Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

img_770x433$2018_07_25_00_25_32_1427747.jpg

 

Artur Torres Pereira e Sousa Cintra, presidentes da Comissão de Gestão e da Sporting SAD respectivamente, vão marcar presença numa conferência de imprensa onde também estarão elementos afectos às quatro claques organizadas do Sporting (Juventude Leonina, Torcida Verde, Directivo e Brigada).

 

Não é claro a intenção desta conferência, salvo, porventura, dar a saber que já houve uma reunião entre as partes e que a situação está "normalizada". De qualquer modo, nesta altura, não há muito que os dirigentes transitórios possam fazer. O ónus de esclarecer a existência das claques no Sporting recairá sobre a nova liderança, após o acto eleitoral de 8 de Setembro.

 

Não sou e nunca fui pessoa de meias medidas e, confesso, que sinto enorme dificuldade em reconhecer a continuidade da Juventude Leonina no universo Sporting, após o infame evento de 15 de Maio, em Alcochete. E não me interessa saber se são "apenas" 14 ou 30 dos seus membros que estiveram envolvidos no ataque e se serão ou não condenados em tribunal.

 

Se já existiam muitas questões com as claques, a mera natureza do acto de registo devia ser o suficiente para se tomar medidas severas e definitivas, com ou sem a participação do Governo.

 

Tags:

publicado às 13:01

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


21 comentários

Sem imagem de perfil

De Lusitanista a 25.07.2018 às 13:29

Concordo em pleno com o Rui.

Apenas acrescentaria que a Juventude Leonina já teve várias "manifestações" públicas de apoio aos terroristas que estão presos e que por lá deviam continuar!

As claques em Portugal são uma vergonha nacional. Um antro de vender droga. Já escrevi aqui várias vezes, por mim acabava com todas.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 25.07.2018 às 13:35

A torcida verde é um bom exemplo de claque a seguir .
Nunca provocou quaisquer problemas ao clube a sua missão é apoiar as equipa nos estadios e pavilhões.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 25.07.2018 às 13:35

Torcida Verde
Sem imagem de perfil

De MaxMartins a 25.07.2018 às 14:04

+1

Torcida Verde...!!
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 25.07.2018 às 13:50

Claques!?
Por mim também, fora com elas.
Se quiserem ser claque podem fazer-lo.
Zero regalias!
E os burros somos nós, os não claqueiros.. Que pagamos para sentar a bundinha no estádio!
Que gastamos dinheiro em gasolina, hotel e aviões. Camisolas e cachecóis.

Porra!.. Vou filiar-me numa claque.
Quero também ter essas mordomias e ainda ter o poder de decidir.


P. S.. Até um Mário qualquer com antecedentes nazis teve a descaradez de se propor a chefe de claque.
Em que mundo estamos?..
Como é possível que os senhores "doutores" notáveis e outros
"responsáveis" por o clube aceiteim esta.... Este lixo?
E os jornalistas que até lhe fazem entrevistas e ainda se queixam que de vez em quando levam umas porradinhas!.
A sério que não consigo entender esta mentalidade de...... Uff!.
Fora com as claques.
Fora!. Fora!!.. Sejamos nós Sporting também pioneiros neste aspecto.

Que tema mais desagradável!..
Fora!!.. Fora!!. Fora!!..
Vassourada neles!!. 💪💪💪
Sem imagem de perfil

De PSousa a 25.07.2018 às 14:13

Eu não sou a desfavorável à existência de claques, elas dão "cor" ao espetáculo.
Acho é que devem ter regras muito bem definidas e serem severamente castigadas se incumprirem.
Depois temos aqueles que são os "arruaceiros" , esses ao serem identificados teriam de estar na esquadra mais próxima da residência, 2h antes dos jogos e só saiam 2h depois do jogo.
Sem imagem de perfil

De Pepeu a 25.07.2018 às 14:24

Concordo.
Sei reconhecer o mérito da existência de claques na vitalidade de um clube.
Ainda que com vantagens e algumas mordomias, estas representam com muita alma o apoio e a força que o clube necessita para se engrandecer em variadas circunstâncias, inclusivamente fora de Alvalade.
Agora o que não pode de forma alguma ficar de fora é a devida regulação, parte dela imposta pela própria lei, que oriente e sustente o regular funcionamento destes grupos organizados.
A Juventude Leonina é a mais emblemática claque do clube e não apoio a ideia de se achar aue tenha havido um apoio tácito aos sujeitos que foram presos após Alcochete. Mas compreendo que haja relações de amizade entre partes que levem a algumas manifestações pontuais de apoio aos que se encontram presos.
Havendo compreensão e entendimento para uma evolução nas relações pôs-crise de Alcochete, haverá espaço a continuidade das claques que não podem simplesmente serem suprimidas.

Duas coisas: não pertenço a nenhuma claque embora nos meus tempos de miúdo tenha estado ao lado do Gonçalo e do João na formação da Juve Leo. Longe vão esses tempos...
Outra coisa: aqueles que foram relacionados com os acontecimentos de Alcochete não podem, de forma alguma, voltarem a pertencer ao clube.
Expulsão pura e simplesmente de qualquer acção relacionada com o clube.
Perfil Facebook

De Mike Portugal a 25.07.2018 às 14:33

Quando a Juve mostrou uma foto de apoio aos 23 presos, por mim, definiu o seu futuro no clube.
Sem imagem de perfil

De B a 25.07.2018 às 15:02

Uma solução simples para o tema das claques seria passar as mesmas para dentro do clube, desta forma seria o clube a fazer toda a gestão financeira da claque e evitar que as mesmas sejam usadas para fins menos próprios.

- Em cima da quota de sócio, e no caso de querer ser sócio de qq claque, o clube cobrava o adicional, sendo que esse dinheiro reverteria para o departamento interno que seria cada uma das claques
- Bilhetes e gameboxes a venda seria feita pelos canais normais do clube, que sabendo quem paga a quota adicional poderia fazer preços diferenciados
- isto tb garantiria que antes de sócio de uma claque são sócios do sporting, pelo que li alguns dos atacantes eram da juve leo mas não sócios do sporting, não quero acreditar que isto seja sequer possível
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 25.07.2018 às 15:07

O Clube já tem responsabilidades suficientes, não precisa de mais.

Apesar do apoio que é concedido aos atletas e às equipas em competição, a razão de existência de claques é cada vez mais questionável.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.07.2018 às 15:18

Concordo plenamente com o que foi dito antes. Quando mostraram apoio aos outros criminosos demonstraram ser como eles. Acabe-se com essa pouca vergonha. Já chega de gente que só serve para nos arranjar problemas e vergonhas. Que interessa o argumento que acompanham a equipa para todo o lado? Qual o efeito positivo disso? Zero, só confusões. Excluo desta analise a Torcida Verde que tem tido um comportamento exemplar.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.07.2018 às 15:20

Fui eu que fiz o comentário anterior. Mike 1906
Sem imagem de perfil

De Borges Coutinho a 25.07.2018 às 18:32

E no entanto convenhamos que o futebol sem claques é inimaginável: sem tochas, sem cânticos, sem bandeiras. O futebol não é como o ténis, é sim um desporto "sujo". Neste sentido penso que Sousa Cintra faz muito bem em dialogar com os seus lideres.

Naturalmente deploro os excessos das claques, de que Alcochete foi o expoente máximo em Portugal.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 25.07.2018 às 18:39

Que falta fazem as tochas no futebol?
Sem imagem de perfil

De Borges Coutinho a 25.07.2018 às 18:49

Estética, fulgência, brilho, artifício!


Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 25.07.2018 às 19:09

Não, né!
Fogo em qualquer recinto fechado e uma multidão é perigoso. Há vários acidentes conhecidos, Borges Coutinho.
Não é nem agradável, muito menos estético..
Pergunte às crianças que vão ao estádio.

Vamos ao futebol, por os artistas da bola! ..
Não por as Cheerleader!. Apesar de..😁
Esqueça lá as fogueiras.
Sem imagem de perfil

De JCR a 25.07.2018 às 19:28

O caro Borges Coutinho, devia era de ir trabalhar, para a industria pirotecnica, dado o seu fascínio por tal, e deixar o futebol, bem como o desporto em geral, livre desses males, ninguém quer no futebol, brilho e artifício, muito menos, dentro dum pavilhão, mas ao que parece, ainda há pessoas, que gostarão de ver a maioria dos outros, com dificuldades em respirar, nomeadamente, quando o brilho e artifício, é exibido, em pavilhões desportivos!
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 25.07.2018 às 19:58

LOOOOOOOOOOLL!!.
Sem imagem de perfil

De JCR a 25.07.2018 às 19:24

Grande tiro no pé, dado pelos membros da Comissão de Gestão, e isso viu-se há pouco, na conferência de imprensa e com as TVs a darem em directo, quando ambos, Artur Torres Pereira e Sousa Cintra, disseram que está tudo sanado, disseram até que este dia ia ser lembrado no futuro, e que davam apoio às claques do clube!

Depois da notícia do chulo Gelson, esta outra notícia, soma às más notícias ocorridas hoje no SCP, para mim, o clube não devia apoiar nenhuma claque, ZERO, e devia mesmo tirar das instalações, os espaços que as claques ocupam, mas ao que parece, gostam do aspecto da pessoa, que apareceu ao lado deles nas TVs, e que pasme-se, vieram mesmo dizer, que afinal, a JL não tem nenhuma dívida de 1 milhão de euros ao clube, conforme foi noticiado, assim, não evoluímos como clube, e só espero mesmo, é que depois, este dia de 25 de Julho de 2018, seja lembrado, a Artur Torres Pereira e Sousa Cintra, quando novos incidentes acontecerem!

E até o 1º, ATP, falou indirectamente, nas claques do SLB, tem razão, mas também, o que é que isso interessa para o SCP, é isso, mencionar as claques do SLB, e a pouca vergonha que o IPDJ faz, que vai resolver que novos Alcochetes não aconteçam?

Até parece, com tudo isto, que os dirigentes do futebol, têm alguma dívida com as claques, só podem ter mesmo, até quando é que o clube vai permitir isto? Quantos mais Alcochetes é que querem que hajam? Ainda não viram, que as claques, é só bandos de criminosos? Só tenho pena mesmo, é o poder político, andar a assobiar para o lado, como há muito anda a fazer, e não passe uma lei na AR, a dizer que Portugal, não permite a formação de claques, no futebol, e em qualquer outro sítio!
Sem imagem de perfil

De João Tavares a 25.07.2018 às 19:43

Concordo plenamente: não se percebe a continuidade da existência da JL.
Da JL e das restantes claques, por mim acabavam-se com todas, só acrescentam m**** ao futebol.
Só não percebo o porquê de terem tanto poder...
O que mais terá que acontecer para acabarem de vez com esses grupos de atrasados mentais?

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo