Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




img_920x518$2021_10_27_19_56_47_1920956.jpg

Ricardo Esgaio esteve no podcast do Sporting, 'ADN de Leão' e deixou algumas revelações sobre o ambiente no balneário do Sporting, desde a 'loucura' de Nuno Santos ou Pote até à tranquilidade de Coates ou... dele próprio.

Adaptação no regresso a Alvalade

"Foi muito fácil, já conhecia muita gente. Conhecia o Míster dos tempos no SC Braga, também muito do staff médico e os roupeiros. Foi fácil. Na equipa tenho a amizade que tenho com o Paulinho e já tinha jogado muitas vezes contra outros jogadores. É um grupo espectacular. O Seba já o conhecia há muito tempo, joguei com ele dois anos antes de ir embora. Já tinha estado com o Neto numas férias, já tinha jantado com o Nuno Santos, joguei com o Jovane aqui no Sporting... Tive um mês de férias no Algarve e estive com o Paulinho. Temos boa relação e as nossas mulheres também".

Dia-a-dia em Alcochete

"Quem chega sempre cedo é o Vinagre, mas também com 22 anos tem de fazer primeiro dez coisas no posto médico antes de treinar (risos) O Paulinho também chega cedo, o Tabata também. Já estou a ficar muito velho para o grupo. Fomos treinar em Dortmund, depois do jogo, e num grupo estava eu, o Dani [Bragança] e os miúdos que estiveram a jogar na Youth League… Parei para pensar e eu era o mais velho, com 28 anos. Isto está a passar rápido, há uns anos estava daquele lado".

Trajecto no SC Braga e regresso ao Sporting

"Sempre tive muitos sportinguistas que me diziam que não devia ter ido para o SC Braga, que devia ter ficado cá. Foi um passo importante na minha carreira para conseguir voltar aqui outra vez. E sempre me apoiaram, apesar de estar no SC Braga. Se pensava em voltar? Não. Acreditava mais facilmente que poderia ir para fora do que voltar ao Sporting. Mas felizmente consegui que olhassem para mim outra vez".

Balneário

"O Nuno Santos? Não tens noção… Um gajo acalma-o, ele fica uns dez segundos calmo e explode outra vez, é impressionante (risos) É assim com toda a gente, não existe. Mas tem de haver uma mistura no balneário, uns assim como o Nuno e outros como o Seba, mais tranquilo e com a liderança dele. O Paulinho está no meio dos dois. O Pote é assim meio maluco.  Eu sou pacato, tranquilo".

publicado às 06:04

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo