Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 
 
 
Excelente oportunidade desperdiçada pelo Sporting !... Contrário àquilo que Jorge Jesus disse sobre o empate da sua equipa em Barcelos, o Sporting, na realidade, pode ter ganho um ponto em relação ao FC Porto, mas perdeu dois na classificação geral porque tinha a obrigação de vencer a Académica em Alvalade.
 
O Sporting cedo assumiu o controlo do jogo mas sem a intensidade necessária para derrubar a equipa dos "estudantes" a jogar em linhas baixas. Uma ou outra jogada de maior perigo, mas nunca se sentiu a eminência de golo nos primeiros 45 minutos. A segunda parte viu o cenário alterar-se, com o Sporting a exercer maior pressão no último terço do terreno e com um maior número de lances junto à baliza de Ricardo mas, no final das contas, faltou a finalização, à mistura com uma boa dose de mérito do guarda-redes da Académica. Como era expectável, Slimani entrou aos 58 minutos para o lugar de André Martins e teve duas ou três excelentes oportunidades para golo, que acabou por não concretizar.
 
Como sempre, a escolha de extremos por Leonardo Jardim é uma autêntica lotaria e hoje não fugiu à regra. Carlos Mané e Wilson Eduardo, com Capel a entrar apenas aos 71 minutos e André Carrillo a não sair do banco. A lesão de Jefferson aos 62' terá transtornado os planos do técnico, mas são eventualidades normais do jogo.
 
Antes de abordar aquilo que mais desejo comentar, reitero o que já aqui escrevi em diversas ocasiões: Wilson Eduardo oferece um rendimento superior quando sai do banco e exactamente o inverso acontece com Diego Capel, que exibe sempre maior inspiração quando é incluído no onze incial.
 
Bem, por fim, e não menos importante, "cartão amarelo" para Leonardo Jardim, porque além de se ter atrasado a mudar o sistema de jogo, optou por correr o risco de não "limpar" os amarelos de William Carvalho e Fredy Montero e acabou por perder a aposta, assumindo agora as consequências de ir jogar o "derby" na Luz sem aquele que tem sido o melhor jogador do Sporting esta época. É possível, de facto, reclamar que houve uma boa dose de infelicidade e excesso de rigor por parte de Paulo Baptista, ao exibir o cartão amarelo ao médio do Sporting aos 90+2 minutos de jogo, mas a realidade é que o fez e não vamos poder contar com o jogador na próxima jornada. Foi igualmente evidente, pelo menos a mim, que William sentiu-se condicionado pela situação e, sem jogar mal, não demonstrou a sua usual intensidade. Salvo alguma surpresa do treinador, deverá ser Eric Dier a preencher o lugar de "6".
 
Como nota final, o Sporting mais uma vez demonstrou a sua falta de criatividade e profundidade no corredor central, muito por falta de um "10" para organizar jogo e ganhar algumas lutas no um a um. Esperamos que esta lacuna tenha sido corrigida com a chegada de Shikabala e ficamos agora na expectativa de ver a sua estreia, até já possível contra o Benfica. 

P.S. Mais uma vez não houve falta de apoio, com cerca de 36 mil espectadores em Alvalade, mais do que suficiente para levar a equipa à vitória.
 
Nota: Leonardo Jardim deve estar a brincar, decerto, quando disse pós-jogo que Shikabala terá de passar por um período de adaptação e que só jogará daqui a 3 ou 4 semanas. Isto, e que é um jogador que "também" joga nos corredores. Só pela palavra "corredores" fiquei logo arrepiado.
 

publicado às 20:17

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


27 comentários

Sem imagem de perfil

De Joao a 02.02.2014 às 21:15

E' evidente, ha pelo menos meia duzia de jogos, que os adversarios ja perceberam como se joga contra o Sporting. Cabe ao Sporting mostrar que sabe fazer as coisas de maneira diferente para contrariar isso.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.02.2014 às 22:04

Muito por isso, a absoluta necessidade de um médio criativo para permitir jogar pelo corredor central, além de alternar mais o 4x3x3 favorito.
Sem imagem de perfil

De Anti-brunetes a 02.02.2014 às 21:36

Treinador de qualidade média(lembra muito o Bento em certos aspectos),sempre o disse aqui.

Nas grandes decisões(taça de portugal,taça da liga,oportunidades no campeonato de passar á frente dos rivais)falhou sempre.

O padrão já existe á algum tempo,e agora na luz ainda para mais com a equipa desfalcada o resultado é mais que evidente.

O Sporting hipotecou qualquer hipótese que tinha de um entrada directa na champions,na próxima jornada corre o risco de ficar em terceiro(e dai não sair).
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.02.2014 às 21:52

Uma coisa é fazer uma crítica pontual, outra menosprezar o trabalho global deste treinador. Se alguma coisa, como a maior parte dos treinadores, e como Paulo Bento, já que o mencionou, peca por excesso de teimosia.
Sem imagem de perfil

De Lionheart a 02.02.2014 às 21:41

É assim, ou os reforços Shikabala e Heldon pegam de estaca, ou não vale a pena ter ilusões. De resto, o jogo foi fraco e sem intensidade. A primeira parte foi (outra vez) jogada a passo e na segunda mais em desespero do que com cabeça. Houve ali jogadores que acusaram a responsabilidade e outros que não dão mais. Equipa que está a sério a lutar pelo título, pega no jogo desde o princípio, não anda ali a passarinhar. Já contra o Nacional foi a mesma coisa. É por isso que o Sporting ainda não está ao nível dos rivais. O que nos tem valido é que a forma dos outros também não é a melhor.

Agora contra o Benfica não temo por aí além a audência do William. O mais grave é a falta de consistência do ataque e a nossa situação complicou-se com o empate de hoje. Foi uma incompetência não aproveitar os deslizes dos rivais quando jogávamos em casa contra uma equipa que joga para não descer, ainda para mais na véspera do Benfica-Sporting. Em caso de derrota, o Sporting fica a 5 pontos do primeiro e o mais provável e ainda cair para o terceiro lugar. É só a consequência da porcaria de jogo de hoje.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.02.2014 às 21:50

E ainda mais preocupado fiquei quando Leonardo Jardim diz que Shikabala só jogará daqui a 3 ou 4 semanas. Espero que seja estratégia manhosa.
Sem imagem de perfil

De Lionheart a 02.02.2014 às 21:50

PS - Ficou um grande penalidade por marcar a favor do Sporting por mão na bola do defesa da Académica. O cartão amarelo contra o William foi claramente encomendado. A arbitragem foi mais uma vez medíocre no global. Não invalida no entanto que não jogámos nada e por isso nada fizemos para contrariar a arbitragem. A ser assim, vamos continuar a ter desculpas para durar toda a semana, mas em Maio não vamos ser nós a festejar, de certeza.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.02.2014 às 21:54

Reconheço o rigor do cartão, mas sobre o jogo só posso reiterar o que disse vezes sem fim: temos de dar a nós próprios maior margem para erros, nossos e de terceiros.
Sem imagem de perfil

De Dinis Silva a 02.02.2014 às 22:01

Creio que temos de deixar de falar dos árbitros. Servem para criar uma barreira de observação sobre a debilidade mais evidente da Equipa. O grande problema deste Sporting 2013-2014 é o facto de não possuir alas produtivas. Ora são inexperientes ora são inconsequentes. Os adversários já diagnosticaram. É fácil encontrar jogadores noutras equipas com mais qualidade e frequência de desequilíbrios. É que nem velocidade possuem... Comparemos a dinâmica dos jogadores dos principais rivais nestas posições. Numa corrida de 100 metros, ganham 5 nos primeiros 10... Por isso, em Alvalade não se pode repetir o modelo de ter apenas um único avançado.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.02.2014 às 22:07

Isso, mas também não podemos menosprezar a falta que faz um médio criativo. Os nossos extremos são mais facilmente condicionados porque os adversários concentram-se maioritariamente nas alas, algo que mudará com jogo pelo miolo, que agora não temos.
Sem imagem de perfil

De sergiom a 02.02.2014 às 22:04

Com os extremos que temos disponíveis no plantel, é preferivel queimar um deles no onze e entrar com slimani de inicio.

Espero que a lesão de jefferson não seja grave.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.02.2014 às 22:09

Caro Sergiom, para isso, que eu até concordo, será necessário jogar num 4x1x3x2, que LJ recusa fazer. Também creio, no entanto, que com um "10" o cenário das alas também mudará porque haverá mais espaço.
Sem imagem de perfil

De Pedro51 a 03.02.2014 às 12:12

Contra as equipas mais fracas , sobretudo em casa , por que não tirar o A Martins recuar o Montero e pôr o Slimani. Mas isto logo de início e não dar 45 min. de avanço. Já agora acelerar o jogo logo de início, e não só nos últimos 15 min. quando estão aflitos. Contra estas equipas raramente conseguimos fazer um contra ataque.
Sem imagem de perfil

De Lionheart a 02.02.2014 às 22:12

Concordo. Se o Heldon jogar no Sporting o que jogava no Marítimo, senta os alas do Sporting, de caras. O Wilson não é jogador para o Sporting, o Capel é esforçado mas muito inconsequente, o Carrillo tem uma grande técnica mas é muito irregular, e o Mané é muito novo, hoje com qualquer carga de ombro ia logo ao chão.

No futebol também conta a capacidade atlética. A velocidade e a capacidade de choque são importantes, porque senão só se joga bem quando os outros deixam jogar, e isso só acontece com as piores equipas. Qualquer equipazeca com uns gajos calmeirões e duros cria dificuldades em Alvalade, porque perdemos dinâmica, claramente.
Sem imagem de perfil

De pahantik a 02.02.2014 às 22:09

como eu ja tinha dito esta tarde aqui no blogue, estava muito apreensivo em relação a este jogo, quando o Sporting tem um jogo que é crucial ganhar falha!..., perdemos uma oportunidade de ouro para pressionar o Benfica e o Porto, agora se perdermos na Luz corremos o risco de cair para o 3 lugar e será muito complicado lutar pelo titulo até final da época. concordo que o LJ apostou no ataque tarde de mais, estas equipas que se fecham muito são muito complicadas de ultrapassar por nos. Tb concordo que nos falta um 10 criativo para entrar nestas muralhas defensivas, tive pena quando saiu Matias Fernandes, para mim deixou saudades e fazia falta a esta equipa. quanto ao BALA creio que o LJ tem razão, o homem ainda agora chegou e vêem de um campeonato muito inferior ao nosso, vai demorar adaptar-se. em fim, vamos acreditar que vamos ganhar a luz, a bola é redonda.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.02.2014 às 22:13

Não compreendo a falta de intensidade no nosso jogo, para surgirmos a fazer maior pressão apenas quando sentimos mais desespero.

Hoje, o William jogou muito condicionado e isso também teve o seu impacte.

A preocupação não é somente o título, mas também o 2.º lugar, pelo acesso directo e os milhões que isso disponibiliza.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.02.2014 às 22:26

Reconheço que o Shikabala terá de atravessar um período de adaptação, mas não será só a treinar que isso será concretizado. Além do mais, penso que a maior adaptação dele passa pelo tipo de jogo colectivo da equipa do que propriamente o futebol português, em geral, pese as diferenças com o do Egipto.
Sem imagem de perfil

De Balajic a 03.02.2014 às 13:54

Caro Rui,

Não deposite muita esperança no Shikabala. Pelo menos para este campeonato.

Foi uma "encomenda" do Inácio. E a gente sabe o que se aproveita das encomendas deste senhor...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 03.02.2014 às 14:08

Estou a tentar não ser tão pessimista.
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 02.02.2014 às 22:59

Boa noite , depois de visionar o nosso jogo de hoje contra a Académica sinto uma revolta e grande descontentamento pelo resultado quando e mais uma vez desperdiçamos as oportunidades quizá a ultima de alimentarmos a ideia de sermos campeões nacionais. Tenho uma visão mais ampla das consequências deste empate que nos coloca numa posição muito complicada. Uma derrota na luz será o adeus ao titulo ficarmos a 5 que serão 6 pontos do Benfica num momento crucial do campeonato.
Responsabilizo na totalidade o nosso treinador que desta vez cometeu demasiado erros alguns inexplicáveis , quando mais necessitamos de um Leonardo Jardim no seu melhor depois do adeus ás taças de Portugal e da Liga resolveu inventar.
Recordo que o Sporting antes deste jogo teria que fazer 14 jogos , 14 finais , os nossos rivais vao ter que fazer muitos mais com evidente desgaste.
Leonardo Jardim fez uma deficiente preparaçao da equipa para este este jogo. para se ser campeão tem que se ter mais garra colectiva, mais consistência, melhor preparação mental nos momentos de decisão no passe nas zonas de finalização. Não se entende a não entrada de Carrilho o nosso melhor extremo no desiquilíbrio de 1 para 1 e com melhor facilidade de chegar á linha, a teimosia de manter tanto tempo o Wilson Ed , jogávamos com menos 1, na lesão de Jeferson teria que entrar Piris , mais rápido e mais intenso que Rojo sendo será ele que terá que jogar na Luz caso se confirme a gravidade da lesão de Jeferson e assim com menos mexidas na equipa.
No amarelo ao william houve um momento que antecedeu a falta e se percebeu que a poderia fazer aí o treinador deveria ter gritado energicamente e talvez a tempo de william ter outra abordagem ao lance (foi perto do banco do Sporting) com Jorge Jesus embora eu sendo um critico á sua histerica actuaçao no banco william não seria expulso.
Comentou no final que Chikabala não estará em condições de jogar nos próximos 2 a 3 jogos quando deveria resguardar essa informação que mesmo sendo verdade , ajudaria a confundi os adversários na preparação das tácticas contra o Sporting , o treinador do Sporting tem que ser menos anjinho nesse tipo de assuntos.

Sem imagem de perfil

De Pedro51 a 02.02.2014 às 23:24

Nos jogos em casa a jogar contra as equipas pequenas cada vez temos mais dificuldade em marcar golos. Se LJ continuar teimosamente a jogar da mesma maneira, nestes jogos, certamente vamos perder mais pontos. Rio Ave, Nacional , Académica. Assim não dá !
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 02.02.2014 às 23:47

Leonardo Jardim construiu uma equipa nova com jogadores de baixo valor e na sua maioria muito jovens. Começou com um plantel inferior ao dos adversários diretos. No início do campeonato os analistas diziam que era uma equipa para lutar pelo terceiro lugar. Passado meio campeonato está em segundo lugar. Joga com um plantel curto. Usou até agora um máximo de catorze ou quinze jogadores. Só perdeu um jogo na casa do campeão anterior. Tem um extremo em sub-rendimento, outro que joga aos repelões e ainda um outro que faz o que pode.

Estes são os factos. Claro que devia ter ganho à Académica, como devia ter ganho ao Nacional e especialmente ao Rio Ave (muito menos pressão). Com exceção de uma ou outra equipa de top europeu todas as equipas perdem pontos. Joga contra onze e com equipas muito motivadas e que também têm os seus trunfos.

Se cada vez que o treinador perder pontos se lhe der cartão amarelo ou até como vi aqui escrito, se se disser que é um treinador médio(?) com todo o direito de opinião, não se presta um bom serviço. Vai ao encontro do velho lema de que quando se ganha são os jogadores e de quando se perde é o treinador. Se os jogadores tivessem tido mais dinâmica, se tivessem aproveitado as oportunidades, se na hora de finalizar tivessem mais frieza e mais classe teriam ganho o jogo. No fundo há sempre muitos ses.

O Sporting veio de uma época péssima e de uma situação financeira muito complicada. Está a fazer com os meios que possui (reduzidos) uma excelente campanha. É preciso unidade e realismo. A não ser que queiram contratar o Guardiola e o Messi no mínimo.

PS W. Carvalho é um bom jogador mas há outros. Para isso é que o plantel tem vinte. E apesar W. Carvalho não jogar, o Sporting poderá ganhar ao Benfica ao contrário do que aqui foi dito.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 03.02.2014 às 00:13

O título do post é uma mera expressão relacionada com este jogo e, sobretudo, em referência à filosofia de Leonardo Jardim em não querer "limpar" amarelos, dado a importância do jogo da Luz.

Penso que ninguém minimamente justo e sensato avaliará o trabalho de uma época num só jogo ou num específico enquadramento de circunstâncias. Dito isto, Leonardo Jardim, como qualquer treinador, não é imune a crítica e note que já o critiquei, pontualmente, em vitória.

Todos nós temos um pouco de treinador de bancada, que tem muito mais a ver com a discussão sobre futebol, muito natural para um adepto, do que minimizar o todo do trabalho de uma equipa e, neste caso concreto, de um treinador.

As comparações à época anterior são irrelevantes, neste contexto. Vivemos no presente e não no passado e analisamos a actualidade e, neste tempo e espaço, temos uma excelente oportunidade para ir longe e não a devemos desperdiçar.

Claro que podemos ganhar ao Benfica sem o William , acho que ninguém disse o contrário, mas na minha opinião era um cenário desnecessário.
Sem imagem de perfil

De Leão 1906 a 03.02.2014 às 01:08

Tenho concordado consigo nesta questão do "10".Ao ver esta equipa hoje(e noutros jogos) torna-se óbvio que falta um desequilibrador no meio-campo.Também me parece que Shikabala vai demorar algum tempo a alcançar o ritmo necessário para jogar a alto nível.Sem querer falar sempre no mesmo-mas falando!-Labyad não tinha mesmo utilidade nenhuma?Enfim...

Em termos ofensivos,acho que,nestes jogos,esta combinação de dois extremos como Mané e Wison,fortes no jogo interior não é a ideal.
Um dos extremos deve ser Capel ou Carrillo e outro Wilson ou Mané.
Veremos como se integrará Heldon e como LJ quer que jogue.

Claro que se deve adaptar mas nestes jogos precisamos de largura e Capel /Carrillo são importantes:dão largura e profundidade.

Mas não jogámos mal.Tivemos várias oportunidades,uma grande exibição do GR adversário...e mais um penalty por marcar.

Os árbitros estiveram nos três empates em casa.
Para os outros inventam penalties,a nós tiram-nos.

Somos um equipa coesa à qual é difícil marcar golos,mas vamos sempre ter dificuldades contra equipas fechadas.

Só Shikabala-o "10"criativo-ou uma mudança de sistema podem alterar substancialmente as coisas.
As duas improváveis ...ou não?

Na minha opinião não somos os principais candidatos ao título.
Estamos a fazer um magnífico campeonato,para os recursos que temos.
Não devemos passar do 80 para o 8.
E claro que podemos ganhar na Luz embora ,realisticamente,um empate fosse um bom resultado.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 03.02.2014 às 01:33

Concordo genericamente com a sua análise, especialmente correcta sobre os extremos. Não deixa de ser alguma surpresa que a leitura de Leonardo Jardim não seja essa.

Ele não vai mudar o sistema de jogo e veremos se ele entende que Shikabala é um "10". Já não digo nada.

É verdade que, em princípio, não somos os principais candidatos ao título, mas pela época que temos vindo a fazer colocámo-nos em posição para o disputar. Penso até que foi esta disposição que incentivou a recém-actividade no mercado. Frente à Académica perdemos uma óptima oportunidade para solidificar a nossa posição.

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 03.02.2014 às 01:50

P.S. Disse "genericamente", que exclui a disposição "não jogámos mal", especialmente na primeira parte, onde exercemos controlo mas nada mais conseguimos fazer. Houve melhoramento na segunda, salvo a finalização, embora também com mérito do guarda-redes.

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo