Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Tem vindo a ser justamente elogiada a operação da qual resultou a transferência de Nuno Mendes para o PSG. Operação que surpreendeu, pelos complexos contornos do negócio, e pela segredo da sua concretização. Ou seja, quando a informação chegou à comunicação social, já o negócio estava efectuado. E embora os detalhes possam ter sido ultimados, no dia em que foram conhecidos, é normal que, dada a sua complexidade, estivesse a ser preparado já há algum tempo. Significa que a estrutura ligada ao futebol, está a trabalhar com grande profissionalismo, de forma discreta e eficiente. Esta transferência, com outras menores, permite ao Clube ter um saldo positivo, entre compras e vendas.

depositphotos_42658171-stock-photo-soccer-ball-in-

O sucesso deste negócio, que reuniu quase total unanimidade, entre os adeptos, é apenas a ponta de iceberg de uma série de operações, não tão mediáticas, mas mesmo assim muito importantes, e que não têm sido valorizadas como merecem. Trata-se da saída de vários excedentários através de venda, de empréstimo, ou de rescisão de contrato. O resultado mais imediato consiste na poupança de muitos milhões na folha salarial da SAD.

O outro benefício é que permite aos jogadores dispensados, continuarem em actividade, podendo, nalguns casos, evoluir enquanto atletas. Noutros casos, pode acontecer que seja accionada a opção de compra no fim da época, ficando assim a situação resolvida, em definitivo. A excepção deveras frustrante é Renan Ribeiro que resiste a colaborar, mesmo tendo sido apresentadas alternativas. Parece-me uma situação estranha ou até absurda. Não entendo que benefício tira dessa teimosia, nomeadamente para a sua carreira. Ou haverá alguma coisa que nos escapa? 

Em conclusão, todo este trabalho de secretaria, realizado com muita eficiência, durante a abertura do mercado, além de resolver problemas, foi feito com a maior discrição, sendo conhecido na altura em que se concretizou. E se podemos criticar esta Direcção por alguns maus negócios, como outras, a verdade é que implantou uma fórmula de gestão de activos, eficaz. E uma das suas componentes, entre outras, é muita antiga: o segredo é a alma do negócio... até no futebol.

publicado às 03:03

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


17 comentários

Imagem de perfil

De Leão Zargo a 05.09.2021 às 08:59

Caro amigo Nação Valente

O presidente Frederico Varandas tem o grande mérito de saber resistir à volúpia da exposição pública, sabendo que o que importa é o trabalho em equipa nos bastidores. Liderança, conhecimento, colaboração, cooperação e discreção tornou-se uma linha de actuação da estrutura dirigente do Clube. Esta é uma das imagens do Sporting actualmente.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 05.09.2021 às 10:33

Caro amigo Leão Zargo,

Salientou, com toda a propriedade, a figura do presidente Varandas. Um trabalho de gestão competente, tem de ser um trabalho de equipa, mas à frente desta tem de estar um bom timoneiro, que para o ser, não precisa de se pôr, em bicos de pés.
Sem imagem de perfil

De Juskowiak a 05.09.2021 às 09:46

Os méritos de Varandas & Companhia são indiscutíveis, neste momento. Será certamente um presidente interessante para os historiadores de futebol do futuro abordarem dentro de algumas décadas.

Também é preciso que nós, sportinguistas, não sejamos bipolares como é tão comum no futebol: nós não vamos ganhar sempre nem vamos fazer grandes negócios todos os anos, e no dia em que "a bola não entrar na baliza" devemos respirar, esperar que a época acabe, e não ir para a rua berrar que é preciso eleições.

Varandas merece crédito. E merece também que todos aqueles que o criticaram lhe reconheçam o mérito de nos ter devolvido a alegria de sermos sportinguistas.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 05.09.2021 às 10:42

Juskoviak,

O presidente Varandas enfrentou muitas dificuldades no início do seu mandato, pelos problemas encontrados, pela oposição agressiva dos "antis". Andou um pouco perdido na procura de êxito rápido, tomando decisões precipitadas, e com pouco critério.

A tempo, mudou a agulha, rodeou-se de quem percebe de futebol, e contra baixas expectativas, levou o Clube para o êxito inesperado. Mas estamos apenas no início do caminho. Há muito a percorrer. E para isso temos de estar unidos.
Sem imagem de perfil

De José Silva a 05.09.2021 às 11:28

Renan dá hoje uma entrevista no jornal Record, onde diz que o Sporting não o quis negociar...! Significa que ainda tornou mais misterioso, todo o "mistério" passe a redundância, tudo aquilo que o envolve , neste momento no Sporting !
Sem imagem de perfil

De João F. a 05.09.2021 às 11:56

O que diz o Renan é apenas a sua verdade e nada mais. E cada um interpreta-a como muito bem entende. Eu acho, que ele foi afastado da equipa, porque houve alguma coisa que não agradou ao Ruben Amorim. Outros já foram afastados por ele, certamente por atitudes que não agradaram ao treinador.

Os pasquins querem é dividir e para isso estão prontos a tudo (ou quase...) sem honra e nem vergonha.

Saiu hoje num desses pasquins, que habitualmente só escrevinha coisas depreciativas sobre o Sporting, que o Clube vai economizar esta época, cerca de 34M€ com os excedentários que tinha, considerando os empréstimos, vendas e as economias nos salários. Para os tempos que correm, nada mau...
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 05.09.2021 às 16:06

João F.,

Renan, sem ser um guarda redes de top, cumpriu enquanto foi titular. Foi afastado por Rúben Amorim. Também tenho a convicção que alguma coisa, de marginal à sua qualidade, se passou. Vamos ver se depois da sua saída saberemos.

Quanto ao valor da poupança, com a saída de excedentários, os números que conheço, com base em informação da imprensa, são inferiores, cerca de metade. Seja como for não deixa de ser significativo.
Perfil Facebook

De Fúlvio Amaral a 05.09.2021 às 21:49

Os problemas com o Renan não começaram com o Rubén Amorim já tinha havido problemas com Silas, aliás os problemas começaram com a titularidade de Max.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 05.09.2021 às 15:56

José Silva,

Temos agora a versão do Renan, mas não temos a versão oficial do Sporting. O que sabemos, provem de noticias, da comunicação social. O "mistério" continua.
Sem imagem de perfil

De João F. a 05.09.2021 às 16:47

Duvido muito que a direcção deia alguma vez justificações sobre afastamento do jogador. Analisando bem, é um assunto de foro interno e que não diz respeito em nada à chamada CS. Os assuntos internos do Sporting nunca devem andar na rua. Num momento oportuno, quando da realização duma AG, qualquer sócio pode pedir esclarecimentos sobre este e outros assuntos. O Sporting foi durante tempo demais, a casa da "D.Joana" onde se discutia e tudo se sabia na rua para gáudio dos cartilheiros e quejandos. Pelo que se tem visto ultimamente, a discrição é a palavra de ordem e ainda bem.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 05.09.2021 às 17:04

Caro amigo Nação Valente,
É notório que neste momento, e felizmente, o Sporting está "blindado" contra fugas indesejáveis. A este facto não é alheio o perfil do "núcleo duro" responsável pelas decisões.
Mesmo nos períodos em que as decisões não foram tão acertadas, a discrição esteve presente. Se em algum momento o segredo não pertenceu à alma do negócio, a "culpa" não foi da forma como a estrutura directiva conduziu o negócio mas das especificidades do treinador.
No entanto, e tristemente, vemos como, apesar do reconhecido sucesso, a união em torno do Sporting continua a ser difícil. Basta ver os comentários que, a propósito dos negócios do mercado de transferências, circulam pela net para perceber como o Sporting e a sua direcção contiuam a ser objecto para "destilar" ódios antigos.
Se assim é em período de vitórias, imaginemos nas inevitáveis derrotas.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 05.09.2021 às 18:50

Caro amigo Leão do Norte,

A divisão provocada pelo "brunismo" é e será um caso de estudo. Não me lembro de haver, no Sporting, uma tal cegueira por uma pessoa, que nem se encontra ligada a um período de sucessos.
Como diz, nem os êxitos recentes, conseguiram apagar esses ódios. Basta surgir uma pequena brecha, para os "opositores", que serão uma minoria, saírem do seu "exílio" assumido. Vejo-os como fanáticos de uma espécie de "religião". O fanatismo não tem cura, porque vive da irracionalidade, levada ao absurdo.
Nem consigo imaginar o que seria sem este período de êxitos. E esperemos que as "estrelinhas" continuem a proteger o Sporting.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 05.09.2021 às 19:17

"E esperemos que as "estrelinhas" continuem a proteger o Sporting."
Porque é exactamente disso que se trata. Proteger o... Sporting e não uma pessoa qualquer.
Só o fanatismo e a irracionalidade a ele associada nos levam, em nome de uma instituição, a colocar os interesses de alguém acima dos interesses da própria instituição.
Imagem de perfil

De Luísa de Sousa a 06.09.2021 às 21:09

Uma gestão muito eficaz e eficiente desta direção do Sporting

Beijinhos, Nação Valente
Boa Noite
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 06.09.2021 às 23:48

Obrigado pelo comentário, Luísa de Sousa. Uma gestão, sem foguetório, que merece o nosso reconhecimento.

Beijinhos

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo