Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Até na Champions o VAR é encarnado

Rui Gomes, em 15.09.21

Screenshot (314).png

Erro grosseiro do VAR salva Benfica nos descontos. Absolutamente incompreensível que o VAR tenha descortinado um fora de jogo neste lance, que daria a vitória aos ucranianos.

O jogador que marca o golo é o que está no topo da imagem que publicamos. Nem sequer há o mínimo de margem para dúvida.

Pela evidência à vista, não é só em Portugal que a arbitragem dá que falar, pela negativa.

Curiosamente, a escassos minutos do final, o árbitro expulsou um jogador do Dínamo Kiev por acumulação de amarelos, só para posteriormente verificar que, na realidade, era a primeira sanção ao camisola #19.

P.S.: Um amigo meu disse-me, já depois de eu ter preparado o post, que o fora de jogo terá sido assinalado no início do lance. Voltei a ver as imagens e continuo não detectar qualquer posição irregular dos intervenientes com bola.

ADENDA

shaparenkodr.jpg

Será esta a imagem mais correcta?

O jogador do Dínamo Kiev que recebe a bola (em baixo na imagem) e que eventualmente executa o cruzamento que dá no lance do golo estará milimetricamente adiantado ao último jogador do Benfica.

publicado às 03:02

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


3 comentários

Sem imagem de perfil

De João F. a 15.09.2021 às 13:25

Por exemplo em França, há quem tenha a opinião, que o árbitro teve um grande erro na anulação do golo do Kiev:

https://www.msn.com/fr-fr/sport/football/ligue-des-champions-l-%C3%A9norme-erreur-de-l-arbitre-de-kiev-benfica/ar-AAOspkt?ocid=msedgdhp&pc=U531
Sem imagem de perfil

De acoppt a 15.09.2021 às 14:01

Ou então que utilize um tradutor

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds