Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

 

Quase que apetece dizer que "contra a força não há resitência", embora no caso concreto de Cristiano Ronaldo seja uma combinação de força, dinâmica e muito talento. O jogador português regressou à competição após cumprir três jogos de castigo na Liga espanhola, e foi parte central da "onda" que varreu o Schalke 04 em Gelsenkirchen, goleando a equipa da casa, por 6-1, em jogo a contar para a primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões.

 

Cristiano Ronaldo marcou (2), deu a marcar - Bale e Benzema também bisaram - e ainda mandou um remate ao poste. Incrível este "Bola de Ouro", sem dúvida alguma o melhor jogador do mundo neste momento.

 

Em conversa com um amigo meu sobre este jogo - a que não assisti salvo ter visto o resumo - e este comentou que o Schalke 04 "é um equipa fraca". Respondi-lhe que "se é uma equipa fraca, alguém os deve alertar dessa condição, porque decerto que eles não se consideram fracos. Estão nos oitavos de final da Champions, quando muitas boas equipas já ficaram pelo caminho (Benfica e FC Porto, a exemplo) e na Bundesliga estão actualmente em 4.º lugar, apenas dois pontos atrás do 2.º classificado, Bayern Leverkusen." Em Portugal estariam indubitavelmente a lutar pelo título, se não a liderar a classificação, tal é a potência do futebol alemão.

 

Com estes dois golos, Cristiano Ronaldo passou a somar 11 nesta edição da Liga dos Campeões - tornando-se no primeiro jogador a marcar 10 ou mais golos em três épocas consecutivas - e 61 na carreira, passando van Nistelrooy (60), mas ainda atrás de Raul que regista 71, ao serviço do Real Madrid e, posteriormente, deste mesmo Schalke 04.

 

publicado às 04:49

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds