Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Assombração II

Naçao Valente, em 13.07.18

 

shadow-man-shaking-tree-green-grass-some-autumn-fo

 

...Os sócios votaram esclarecidamente e disseram que querem o fim do pesadelo. Mas a assombração não quer deixar os corpos gerentes recuperarem o Sporting e instalarem a normalidade. Deste modo, é difícil reverter a perda de activos ou o seu valor e é difícil lançar a época com tranquilidade.

 

Post de 26/6/2018 

 

Depois de vários anos de um caminho que aurava que ia acabar mesmo mal, aconteceu o desfecho trágico que colocou o Sporting num desvario que o bom senso de uma maioria conseguiu travar. Os sócios mobilizaram-se como nunca tinha acontecido, de Norte a Sul do país, e disseram claramente não ao populismo e à deriva ditatorial. Respirou-se de alívio. Mas ainda a destituição estava quente e já o destituído tinha deixado de ser adepto sportinguista e tinha voltado a ser, em menos de meia dúzia de horas. Escrevi então que o Clube estava sob o domínio de uma assombração.

 

Contra a vontade dos profetas da desgraça começaram a viver-se tempo de tranquilidade. A Comissão de Gestão, composta por gente séria, e com serenidade, começou a arrumar a casa e a preparar a nova época, para entregar o clube estabilizado à nova direcção. Passo a passo, foi resolvendo dossiers difíceis, ao mesmo tempo que se entrava num período de normalidade.Pensei então que o lamentável passado tinha acabado e que o Sporting, como grande instituição tinha virado a página. Perante os últimos desenvolvimentos não sei se assim será.

 

A grande assombração voltou, e voltou em duplicado. Dividiu-se para assim tornar ainda mais extensa a nuvem negra que assola o Clube. A pretensa e dupla candidatura de dois reconhecidos golpistas unidos e destituídos, pode não passar de uma tentativa de causar confusão e medo, mas contribuirá para desestabilizar e complicar a vida a quem está a fazer todos os esforços, para recuperar o Clube do fosso onde o meteram.

 

Possivelmente não passam de meros fantasmas, que ainda não perceberam que não têm existência real. No entanto, insistem em  pairar,com o seu cortejo de fanáticos de duvidoso sportinguismo, sobre a vida do clube, ao qual não são leais, se não, depois de terem ouvido um não rotundo na AG, ter-se-iam afastado.

 

Outras assombrações de reconhecido menor impacto estão porém a complicar todo o processo eleitoral. No meio de algumas candidaturas com seriedade, proliferam outras fantasmas, umas já anunciadas, outras em vias de o ser. Não trazem nada de novo, e não consigo perceber ao que vêm. As hipóteses de ganhar são iguais a zero.

 

Alguns exemplos: O que move Dias Ferreira, que prestou bons serviços ao Sporting, mas cujo tempo já passou? O que move  Zeferino Boal, um fala barato, sem conteúdo e sem perfil para a função? O que move um empresário do interior, com uma vaga intenção de coordenar os núcleos?

 

Bom gosto e bom senso é o mínimo que se exige nesta fase. Porque raio de sportinguismo se pauta esta gente, numa fase difícil, sabendo que só vêm para gerar confusão? O melhor serviço que podemos fazer ao clube, neste momento, é estar disponíveis para ajudar quem se apresenta com credibilidade.Já chega de assombrações.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:44

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


38 comentários

Perfil Facebook

De Rui Silva a 13.07.2018 às 08:46

Sem imagem de perfil

De Luís a 13.07.2018 às 10:37

Esta mania cega de rotular os sportinguistas e consócios, não é somente apanágio de uma figura. Infelizmente não faltam consócios a apelidar outros consócios.
Os putativos candidatos ainda nem se apresentaram ou se se apresentaram ainda nem lançaram programas e de muitos ainda nem sabemos quais os membros das suas listas, mas já conseguimos perceber que não prestam ou são simplesmente nocivos para o clube.
Em que sentido se distingue este tipo de linguagem e ideias de outros que foram altamente nocivos para o clube.
Pensava que depois de afastado o clima de caótico em que o clube vivia e parece que ainda vive, seriamos nós os sócios que tínhamos a obrigação de pacificar...
Contudo como sempre e na blogosfera ainda mais já se percebeu; infelizmente, que o clima ainda vai aquecer e que não de augura nada de bom.
Felizmente a Comissão de Gestão e Sousa Cintra continuam a trabalhar em silêncio, depois de se "darem a conhecer" a todas as televisões, rádios e jornais.
O que o Sporting precisa é de silêncio, tranquilidade e paz.
Veja-se o exemplo do caso Bruno Fernandes. Em que os sportinguista mais incautos se deixaram ludibriar, pela enésima vez, pelos pasquins da nossa praça.
Ainda não consegui perceber como 99% dos sportinguistas; sobretudo os da blogosfera, abomina jornais e não acredita nas suas notícias, mas depois faz eco e amplifica mentiras. Deve ser este estado de dormência ou demência que leva o clube a permanentes estados de esquizofrenia...
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.07.2018 às 12:21

Luís,
O clube precisa de "silêncio, tranquilidade e paz". Por isso não consigo perceber o aparecimento de candidaturas quase todos os dias, e ainda falta muito tempo para o fim do prazo.
Sem imagem de perfil

De Joaquim a 13.07.2018 às 12:47

Fala-se em pelo menos mais duas, serão 9, nem todas chegarão ao fim. Como é que se percebe quando há 5/6 anos ninguém lhe queria pegar? Eu só vejo uma razão..o clube está muito, muito apetecível! E ainda bem.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.07.2018 às 12:56

O clube não está, o clube é apetecível. Como disse José Roquette numa entrevista ao Record, a marca Sporting vale 500 milhões.
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 13.07.2018 às 11:27


"O Sporting não se pode dar ao luxo de ter um presidente com 30%" disse e muito bem o sócio Samuel Almeida.
Os resultados desportivos podem não aparecer e rapidamente estaremos em novo acto eleitoral. Mas agora passamos a vida em assembleias???



Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.07.2018 às 12:16

JS,
O Sporting precisa de um novo presidente, com um apoio significativo. A proliferação de candidaturas apenas porque sim, não ajuda em nada a construção de uma presidência forte. Estou porém esperançado que algumas fiquem pelo caminho, porque se forem a votos, terão percentagens insignificantes
Sem imagem de perfil

De LeaoCapel a 13.07.2018 às 12:35

Dias Ferreira tem a meu ver tanta legitimidade para se candidatar como PMR, que não foi aí mencionado. Ambas as candidaturas dignas de cartoons, com anterior percentagem residual de votos e que aparecem apenas para entreter a rapaziada.

Fosse isto bem feito e teríamos apenas Varandas vs Carlos Vieira. Tudo o resto saía de cena...
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.07.2018 às 12:42

Carlos Vieira está suspenso de sócio e não se pode candidatar. Ainda ontem Eduarda Proença de Carvalho, da MAG, o disse.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 13.07.2018 às 12:51

E o mesmo não é aplicável ao lunático ex-presidente ?
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.07.2018 às 12:57

Disse-o em relação a qualquer deles.
Sem imagem de perfil

De LeaoCapel a 13.07.2018 às 12:55

Não percebo porquê? Que BdC seja impedido de se candidatar, aplaudo, porque os atropelos aos estatutos foram demasiados no último mês para serem passados em claro.

Agora gostava que me dissessem o que fez CV para que não se possa candidatar...
Alguém deve andar com medo de certeza... Afinal de contas no meio de tantas candidaturas, o homem pode significar 30% ou mais do eleitorado. Eu percebo perfeitamente...

Nesse caso, eu sugeria que dispenssassem o acto eleitoral... Convocava-se desde já uma AG extraordinária para o fim de semana que vem e elegiasse Varandas por aclamação... Não percamos tempo
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.07.2018 às 13:00

Carlos Vieira foi cúmplice até ao fim de tudo o que se passou. Era livre de sair e manteve-se. Além disso, é minha convicção, que as candidaturas de Bruno e Vieira. são apenas uma.
Sem imagem de perfil

De Jorge a 13.07.2018 às 13:03

E quem é que, não se demitindo, acabou por também permitir e validar esses atropelos aos Estatutos?

A sério que acham mesmo que esse Carlos Vieira é o Centeno da bola?
Bolas, o homem nem falar sabe...

Carlos Vieira não me mete medo nenhum, o que me assusta é haver gente que depois de tudo o que se passou ainda se disponha a apoiar um tipo destes.
Sem imagem de perfil

De LeaoCapel a 13.07.2018 às 13:48

Portanto está suspenso de sócio e impedido de se candidatar porque... não se demitiu quando a CGestão queria,é isso?
Porque não admitem logo é que estão com medo que dê barraca e que não vá para o poleiro quem a CGestão quer...
Se fosse há uns tempos atrás choviam acusações de ditadores para a esquerda e Coreia do Norte para a direita.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.07.2018 às 14:50

A CG não escolhe nem nomeia nenhum candidato. Quem tiver condições pode apresentar candidatura, quem elege a direcção são os sócios. O que é que isto tem de ditatorial?
Sem imagem de perfil

De Jorge a 13.07.2018 às 15:37

Meu caro, se não percebeu ainda , nós não lhe vamos conseguir explicar.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.07.2018 às 16:56

Os estatutos devem ser alterados e com urgência. Quem for destituido não poderá jamais ser candidato a qualquer orgão do Sporting.e em 2º lugar, tem de haver uma 2ª volta das eleições, caso ninguém ganhe com mais de 50% na 1ª volta. Se não for assim, qualquer dia temos a Presidente do Clube um indíviduo que nem serve para estar à frente de um rancho folclorico, como o ex presidente .

José Silva

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 13.07.2018 às 17:17

Caro José Silva,

Agradecemos que siga estas simples instruções para se identificar como deve ser. Deste modo evitará que o comentário seja eliminado.

http://camaroteleonino.blogs.sapo.pt/3531015.html

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 13.07.2018 às 16:28

Por mera coincidência, a mesma Eduarda Proença de Carvalho que comentou hoje num link de Facebook do Camarote Leonino.
Sem imagem de perfil

De Cris Dileo a 13.07.2018 às 12:35

Não acho que seja muito positivo haver muitas candidaturas mas o problema principal é mesmo a falta de ideias e conteúdo e isso é transversal a todos

Ainda ontem FV dizia que se tem de errar menos e acertar mais

De qualquer forma entre aquelas que não podem avançar e as que vão desistir prevejo que cheguem ao fim 3 ou 4 o que está dentro da média.

Sobre os resultados - se não aparecer por aí uma candidatura de Figo ou Benedito, FV ganha com maioria absoluta, mas de qualquer forma ter 30%, 50% ou 90% vale exactamente o mesmo e o passado é prova disso
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.07.2018 às 12:46

Cris Dileo,
Também acredito que nem todos chegarão ao fim. Peço desculpa, mas não percebo como as percentagens referidas valem o mesmo.
Sem imagem de perfil

De Cris Dileo a 13.07.2018 às 13:03

Não foi por ter só 30% que GL caiu, nem os 90% de BC ou JEB serviram para alguma coisa.

As % que contam são as das vitórias

Para além disso - imagine o seguinte;

Se concorrerem por exemplo FV e DF e ganhar o primeiro com 80% é melhor do que haver 6/7 candidaturas e vencer por exemplo FV com 30% ?

Acha que há menos divisão por isso ?
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.07.2018 às 14:54

Acho que quanto mais votos tiver o vencedor mais legitimidade tem. Os seus apoiantes sendo maioritários, estão mais disponíveis para lhe dar o que se chama estado de graça. O que acontecer a seguir já tem mais a ver com a sua gestão e com os resultados desportivos.
Sem imagem de perfil

De Maria Belen a 13.07.2018 às 13:01

Só tem medo de assombração quem tem uma fé pequena ou inexistente. E aqui reside o problema. Não há fé. Não há Líder a seguir e desejar...
A campanha que vai "mais bem" lançada não aquece. Nem arrefece. Não aquece porque nada é muito definido e andam por ali fantasminhas notáveis cujo corte seria mais do que bem vindo (e não é o próprio um?!). A segunda campanha, e reincidente, é curiosamente a que anima a maioria dos que foram, todos estes anos, minoria. Porque demonstra coragem, vontade de fazer mas estará de alguma forma etiquetada como "sem hipóteses" "fraquinha" (com o eco passado à exaustão numa CS a quem não serve o bem ou interesse do Sporting). Depois temos umas quantas que geram um "olha este" "o quê, ainda é vivo?" "este quem é?" e assim se continua à espera d'El Rey Dom Sebastião. Tic Tac, meu senhores. O tempo não para. Nem as pessoas; e temo bem - pelo que oiço aqui e ali - que já vão para férias sem se ralarem demasiado com o Sporting. A actual gestão está a manter o Sporting à tona. Quando as pessoas regressarem de férias, logo se vê como (e se) tira do mar...
Haja uma candidatura forte, agregadora e inspiradora e nem o Bruno em cuecas a abrir o Telejornal assombra uma criança de 5 anos. Mas não há. Para já não há e o tempo que entra é complicado - para se nascer, para mudar as janelas da casa, para se prestar atenção a programas eleitorais...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 13.07.2018 às 13:09

Subscrevo genericamente as suas considerações. Daí, que eu tenha ficado muito depecionado com a decisão de Rogério Alves de não liderar uma candidatura.

Nas circunstâncias actuais, e apesar de eu ser crítico de Sousa CIntra há anos, estou quase a chegar ao ponto de desejar a sua candidatura.

É trapalhão, como sabemos, mas consegue impor-se e apresentar serviço, sem a necessidade de propaganda avulsa.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.07.2018 às 15:12

Sousa Cintra foi um populista moderado. Perdeu a minha confiança quando despediu Robson, e deitou porta fora a conquista do campeonato, mas nesta fase, com a mesma verborreia, mas mais maduro, não seria mau presidente. Já deu para perceber que isso não está no seu horizonte.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.07.2018 às 15:05

MB,
A sua análise, no contexto, faz sentido, mas a procissão ainda nem começou. Ou seja, concretamente, não há nenhuma candidatura. O que há são os candidatos a marcar terreno e posição. Neste sentido todas estão em aberto.
Espera-se assim por mais definição. Na minha perspectiva, é cedo para avaliações. Eu tenho alguma dificuldade em avaliar o que é uma candidatura forte. Todas terão pontos fortes e fracos. Para mim, para além de projectos, analiso os candidatos a partir de valores e competências.
Sem imagem de perfil

De Maria Belen a 13.07.2018 às 22:20

Equanto mais demorarem a vincar e defenderem posições mais espaço deixam para as embirrices e desgostos se alastrarem. E a indecisão dar origem a um desinvestimento que é (muito) perigoso para o Sporting.
Quando as embirrices e desmotivações estiverem instaladas de nada adiantará aparecerem com El Rey Dom Sebastião como cabeça da Lista de Honra. Acredite-me... e olhe que não falo de El Rey por causa da música do José Cid mas pela história/lenda do mesmo. Quando se quiserem mostrar como salvadores as dúvidas já estarão de tal maneira instaladas no desinteresse que se vai dizer "que seja" sem o entusiasmo que o Sporting precisa. Mais do que nunca. E acicatando os acólitos underground a continuar a "guerra". Poderei estar enganada - espero que sim - mas tenho o péssimo hábito de conhecer bem demais a condição humana que me isolou nestes últimos anos no meu querido Sporting Clube de Portugal
Sem imagem de perfil

De Adepto Enervado a 13.07.2018 às 14:55

O problema aqui é que estão a aparecer demasiadas candidaturas ,mas estou em crer que a candidatura do B@rdamerd@s e a do seu ex-acólito Vieira irão desaparecer porque não podem concorrer, e se a justiça deste país atuar, o B@rdamerd@s vai é concorrer a faxineiro em Caxias.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 13.07.2018 às 14:59

PROCURA-SE LEADER
para presidente do Sporting

Melhor colocarem um anuncio no CM e fazerem depois uma triagem e finalmente as derradeiras entrevistas e selecionarem ....um.

Dos 30 aos 80 anos , formação em gestão de empresas , que nao tenha ainda falido nenhuma , que nao seja pai de filhas , que nao tenha voz pesada e chata mas tambem nao demasiado fininha , que nunca tenha dito uma mentira, nem ofensas a ninguem, que nao tenha facebook e de preferência que nao tenha igualmente correio electronico.
Que aceite trabalhar só com ..secretários, que dê garantias de só dar voltas olimpicas nos titulos da liga e da champeon league, que dê somente 2 entrevistas por ano, que nao negocei comissões pessoais nas vendas dos jogadores, que deixe lá estar o JJ sossegado nas arábias, e que deixe escrito que cada vez que as claques quiserem dar porrada nos jogadores darem nele.

Ordenado só pago quando a equipa ganha.

E assim o assunto fica resolvido!!
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 13.07.2018 às 15:07

Para mim está encontrado. Chama-se Indiana Júlio.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 13.07.2018 às 15:17

Nao passava nas entrevistas isso de só trabalhar com secretários não é para mim e levar todas as vezes as porradas que eram dirigidas aos jogadores saía sempre do estadio daquela forma e naquele estado como todos vimos no outro a sair ,....nem pensar!!!!
Sem imagem de perfil

De Luís a 13.07.2018 às 15:27

Nada disto se colocava se os Estatutos do Sporting Clube de Portugal fossem outros. Nunca deveria ser possível eleger um Presidente que não fosse por maioria simples dos votos expressos. A não acontecer tal cenário, seria efetuada uma 2º volta entre os 2 candidatos mais votados. E nada disto acontecia e nunca haveria uma proliferação de listas, porque à partida muitos dos candidatos já saberiam que não teriam a minima hipótese sequer de ir a uma 2ª volta.
Sem imagem de perfil

De João Gonçalves a 13.07.2018 às 15:33

O excesso de candidaturas será sempre nocivo. E se calhar tem um propósito...

Haver gente que ainda se consegue juntar a Bruno de Carvalho, numa lista de candidatura à presidência do clube, é algo de surreal. Nunca percebi o encanto que este homem lança sobre quem o rodeia. Não é o único. Os exemplos na História do mundo são mais que muitos, mas a mim custa-me a perceber...

Carlos Vieira é um case study... A colagem a BdC durante semanas de lealdade canina, e a descolagem que assumiu ontem são no mínimo estranhas.

Dois candidatos que me parecem pessoas sérias: Varandas Fernandes e Pedro Madeira Rodrigues. Se têm capacidade para liderar um clube como o Sporting, não sei.

O resto é fogo de vista.

Antevejo mais uns meses complicados para o Sporting e um início de época atribulado pelo facto de a equipa ter sido tão delapidada nas últimas semanas...

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D




Cristiano Ronaldo