Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Consideração de Silas

Rui Gomes, em 16.01.20

img_920x518$2020_01_16_13_25_19_1651089.jpg

"É normal que Coates, vendo o lance de Rúben Dias, se possa sentir prejudicado. Acho que o critério aí foi diferente, mas foram árbitros diferentes. Mas eu preparei o jogo sem Coates. Participou sempre nos nossos treinos, mas chega-se ao momento que temos de nos concentrar noutros jogadores. Se ele puder jogar, está mais do que identificado com o que nós temos trabalhado. A minha preocupação foi mais com o onze e um possível substituto".

Sebastián Coates  saberá ainda hoje ou no limite até amanhã à hora de almoço se pode ir a jogo em Alvalade, face ao pedido de despenalização que o Sporting apresentou.

É muito provável que o pedido não seja concedido.

AdendaCoates vai mesmo falhar a recepção ao Benfica. O Conselho de Disciplina da FPF não despenalizou o central, como era intenção do Sporting, e assim sendo este irá cumprir um jogo de castigo pelo quinto amarelo que viu em Setúbal.

publicado às 14:48

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


10 comentários

Sem imagem de perfil

De contundente a 16.01.2020 às 15:54

Particularmente gostaria que fosse despenalizado. Esses jogos merecem os melhores jogadores.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.01.2020 às 16:54

Não vai ser, na minha opinião.
Sem imagem de perfil

De antonio a 16.01.2020 às 17:00

Todos os assuntos têm que referir o Benfica. Que paranóia.
Tivessem adiado o jogo como manda a ética desportiva - em vez de lançar suspeitas sobre uma equipa que jogou sem 6 titulares habituais - e não havia caso.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.01.2020 às 17:35

Não diga disparates!!!

Encarnados a falar de ética desportiva?!?
Sem imagem de perfil

De arrebenta a 16.01.2020 às 17:58

ÉTICA DESPORTIVA é uma expressão desconhecida para os lados da Luz, mas há sempre gente que pensa enganar os outros com frases bonitas.

Se tivessem um pouquinho de vergonha...
Sem imagem de perfil

De Sel a 16.01.2020 às 19:13

conseguem colocar aqui o vídeo do lance em que Ruben Dias mereceria o segundo cartão amarelo? É que eu nem sei de que falam. Se dum choque com o guarda-redes do Rio Ave, provocado propositadamente pelo guarda-redes ou se foi uma luta de braços com um avançado do Rio Ave com a bola a sair pela linha lateral do campo, perto da zona de meio campo. Se o critério de cartão amarelo é algum desses lances então os jogos acabavam todos com menos de 9 jogadores de cada lado em campo.
Quanto ao Coates, ele levanta os braços mas dá mais 2 ou 3 passos à frente. Se fosse na zona de meio campo não era cartão amarelo, mas foi à entrada da área e isso faz toda a diferença.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.01.2020 às 19:43

Se quer fazer a figura de parvo, o problema é seu. Não tente, no entanto, fazer dos outros parvos.
Sem imagem de perfil

De João Gil a 16.01.2020 às 23:17

Pessoalmente acho que foi falta, e que Coates teve de a fazer, fingindo que não era nada, mas que foi, caso contrário o avançado entrava pela grande área adentro e criava inevitavelmente perigo. Se o Ristowski não estivesse mais virado para a dança (considerando o baile que levou do extremo do Setúbal) Coates não precisaria de ter feito aquela falta. À beira da grande área, obstruir o avançado com um golpezito de anca, mesmo que fraquinho e aproveitado pelo opositor e estava-se à espera de quê, exactamente?
Podia não ter sido cartão amarelo? Talvez. Mas foi. E aceita-se, porque a jogada foi de perigo. Permitido pela moleza defensiva da equipa, que tem sido marca desta equipa mas que vem mais de trás, mas foi.
Não joga Coates, joga o Neto, ou Ilori, ou outro qualquer. Não interessa. Contra o rival, em casa, é para ganhar.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 17.01.2020 às 10:13

Coates da um passo a cortar parte da trajectoria do avançado mas deixa-lhe ainda espaço , pode considerar-se falta mas nunca para a amarelo , foi um lance a roçar a falta , depois veja a açao do avançado quando percebe a presença do Coates , após sentir o contacto impulsiona o corpo para a frente no típico lançamento para a piscina .O amarelo foi "encomenda" e que perante as circunstancias de quem é o adversário seguinte jamais seria possível anula-la, como foi ontem confirmado.
Sem imagem de perfil

De João Gil a 17.01.2020 às 11:52

O baile sobre o Ristowski também foi de encomenda? A incompetência defensiva da equipa também é uma encomenda do inimigo?
Preferimos o ridículo a reconhecer o óbvio e é em grande parte por isso que estamos onde estamos. Foi falta porque a defesa, lateral e central, borregou naquilo que lhe competia. Se calhar o Ristowski e o Coates são infiltrados do inimigo que estão no Sporting só para provocar erros defensivos que custam cartões amarelos e ausências em jogos importantes. E ainda por cima vamos renovar com ambos. Pela sua tese, da encomenda, até isso pode ser conspiração.
SL

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo