola que tem que corrigir.

PEDRO PORRO - 2.5 - O jogo menos conseguido desde que chegou, nunca cruzou bem e deixou a sua conhecida fúria no balneário, o único destaque o passe que deu origem ao golo.

EDUARDO QUARESMA - 2 - Não fez esquecer o Neto, o que deveria ser fácil, sempre muito tímido e encolhido; complicou algumas vezes

SEBASTIÁN COATES - 2 - Sócio da companhia no desastre, na total desconcentração e desordem no lance fatal que deu no golo do empate, inaceitável, estavam em superioridade numérica e não reagiram.

CRISTIAN BORJA - 1 -  Sabemos que não é central mas isso não é desculpa para tantas falhas comprometedoras que têm custado pontos e já são 4. Aquele lance do golo, nem nos juniores, a forma como se perdeu, nem bola nem adversário.

GONZALO PLATA - 2.5 - Muito melhor a atacar do que a defender, mas era dia de cair em cima do adversário, ainda conseguiu desequilibrar algumas vezes, mas sempre muito inconsequente.

JOÃO PALHINHA - 3 - Na segunda parte, justo quando a equipa necessitava da sua firmeza. Não esteve ao mesmo nível das últimas partidas e não conseguiu furar aqueles autocarros de pernas estacionados à sua frente.

JOÃO MÁRIO - 2.5 - Longe do seu nível e não fez a diferença e a equipa sofreu muito por isso quando mais necessitava para chegar ao golo dos três pontos.

NUNO SANTOS - 2 - Jogo mesmo para esquecer, perdeu muitos mais duelos do que os que ganhou, pouco ou nada consistente e um dos culpados da tanta ineficácia do ataque.

POTE - 3 - Um único lance de inspiração quando adivinhou onde ia cair a bola no passe deficiente do Plata é muito pouco, andou quase sempre escondido do jogo.

TIAGO TOMÁS - 1.5 - Correu muito mas jogou pouco, ineficaz e anulado facilmente pela muralha defensiva do Rio Ave. A equipa necessita de outro tipo de solução para aquela importantíssima posição quando defronta os autocarros e não está no plantel.

TABATA - 1.5 - Nada acrescentou, desastrado nos cruzamentos, na pontaria do tiro, foi substituição falhada, este jogador necessita de fazer a si próprio um reset e pensar tudo de novo no que tem que realmente que fazer em campo.

JOVANE - 2.5 - Claramente deveria ter entrado mais cedo, entrou a ganhar os duelos e a desequilibrar, já na parte final foi longe demais com a bola até ser derrubado com falta grosseira, o Nuno Santos estava solto à esquerda.

RÚBEN AMORIM - 1.5 - Hoje bloqueou, apostou numa ideia que ninguém entendeu, devia ter respondido de forma imediata com mexidas após o golo do empate. Essa seria uma mensagem bem forte para a equipa que mentalmente esteva amorfa e perdeu-se uma oportunidade que pode vir a sair cara; não haverão muitas mais como a de hoje.

PEDRO CUNHA - 3 - Estacionou os dois autocarros e esperou para ver o que passava, foi percebendo que poderia ser dia de festa e mexeu onde tinha que mexer, refrescou todo o primeiro autocarro com pneus novos e lá agarraram o pontinho.

SPORTING - 2.5 - Controlar o adversário não é exactamente o mesmo que controlar o jogo e o objectivo; fez o mais difícil, marcar o primeiro golo e depois não foi competente.

RIO AVE - 3 - Irrepreensível tacticamente e não recorreu ao anti-jogo, conseguiram o mais difícil que era jogar simples.

HÉLDER MALHEIRO - 2 - Arbitragem maliciosa, pegando sempre onde podia em desfavor do Sporting, disciplinarmente péssimo, incompreensível o amarelo ao Plata aos 7' de jogo, foi um aviso? 

VÍTOR FERREIRA (VAR) - 3 - Só um lance polémico na área do Rio Ave com Coates a aparecer emparedado, mas na dúvida o protocolo manda não intervir.

publicado às 03:33

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


46 comentários

Imagem de perfil

De Fernando Albuquerque a 16.01.2021 às 08:48

Rui Gomes

A exibição do SCP foi paupérrima.pois foi um jogo para esquecer ou melhor a não repetir. São estas escorregadelas que eu detesto. A jogar em casa o SCP não pode perder pontos com ninguém. O que eu estranho é que a maioria dos jogadores não estiveram em campo, pois alguns arrastaram-se durante todo o tempo do jogo, pois faltou-lhes o querer ganhar a partida. E para agravar mais esta situação os meninos do costume , que o SCP os ensinou a jogar ficaram todos satisfeitos por nos tirarem dois pontos. Durante a história do SCP a lista de ex-jogadores, que nos tiraram pontos é extensa.
Uma palavra para as afirmações do treinador adversário, que diz que veio a Alvalade para ganhar o jogo. O Rio Ave tem a pior equipa dos últimos anos e não joga futebol, simplesmente destrói as jogadas do adversário de qualquer maneira, e teve a sorte dos nossos defesas estarem em descanso naquele fatídico minuto. Quanto á arbitragem muita habilidosa tenho dúvidas no lance do Coates, pois tenho de rever o lance. Penso que o Coates é impedido de saltar, pois o Coentrão que é muito mais baixo saltou tanto como ele. e no inicio da elevação está a fazer pressão para ele não saltar. Caso a ver melhor. Fernando Albuquerque (SCP)
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 10:41

Caro amigo Fernando de facto ficamos frustrados ver uma equipa que so tinha marcado 9 golos no campeonato marcar em casa do lider para mais num jogo que nao deviamos perder pontos.
Sobre o lance do Coates tem algo curioso, ja se deram conta que cada vez que o Coates vai fazer de ponta de lança faz estragos nos adversarios e acaba por ser o nosso melhor ponta de lança? Mas será que ninguem mais vê isso? Da necessidade de um ponta de lança com aquele tipo de caractristicas? O Coates ja deu tantos exemplos e ontem mais uma vez demonstrou-o.
Imagem de perfil

De Greenlight a 16.01.2021 às 08:48

Frouxa é a palavra adequada para qualificar a exibição do Sporting contra o RAV.
Borja cometeu mais um erro fatal, neste caso posicional. Não tem, de facto, nível para uma equipa com as aspirações do Sporting. A esta hora, RA deverá estar a interrogar-se porque não colocou Gonçalo Inácio, embora este último também não tenha dado boas indicações no seu último jogo. Coates fez dois ou três passes para os avançados do RAV, a fazer lembrar Neto mas foi feliz porque dessas jogadas do RAV nada resultou. A defesa esteve, de uma maneira geral, intranquila, nomeadamente Quaresma que se encolheu durante todo o jogo.
Como Julius diz e particularmente, neste tipo de jogos, quando é preciso ir para cima do adversário nota-se a falta de um verdadeiro avançado de área que TT não é e o Sporting não tem. No entanto, com os jogadores que tinha à sua disposição, RA atrasou-se e enganou-se nas substituições pois Jovane deveria ter entrado antes de Tabata. Este último é muito bom tecnicamente mas é um jogador de fogachos e ontem o fogacho não apareceu.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 10:46

O Coates dá o exemplo do que a equipa necessita e vê-se os inumeros lances que ganha na area adversaria no jogo aereo, tem sido sempre assim, mas parece que ninguem quer ver, ontem com um jogador tipo Slimani tinhamos ganho tranquilamente, tinhamos goleado mesmo a jogar mal.

Se a Direçâo nao perceber que tem que fazer esse esforço teremos vida negra no futuro deste campeonato, os adversarios ja perceberam como joga o Sporting e juntam o seu bloco num raio de 30mt impedindo o nosso jogo interior o que pede desde logo um ponta de lança que consiga lutar com eles no jogo aereo.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 16.01.2021 às 10:04

Caro julius, era o que eu receava: notas baixas seria o sinal de mau resultado para nós. E as notas são baixas, e bem baixas, quase todos têm nota negativa.
No golo do Rio Ave tenho de sublinhar que a linha defensiva estava mal articulada ni controlo o espaço nas suas costas. Com Neto e Feddal em campo seria a mesma coisa?

Foi essa linha defensiva mal articulada que permitiu a jogado do golo, com Geraldes a solicitar Mané e este a pô-la mesmo á frente de Gélson Dala. Foi só encostar.

Continuamos em primeiro lugar sem derrotas, para o plantel existente é muito positivo, mas Rúben Amorim precisa de reinventar o jogo do Sporting. A equipa revela enormes dificuldades para desbloquear blocos baixos.
Imagem de perfil

De Greenlight a 16.01.2021 às 10:41

Caro Leão Zargo,
Tinha razão na antevisão do jogo e eu estava erradamente optimista. Como diz, RA tem que procurar um outro plano de jogo para defrontar equipas que se apresentem como o RAV se apresentou ontem. Seria desejável a vinda de reforços, nomeadamente um central e um ponta de lança mas, de qualquer maneira, ontem e com os jogadores disponíveis, o Sporting podia ter feito mais e melhor.
SL
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 11:45

Nao sei até que ponto o limite dos amarelos nao andam a inibir o Palhinha e o Coates.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 16.01.2021 às 16:11

julius

de certeza que os amarelos inibem... e de que maneira.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 16.01.2021 às 16:09

Caro Greenlight

Confesso que estava receoso do Rio Ave. A época está a correr mal aos vilacondenses, Mário Silva foi substituído por Pedro Cunha, o treinador da equipa B, e era previsível que alguma coisa pudesse acontecer em Alvalade. Como aconteceu.
Ainda por cima sinto que a nossa equipa está a perder uma certa energia, criatividade e espontaneidade, e estava de pé atrás.

SL
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 18:07

Esta a perder por ja nao ter a mesma disponibilidade fisica o que obriga a fazer tudo mais devagar.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 10:54

Amigo Zargo fiquei estupefacto como a nossa defesa em supeioridade numerica de 5 para 3 deixar-se ludribiar daquela forma numa açâo do adversario tâo simples e tâo evidente, estavam la 5 mas é como nao estivessem lá nenhum,porque so foi encostar. para golo.
Pela importancia do jogo e do resultado e vendo a equipa tâo amorfa, tâo lenta na construçâo o Amorim devia ser enérgico imediatamente apos o golo com 2 substituiçòes para dar uma resposta tipo bofetada na equipa, isso ele tem que aprender a reagir melhor.

Eu quando vi o golo do empate foi logo o primeiro impulso que tive, reagir para dar uma mensagem forte la para dentro e aí Amorim falhou ontem.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 16.01.2021 às 16:54

Caro julius

De facto, Rúben Amorim devia ter reagido logo a seguir ao golo do Rio Ave. Calculo que ao intervalo ele alertou os jogadores de que tinham de ser mais rápidos, enérgicos e ofensivos. Perante o golo do empate ele tinha de mandar uma mensagem lá para dentro.

Estava à espera de outra atitude da nossa equipa. Era jogo para comer a relva, de lutar até à exaustão pela vitória. Nós sabemos que os jogadores querem ganhar os jogos, aquela é a vida deles, mas precisam de ser motivados ou pressionados para manter um elevado nível competitivo.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 18:11

Costumo dizer que a arma dos jogadores é a bola, a dos arbitros o apito e a dos treinadores as substituiçôes.

E Amorim ontem nao usou da melhor forma a sua arma, a equipa la dentro precisava de uma mensagem forte e de forma imediata quando se deixou empatar, quando todavia ainda havia algum tempo para resolver o problema.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.01.2021 às 10:10

Caro Julius,

Sobre o VAR e o lance de Coates, que foi falta flagrante, o protocolo manda o VAR avisar o árbitro para rever o lance no monitor. Não foi isso que aconteceu.

Coentrão atirou-se para cima de Coates para o impedir de saltar à bola. A Sport TV mostou o lance de todos os ângulos possiveis e é claro. Seriam as mesmas imagens que o VAR teve à disposição e que o árbitro também teria se tivesse ido ao monitor.

Dar nota 3 ao Rio Ave e 2.5 ao Sporting é injusto. O Rio Ave nem sequer tentou ganhar o jogo, marcando um golo numa jogada de mero acaso e com a defesa do Sporting a errar. Esta equipa nem um remate fez na primeira parte e na segunda fez um à baliza.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 11:01

Caro amigo, dei nota 3 ao Rio Ave porque em 14 jornadas só o Porto tinha roubado pontos ao Sporting em Alvalade, é um feito que obriga a nota positiva , eles cumpriram o objectivo deles sem quase rematarem á nossa baliza, mas a verdade é que quando estavam a perder, arrancaram para um inicio de 2ª parte forte, abriram e foram á procura do resultado provocando muitas dificuldades ao Sporting, conseguiram o ouro e recolheram-se de novo la atras.

O lance do Coates confesso que ainda nao tive oportunidade de ver com mais angulos das camaras, fiquei com a ideia de açâo faltosa do Coentrâo que inclusive mete as maos nos ombros do Coates que acaba emparedado entre 2 defesas, terei que ver melhor.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 16.01.2021 às 10:12

O Sporting tem tido algumas dificuldades em desequilibrar.... pode faltar 1 ponta de lança neste plantel mas o problema está na ligação entre médios, veja-se o Nuno Santos, Pedro Gonçalves têm estado abaixo do que nos habituaram. João Mario tem de subir mais porque ao jogarmos com 3 centrais temos pouca gente na frente.
Deixo ainda a nota para o golo do Rio Ave que foi passe de genio do Geraldes, mas o posicionamento do Borja é revelador que não é central.
Em resumo existem muitos pontos para Amorim treinar.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 11:09

A equipa pelos jogos na Madeira e toda aquela confusao que gerou o temporal nao mostrou ontem a frescura fisica que se desejaria e com um plantel muito limitado perdemos capacidade de fogo contra um adversario que juntou o bloco num raio de 30mt estacionado lá atras á nossa espera tapando todo o jogo interior e dando os flancos por fora.
Dessa forma obrigava-nos aos cruzamentos que aconteceram mas muito pouco inspirados da companhia Porro, Plata e Nuno Santos, para mais quando o miudo Tomas tambem fraquejou no meio dos gigantes dos Tarantinis.
Precisavamos ontem de um ponta de lança de raça e duro no jogo aereo e o galo cantaria de outra forma.
Sem imagem de perfil

De mike1906 a 16.01.2021 às 10:26

Claramente ontem demonstrámos não haver estofo para mais. São estas oportunidades que não se podem desperdiçar. Podíamos estar a falar de 6 pontos de avanço sobre os rivais. Fizemos o mais difícil que foi marcar um golo mas nem assim. Não percebo como há jogadores, como Porro, que podem passar do dia para a noite com tanta rapidez (para mim a nota dele era 1, até o cruzamento que deu o golo foi "parar" ao plata por acaso). Isto associado ao velho karma leonino, Gelson Dala, o miúdo que nunca teve uma verdadeira oportunidade no Sporting... enfim. Continuamos na frente, mas resta saber por quanto tempo
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 11:14

Claramente faltou estofo e oportunidades destas podem nem haver mais neste campeonato, isto tem sido um filme tantas vezes repetido, quem nâo tem capacidade para matar vai acabar morto.

Estamos ainda na frente com alguma margem mas ficamos agora todos muito mais desconfiados, vamos seguir apoiando com toda a energia e ver o que acontece.
Vem aí jogos seguidos complicadissimos, reparem Bessa, Benfica, Maritimo na madeira e Gil Vicente em Barcelos, uffff! Nao vai ser facil, 3 jogos fora.
Sem imagem de perfil

De mike1906 a 16.01.2021 às 11:24

E o proximo é com o Fcp pra taça da liga...
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 11:39

Ja nem conto com esse porque o Amorim forçosamente vai ter que tomar decisoes e proteger as prioridades.
Sem imagem de perfil

De mike1906 a 16.01.2021 às 12:15

Sim, se fosse eu a decidir, levava os juniores, o que nos interessa é o campeonato
Sem imagem de perfil

De M1950 a 16.01.2021 às 11:01

O empate no clássico ameniza a situação , mas ainda assim ficou evidente a ainda falta de estofo do Sporting num jogo em que mais uma vez tinha que mostrar que está aqui para ser campeão pois devia aproveitar os jogos entre os rivais , mas nem me lembro há quantos anos vacila quando estes jogam entre si , é um problema de mentalidade que não se resolve de um dia para o outro.

Plata deveria ter jogado mais à frente e Nuno Santos deveria jogar sim como ala esquerdo como aconteceu no Rio Ave quando não há Nuno Mendes, a responsabilidade das alas ficou toda com Porro e era natural que algum dia falhasse.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 11:21

Faltou frescura fisica para impôr mais velocidade e depois quando a bola passava pelos pes do Quaresma e do Borja o jogo "parava" , o ritmo baixava repentinamente e dava todo o tempo do mundo para o adversario juntar as tropas.

Nestes jogos a necessidade de um ponta de lança raçudo e forte no jogo aereo é crucial para tirar partido do jogo de fora que o adversario obriga e rpovoca, eles sabiam que so tinham que fechar o nosso jogo interior e dar-nos liberdade nos flancos porque o miudo Tomaz é aida fraco para estas andanças, eles sabiam .
Imagem de perfil

De Fernando Albuquerque a 16.01.2021 às 11:31

Rui Gomes

Com todo o respeito pela opinião dos Sportinguistas , que comentaram o jogo contra o RAV, discordo totalmente, que o SCP necessita de mais jogadores para ganhar a essa equipa. A diferença entre o SCP e o RAV é abismal, não tem comparação possível. Esta equipa do SCP tinha a obrigação de ganhar o jogo, pois o que aconteceu em Alvalade, é surreal, quando estávamos habituados a ver os nossos jogadores com garra e qualidade a enfrentar os adversários. Pode acontecer, que um dia ou uma noite alguns jogadores não produzam o que valem como futebolistas, o que é normal, ora o que vimos foi uma equipa completa sem chama e sem qualidade, e isso paga-se como verificámos.
O SCP necessita de mais jogadores 2/3 para enfrentar os habituais competidores aos primeiros lugares, que têm melhores jogadores. Agora o RAV tem a pior equipa dos últimos anos e o SCP perdeu 2 pontos em casa, o que me leva a ter uma pequena desilusão,pois dois jogos seguidos a perder e empatar não augura bom futuro. Vamos aguardar pelo próximo jogo do campeonato., pois esta Liga não me entusiasma nada., depois do roubo do Sec. XX do Lucílio Baptista. Fernando Albuquerque (SCP)
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 18:19

Caro amigo claro que sim em situaçôes normais esta equipa de ontem do Sporting era suficiente para ganhar ao Rio Ave mas nesta altura da prova de um campeonato tâo longo e a passar agora o "deserto" do Inverno e pressionada em todos os jogosdevido á liderança, ontem fraquejou, deixou-se torcer, mostrou o flanco das suas limitaçôes.

É o que temos? Ficamos muito desconfiados se vai de facto chegar.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 16.01.2021 às 12:10

Caro Julius,

A sua avaliação demonstra como foi o jogo e refere vários pontos importantes.

Como o Julius tinha dito antes do jogo era ganhar ou... ganhar. Podem dizer que não se pode vencer sempre, mas por isso há equipas que ganham campeonatos e outras que não.

Em relação ao jogo, quando o mais difícil estava feito, é inacreditável o "desleixo" como a equipa jogou os primeiros 15 mminutos da segunda parte. Então a jogada do golo é surreal, estava tudo a dormir!
Há quem critique o Rio Ave, mas do ponto de vista dos seus objetivos fez um trabalho excelente. Sabendo das dificuldades do Sporting, entrou fechada, mas quando sofreu o golo o seu treinador mexeu logo na equipa e quando conseguiu o objetivo voltou a fechar-se. Se para eles um ponto era ouro, a estratégia correu lindamente.

Em relação aos jogadores deixo uma nota em relação a Eduardo Quaresma. Tendo imenso potencial, ontem demonstrou que a evolução é um caminho longo e assim talvez se perceba a atitude do Rúben Amorim em relação a ele.
Em relação à defesa, ontem ficou demonstrada a importância do Neto. Pode cometer alguns erros e ser limitado tecnicamente, mas quem vê os jogos do Sporting apercebe-se que ele é a voz mais importante no comando da defesa, aquela que maioritariamente coordenada e articula o posicionamento da linha defensiva. E o golo sofrido ontem foi manifestamente por descordenação.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 18:32

Se no princípio do campeonato me viessem vender a ideia que á quarta jornada o Sporting seria lider com 4 pontos de vantagem de Porto e Benfica e 9 do Braga eu comprava de caras sem pestanejar.

Essa é a realidade e temos que seguir a acreditar nela, no que realmente temos e apoiar no que pudermos.

Ontem perdemos de facto uma enorme oportunidade de ganhar 7 pontos aos adversarios e acabamos por so ganhar 1. Com uma tremenda 2ª volta e ja com inicio de subida da montanha de 1ª categoria na proxima jornada no Bessa ficamos de veras muito desconfiados de como a equipa se vai poder aguentar no resto da prova.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 16.01.2021 às 19:45

Julius,
É claro que a realidade supera, e em muito, as expectativas de início de epoca. Mas esse facto não nos deve deixar realizados e afrouxar o ritmo.

A vida é feita de oportunidades e o Sporting, a muito custo, está a conseguir ter a rara oportunidade de se intrometer na luta pelo título. Será cada vez mais difícil concretizar a oportunidade, mas que não seja por "culpa própria " que a percamos.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 20:00

Todos sabemos que o lençol está curto e ja com alguns remendos pelo meio, sabemos que seria fantastico conseguirem capacidade de irem buscar mais gente para ajudar na defesa e no ataque e partimos do principio que o 6, o Palhinha "é imortal".

A experiência diz-nos que até que estamos perto de fazer possivel o milagre, com mais um esforço e ajudaria muito porque tambem podemos saltar para o 8 com relativa facilidade e acabar por morrer na praia.

Quem nao se prepara convenientemente está preparado para falhar, todos deveriam estar conscientes que não existe nada mais perigoso que o não arriscar.

Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 22:59

Décima quarta jornada.
Sem imagem de perfil

De LeaoCapel a 16.01.2021 às 13:48

Jogo que, para mim, foi um autêntico murro no estômago e o regresso a um passado bem recente, tanto a nível exibicional, como na tremideira por ser fim de semana de clássico.
Quase que parece que para os jogadores o empate no dragão foi uma maldição, pois assim a pressão do primeiro lugar vai manter-se mais um par de semanas e os meninos não aguentam. Facam-se homens de uma vez por todas e percebam que a camisola que envergam significa dar tudo em campo seja com quem for
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 16.01.2021 às 18:46

Fica-nos o amargo de boca de ver perdida uma oportunidade que pode vir a fazer diferença no final.
Porque apartir de agora nao vai haver muitas mais, os outros fregueses ja entraram naquele ritmo que torna mais dificil perderem pontos, mas seguimos na frente, so temos que esperar e acreditar que os nossos rapazes vâo sentir o perigo e vâo pôr-se finos.

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D




Cristiano Ronaldo