Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Bruno Fernandes é um "trinta-e-um" !

Rui Gomes, em 06.05.19

 

Belenenses.jpg

 

Não vale a pena escrever muito sobre este jogo, muito embora os 8-1 representem a maior goleada fora de portas da história do Sporting no campeonato, igualada com outros dois triunfos 'gordos' por uma diferença de sete golos: 2-9 ao Leixões (1939/40) e 0-7 ao Oriental (1973/74).

 

Resultado também acentuado pelo primeiro hat-trick da carreira de Bruno Fernandes, que agora soma 19 golos na Liga NOS e 31 na época, meta nunca antes atingida por um médio.

 

As circunstâncias de jogo favoreceram o Sporting desde os 11', momento em que o guarda-redes do Belenenses, Muriel Becker, erra no passe que foi aproveitado da melhor maneira por Raphinha.

 

Outro lance decisivo aos 22', quando o mesmo Muriel Becker foi expulso por ter derrubado Raphinha, quando este se preparava para se isolar com a baliza deserta pela frente.

 

img_920x518$2019_05_05_19_54_34_1542950.jpg

 

O Sporting alinhou de início com o seguinte 'onze': Renan; Ristovski, Coates, Mathieu e Borja; Gudelj, Wendel e Bruno Fernandes; Raphinha, Acuña e Luiz Phellype.

 

Suplentes: Salin; Tiago Ilori, André Pinto, Doumbia, Diaby, Jovane Cabral e Bas Dost.

 

Destaque para o regresso de Bas Dost, que entrou no jogo aos 75 minutos e logo de seguida marcou o seu 15.º golo da Liga e 22.º da época.

 

Resumo dos golos leoninos: Raphina (11'), Luiz Phellype (45'), Nemanja Gudelj (63'), Bruno Fernandes (70, 75 e 84'), Bas Dost (77') e Idrissa Doumbia (90').

 

Esta, a décima vitória consecutiva do Sporting em todas as competições.

 

publicado às 04:05

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


47 comentários

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.05.2019 às 23:37

Meu caro,

Vou deixar esta nossa conversa por aqui, porque não tenho tempo nem paciência para lhe dar a resposta que toda essa sua argumentação merece.

Quando são questões que eu considero mesmo importantes, ainda dedico algum tempo e energia a detalhar o meu ponto de vista. Confesso, no entanto, que este tema não me diz muito, salvo como ponto de debate no blogue.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D




Cristiano Ronaldo