Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

img_920x518$2018_09_04_13_16_08_1443786.jpg

 

É mesmo conversa para inglês ver, mas não só, também para consumo dos sócios do Sporting nestes últimos dias de campanha eleitoral.

 

Refiro-me ao artigo de hoje no Record, obviamente encomendado pela candidatura de José Maria Ricciardi, sobre as supostas démarches em curso para devolver Adrien Silva a Alvalade na próxima janela de transferências de Janeiro.

 

Ele tanto vai regressar como Slimani regressou. Foi contratado pelo Leicester há um ano por 24,5 milhões de euros. Devido aos problemas de registo com a sua inscrição, só começou a treinar em Janeiro 2018. Tem contrato até Junho de 2021 e apesar do seu passe ter sofrido alguma desvalorização, ainda bate nos 20 milhões de euros. Além disso, nem sequer vale a pena falar do seu salário, muito distante das capacidades orçamentais do Sporting.

 

No entanto, indica o referido jornal que os "homens fortes" de Ricciardi, José Eduardo e Marco Caneira, já conseguiram um suposto "princípio de entendimento" com o jogador e, posteriormente, abordarão a sua entidade patronal, caso, evidentemente, Ricciardi seja eleito presidente.

 

Tudo conversa "fiada" sem o mais pequeno fio de verdade, que visa apenas caça ao voto. Ironica e lamentavelmente, há quem acredita em toda a "banha da cobra" que surge no mercado. Não há mais de duas horas tive uma conversa com um amigo meu sportinguista que defende veemente a fábula.

 

publicado às 16:39

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


3 comentários

Sem imagem de perfil

De PSousa a 04.09.2018 às 18:04

Não tem credibilidade e está novamente a atirar areia para os olhos. Neste nunca votaria.
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 04.09.2018 às 18:58

Para ser sincero, nem sei até que ponto quereria ver Adrien voltar novamente para o Sporting, nem 1 ano depois de ter saído quase em litígio (mediático, pelo menos). Não teria a cabeça no sítio certo, nem a motivação para envergar a camisola da forma que precisamos. Para além que Nani é o Capitão indiscutível, neste momento. Não estou a ver Adrien regressar e não envergar a braçadeira, que não teria o mínimo direito a envergar.

Pelo menos, é a minha opinião. Não o quereria ver, neste momento, a regressar ao Sporting. O grupo está coesa, empenhado e focado nos objectivos que temos que atingir, pelo que, uma mudança destas, talvez viesse a desfazer trabalho emocional feito.
Sem imagem de perfil

De mike1906 a 04.09.2018 às 19:13

É o desespero. Uma equipa constituida por JM Ricciardi, José Eduardo, Z Boal, Pedro Baltazar, entre outros, devia dar um belo resultado

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo