Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Debate livre (57)

Rui Gomes, em 10.05.15

 

media_p18nb6eri38jcf7ifqb1mb814bd3.jpg

 

O espaço onde o leitor pode abordar qualquer temática do seu maior interesse. Eis algumas sugestões para este domingo:

 

- As declarações de Wanchope, seleccionador da Costa Rica, quase deixam a ideia de que a transferência de Jake Beckford para o Sporting é já um facto consumado: "O Sporting tem história na descoberta de talentos.É um clube que dá tempo aos jovens para crescerem, e isso pode ser positivo para o Jake. Ir para o Sporting seria muito bom. No entanto, ele terá de entender que esta é uma oportunidade que não se pode perder. Tem de a agarrar com unhas e dentes e dar o máximo. Isto, se quiser ter uma carreira de sucesso."

 

- Não sei bem se a manchete "Diogo Salomão disponível para render Carrillo" dá para rir se para chorar. O jogador que foi alvo de uma ainda por explicar renovação até 2019, encontra-se ao serviço do Deportivo da Corunha, agora de regresso à competição, depois de uma longa paragem por grave lesão. O próprio afirmou que ainda não sabe o que  vai acontecer na próxima época.

 

- Elio Casareto, empresário de André Carrillo, afirmou que há seis clubes interessados na aquisição do jogador e que o Sporting espera encaixar 10 milhões de euros com a venda.

 

 

publicado às 04:00

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


68 comentários

Sem imagem de perfil

De Fernando Albuquerque a 10.05.2015 às 08:43

Prezado Amigo Rui Gomes

Em referencia ao jogador Diogo Salomão, que teve um inicio de carreira prometedor, penso que se trata de um atleta com muitos problemas físicos, pois raramente está a jogar por motivo de lesões. Está há vários anos no Deportivo da Corunha, mas não é um jogador assíduo, talvez pelas razões que aponto.

O meu Amigo Rui está a brincar quando transcreve essa manchete. Comparar os dois jogadores não é possível , pois o Carrilho é para mim o único avançado do SCP com nível acima da média. Tenho muita pena desta atitude do jogador em abalar de Alvalade, mas compreendo que o SCP não é um clube apetecível devido aos salários que pode pagar aos seus jogadores e de facto lamento a sua saída.
De referir que o SCP está bem servido de jogadores para o lugar do Carrilho , embora a diferença de qualidade seja neste momento muito notória, o que não acontecia anteriormente, onde ele se arrastava em campo.

Aguardo com ansiedade o final deste campeonato denominado "O COLINHO" do vencedor, para saber quem sai e quem entra, pois escrevem tantas suposições que
espero sejam mais acertáveis que as do verão passado, onde entrou muita gente, mas ainda na fase da formação, pois foram escolhidos muitos jovens que necessitam de tempo para mostrarem o que podem fazer no nosso clube.

Bom domingo Fernando Albuquerque

Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 08:47

Eu acho que a renovacao do salomao foi ate 2017 + 2anos de opcao do clube.

Sobre as declaracoes do agente do carrillo nada me surpreende. Ele esta a fazer o seu papel de tentar uma venda onde o seu cliente ira receber salarios bem mais altos que em alvalade alem de receber um premio de assinatura e o agente vai receber tambem valores pelo seu "trabalho".

Nao existe drama nenhum. O sporting ja recebeu jogadores que tambem deram negas aos seus anteriores clubes e claro que tambem vamos perder jogadores nessas circumstancias. Faz parte do mundo de futebol. "you win some and lose some".

Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 09:08

Penso que também os detentores de parte do passe de Carrillo preferirao uma transferencia à eventual renovacao de contrato.
Alguns rumores dariam conta de uma cláusula obrigatória de recompra de 50% (ou menos) do passe para poder efectivar a renovacao (mas isso parece-me especulativo demais).
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 09:18

Sem duvida petinga, eu acho que para as 3 partes uma venda sera o mais viavel.

Porque tambem temos que ver se vale a pena renovar um contrato chorudo com carrillo quando nos so temos 50% do passe. Sera que realmente vale o risco?
Ou mais vale vender agora e valorizar outros activos onde detemos totalidade ou a maior parte do passe?
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 09:24

Como em tudo, há duas correntes de opiniao.
Uma prefere o Carrillo com o nível qualitativo actual, que já conhece os cantos à casa, o treinador, o campeonato portugues e a equipa - em detrimento de termos que ir ao mercado contratar alguém que nunca se sabe o que vai dar.
Outra recorda que a inconstancia exibicional dele pode regressar, lembra que só temos 50% do passe, e considera que provavelmente nao se justifica um contrato chorudo para tao pouca margem de valorizacao e retorno do investimento.

Nao faco também ideia qual será o "price tag" de Carrillo nesta altura. Quando o empresário diz que o Sporting espera encaixar 10 milhoes, refere-se a uma venda por um total de 20 milhoes com 50% desse montante para o Sporting? Nao sei se Carrillo valerá tanto assim.
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 09:36

Sim tens razao o carrillo nao vale 20milhoes mas o pini zahavi pode estar disposto a receber menos pelos seus 50% do que o sporting. Alias foi notorio que a doyen recebeu menos que o porto quando o porto encaixou €30.5M por 56.67% do passe e o manchester city so pagou 40milhoes de euros(32milhoes de libras) pelos 100%.

Tem que aver alguem a ceder.....
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 09:46

OK, obrigado pela informacao!... ainda haverá portanto muita água para correr debaixo dessa ponte.

Achas que no caso do Cedric também se caminhará rumo a uma venda (ainda por cima com os rumores de que o Miguel Lopes terá baixado o salário e se mostra capaz de cumprir na funcao)? Pelo menos desse lado parece-me que o empresário tem sido menos propenso a declaracoes bombásticas para os media...
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 09:55

Eu acho que o cedric ja vamos conseguir renovar mas com total acordo de ele poder valorizar com a epoca 15/16 e tentar entrar nas contas para o euro 2016 para depois ser vendido no verao 2016. Vai ser acordo de cavaleiros entre eles. Um pouco como o jackson fez com o fc porto. E o cedric detemos 100% do passe.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 09:58

Seria sem dúvida a melhor solucao. Tens boas ideas, Luis ;-)
De qualquer forma, acho que seria contraproducente deixar escapar tanta gente do 11 titular (Nani, Carrillo e provavelmente William) de uma vez só. Mas Cédric nao é de todo insubstituível - apesar de eu pessoalmente gostar bastante do estilo low-profile e da entrega.
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 10:07

Obrigado petinga :-)

Eu tambem acho que perder muitos jogadores do onze no mesmo ano pode ser mau mas o benfica mostrou nao ficar afectado. Em especial no nosso campeonato onde as outras equipas tambem perdem muitos jogadores todos os anos.Nao pode ser desculpa sincaramente.

Ma como eu digo sempre, o pesadelo de um homem é o sonho de outro. Quem nao quiser ficar podem ir porque existe outros que querem opportunidades.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 10:12

Exacto. Mas convém nao esquecer que no slb mora um treinador que é dos melhores a montar equipas e desenvolver jogadores e que beneficia de estar em funcoes há 6 anos, conhecendo muito bem a casa e (mais ainda) o futebol portugues.

E gracas a isso os comecos de campeonato para as bandas de Carnide sao quase invariavelmente muito maus, quando ele ainda está a formar o grupo e a implementar métodos. No ano após perder tudo, comecou tao mal que tenho para mim que se o Jardim tivesse sido capaz de lhe ganhar em Alvalade na 1a volta, ele tinha mesmo ido desta pra melhor.
Sabendo da nossa presenca numa pré-eliminatória da Champions, nao nos podemos arriscar a isso. Os maus comecos de campeonato num clube como o Sporting podem ser letais (a história recente está cheia de exemplos).
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 10:21

E tambem nao esquecer que o SLB montou uma equipa "nova" mas com alguns jogadores com calo. Julio cesar,eliseu,jonas os principais. O talisca comecou bem mas depois arrefeceu. Com a forma do jonas, o derley que foi bomba no maritimo mal jogou.lol

Se o jardim tivesse ficado claro que tinha sido uma epoca mais regular mas tambem o dinheiro falou mais alto....tanto para o jardim como para a s.a.d. 3milhoes + possiveis 3m........

Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 10:26

E esse Derley tanto jeito nos poderia ter dado... ainda acho que foi Jonas o real obreiro do título. Tanto golo com uma qualidade ofensiva que durante grande parte da época foi relativamente baixa ajuda e muito.
Sabes de que estao dependentes os 3m adicionais do Jardim? Performance targets no Monaco? É que o Monaco actual dificilmente poderá aspirar a mais do que um lugar na pré-eliminatória da Champions (com sorte qualificacao directa, mas o Lyon parece-me estar forte de mais na recta final).
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 10:31

Infelizmente nunca saiu informacao official o que sao os objectivos do monaco para podermos ganhar os 3milhoes. Mas os rumoures dizem que sao €1m por o titulo nacional, €1m por competicao europeia e €1m por uma taca francesa.

O melhor coisa foi a clausula anti rival ate 2018.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 10:34

Nesse caso pode estar aí 1M a caminho. O Monaco dificilmente perde o 3. lugar com presenca na pré-eliminatória. Seria irónico encontrarmos o Monaco no nosso caminho (espero bem que nao)...
As cláusulas anti-rival sao um must num clube que nao tem neste momento capacidade financeira para competir em termos salariais com fcp e slb... e ainda bem que existem.
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 10:45

Sem duvida petinga. Qualquer milhao sera bem vindo :-)

Tambem existe grandes possibilidades do nani, moutinho e miguel veloso serem vendidos dos seus clubes e ai vamos ter um bom montante em direitos de formacao alem do bruma tambem poder sair este verao do galatasaray onde temos 25% mais valia.

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 11:30

Com esses três, a vir algum, não será na forma de direitos de formação mas sim assente no acordo de solidariedade . Com Bruma, ainda haverá percentagem de formação.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 09:13

A eventual saída de Carrillo seria uma perda considerável pelo valor que tem neste momento.
Pergunta provocatória (apenas para reflexao): No entanto, o que seria se o Sporting hipoteticamente lhe subisse o salário para o topo do plafond e, a partir de 2015-16, voltasse o Carrillo pastelao, displicente e inconsistente que vimos durante quase toda a sua estadia no Sporting? Nao seria o primeiro nem o último jogador a arregacar as mangas só quando as razoes contratuais o justificam...

Neste momento, no plantel A+B, uma saída de Nani e Carrillo obrigaria a ir ao mercado por um extremo. Poderia abrir espaco para um Podence ou Sacko entrarem nas contas mas, com Capel provavelmente de saída e Mané pouco talhado para jogar na ala, parece inevitável ter que ir buscar um jogador novo.

Gostaria de mencionar que o Sporting, em comunicado, refere que as penas avancadas pela UEFA no ambito do Fair Play Financeiro sao penas suspensas que só se aplicam se, até Julho, o clube nao apresentar um resultado positivo de pelo menos 4.9 milhoes. Talvez o nosso caro OCR diga que isso é fácil, mas ter uma SAD que de lucro ano após ano sem com isso se deixar de ter uma equipa competitiva nao me parece nada simples.
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 09:24

Concordo contigo. Ja vi varios jogadores a darem "gas" quando estam a 2 ou 1 ano de acabar o contrato. O melhor caso foi o matias fernandez em epoca 11/12 onde teve a sua melhor epoca mas nesse mesmo verao so tinha 1 ano de contrato e foi vendido a fiorentina.

Para mim nao existe drama no caso carrillo. O empresario dele esta a fazer tudo para uma venda e ninguem pode apontar o dedo.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 09:28

O nosso Sporting infelizmente foi pródigo em casos desses. Pedro Barbosa talvez o mais notório. E o número de jogadores emprestados que jogavam como se nao houvesse amanha e, depois da contratacao definitiva, pareciam atletas banais...

A verdadeira apreciacao da resolucao do caso Carrillo depende também de quanto o Sporting conseguir encaixar com uma venda e quem formos buscar para o render. Se nao estou em erro, Wilson Eduardo também está emprestado e pode regressar (mas dificilmente será mais do que uma segunda linha).
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 09:58

Jogadores emprestados que podem jogar a extremo(embora em alguns nomes nao sejam extremos puros) temos heldon,wilson eduardo,salomao,iuri medeiros,viola,labyad.

Resta saber qual vai ser a decisao(o viola so detemos 32% do passe). vai ser dificil este ficar.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 10:06

Heldon foi pedido do Jardim... ainda acho que será uma versao melhorada do Wilson Eduardo, mas nao sei se estará pronto para agarrar uma titularidade.
Wilson Eduardo e Salomao provavelmente nao poderao ser mais do que segundas linhas.
Viola era o ideal, mas tens toda a razao; com tao pouco do passe acho que é para tentar vender (ou entao recuperar o restante do passe o quanto antes). Nao sei se salarialmente nao será também um caso bicudo.
Iuri e Labyad sao potencialmente muito bons valores e resta perceber se podem render na ala.

Se eu tivesse que decidir, deixava ir Eduardo e Salomao (nunca percebi porque é que renovámos com ele). Vendia Viola. Recuperava Heldon para o plantel (porque há um investimento de 1,5 M que foi feito e nao deve ser perdido e é um valor fiável como segunda linha) e apostava ou em Iuri ou em Labyad para uma posicao titular na ala. Ia ao mercado comprar um extremo um pouco mais caro (com os riscos que isto acarreta). O que achas?
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 10:15

Petinga, a razao que renovamos com o salomao foi porque o goodinho tinha vendido 25% ao fundo BES por €1m. Se o sporting nao renovase, iamos perder o jogador e ficar com a divida ao fundo bes.

Assim a tatica foi renovar contrato.....recuperar os passes do fundo bes(como fizemos) e agora temos a totalidade e estamos a ver agora opcoes para o futuro podermos fazer encaixe. Nem que seja deixar ele ir para um guimaraes por nada mas ficarmos com 50% de futura venda como fizemos com andre santos e nii plange.

Como podes imaginar, nao é facil gerir estas coisas porque tambem os jogadores tem pretensoes....
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 10:19

Nao sabia disto em relacao ao Salomao! Bolas. O Godinho realmente deixou aquilo tudo meio armadilhado. Nao sei se o Deportivo nao quererá ficar com o jogador a título definitivo...
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 10:25

Eu duvido que o deportivo quer ficar com ele a defenitivo. ele tem problemas de lesao. Bom bom era um emprestimo a uma equipa onde o salomao podia jogar regularmente e poder realmente valorizar. Nem que seja na liga portuguesa. Existe muitos olheiros a ver a liga portuguesa. Uma boa epoca em portugal e depois aparecia clubes a querer comprar por valor justo.
Sem imagem de perfil

De NunoAmsterdao a 10.05.2015 às 11:04

Bom dia Petinga,

Concordo plenamente no que diz e tambem é uma grande verdade e o Carrilho desde que esta no Sporting nem sempre jogou bem alias me lembro muito bem que comecava o jogo e parecia que ja estava cansado :) e so fazia passes errados ,jogar as sem nexo e todos nós sabemos quanto era assobiado .

É sem duvida um excelente jogador mas pelos vistos não quer ficar e penso que é altura para dar oportunidades aos da casa .

SL
Nuno
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 11:17

Boas Nuno,

Como escrevo mais abaixo penso que há que pesar os prós e os contras neste caso.

Contra: - perdemos um jogador que é neste momento dos melhores do plantel;
- teremos que ir ao mercado buscar alguém para extremo e nao é posicao fácil de encontrar por pouco dinheiro
- com a saída de Nani e provável venda de William já vao 3 titulares que saem de cena, no arranque de uma época em que precisamos muito de passar a pré-eliminatória da Champions
Pró: - só temos 50% do passe e portanto é boa ideia vender quando a valorizacao está no máximo
- nao temos capacidade salarial para competir facilmente com outros clubes por este jogador e uma renovacao bem sucedida pode sair mesmo muito cara
- apesar de tudo o histórico de rendimento de Carrillo nao garante que, em caso de renovacao, em 2015-16 se mantenha neste nível de forma
- temos entre o plantel da B e os emprestados alguns jogadores que, nao sendo todos para entrar logo no 11 a jogar ao mais alto nível, apresentam bastante potencial
Sem imagem de perfil

De NunoAmsterdao a 10.05.2015 às 11:28

Pois o grande problema é so um ...falta de dinheiro e ai estamos limitados para negociacoes e pelo nosso tecto salarial não vai ser facil encontrar um jogador ao nivel de um Carrilho ou Nani .
Penso que o melhor neste momento é vender e ao menos recuperar o que investimos e a ser por 10 milhoes acho que é um excelente negocio.

Mas agora eu pergunto sera que o Carrilho tem vontade de ficar ?

Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 11:37

A questao também é que esse problema e essa limitacao que temos em relacao aos rivais directos nao podem se-lo eternamente.

Essa pergunta só o jogador a pode responder. E tendo em conta as vicissitudes da carreira, faz sentido que ele pretenda assegurar um grande contrato o quanto antes. Até por isso é lógica a sua subida de performance na temporada antes do defeso em que mais chances tem de sair do clube.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 11:45

A melhor performance dele tem quase tudo a ver com a sua maior maturidade, tanto como homem como jogador e também com o treinador. Em termos de maturidade, já começou dar alguns sinais de progresso sob Leonardo Jardim, pese a sua dificuldade em se adaptar à sua mentalidade defensiva. Com a filosofia de jogo de Marco Silva e acrescida maturidade, o seu melhor veio à luz. Claro, como com qualquer jogador em qualquer clube, há sempre o reconhecimento que para se valorizar e poder aspirar a outros níveis de compensação, o rendimento também tem de aumentar. Mas nem todos têm o que ele tem e sempre teve: enorme talento.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 12:02

Sem dúvida - desde o comeco que era possível ver um grande talento em Carrillo. Mas penso que sem um treinador que esteja constantemente em cima dele para as tarefas defensivas corre o risco de se perder.
Caso seja realmente vendido, entao que seja pelos tais 10 M €, que sirva para pelo menos se poder manter Cedric e que se contrate alguém com reais chances de integrar o 11 titular logo de início.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 12:16

Sendo verdade o que o empresário diz, para o SCP fazer 10 milhões, venda terá de ser por 20, salvo o fundo abdicar de alguma pequena percentagem.

O Carrillo tem as suas características com qualquer outro jogador. Esse trabalho é da exclusividade de um treinador.

Posso estar errado, mas creio que o objectivo primordial com o Cédric é o encaixe e não a renovação. A ver vamos...
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 12:25

A menos de um qualquer acordo com o fundo (ou quem detém os outros 50%) para facilitar a venda. Nao vejo ninguém a dar 20 M neste momento por Carrillo.

No caso de Cédric penso que a sua eventual substituicao no plantel seria bem mais simples do que com Carrillo. Por isso a minha intuicao inicial era no sentido de tentar renovar com o segundo e nao com o primeiro. Mas há também a consideracao da percentagem do passe detida pelo SCP (que nao devemos menosprezar) e, sobretudo, a existencia de clubes interessados em atingir a marca que a SAD pretenderá receber pelos direitos do jogador. Está longe de ser uma matéria de resolucao simples.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 11:38

Nuno,

Em primeiro lugar, qual é o tecto salarial ?... Se de facto existe, é um grande erro. O que poderá e deverá existir é um tecto orçamental, que é significativamente diferente.

A vontade de Carrillo é relativa, como a de qualquer jogador na sua situação. Sendo verdade que ele neste momento recebe 150 mil líquidos/ano e que a proposta da SAD, para a renovação, parte dessa verba, nem daqui a mil anos chegarão a um acordo.

A minha opinião, e é apenas minha, é que o Bruno não está verdadeiramente interessado em renovar, dado que ele prefere o encaixe, por falta de receitas. Por outras vias e assente em uma outra premissa, aconteceu exactamente o mesmo o Eric Dier, só para nomear um.
Sem imagem de perfil

De NunoAmsterdao a 10.05.2015 às 19:16

Rui,

Pelo que sei pela CS o max é de 1 a 1,5 milhoes ano.

Mas tambem não sabemos quanto ele pede para renovar e mais premios e pela conversa do empresario ja se ve que a cabeca ja esta fora de Portugal.

Em relacao ao Dier deve estar a ganhar e bem na Primier League porque la qualquer jogador ganha salarios enormes comparados com Portugal e Tinhamos que pagam o mesmo salario que o Tottenham oferecia e ai o BDC não quis porque provalvalmente era demasiado alto e no fundo .....mais um contracto armadilhado da antiga direccão que Tinha Aquela Clausula de 5 milhoes .

Nuno

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 19:40

Nuno,

A realidade é que não se sabe sequer se existe um tecto salarial. Sabemos que existe um orçamento global para este fim e é esse orçamento que determina a disponibilidade da SAD.

Quanto ao Dier, e eu sei exactamente o que se passou, não é como o Nuno relata, até porque se esse fosse o seu único objectivo teria invocado a cláusula muito antes. Não vou revelar o que não devo, mas acredite que ele reagiu a uma oferta muito baixa de BdC com a estipulação "ou pegas ou largas". Enfim, faz parte do passado, já não interessa.
Sem imagem de perfil

De NunoAmsterdao a 10.05.2015 às 19:37

So para o Rui ter uma ideia o Eric ganha 25000 libras .... Á semana ...por ai ja pode ver que não tinhamos hipotesse de renovar com ele.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 19:42

Em contexto, é inconsequente, mas qual é a fonte desta informação ?... Espero que não me vá dizer que é a media.
Sem imagem de perfil

De NunoAmsterdao a 10.05.2015 às 20:27

Rui,

Na inglaterra é as claras os salarios inclusive aliás se ve online os salarios de todas as equipas. E o salario do Dier é á Volta de 1,3 milhoes de libras ano.

La é perfeitamente normal esse tipo de salarios .
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 10:43

Bem... entre os dois, os problemas ficaram todos resolvidos :)

Primeiro, o contrato de Salomão é até 2019 e não 2017 com opção. Mesmo tendo em conta o tal milhão, não faz sentido algum.

A tese que o Carrillo poderá não continuar ao nível de performance desta época é aplicável a qualquer jogador em qualquer altura. A realidade é que com a saída dele e de Nani, ficaremos completamente descalços nas alas. E, por favor, não venham falar em Wilson Eduardo, que nem é um extremo, e muito menos ainda Labyad e Iuri Medeiros. O mesmo com Carlos Mané. Heldon não é jogador para um Sporting que pretenda ser competitivo, ponto final. Fez um bom jogo desde que veio, o primeiro contra o Benfica, e nada mais.

Valentin Viola nunca devia ter sido emprestado, mesmo com um salário acima da actual média da SAD. Fez falta esta época e devia ter sido valorizado em casa, precisamente o mesmo caso de Diego Rubio, de quem tanto se fala... agora.

Sobre Carrillo, eu adorava saber os números sobre a mesa. Com a nova lei sobre os fundos, Pini Zahavi também reconhece que é uma situação delicada. Não acredito que o caso não seja negociável, mas como o Bruno fez dele um inimigo, fica no ar que tipo de negociações estarão a ser conduzidas. Vou esperar para ver, mas a exemplo do que já aconteceu com outros, suspeito que a preferência é mesmo fazer encaixe. Voltamos sempre à mesma, tem sido feito um excelente trabalho a reduzir custos e baixar orçamentos, mas em termos de receitas extraordinárias NADA, mesmo NADA, salvo vender jogadores e a Champions. E aqui reside o grande problema.
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 10:55

Bom dia rui,

O que fazias no verao de 2013 quando o salomao tinha 1 ano de contrato?
O goodinho vendeu 25% por €1m. Isso significava que na altura de venda salomao tinha valor de mercado €4m.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 11:06

Bom dia Luís,

Uma lição que eu aprendi na vida e que infelizmente me custou uns milhões : por vezes é melhor "engolir" o prejuízo à raiz do que continuar a investir a fundo perdido.

O chamado valor de mercado é muito subjectivo. Na realidade, o valor é o que alguém está disposto a pagar e ninguém daria 4 milhões pelo Salomão. O único objectivo da renovação foi adiar a decisão/problema, nada mais, mas sempre com a necessidade de o emprestar para não lhe estar a pagar salário e ele, quanto muito, a jogar na B.
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 11:12

ummm entendo rui. Todos tem a sua opiniao. Nao nos resta anda a fazer se nao esperar como vai ser resolvido o dossier salomao. Se calhar vao ter que engolir na mesma.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 11:21

O Luís está em terras inglesas e há uma expressão muito pertinente: "throw good money after bad money". Ou seja, continuar a investir em causa perdida.

O valor do Salomão, agora, com o historial de lesões, foi reduzido ao insignificante. Ou arranjamos alguém para lhe pagar o salário, através de cedência, ou teremo nós que assumir o encargo, sem benefícios desportivos à vista.

Eu até gosto do rapaz, mas foi uma aposta no escuro à espera de dividendos quase milagrosos.
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 11:28

Pois rui eu entendo perfeitamente mas tambem eles dizem "in hindsight its easy to judge". Ou seja em retrospecto mais facil julgar.

Imagina se sporting tinha rescindido e depois ele fosse um succeso em um braga/guimaraes e fosse vendido por €4m por exemplo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 11:50

Não era grande catástrofe . Faz parte do desporto e do negócio. E neste caso concreto, até nem é muito pertinente, porque o talento dele na altura da renovação não era segredo algum. Já perdemos mais com outros que foram dispensados de forma estúpida e até irresponsável. Silvestre Varela vem-me prontamente à mente, graças à casmurrice do sr, Paulo Bento que não queria extremos na equipa.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 11:34

Olá Rui

Penso que o Carrillo é um caso notório pela inconstancia exibicional. Já tem anos suficientes de Sporting para os adeptos o conhecerem de alguma forma e nao acho que seja um caso "normal" de possível flutuacao de forma. No resto, concordo que o Sporting terá que ir ao mercado - escrevi-o acima.
Na situacao de Rubio, parece evidente pelos dados de que dispomos que a SAD decidiu que só com reducao salarial é que uma reintegracao se torna possível. Se Viola estivesse disposto a faze-lo seria um obstáculo a menos; mas se realmente só detemos 30% do passe nao sei bem o que fazer. Também sinceramente nao vejo o que Viola teria feito esta temporada que melhorasse o rendimento desportivo da equipa; nao me parece que fosse por ele cá estar que teríamos ficado em 2. ou 1. lugar ou passado a fase de grupos da Champions... acho que estamos a sobreestimar a qualidade do jogador (se fosse mesmo tao bom já teria sido vendido).

Heldon foi um reforco pedido por Jardim e nao é sinceramente muito pior que um qualquer Ola John; acho que é de considerar mante-lo como segunda linha. Um plantel nao se faz só de jogadores de top. Mas isto é apenas uma opiniao.

Quanto às receitas extraordinárias: penso que o naming do estádio tem que avancar. Patrocínios e dentes afiados para renegociar os direitos televisivos também. E concordo que é o ponto da gestao onde BdC menos tem feito. Temos que aproximar o nosso nível de receitas pelo menos das do fcp.
Sem imagem de perfil

De Luis Franco a 10.05.2015 às 11:46

Os valores de patrocinos tem aver muito com o sucesso desportivo. Por isso ganhar a taca apos 6/7epocas sem anda é muito importante. Um passo para mostrar que estamos de volta. primeiro foi volta a champions ano passado. agora uma taca era bom.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 11:57

De acordo, Luís.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 12:06

Bom dia Petinga,

Mesmo com as muito naturais diferenças de opinião, eu gostaria - e é isso que eu faço em particular - poder debater questões de futebol sem se fazer sentir, directo ou por inferência, que se está a defender uma "causa".

Concordo que os salários de Rubio e Viola eram acima do que foi estabelecido como possível para a SAD , mas a solução não passava de modo algum pelas cedências que foram realizadas. Com o Rubio , na realidade, trataram-no como "lixo", com o empréstimo para dois campeonatos que nem no mapa estão, com a intenção de o motivar a rasgar contrato e ir à vida. Com Viola, pouco melhor.

Se temos um investimento, salvo em causas perdidas, à raiz, a lógica e o bem senso indicam que devemos tentar valorizar esse investimento, desportiva e financeiramente.

O que Viola teria ou não feito, nunca saberemos. A realidade é que, na posição, tirando Nani e Carrillo não temos ninguém melhor.

Não estou convencido que LJ pediu Heldon , mas sim que o aceitou. Para um Sporting competitivo, nem o vejo numa segunda linha, prefiro, então, apostar num dos miúdos da formação.

Quanto ao último ponto, não é o que BdC "menos tem feito" mas sim que "NADA tem feito". Daí o meu argumento que algumas negociações visam, sobretudo, a não renovação para dar justificação a vendas. É claro como a água meu caro. Espero, no caso de Carrillo , estar errado, mas duvido que esteja. E Cédric poderá ir pelo mesmo caminho... mais 4/5 milhões para a tesouraria.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 10.05.2015 às 12:38

Eu também gostaria de nao sentir que estou a debater temas com pessoas que nao sao capazes de ver nada de bom na actual direccao da SAD. Chegarmos ao ponto de resumir tudo o que se passou nos últimos 2 anos a "sorte" na escolha de dois treinadores, por exemplo, vai nesse sentido. Estamos entendidos.

Nao percebo como é que os empréstimos que foram feitos para Viola e Rubio podem ser lidos como tentativas de os motivar a rasgar contrato e ir à vida. Primeiro, porque conheco pouquíssimos jogadores que alguma vez fizeram isso na posicao de forca em que os dois se encontram. Segundo, porque havendo clubes de campeonatos melhores na disposicao de pagar os salários na totalidade, custa-me muito ver o Sporting a colocar entraves a essas opcoes. Parece-me muito mais ser tudo uma questao financeira de quem encontra um clube em pantanas e necessita rapidamente de colocar alguma ordem na casa (para se evitar, por exemplo, o que poderia ter acontecido no ambito do Fair Play Financeiro). Finalmente, achar que a SAD agiu de má-fé "só porque sim" vai no sentido do parágrafo inicial, Rui....

Duvido muito que o Sporting tivesse ido pagar 1,5M por Heldon com as alternativas que tinha para a posicao, na altura em que foi. Foi amplamente noticiado como um reforco pedido por Jardim. Foi aliás por isso mesmo que chegou e foi logo titular contra o slbenfica.
Nao serve isto para atacar Jardim de qualquer forma (ele que, a meu ver, é um dos melhores treinadores a passar pelo Sporting nas últimas 2 décadas), mas apenas para reforcar que a contratacao de jogadores está longe de ser uma ciencia exacta. Veja-se o número de jogadores que o slb contrata todos os defesos e que nem deixa aquecer antes de os recambiar para um qualquer empréstimo.

O modelo mais simples e apropriado para recuperar o Sporting numa fase da sua história em que esteve perto de fechar portas é: formar jogadores, integrar os melhores no plantel A, promover e valorizar os foras-de-série e transferi-los realizando (quando possível) grandes encaixes. Nao tenho dificuldades em entender isto. Nao pode ser o modelo ad eternam porque nao permite gerar valor desportivo. Mas estamos 2 anos após a venda de um ponta-de-lanca jovem, internacional A holandes, que, como o Rui gosta de realcar (e bem!), marcou 40+ golos em 2 anos, por muito menos do que aquilo que o Sporting espera agora que se pague por Carrillo. A exigencia deve ir aumentando, mas esperar tudo de uma vez é ilusório.
Sem imagem de perfil

De rigaboss a 10.05.2015 às 13:54

basicamente o rubio foi despachado para num dos últimos classificados da romenia, onde praticamente noa jogou, e para os tipos que ficaram em ultimo na noruega e tendo em conta os números que ele teve, dá ideia que ele era melhor que o resto da equipa toda junta.

quanto ao viola, opção A voltar a argentina, mas o sporting so o deixava voltar para la se fosse a titulo definitivo, como os argentinos não tinham dinheiro para isso, foi para um equipa do meio da tabela para baixo da turquia.


ps: quanto a questão do debate, bem é tudo uma questão de compreender que o clube não nasceu em 2013, e que antes dessa data também existiram muitas coisas bem feitas e não tudo demonizado, e que depois dessa data nem tudo o que se faz é de aplaudir. e claro que é mais do que tempo de se parar de se desculpar tudo o que de mal é feito agora com o que acontecia antes.
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 10.05.2015 às 10:49

Não conheço o jogador da Costa Rica em causa ... alias da costa rica só conheço o Brian Ruiz e o avançado do Arsenal.

Sobre a saída do Carrilho se somarmos a de Nani, eu julgo que temos aqui uma oportunidade para mudar o sistema tácito da equipa para um 4-4-2, seria também uma oportunidade para incorporar o Iuri e o Labyad seria um desafio interessante para Marco Silva.



SL,
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 11:13

Sérgio,

Incorporar Labyad e o Iuri em que posições... extremos ???

Gostei dessa do "desafio interessante" para Marco Silva :) Eu sei que sei alguma coisa que o Sérgio não sabe, mas será que o Sérgio sabe alguma coisa que eu não sei, neste caso ?

Além do resto, cada vez mais penso que a saída de Carrillo está ser desejada, para fazer encaixe. Se estiver errado, darei a mão à palmatória, mas creio que é mais um daqueles casos em que se negoceia para a NÃO renovação.
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 10.05.2015 às 11:57

"Incorporar Labyad e o Iuri em que posições... extremos ???"

Esse é o desafio do treinador.

Rui eu só sei aquilo que se lê e ouve na CS o que se escreve nos blogs leoninos, quanto muito poderá entender como sendo aquilo que desejo que aconteça.

Nunca será uma renovação fácil ... o fato de termos 50% penaliza ainda mais a posição do clube mas por outro no meu entender reforça a necessidade de renovar com o jogo com o devido apoio de quem detem os restantes 50% caso contrário eu não venderia para ir buscar uns tostões e manteria o jogador até ao final do contrato, não teríamos ganhos financeiros mas teríamos eventualmente ganhos desportivos que é o mais importante (atingida a estabilidade financeira).

SL,
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 12:12

Não me respondeu à questão sobre o Marco Silva.

Ainda admito que o Iuri possa ser trabalhado, agora o Labyad não é, nunca foi e nunca será um extremo, salvo por adaptação forçada.
Sem imagem de perfil

De rigaboss a 10.05.2015 às 13:58

e mesmo o Iuri é um jogador digamos especial, precisa de um acompanhamento muito próximo, de um treinador que ande sempre em cima dele( foi isso que ele encontrou em arouca com o pedro emanuel).

quanto a posição, ele pode jogar como extremo, mas isso tenho a impressão que lhe tira muito da liberdade e eu vê-lo-ia mais como um jogador para jogar solto na frente, nas costas de um avançado.

quanto ao Labyad, sou da mesma opinião , ele nunca na vida será um extremo, é um 10 puro.
Sem imagem de perfil

De iorda9 a 10.05.2015 às 12:50

A noticia é claramente Carrillo

Parece que jogador, empresario e Sporting estão mais ou menos afinados para vender o jogador

Não creio que se consiga uma venda de 20M, mas entre os 12M e 15M, já são numeros interessantes

Não vale a pena falar muito da anterior direcção, mas umas das medidas mais incompreensiveis foi a venda (a preços irrisórios) de % de passes mesmo daqueles jogadores como Carrillo que mostraram ter pelo menos bastante grande potencial

Quando à equipa para a proxima epoca - se perdermos os 2 principais extremos, é na minha opinião uma oportunidade para entre direcção e treinador, se chegar a um consenso sobre que tipo de extremos o SPorting precisa - se mais ofensivos como Carrillo e Nani ou mais como medios-ala, com maior capacidade de fechar e permitir dessa forma jogar-se em 4-4-2

Em relação a nomes, no 1º cenario podiamos subir um dos seguintes jogadores - Gelson, Podence ou Iuri, no segundo, creio que Esgaio conseguiria fazer bem o lugar - se calhar melhor que lateral

São muitas variaveis - vai ser um Verão muito animado

Sem imagem de perfil

De rigaboss a 10.05.2015 às 14:02

a questão é que saiem 2 extremos titulares e a ideia é atirar as feras os miúdos sem experiencia?

o Podence é muito verdinho, o gelson tem talento, mas ainda é junior, o iuri é um caso especial e para mim o futuro dele não é como extremo, mas ele tem de ser gerido com pinças, especialmente a nível psicológico.

o esgaio já estabilizou numa posição: a de lateral, alias já está mais do que na altura de estabilizar numa posição.
Sem imagem de perfil

De iorda9 a 10.05.2015 às 14:42

Claro que a solução não está só nesses que referi - claro que temos que ir ao mercado contratar 2 jogadores com condições para serem titulares

Todos os que referi, devem na minha opinião lutar por apenas uma vaga no plantel principal e assim teremos com Carlos Mané 4 extremos
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 15:03

Iorda,

Carlos Mané também não é extremo. A sua utilização nessa posição é uma adaptação, daí que ele tenha sempre a tendência de rasgar para o interior onde se sente mais confortável e onde procura os golos que, em princípio, não marcaria como extremo nato.

Extremos natos de qualidade não existem em abundância. Veja só o Bayern Munique com todo o seu poderio; perdeu o Ribéry e o Robbem e ficou sem extremos.
Sem imagem de perfil

De iorda9 a 10.05.2015 às 15:47

Mané não é um extremo de raiz, tende como diz a rasgar para dentro, mas isso muitas vezes pode até ser uma vantagem

Com a saida de Carillo e Nani, creio que se opte por continuar a usar Mané como extremo

Sobre as opções de mercado - não será concerteza facil substituir esses dois e creio que talvez seja até o maior desafio para este defeso, mas ainda faltam muitos dias e capas de jornais - por isso vamos aguarda

Já agora - este ano não faz a contabilidade dos jogadores contratados para o Sporting pelos jornais ?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 16:00

Ainda estamos na pré-época :)
Sem imagem de perfil

De Fernando Albuquerque a 10.05.2015 às 16:31

Prezado Amigo Rui Gomes

Li estes comentários com atenção. A verdade é que o Carrilho deve estar de saída e isso para mim não é nenhum drama, pois como sabe o SCP teve sempre muitos bons extremos ou alas como agora lhes chamam. Como estamos no mundo das suposições, pois eu e muitas mais pessoas não sabem nada das ideias, que estão bem fechadas, quanto ao futuro do Carrilho no SCP ou noutro lugar qualquer. Para mim até pode jogar em Portugal desde que a transferência nos traga muito valor acrescentado. Mas como não sabemos o seu futuro, suponhamos que o GELSON , que li aqui ser júnior (?) e que está convocado para os sub-20 faz um campeonato em cheio e eu pergunto porque não apostar neste jovem que faz jogadas espectaculares, pondo os defesas contrários em sobressaltos ? De todos os extremos (alas) é para mim a maior esperança que temos na equipa B e por isso temos de acreditar nele. Salvo erro no último jogo contra o Porto jogou a defesa-direito e não percebi essa opção quando ele é o melhor extremo que temos a seguir ao Carrilho.

O SCP tem mais necessidades noutros lugares, cuja carência é notória e se o W. Carvalho por exemplo sair não vejo ninguém que o possa substituir e como não sabemos quem sai e entra o melhor é aguardar até ao final de Junho, pois temos de começar época sem incertezas.

Um abraço Fernando Albuquerque



Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 16:50

Caro Amigo,

Pois eu vejo sempre com olhos preocupantes a saída de um bom jogador e já com um nível de maturidade, como homem e em termos competitivos.

Agora, com o meu Amigo indica, e há mais quem pense o mesmo, os miúdos da B, em alguns casos ainda juniores, é vão ser a solução. Este raciocínio ultrapassa-me completamente porque muito embora haja muito talento jovem, muitíssimo poucos estão em condições de integrar a equipa principal no imediato.

Eventualmente alguns poderão ser grandes jogadores ao mais alto nível, mas temos que perguntar a nós próprios se é com eles que vamos disputar a Liga dos Campeões na próxima época.

Abraço
Sem imagem de perfil

De João P. a 10.05.2015 às 21:51

Quanto ao caso Carrillo é importante irmos à raiz do problema.

A contratação do jogador foi um dos melhores atos de gestão desportiva da anterior direção, ele e o Rojo foram sem dúvida as melhores contrações efetuadas. O custo da contratação até foi relativamente baixo tendo em conta o potencial do jogador.

O problema começa quando se vende 50% do passe a um fundo por "tostões" sem necessidade nenhuma. Será que o Rui consegue explicar ou defender que se venda 50% do passe de um jogador jovem e que no futuro pode vir a render milhões quando o custo da contratação nem foi nada de relevante?

Os fundos são um instrumento que pode ser útil mas que só deveriam ser usados para contratações de custo muito elevado. Agora hipotecar passes de jogadores baratos ou das camadas jovens? O problema dos fundos começou aqui.

Eu queria muito que o Carrillo renovasse e até aceito que o jogador até estivesse disponível para renovar por valores mais baixos na época passada mas sinceramente não possuo informações suficientes para concluir que não existiu essa tentativa.

Outra coisa que é comum nestas situações é retirar-se da equação ou dar pouca importância à vontade do jogador. Será que os jogadores não têm vontade própria? Porque é que se coloca sempre o ónus da questão na vontade do clube e não na vontade do jogador.

Para além do factor fundo, um factor muito importante passa pela vontade do empresário. Se o empresário estiver focado nos seus interesses e na vontade de receber as suas comissões então o cenário renovação será sempre menos apetecível.

Mesmo com todos estes entraves eu faria tudo o que fosse possível para renovar com o Carrillo, mesmo que se tivesse que recorrer ao vício errado de pagar comissões elevadas ao empresário e um prémio de assinatura ao jogador. Resta saber se mesmo assim o jogador queria continuar.

Quanto ao costa-riquenho espero que este ano não se opte por este tipo de contrações. Jogadores jovens só com muito potencial e em posições carenciadas na formação. Espero que não se concretize senão terei que dar um "puxão de orelhas" ao presidente.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.05.2015 às 22:11

Não me compete explicar, não defendo nem nunca defendi, salvo no contexto geral de fundos em que vejo a sua proibição pela FIFA vir a aumentar ainda mais o abismo entre os que têm e os que não têm.

Mas nestes negócios cada caso é individual e deve ser analisado à raiz. Se o jogador vier a realizar a promessa, lamenta-se que parte do passe seja de um fundo, mas no inverso da moeda ninguém se preocupa com quem fica a perder.

Nos casos concretos do Sporting, quem na altura conhecia o Rojo ou o Carrillo ?

Uma das questões com o nosso clube é que se hipotecou percentagens de passes posterior à compra dos activos por falta de cash flow . Distinto de ter de recorrer a um fundo para participar na compra de um qualquer jogador.
Sem imagem de perfil

De L a 11.05.2015 às 09:05

viva Rui Gomes,

Como o Rui Gomes diz e muito bem o mandato anterior decorreu sempre e até ser interrompido com as receitas hipotecadas. E ainda se não fosse assim é um tipo de operação perfeitamente normal em Portugal -Liga com poucos recursos - de sobremaneira depois da banca fechar a torneira decorrente da crise financeira do país. Acresce que o passivo bancário não partilha riscos. Um exemplo muito falado foi a autêntica máquina registadora que o João Moutinho sempre representou para o Porto, a par com todo o rendimento desportivo. E o Porto não deixou de voltar a deter 100% dos direitos económicos antes da venda. Não é por acaso que se vê as Ligas do Sul defenderem os Fundos. Só para esta direcção do Sporting é que dá jeito dizer o que diz e claro que também tivemos todo o tempo do mundo para adquirir os direitos do Rojo, com propostas em cima da mesa é sempre muito mais difícil, ainda assim basta cobrir a capitalização do Fundo prevista no contrato. Os Fundos querem capitalização e os clubes também querem rendimento desportivo. Normalmente a festa acaba até mais pelo lado dos jogadores e com o actual nível salarial do Sporting, normalmente acaba muito cedo. Este Sporting tem mais dificuldade para segurar um puto da formação que e por exemplo o Porto, estas épocas todas com Jackson.

Quando se interrompe um mandato a legitimidade para queixas é sempre zero! Senão tinham soluções, como aliás sempre anunciaram, ficavam em casa! Esta direcção já teve todo o tempo do mundo quer para renovar quer para recomprar os direitos económicos mas não fez nem uma coisa nem outra e a demagogia é sempre o caminho mais fácil de quem nunca teve qq solução. E ainda e de qq forma era melhor não haver Carrilo - até para quem não fez nada - ou 50% do Carrilo? Também jogava o Bruno? O Carrilo é só mais uma factura da interrupção do mandato e sobre os Fundos, 90% do que o Sporting passou a emanar é demagogia pura. Com mais regulação, como em muitas aplicações financeiras em qq agência bancária, os Fundos de Investimento desempenhavam um papel muito importante no futebol, sobretudo nas Ligas mais pobres. E os exemplos estão aí à vista de todos. Agora até a Somague enganou o Sporting.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D




Cristiano Ronaldo