Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




As Notas de Julius (7)

Rui Gomes, em 27.01.21

Palhinhaamrelobessa.jpg

Na 7.ª edição desta rubrica, temos a oportunidade de ler e comentar as notas (0-6) que o nosso leitor Julius atribuiu aos jogadores do Sporting e a outros intervenientes no jogo de ontem com o Boavista, no Bessa, a contar para a 15.ª jornada da Liga NOS, que o Sporting venceu por 2-0.

"Vitória justa do Sporting com muita competência, apesar de muito perdulário a falhar vários golos cantados que se os tem marcado teria evitado Rúben Amorim fazer entrar o João Palhinha para acabar crucificado pelo árbitro. Era de todo importante darem esta resposta muito positiva três dias depois de terem ganho a Taça da Liga. O Boavista só incomodou nos 15 minutos finais".

ANTONIO ADÁN - 3.5 - Foi espectador a maior parte do tempo, também muito ajudado pela eficácia dos centrais.

PEDRO PORRO - 4 - Grande jogo do espanhol, foi um muro do seu lado e acabou a marcar um grande golo, que deu mais justiça ao resultado e tranquilidade à equipa.

LUÍS NETO - 3 - Aquele passe atrasado para o Adán deu-nos calafrios a todos, quando tem que jogar a bola com os pés ......!!! Tem muita sorte em ter um parceiro ao seu lado com a qualidade do Porro.

SEBASTIÁN COATES - 4 - Geriu muito bem a sua usual agressividade no momento do desarme para não levar amarelo. Ele e Feddal controlaram sempre a situação e anularam as tentativas do adversário, não lhes dando espaço para rematarem.

ZOUHAIR FEDDAL - 4 - Está em grande forma e melhorou bastante na saída com bola. É imperial no jogo aéreo e bravo nos duelos físicos.

NUNO MENDES - 4 - Foi deveras incansável e percorreu muito melhor o espaço que o adversário estrategicamente lhe facultou durante a primeira parte, executando excelentes cruzamentos e um deles teve o prémio merecido na excelente antecipação do Nuno Santos para o primeiro golo.

MATHEUS NUNES - 3.5 - A desempenhar muito bem o transporte de bola e construção de jogo, apesar das pobres condições do relvado não o ajudarem. Faz-me recordar muito a forma de jogar do colombiano James Rodríguez.

JOÃO MÁRIO - 3 - Algo menos activo que o colega Matheus; podia e devia ter explorado melhor o espaço que teve na primeira parte, falhou um golo cantado, fez tudo bem tirando o adversário do caminho e depois atirou à figura do guarda redes a três metros da linha de golo. Esperamos ainda aquela primeira versão do João Mário que bem conhecemos mas que tarda a aparecer.

JOVANE CABRAL - 4 - Foi o que teve mais capacidade para desequilibrar o meio campo adeversário com frequência, sofreu muitas faltas e acabou esgotado.

NUNO SANTOS - 4 - Com mais espaço, consegue tirar melhor partido da sua grande velocidade e levou quase sempre a melhor nos duelos; marcou o golo mais dificil que é invariavelmente o primeiro do jogo; pleno de oportunidade num excelente movimento de antecipação à bola cruzada pelo Nuno Mendes.

ANDRAZ SPORAR - 2.5 - Por vezes projecta a ideia que não anda lá; falhou dois golos cantados que podiam ter feito muita falta no final.

DANIEL BRAGANÇA - 3 - Entrou no momento em que a equipa já dava indícios de algumas dificuldades em parar o meio campo do Boavista e ajudou a acalmar a situação. Tem muito futebol nos pés e na cabeça.

TIAGO TOMÁS - 2.5 - Entrou na fase menos conseguida da equipa, no momento que era mais importante gerir o resultado.

JOÃO PALHINHA - 3 - Quando entra "aquilo" é outra coisa, pega logo no jogo, merece a "rendição" do árbitro no grave pecado que cometeu e fazerem-lhe a justiça de lhe retirar o amarelo premeditado, num lance em que nem falta foi.

TABATA - 2 - Entrou aos 88 minutos e jogou os 5 finais.

RÚBEN AMORIM - 5 - Mais um teste difícil que foi ultrapassado; é sempre tarefa árdua dar uma boa resposta três dias após se ganhar uma final de muita luta e com tremendo desgaste. Preparou com muita mestria o jogo e acima de tudo soube manter em alta o foco dos jogadores relativamente à responsabilidade de ganhar estes três pontos num campo tradicionalmente complicado.

JESUALDO FERREIRA - 2.5 - Cometeu um erro grave na sua estratégia da primeira parte, metendo o autocarro lá atrás com três centrais e uma linha de cinco, convidando o Sporting á invasão e o resultado não ficou definido ao intervalo porque os avançados do Sporting foram demasiado perdulários; remendou na segunda parte mas o mal já estava feito.

FÁBIO VERÍSSIMO - 2 - Estava preparado para lhe dar nota 5 quando aos 79 minutos cometeu aquele monumental disparate de mostrar o amarelo ao Palhinha. Ficamos todos convencidos que não foi um erro casual, dado que nem falta foi.

ANTÓNIO NOBRE (VAR ) - 5 - Excelente decisão no lance do golo do Nuno Santos, uma decisão de 10 centímetros.

publicado às 03:34

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


56 comentários

Sem imagem de perfil

De Luis Moreira a 27.01.2021 às 11:09

O Mateus é um grande jogador aflige vê-lo no banco. Adan tem a experiência que falta, fez uma grande e difícil defesa junto ao poste.Não é para todos.
Coates e Feddal muito bem com sabedoria.
Porro e Nuno Mendes ambos com enorme classe, defendem, atacam e oferecem soluções.
João Mário é cerebral e dá dimensão à equipa mas golos daqueles não se podem falhar.
Jovane com poder fisico e talento é um desequilibrador e Nuno Santos com velocidade, técnica e remate equilibra a equipa nas transicções , Pote é uma estrela e precisa de Sporar ou TT na área.
Ainda não entendi aquele falhanço de Sporar e custa-me falar disso Mais tarde. Não sei se o guarda redes chegou a tocar na bola e a desviou.
É claro que a encomenda amarelada era para Palhinha que tem uma influência decisiva nos equilibrios da equipa . RA sabia-o e nós também.
O árbitro não surpreendeu ninguém.
Agora na Luz ( sem Palhinha) é ir com um 5 - 3 - 2 . Ganhar maioria na defesa e no meio campo e manter a defesa encarnada em sentido.
Vamos ganhar !!!
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 27.01.2021 às 11:26

Esse é o espírito que todos devem ter, balneário, treinadores e nós tambem adeptos, "vamos ganhar" .
De uma coisa estou seguro vão deixar a pele em campo aconteça o que acontecer, Palhinha era peça chave de facto, pode ser que ainda vá a jogo, mas se não jogar irá o Matheus e atençâo que o Benfica dá espaços no meio campo e isso é um oásis para ele.
Não podemos deixar que o Sporar fique abalado com aquele falhanço teve outro que tambem era só encostar e falhou o timing , é esse o seu principal problema o timing.Mas temos que o apoiar porque ainda vai ser muito util neste campeonato.

O árbitro ficou demasiado exposto com a sua inexplicável decisão e vamos ver o que vai passar. Os media estão a fazer pressão e já é assunto nacional.
Sem imagem de perfil

De RASR a 27.01.2021 às 14:35

A questão do Sporting ter pedido a despenalização do Palhinha é muito importante e que pode mudar completamente a situação. Agora, para avaliação do lance, Fábio Veríssimo terá de assistir ao lance da forma como qualquer um de nós, pelas imagens e com as várias câmaras, sem ser com o cansaço ou frustrações momentâneas em cima ou os bancos a gritarem com ele a cada apito. Se ele mantiver a decisão, irá expôr-se e, aí, o Sporting terá de fazer o mesmo que o Benfica e pedir a irradiação do árbitro dos jogos do Sporting, pela flagrância do erro da decisão!!! Pode ser falta, nunca um amarelo! É aqui, nesta parte, que se tornou muito importante o pedido de despenalização / reapreciação (um verdadeiro recurso de uma decisão de um juiz) do julgamento e argumentos usados pelo árbitro.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 27.01.2021 às 14:41

A questão do tempo para a decisão tambem se coloca, só valerá a pena se for despenalizado antes do jogo de 2ª feira á noite.

E foi aí que eu tambem quis chegar, a batata arde nas mãos agora da Drª Claudia e do árbitro e terão que decidir o caminho que querem levar, ou pela parte que lhes doer menos, ou despenalizão o cartão a contra gosto dos mandatários ou irão carregar toda a vida eles o fardo de que de facto existe corrupção no futebol portugues agora de forma bem visível e eles tambem fazem parte do sistema.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 27.01.2021 às 13:11

O jogo é em Alvalade....
Mas nesta altura, sem público, jogar em casa ou fora não tem tanta diferença como tinha
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 27.01.2021 às 13:33

Não tem tanta diferença de facto mas nem se coloca a situação de ser em casa ou fora, é um jogo que vale 3 pontos e temos que nos preparar muito bem para poder estarmos á altura de dar uma boa resposta e estou convencido que vamos dar.
Sem imagem de perfil

De José Silva a 27.01.2021 às 11:41

Ainda ontem disse aqui neste espaço que os jogos não se ganham só dentro do campo. O amarelo a Palhinha foi propositado para não jogar contra o Benfica, não tenho dúvidas porque mesmo que fosse falta, nunca seria para cartão amarelo. O problema é que o clube do regime neste momento anda pelas "ruas da amargura" e precisa de todos os "Veríssemos" da arbitragem para chegar ao topo da tabela. É o "sistema" a funcionar em pleno. O que o árbitro devia dizer, era quem é que lhe mamdou fazer aquilo que fez, mas isso, nunca iremos saber.O " sistema" tem duas cores: O azul e o vermelho, e não sei se já repararam, a "jogada" de ontem de tirar Palhinha do derby, serve na perfeição os dois clubes..!
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 27.01.2021 às 11:49

Nem mais caro amigo José Silva, a provável ausencia do Palhinha no derby serve aos 2 clubes geridos por mafiosos. Quem mandou pois?
A situação está agora nas mãos do próprio árbitro que pode e devia redimir-se e da Drª Claudia Santos veremos que fazem.
Imagem de perfil

De Luísa de Sousa a 27.01.2021 às 12:38

Concordo com as notas do Julius, dava mais qualquer coisinha ao Nuno Mendes - foi incansável

Beijinhos Julius e Rui
Feliz Dia
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 27.01.2021 às 13:39

Bom dia amiga Leoa madeirense,

Quis colocar o Nuno no mesmo patamar exibicional do Porro por isso a mesma nota, repare que enquanto o Nuno teve um aliado em forma o Feddal o Porro teve que se preocupar mais com o seu (Neto).
Mas de facto o Nuno sacou uns tremendos cruzamentos bem venenosos. Ambos Nuno e Porro) vão fazer um bom jogo com o Benfica estou convicto.

Beijinhos aí para a Madeira e um resto de bom dia para si.
Sem imagem de perfil

De J.Oliveira a 27.01.2021 às 16:35

Quanto à apitagem, é preciso não esquecer que o tio deste Vermelhíssimo, é Olegário Benquerença que deu o amarelo ao Liedson que o impediu de jogar na Luz, no jogo do título de 2004/2005. Tal tio tal sobrinho!
Quando Palhinha entrou o Sporting já era para estar a ganhar por 3 ou 4, e se calhar Palhinha não entrava, mas não temos ponta de lança. Sporar é muito inferior ao Pedro Marques. Se o jogo se jogasse sem bola Sporar era um bom jogador. Em todos os jogos falha golos que até um júnior marcava. Metam o Pedro Marques ou qualquer jogador que à frente da baliza com mais de 7 metros consiga empurrar a bola para golo, pode ser um defesa, é melhor que Sporar, já não há paciência. Atenção, que ontem há também um lance escandaloso em Faro, um penálti claríssimo que ficou por marcar a favor do Farense e que, provavelmente empataria o jogo.
E assim vai o mentiroso futebol português.
SL
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 27.01.2021 às 16:55

O Farense pelo que demonstrou nos jogos contra os grandes e atenção 2 desses jogos foram fora de casa é inexplicável como está em penultimo lugar na classificação, jogam e lutam muito bem, tem coisa aí.

Agora é já tarde para nos atirarmos ao Sporar, o mercado vai fechar e não vem mais ninguêm, vamos ter mesmo que o apoiar e motivar a continuar a trabalhar porque vai ter jogos que irá ajudar, o miudo Tomás não tem estaleca para jogar todos os jogos naquele ritmo com que sempre joga.
O Pedro Marque tambem pode ser uma solução, cabe ao treinador decidir perante o que vê nos treinos.

Veríssimo ainda se poderá redimir para que o Palhinha seja justamente despenalizado, veremos o que irá pesar mais, se a justiça ou a pendejada!!
Sem imagem de perfil

De AlexandreP a 27.01.2021 às 23:13

Gostava que o mister desse uns minutos ao Pedro Marques,para ver como corria...

Se calhar seria uma excelente contratação:)
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 27.01.2021 às 23:59

O treinador jamais irá perder a oportunidade de lançar o Pedro se achar que tem condiçôes de ir a jogo, tomara ele poder ter mais soluçôes para a posiçâo de ponta de lança.
Sem imagem de perfil

De J.Oliveira a 27.01.2021 às 16:38

*antes de ontem, o Porto jogou antes de ontem.

SL
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 27.01.2021 às 17:20

Amigo Julius,

É com expectativa que aguardo, e com prazer que leio, as suas notas às prestações dos jogadores do Sporting.
São uma excelente forma de debate e só tenho pena de não poder participar mais cedo.

Corroboro genericamente com as avaliações, achando no entanto que foi generoso com o Sporar. O homem mais adiantado da equipa não pode falhar dois golos como aqueles. Para além de ter submetido a equipa a um esforço desnecessário, poderia ter originado outras consequências no resultado.
Se não se começam a aproveitar estas oportunidades claríssimas, chegará o dia em que vamos ter dissabores.

Não gosto de me repetir, mas em relação ao Palhinha repito o que disse ontém à noite.
Quando o Palhinha entrou estava 1-0 e se, por qualquer motivo, ele não entrasse e o Boavista empatasse o jogo, nao faltavam as vozes a dizer que o Rúben Amorim errou ao não colocar o Palhinha para "segurar" o meio-campo.
E quanto mais revejo o lance menos motivo encontro para o cartão, e até para a falta, salvo a intencionalidade do "apitador" que durante todo o jogo nunca teve esse critério.

Continuo a achar que o Rúben amorim não tem de condicionar as suas opções para um jogo com medo do "apitador". É dar-lhe um poder que ele não tem, nem lhe deve ser dado qualquer sinal que o pode ter.
Situação diferente é, ao longo da época, ir fazendo uma gestão dos cartões em função da provável dificuldade dos jogos.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 27.01.2021 às 17:55

Boa tarde caro amigo e grande Leão do Norte, agradeço as suas simpáticas palavras.

A equipa ganhou um jogo tradicionalmente dificil após todo aquele heróico esforço feito na semana anterior e com curtas paragens entre jogos para recuperação do fisico dos jogadores, a componente psicológica é nestes casos tambêm sempre muito importante depois de toda aquela descarga emocional como vimos no interior do autocarro do Sporting na viagem de regresso de Leiria, esse foi o meu principal motivo que dei nota elevada ao treinador porque conseguiu com sucesso mudar-lhes o chip, conseguiu que o escutassem e respeitassem e no Bessa quase que abafaram o Boavista, aí ficaram visíveis as lacunas da equipa quando teve que mexer no ataque e não ter um matador, Sporar assumiu em demasia a responsabilidade e pareceu bloqueado, nunca conseguiu soltar-se e fazer as coisas de forma mais simples depois tambêm o João Mario não teve o descernimento que se exigia naquele lance a 3 mt da linha de golo, e claro com a mudança táctica do adversário ao intervalo tudo ficou mais difícil e o Jesualdo quis limpar-se do erro que cometeu na 1ª parte e jogou depois na espera do desgaste dos jogadores do Sporting e quando sentiu que era o momento refrescou todo o seu meio campo e tudo podia ter tido um final trágico para nós e que iria mexer em muito na cabeça dos jogadores ás portas de um derby e sabemos como a CS anda mortinha para saltar em cima do Sporting.

De facto se o Boavista empata sem o Palhinha estar em jogo seriam maior as criticas que os elogios que vemos hoje.
Acredito que seja despenalizado mas o problema pode transitar ainda de forma mais gravosa para o jogo seguinte no Funchal se Palhinha e Coates ficarem impedidos de jogar.

Num plantel com limitaçôes fica mais dificil escolher os jogos para gerir amarelos porque todos os jogos são dificeis e todos valem os 3 pontos.

Por ultimo creio que eu seria a ultima pessoa que os amigos esperariam ver a pedir pedidos de motivação ao Sporar e que sejamos generosos nas criticas, tanto o critiquei antes porque tinha a esperança que viesse aí alguém nesta janela de transferências mas já perdi essa esperança, sendo assim só nos resta mesmo apoiá-lo e eu ja fiz a minha parte nas notas dando-lhe mais uns valores do que realmente mereceu.

Comentar post


Pág. 2/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo