Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




De tanga

Rui Gomes, em 30.04.20

21105016_F4Vcq.pngO FC Porto falhou o reembolso do empréstimo obrigacionista de 35 milhões que tinha contraído, por via de – mais – uma emissão de obrigações. Como é bem óbvio, este default não dá saúde nenhuma às relações dos clubes com o mercado financeiro, o que sobra, porque já foram proscritos dos bancos.

Independentemente do dano reputacional, que também já afectou o Sporting, a questão de fundo que este episódio suscita é o do modelo operacional dos clubes portugueses, que teimam em não ver mais além do seu próprio umbigo, a meias com a sacralização de uns mitos, que conduzirão inexoravelmente o futebol português à penúria.

E nem se pense que o Benfica está fora. Apenas vive a euforia de umas transferências bem sucedidas, mas as falhas estruturais permanecem. Bastou o falhanço do Kransnodar e a manutenção de custos fixos completamente absurdos, para o FC Porto colapsar, como aconteceu no Sporting, com o despesismo demagógico da era Bruno.

Esta vida no proverbial fio da navalha tem um fim anunciado e que é a progressiva perda de competitividade internacional, onde está, como sabemos, o dinheiro.

A Europa do futebol já percebeu que a solução está em abrir os clubes ao investimento externo, de que o paradigma mais bem sucedido é o caso do campeonato inglês.

Em Portugal, a gente do futebol também já percebeu, falta apenas a coragem de alguém dizer que o 'rei vai nu'. Mesmo naquele jogo de sombras em que a gestão do Benfica se transformou, se vislumbra essa preocupação, porquanto, por detrás daquela pretérita OPA, estava a disponibilização subsequente de capital a um ou mais investidores; não é debalde que LFV cita amiúde o exemplo do Lyon.

Prevejo que as circunstâncias ditarão que vai ser o FC Porto o primeiro a dar o passo em frente e outros seguirão, por opção ou necessidade. O timing é essencial, porque há uma grande distância entre a parceria e o resgate.

Carlos Barbosa da Cruz, Record

publicado às 03:18

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


27 comentários

Perfil Facebook

De Indiana Julio a 30.04.2020 às 12:30

Tenho bastante apreço pelas opinioes sempre ponderadas e certeiras de Carlos Barbosa da Cruz mas devo fazer um reparo, o colapso do Sporting nao aconteceu só na era do Bruno , ele agarrou o clube já colapsado .
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2020 às 12:41

Só que agravou a situação ainda mais!
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 30.04.2020 às 12:43

É um facto mas a situaçao calamitosa ja vinha de antes.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2020 às 16:05

Sim... da era Godinho, mas é um assunto muito complexo.

Uma coisa é certa, Varandas e a sua equipa herdaram um clube mesmo à beira do abismo. Não invejo as dores de cabeça para garantir a sobrevivência, algo que me parece que não é verdadeiramente reconhecido por muitos adeptos cuja preocupação prioritária é ver a bola rolar. Como, não interessa?!?
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 30.04.2020 às 16:31

Caro amigo qualquer sportinguista que se preze reconhece essa verdade nesta gerência do Dr Varandas ,o que reclamam e criticam (eu incluído) foram os erros infantis no futebol que nos deixaram perplexos principalmente para quem nos deu garantia quando no período eleitoral que experiência não faltaria e tem sido aí que falhou com estrondo, quisá o Dr Varandas afinal não seja tão entendido no futebol como julgou ou julga ser .

Agora irá ter mais uma oportunidade de fazer as coisas bem feitas como se exige , a paciência dos sportinguistas é de elefante mas tudo tem o seu limite.

Num orçamento perto dos 80M exige-se muito mais e nem vamos entrar em comparações porque se formos por aí ainda fica pior na fotografia.

A questão não esta no que poderia ter feito mais ou nas expectativas dos adeptos mas sim nos erros cometidos no futebol, decisões que tinham tudo para não dar certo e não deram sem qualquer surpresa.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 30.04.2020 às 16:51

já agora que falamos também do momento do futebol do Sporting gostaria de deixar a mina opinião do ainda não pagamento dos 10M ao Braga pelo treinador Amorim (da mina parte nunca leram qualquer critica nesta contratação) dirijo-me principalmente aos que á pressa vieram criticar a Direção do Sporting por não ter saldado ainda essa divida mesmo perante o momento de calamidade que vivemos a nível mundial (o Mundo humano parou) por coincidência o valor a pagar ao Sporting de Braga é muito semelhante ao que o Sporting tinha como garantido de receber da venda do Matheus , agora vimos a saber que o clube inglês esta a pedir mais um tempo para esse pagamento , sobre este assunto os mesmo já não vêm agora comentar .

Na minha opinião o Sporting decidiu por esta contratação aceitando o valor de 10M porque ira receber esse valor da venda do Matheus Pereira e a Direção do Sporting pretende que entre o dar e receber seja feito em período mais aproximado.
Eu pelo contrario tenho opinião que se esta a fazer uma excelente gerência financeira no clube.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2020 às 17:09

Fundamentalmente não discordo Julius e nem sou contra a contratação de Rúben Amorim. Não deixa de ser preocupante, no entanto, uma aposta de tão elevado risco por valores porventura excessivos.

O futuro pós-pandemia (esperamos que haja futuro) esclarecerá.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 30.04.2020 às 17:27

Só o futuro dirá mas ao contrario de outras decisoes tomadas que tinham tudo para nao darem certo, esta na minha perspectiva e do que vou conhecendo do Rubem tem tudo para dar certo, a preocupaçao maior estará sempre na máfia que domina o futebol portugués e que sabota qualquer estrategia ganhadora vinda do Sporting .

Rubem é um treinador moderno , com visao excelente de como se monta uma equipa e um jogo , eu acredito nele e tem todo o meu apoio e se der certo ninguem se lembrará do quanto custou.

O Futebol na alta competiçao em clubes da dimensao do Sporting o risco faz parte do ….orçamento.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2020 às 17:54

Veremos meu caro...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.04.2020 às 14:02

Parecem-me palavras sábias. Aliás, na comunicação social, já abundam artigos de opinião de vários notáveis nesse sentido. Mais tarde ou mais cedo a questão vai colocar-se, não se sabendo ao certo qual(is) o(s) clube(s) a ser pioneiros Não nascem Renatos nem Félix todos os Dias, e há quem pareça muito gordo mas pese pouco, pois o fato é que é largo..
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2020 às 15:07

Se não se identificar (nome ou pseudónimo), não voltará a ser publicado.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2020 às 15:13

P.S.: Relativamente ao seu comentário, parece-me que está a mandar uma alfinetada ao Benfica.
Sem imagem de perfil

De J.Oliveira a 30.04.2020 às 14:22

No caso do Sporting Clube de Portugal, com quase 90% das acções da Sad, pode bem acomodar um investidor que traga know How e liquidez à tesouraria, ficando porém o Clube sempre, mas sempre com 51% do capital da Sad.
Escrevam ou digam o que disserem, quem quiser, mas em Portugal nunca, mas nunca mesmo, os sócios do Benfica, Porto, Sporting, Braga (só para falar nestes), permitirão que um investidor domine (compre) estes clubes, jamais!
SL
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 30.04.2020 às 15:00

Caro Oliveira , eu tenho as minhas duvidas que assim seja o "nunca" é uma palavra muito forte que com o tempo tem enfraquecido em tantas e tantas situaçoes , tratando-se do futebol entao o "nunca" tem pouca credibilidade.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2020 às 15:08

Concordo com o J. Oliveira Julius. Em Portugal temos uma cultura clubística muito especial e ninguém quer ver o seu adorado clube (equipa de futebol) nas mãos de outros.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 30.04.2020 às 15:53

Reservo algum cepticismo nessa materia , o futuro do futebol está condenado a grandes voltas e em Portugal a mafia portuguesa domina ainda.

Vai complicar ainda mais, poder manter-se 80 a 100M de orçamento por época , alguem vai ter que começar a ceder.

Eu sou sportinguista dos sete costados , chocar-me-ia o meu clube perder a maioria do capital no futuro mas.. nao ficaria de todo surpreendido
De todas as formas se um dia "esa cosa" tiver que acontecer que o seja para alguem com muito dinheiro e com experiencia no futebol , quem investe procura sucesso financiero e no futebol so o será possivel com o sucesso desportivo em simultaneo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2020 às 15:59

Julius,

O sucesso do Sporting, ou de qualquer outro clube, em circunstâncias normais, depende quase inteiramente do enquadramento estrutural e respectiva competência.

Como já referi ao caro J. Oliveira, é aqui que reside o problema fulcral do Sporting.

Obviamente, que deixo à parte o que ocorre nas sombras dos bastidores. Essa é outra conversa.
Sem imagem de perfil

De J.Oliveira a 30.04.2020 às 15:24

Caro Julius

Até porque os casos em Portugal têm corrido muito mal, Atlético, Aves, Belenenses, etc. etc.

Caro Rui Gomes

Ainda bem que acompanha o meu pensar em relação a esta matéria, é sempre bom estar acompanhado por pessoas inteligentes e sabedoras (nomeadamente sobre futebol) como é caso do Rui.

SL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2020 às 15:36

Há muito que é este o meu pensar, caro J. Oliveira. Admite-se,como aliás refere no seu comentário, investidores, mas nunca com o clube a perder a maioria e o respectivo controlo.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 30.04.2020 às 15:55

Investidores a serio procuram ter a maioria , investirem o seu dinheiro com total controle de como , quando e quanto investem.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2020 às 16:02

Compreendo o seu ponto e é válido, sem dúvida, mas tudo é negociável.

Concordo que é um cenário preocupante ter alguém a investir uma fortuna, só para ver a gestão nas mão de elementos que, em alguns casos, nunca estiveram envolvidos no futebol.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2020 às 15:55

P.S.: Devo acrescentar, no entanto, que não gosto de ver pessoas eleitas a comandar o futebol do Sporting, a raiz da vasta maioria dos erros cometidos.

O presidente do Conselho Directivo será sempre, em situação maioritária, o presidente da SAD, e muito embora se reconheça que deve ter a última palavra nomeadamente no que diz respeito a orçamentos e afins, nunca devia assumir a liderança do futebol. Essa, devia estar nas mãos de profissionais competentes.

O eterno problema do Sporting, além de financeiro, é tanto ou mais estrutural, e enquanto não houver alterações radicais neste contexto, continuaremos na mesma.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 30.04.2020 às 16:02

No comentario que fiz nao descrevi a minha opiniao do que gostaria que aconteça apenas descrevo cenarios possiveis de vir a acontecer por muito que nos possa custar.

É um facto que a clubite em Portugal ja faz parte do ADN dos adeptos associados portugueses mas quem comanda na verdade é o $ e nao as vontades ou sentímentos de fë por muito nobres que sejam.

Se nao reduzirem os orçamentos brutais que se aplicam neste momento (80 a 100M) quem estiver á beirinha de ter que ceder, de ter que arrear pode nessa encruzilhada tomar esse caminho , nao está nem estará nunca fora de parte vir a acontecer.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2020 às 16:10

Só aconteceria (acontecerá), numa situação de absoluto desespero, com o fim do futebol no Clube como consequência.

Tudo é possível neste Mundo, mas há coisas muito improváveis.
Sem imagem de perfil

De ChakraIndigo a 30.04.2020 às 20:50

Na sumula, CBC não anda longe da verdade.

No entanto, o Benfica não vive nenhuma euforia por "transferências bem sucedidas".

Se assim fosse, seria uma situação ocasional, e os números dizem que,
(R&C 1º semestre 2019/ 2020):

Em termos de balanço a Benfica SAD alcançou 608,7M€ de activo, 385,3M€ de passivo e 223,4M€ de capitais próprios positivos, sendo quase o dobro do capital social inicial (115M€)

O Sporting tem os seguintes números
(1º semestre R&C 2019/ 2020):

A Sporting SAD apresentou 283,3M€ no Activo, 304,1M€ de Passivo, e considerando Passivo + VMOC's o valor sobe para 432,0M€. Os Capitais Próprios (sem VMOC's) são negativos em -20,8M€.
Considerando os VMOC's o saldo é negativo em -148,7M€, no entanto já se sabe que o Sporting recebeu um "perdão" da banca, e poderá comprar os vmoc's com um desconto de 70%, o que amenizará fortemente o Balanço.

O FCPorto tem os seguintes escandalosos números
(R&C 1º semestre 2019/ 2020)

A Porto SAD apresenta 357,6M€ de Activo, 444,5M€ de Passivo, o que representa um Capital Próprio de -86,9M€ negativos.
No entanto se considerarmos os interesse sem Controlo (EuroAntas) pelo facto de considerarem 100% do Estádio no Balanço, quando apenas passaram cerca de metade dessa empresa do clube para a SAD, então nesse cenário o capital próprio atribuído ao Porto Clube é de -145,1M€!

Ou seja, a Porto SAD está em FALÊNCIA!

Mais, o FCPorto prepara-se para apresentar resultados negativos em Junho, e num acumulado de gestão referente a 10 épocas, irão superar largamente os -220M€!!!
È efectivamente escandaloso.
Sem imagem de perfil

De ChakraIndigo a 30.04.2020 às 21:00

E com o testamento esqueci-me dos Resultados Acumulados em 9 épocas e meia
2010/ Janeiro de 2020, segundo os R&C das respectivas SAD, que não configuram nenhum tipo de gestão com euforias ou depressões ocasionais.

Benfica +210.5M€ (positivo)
Sporting - 140.7M€ (negativo) e sem vmocs
FCPorto -199.6M€ (negativo)
Sem imagem de perfil

De ChakraIndigo a 30.04.2020 às 21:01

* com vmocs

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D




Cristiano Ronaldo