Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Boa ou má decisão do Sporting ?

Rui Gomes, em 26.07.18

 

15325142845221.jpg

 

Esta é a transcrição de um artigo de ontem do Record, curiosamente, o único diário que faz referência aos valores que o Atlético de Madrid terá oferecido por Gelson Martins:

 

"O Atlético Madrid fez uma última tentativa para chegar a acordo com o Sporting por Gelson Martins. O clube espanhol apresentou uma proposta de 22 milhões de euros, mais 10 por objectivos, dos quais metade eram relativamente fáceis de atingir. Em troca ficaria com uma percentagem entre os 60 e os 70 por cento do passe. Sousa Cintra, mais uma vez, recusou de imediato, pedindo 50 milhões pela transferência".

 

Hoje, o mesmo jornal refere ainda que Sousa Cintra só aceitava baixar até 45 milhões de euros e que a recusa não terá sido consensual na SAD.

 

Apesar de não achar a informação fiável, apresentamos a pergunta ao leitor: Foi uma boa ou má decisão do Sporting recusar esta (hipotética) oferta do emblema espanhol ?

 

Nota: Segundo o que está a ser hoje noticiado, Gelson Martins passará a ganhar em Madrid 3 milhões de euros livres de impostos (cerca de o dobro antes de descontos), quatro vezes mais do que auferia no Sporting (700 mil euros líquidos por época), e recebeu um prémio de assinatura de 5 milhões de euros.

 

O dinheiro acaba por falar sempre mais alto. Eis a real "justa causa" da rescisão, o resto é mero adorno colateral.

 

publicado às 05:33

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


65 comentários

Sem imagem de perfil

De Sr. Comentador a 26.07.2018 às 06:00

Mesmo sem fazer plena confiança nos valores apresentados pelo jornal, acho que foi uma boa decisão.
Sem imagem de perfil

De João a 26.07.2018 às 07:10

Óptima decisão! Acredito que o caso dos jogadores perdeu força depois de alguns terem voltado, agora temos de ser irredutíveis, principalmente com estes meninos da academia que afinal são os mais ingratos de todos....
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 26.07.2018 às 14:17

Não discordo, mas não deixa de ser uma faca de dois gumes.
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 26.07.2018 às 23:08

Uma coisa nada tem a ver com outra!
2 pessoas são esfaqueadas pela mesma besta. Uma faz queixa outra não. Isso retira força a quem faz queixa, só porque a outra não fez?!

É como a questão do cú e das calças.
Sem imagem de perfil

De Pedro51 a 26.07.2018 às 07:33

Se os valores eram estes, Cintra falhou desta vez. O Sporting nunca irá receber 50M. Nem 45M. 27M certos mais 30% a 40% numa futura venda, nesta situação, era de aceitar.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 26.07.2018 às 14:24

Não sei se o sentimento de indignação entrou na equação, pela perspectiva de Sousa Cintra e Sporting.

O Atlético de Madrid aproveita-se de uma situação muito delicada para "roubar" uma das pérolas do futebol leonino. É óbvio que é um clube que não tem dificuldades financeiras, no entanto, para acentuar o aproveitamento, começa por oferecer 15 milhões, subindo depois a parada para os 22, mais objectivos.

É difícil compreender porque é que não ofereceu mais uns milhões para adquirir 100% por cento do passe. No entanto, a acreditar, não teve problemas alguns em quadriplicar o salário do Gelson e dar-lhe um prémio de assinatura de 5 milhões.

Penso que a postura deles revoltou Sousa Cintra.
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 26.07.2018 às 23:10

O posto que ocupa exige racionalidade, não emoção. A emoção fica para os sócios, adeptos e simpatizantes.

Essa emoção pode custar uns valentes milhões...ou não!
Perfil Facebook

De Mike Portugal a 26.07.2018 às 08:14

Boa decisão. O SCP deve recusar tudo o que seja vender menos de 100% do passe do jogador, especialmente se for a um clube que se sabe que tem dinheiro e faz parte do carrocel do Jorge Mendes.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 26.07.2018 às 09:14

O Gelson vale no mínimo 30M.... aceitar algo abaixo disso não me parece boa decisão.

Creio que o que está em causa para a recusa tem a ver com os 2 jogadores que o Jorge Mendes quer colocar no Sporting, Vietto e André Moreira…. não é por acaso que o Rui Patricio não deu dinheiro ao Sporting e o Podence igual….

Isto é mais uma vez as jogatanas do Mendes no ataque ao Sporting…. se repararem são sempre os mesmos clubes que fazem este tipo de jogadas…. e por muita coincidência são sempre os clubes que têm boas relações com o Mendes.
Perfil Facebook

De Mike Portugal a 26.07.2018 às 09:32

Não sei se será só por aí, até porque Vietto seria bom jogador para o nosso campeonato.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 26.07.2018 às 09:50

Mike,

Vietto são restos…. foi emprestado pelo Atlético e não se impôs…. tal e qual o Pongolle e outros mais que já fomos buscar ao Atlético….
Sem imagem de perfil

De antonio a 26.07.2018 às 10:29

O objetivo do Mendes nao é atacar o Sporting, mas sim fazer dinheiro. Quem atacou o Sporting foi o presidente que o Schmeichel apoiou e a Juve Leo.
Sem imagem de perfil

De João Carvalho a 26.07.2018 às 15:52

Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 26.07.2018 às 19:54

Se o objectivo é fazer dinheiro à custa do Sporting.... isso é atacar o Sporting... não é por ter havido o ataque de Alcochete que vale tudo!
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 26.07.2018 às 09:52

BOA DECISÃO DO SCP (deixemos de personalizar as decisões, boas ou más são do clube)! Gelson vale no mínimo 50 milhões.

Na via judicial que o SCP tem em mãos, por enquanto, com Patrício e Podence, já tem a seu favor na sustentação jurídica o facto de Acuña não ter rescindido (foi um dos mais visados e ficou), assim como a permanência de Bruno Fernandes e Bas Dostno plantel.
O SCP acrescenta a seu favor com este litígio que envolve Gelson , a parte que se refere aos valores da indemnização que reclama judicialmente. Que base teria o SCP ao pedir 44M por Patrício (atenção que se trata dum guarda-redes) de forma litigiosa, e por outro lado tinha cedido a transferir Gelson (extremo com muita margem de progressão) por 32M (22M + 10M dos objectivos)?

Na minha opinião o SCP escolheu Gelson como exemplo claro nesta situação das rescisões, para marcar um posição inequívoca e com isto dar três sinais interna e externamente:

1 – Internamente dá um sinal claro que não vai facilitar e abdicar dos seus direitos, dando um alerta claro para situações futuras que se enquadrem neste problema de jogadores que queiram rescindir e sair a qualquer custo, fazendo até chantagem para saírem.

2 – Externamente dá um sinal claro que não abdica dos seus direitos e não cede a chantagem de emprsários sedentos de dinheiro, nem que para isso tenham que prejudicar jogadores e o SCP. NÃO ESTAMOS EM SALDOS é a mensagem clara!

3 - Na VIA JUDICIAL que o SCP tem em mãos (por enquanto com Patrício e Podence), já tem a seu favor na sustentação jurídica o facto de Acuña não ter rescindido (foi um dos mais visados e ficou), assim como a permanência de Bruno Fernandes e Bas Dost no plantel.
O SCP acrescenta a seu favor neste litígio que envolve Gelson , a parte que se refere aos valores da indemnização propriamente ditos que reclama judicialmente.
Que base teria o SCP ao pedir 44M por Patrício (atenção que se trata dum guarda-redes) de forma litigiosa, e por outro lado tinha cedido a transferir Gelson (extremo com muita margem de progressão) por 32M (22M + 10M dos objectivos)?
Ao abrir este precedente, quanto receberíamos por Podence, Rafael Leão ou Battaglia? Migalhas?
Perfil Facebook

De Luis Vicente a 26.07.2018 às 10:02

Vejo por aqui cada sustentação jurídica que é de bradar aos céus.
Quando tiverem de pagar os salários até ao fim do contrato,eu passo por aqui para ler os comentários .
Ou alguém ainda tem dúvidas que os jogadores que rescindiram ganham o caso?
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 26.07.2018 às 10:56

Os outros para si são todos uns leigos juridicamente mas o caro já tem a certeza que serão absolvidos , vejo aqui um iluminado na advocacia, o Juan Pérez terá que se pôr a pau com este(s) iluminado(s).
Perfil Facebook

De Luis Vicente a 26.07.2018 às 16:09

Tenho muita honra em ser um iluminado jurídico,só tenho pena de não ser um iluminado em:
Flick-Flack
Lavador de imagem de destituídos
Treinador de futebol?
Gestor de balneário
Melhor treinador dos Andes e arredores
Embelezado da imagem de claques
Mentiroso compulsivo etc etc
Ps....Como causídico és também um expert,descodifica esta norma do CCTD.
"Toda a entidade Patronal é responsável pela segurança e integridade física dos seus trabalhadores,no seu local de trabalho,durante o horário normal de trabalho.
Ora descodifica lá?





Imagem de perfil

De Rui Gomes a 26.07.2018 às 17:06

Caros Luís Vicente e Julius,

Se não abandonarem o debate de baixo nível e em termos pessoais, obrigam-me a intervir.

Não pretendo repreender ninguém, mas têm a obrigação de reconhecer que a nossa presença aqui merece uma postura de respeito, não obstante as opinões.

Obrigado.
Sem imagem de perfil

De PSousa a 26.07.2018 às 11:12

Temos todos dúvidas, assim como você têm.
Mas, se o SCP ganhar, não se esqueça de passar também e até de comentar.
Perfil Facebook

De Luis Vicente a 26.07.2018 às 16:11

Não vou esquecer!!!
Até porque quem tantos anos contra a ditadura nunca perde a memória
Sem imagem de perfil

De Jorge a 26.07.2018 às 10:12

O Sporting tinha aceite vender o Rui Patrício por 18M€, acordo que falhou na última hora devido a BdC. Com que base pede agora 44M€?
Pegando na sua tese, WC foi vendido por 16M€, Gelson vale o triplo? E Podence, Leão e Battaglia valem mais que WC?
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 26.07.2018 às 10:28

Mesmo sabendo que o jogador valia mais, o SCP tinha aceite 18M por Pátrício com base numa negociação. Uma situação de negociação é idêntica a uma situação de litígio? Não me parece!
Na queixa apresentada à FIFA no caso de Patrício, o SCP pediu 54,7M (não os 44M que mencionei por lapso).
WC foi vendido por 17M€ + Objectivos (diferente daquilo que escreveu), também com base num acordo e não numa situação de litígio. Foi um ACORDO.
O que escrevi não é uma tese, somente uma opinião que não vale mais/menos que nenhuma outra.
Opinião = modo de ver pessoal ou subjetivo.
Sem imagem de perfil

De antonio a 26.07.2018 às 10:34

O caro está a confundir as coisas. A FIFA vai avaliar o que se passou com cada jogador individualmente e decidir individualmente para cada um.

Se outros jogadores recuaram ou nao nas suas decisoes é algo pessoal que resulta do estado psicologico de cada um. Ou seja, muito provavelmente a decisao do Bas Dost nao terá qualquer influencia no caso Patricio, Podence e Gelson.
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 26.07.2018 às 11:18

"A FIFA vai avaliar o que se passou com cada jogador individualmente e decidir individualmente para cada um. "
Sendo que as cartas de rescisão e os argumentos são quase idênticos nas rescisões em litígio. Faz todo o sentido.
A causa é a mesma em todas as situações de rescisão!

No Camarote Leonino há aqui um supra-sumo em Investigação Criminal +Finanças+Economia + Jornalismo+ Direito...e quem sabe em Engenharia e Medicina...que nos faz o favor de brindar com a sua presença diária e iluminada, que nos pode esclarecer a todos sobre estas e outras questões tão pertinentes.
Sem imagem de perfil

De antonio a 26.07.2018 às 11:26

Nao confunda ainda mais as coisas. A FIFA vai decidir individualmente para cada jogador. Se essa decisao será a mesma para todos com base nas mesmas causas, é perfeitamente possível e até o que seria de esperar.

O que eu disse é que isso nao significa que o recuo do Bas Dost ou B. Fernandes tenha qualquer peso na decisao, já que sao decisoes pessoais. Aliás é mesmo muito improvável que essa situacao tenha qualquer peso na decisao final.

Isto é tao óbvio que eu nao sei como lhe explicar melhor.
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 26.07.2018 às 11:34

Não precisa de explicar nada e fica com a bicicleta como brinde!
As situações legais são tão óbvias que nem sei o porquê das pessoas se darem ao trabalho de resolverem conflitos em tribunal. Bastava ler o que a lei diz e bola para a frente...As pessoas adoram complicar o que é fácil, só pode ser essa a explicação.
Sem imagem de perfil

De antonio a 26.07.2018 às 12:02

Sem qualquer ironia (já que parece usar e abusar dela), garanto-lhe que eu nao sei mais sobre este assunto do que o José Sousa. Mas nada disto é simples, quando até os especialistas dizem que há leis pouco claras em torno de toda esta situacao. Se as leis sao obvias para si - ótimo - mas tem que ser claras é para quem vai decidir.

José Sousa, acho que nao é necessário apelidar-me ou outros benfiquistas apenas por discordarmos quanto ao procedimento que a FIFA vai seguir. Isso apenas reflete sobre si.

Sem imagem de perfil

De José Sousa a 26.07.2018 às 12:10

Repito o que afirmei. Tudo o que disse é a minha opinião, mesmo não estando na posse de todos os dados jurídicos que somente as partes têm.
O direito não é uma ciência exacta, logicamente pode dar para os dois lados.

O caro António tem a mania que é guarda-redes e apanha as bolas todas.
O que eu disse não dirigido a si.
Mas entretanto o post de dia 26/07/2018 às 05:31 horas, continua sem qualquer comentário seu e diz respeito ao seu clube.
Segue a máxima que a casa do vizinho é sempre mais interessante que a própria! Não é assim?
Sem imagem de perfil

De antonio a 26.07.2018 às 12:25

Nao, mas acho curioso que afirme que a casa do vizinho é mais interessante com a referencia a um post sobre o Benfica. O caro hoje está com o turbo.

Comento onde quero e no que me interessa e nao para agradar a alguém em particular. Já que está tao interessado, nao tenho nada a acrescentar sobre esse post. A ser verdade é uma vergonha para o nome do meu clube e para o país.
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 26.07.2018 às 13:12

Caro António,

Já tinhamos trocado ideias neste espaço e confirmei aquilo que tinha em mente.
O António é benfiquista (não lampião) e tenho todo o gosto em trocar ideias consigo.
Não estou com o "turbo". É a ideia de dever profissional cumprido e a ansiedade pela desejadas e merecidas férias em família que estão quase aí.
Perfil Facebook

De Luis Vicente a 26.07.2018 às 16:14

Por acaso(mas só por acaso)até conseguia esclarecer.
Mas para isso terias que elevar o teu QI para perceberes.
No fim falamos.
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 26.07.2018 às 16:31

O Luis "QI ELEVADO" enfiou a carapuça!

Sabe que "a sabedoria é o parto dos ignorantes"...procure ajuda especializada, existe medicação para o seu caso.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 26.07.2018 às 10:19

Bom, 22 milhões + 10 por objectivos parece-me pouco e creio que SC fez bem em recusar.
Por outro lado, creio que SC deveria ter pedido uma verba a rondar os 35 milhões por 70 % do passe, penso que por estes valores o negócio tinha pernas para andar.
Agora é um risco e mesmo que o Sporting ganhe em tribunal de certeza que os valores a receber nunca irão tão altos como pretende Cintra além de haver o risco (claro) de perder o processo e ter que indemnizar a outra parte
Sem imagem de perfil

De Borges Coutinho a 26.07.2018 às 10:26

Caro Rui

A acreditar nestes valores, Sousa Cintra tomou uma péssima decisão. PÉSSIMA!

Ora vejamos:
1- O valor de mercado de Gelson é neste momento de 35M;

2- Os valores em causa, 22M + 10M objetivos (admitamos que no minimo 5M atingidos) + 30% de uma futura transferência andariam sempre por esse valor. Talvez até mais, caso Gelson triunfasse no Calderon. Ao que consta, viria também um jogador do Atlético por empréstimo de 2 anos.

3- Sousa Cintra diz que vai exigir os 100M da cláusula? Pooooois, mas bem sabemos que a ser dada razão ao Sporting a indminização oscilará sempre pelo valor de mercado do jogador. E quando isso aconteceria? Entre recursos suspensivos, daqui a uns 4 anos?

4- O Sporting pode perder. A realidade é esta: pode muito bem perder, como o Benfica perdeu sempre com Miguel nos tribunais civis.

Este pode ser mais um erro histórico do clube, e o futuro o dirá. Certo é que Sousa Cintra, cujo mandato é de 2 meses, acabou de hipotecar dezenas de milhões de euros no que outra coisa não é senão um salto de fé!

Saudações desportivas
Sem imagem de perfil

De antonio a 26.07.2018 às 10:37

Boa análise. A decisao do Sporting é má. Era aceitar o dinheiro e fechar este capítulo. O risco de perder o caso é bem real.

É bom lembrar que a culpa nao é de Sousa Cintra mas sim de Bruno e Juve Leo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 26.07.2018 às 14:33

A situação não é tão simples como os caros a pintam, especialmente por uma perspectiva de quem não é adepto do Sporting.

Há aqui mais considerações do que apenas receber o dinheiro oferecido e "fugir".

Pessoalmente, considerando que se trata de um clube com acesso a dinheiro, não compreendo uma não oferta justa por 100% do passe. Não tiveram dificuldades em cobrir o atleta com "ouro" (salário e prémio), mas para compensar o clube que o formou, a conversa foi outra, especialmente tratando-se de melhor mais recente pérola do futebol leonino.

Admito que a postura dos espanhóis nas negociações terá irritado Sousa Cintra, sentindo o "roubo", apesar das circunstâncias.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.07.2018 às 15:30

Caro Rui

Antes de mais e porque vale mais tarde do que nunca, parabéns pela forma elevada com que gere este blog e permite a opinião e comentário de adeptos de outros clubes. O CamaroteLeonino é mais "trio de ataque" e menos "prolongamento", e isso agrada-me.

Quanto ao negócio em si: convenhamos que 27M pelo passe de Gelson seria qualquer coisa de "honesto". Isto partindo do princípio ativo que seria sempre impossível eliminar os prejuizos decorrentes de Alcochete, mas fazer contenção de danos, sim. Isso esteve ao alcance de Sousa Cintra.

O Presidente-por-dois-meses da SAD hipotecou objetivamente quase 3 dezenas de milhões, e isso gera-me muitas dúvidas no que a legitimidade de gestão diz que respeito. Não duvido que esteja otimista, mas e se correr mal? A contenção de danos não foi assegurada, e deveria ter sido
Sem imagem de perfil

De Borges Coutinho a 26.07.2018 às 15:31

O comentário acima foi por mim redigido.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 26.07.2018 às 17:03

Caro Borges Coutinho,

Grato pelas palavras simpáticas sobre o Camarote Leonina.

Deixei de assistir a programas desportivos na TV já há uns anos, mas em tempos de outrora até gostava do Trio d'Ataque e detestava o Prolongamento.

Sobre a questão em debate, não me vou repetir mas creio que houve muito mais sobre a mesa negocial que apenas números que levaram Sousa Cintra à aparente decisão de registo.

Não duvido, no entanto, que ele fez o que fez com os interesses superiores do Sporting em mente.

Acho que há muita boa gente que parece não perceber que em Gelson Martins o Sporting perdeu a pérola mais brilhante da sua formação destes últimos anos. Não se trata de perder um mero jogador, mas sim um talento excepcional que ainda tem enorme margem de progressão.
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 26.07.2018 às 10:41

Alerto os lampiões (não benfiquistas, coisa bem distinta) que percebem de tudo sobre tudo (sempre ouvi dizer que quem tem a mania que percebe tudo, percebe pouco de nada) há um post mais adequado para comentar, em vez de estar sempre obcecado com a casa do vizinho.
Post de dia 26/07/2018 às 05:31 horas, ainda não tem um único comentário. Vá lá, não custa nada!
Sem imagem de perfil

De Borges Coutinho a 26.07.2018 às 14:04

Caro José Sousa

Nós, benfiquistas, só aceitaremos a desonra do nosso clube caso essa desonra seja comprovada por quem de direito. E quem de direito não serão certamente os adeptos movidos a velhos ódios, e de argumentação puramente emocional.

O José Sousa aceitaria que o Sporting fosse previamente condenado pelas tropelias do André Geraldes? Pelo que alegadamente se passou no andebol? Pelo Cashball? Pelo caso Cardinal?

Não acredite nesse maniqueísmo infantil de que desse lado só existem anjos e neste demónios. Eu nem gostei do filme, quanto mais da aplicação da expressão.

Saudações desportivas
Sem imagem de perfil

De José Sousa a 26.07.2018 às 14:17

Caro Borges Coutinho,

O que refiro é tão somente comentar a notícia dando a opinião pessoal.
Não se trata de condenar o quer que seja, até porque os tribunais servem para isso mesmo. Aos cidadãos como nós não cabe essa tarefa.

Caso seja verdade que o meu clube esteja envolvido nessas situações ilícitas, que seja fortemente punido.
Não podemos pedir para os outros o que depois refutamos para nós.
Sem imagem de perfil

De Cris Dileo a 26.07.2018 às 11:00

Creio que só no fim de Agosto se pode dizer se é ou não uma boa decisão (a acreditar claro nos valores revelados)

Não esquecer também que negócios com JM têm sempre super-comissoes por detrás.

Se o Sporting vier a precisar desse dinheiro para pagar ordenados - não podemos aplaudir a decisão de SC, claro.
Sem imagem de perfil

De Bhodi a 26.07.2018 às 13:47

Se precisar entra em acordo na altura em que tiver problemas de liquidez. O facto de ter entrado com a queixa na FIFA em nada entrava um potencial acordo futuro. O mesmo se passa com Rui Patrício e Podence.

Deverá ser vista como uma estratégia negocial e não de um ponto de vista de uma irredutível intransigência da SAD. O que deve ser lido nas entrelinhas é que neste momento não há problemas de liquidez imediatos, o que permite a comissão de gestão não ter de tomar a decisão já. A direção eleita poderá tomar a decisão que quiser acerca do Gelson, inclusive chegar a acordo em vez de prosseguir a ação litigiosa.

Além de ter de ser considerada uma estratégia negocial, não sei o se não haverá prazos para meter a ação contra o jogador que tem de ser cumpridos ou o clube e a direção eleita perdem o direito de contestar a justa causa e a situação não é tanto de rutura de negociações mas assegurar que a via litigiosa não se fecha.

Situação que não impede que se continue a negociar e até se possa chegar a um acordo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 26.07.2018 às 14:37

Admite-se essas estratégias, parece-me um curso óbvio a seguir, mas continuo a insistir que a chave para o não acordo foi a aparente recusa do Atlético em não fazer uma proposta por 100% do passe, algo que eu acho incompreensível, salvo obedecer a uma qualquer jogada deles.
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 26.07.2018 às 23:23

Há uma coisa que não entendo bem (sem ironia e sem sofisma): como é que acreditando que o Gelson, pérola do Sporting, será um jogador de importante e de grande probabilidade evolução, possa ser mal visto a manutenção de algum do passe do jogador com vista a uma boa e possivel valorização, principalmente com a visibilidade da liga espanhola?

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo