Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Debate livre (6)

Rui Gomes, em 27.02.15

 

media_p18nb6eri38jcf7ifqb1mb814bd3.jpg

 

A partir de hoje, haverão mais oportunidades a "debate livre", para disponibilizar ao leitor a oportunidade de abordar qualquer temática do seu maior interesse. Veremos, então, a receptividade por parte dos leitores e também o efeito em eliminar os "off-topics" que continuam a surgir, apesar dos meus repetidos pedidos nesse sentido.

 

A ânsia evidenciada ontem por parte de alguns era tão enorme, que os levou quase a ignorar o tão importante embate com o Wolfsburg, para comentar, "off-topic", a notícia sobre o comunicado da Sporting SAD à CMVM, relativamente à recuperação de percentagens de passes de 13 jogadores.

 

Esta poderá ser uma das temáticas de hoje, em que o leitor até poderá contribuir para uma melhor clarificação da operação, especialmente perante adeptos como eu que não estão muito por dentro destes assuntos.

 

Segundo o que foi reportado à CMVM, a Sporting SAD passou a deter a totalidade dos direitos económicos dos futebolistas que integram o "Sporting Portugal Fund", num investimento global de 12,65 milhões de euros:

 

André Carrillo (20%), André Martins (40%), Chaby (2,5%), Cédric Soares (25%), Diego Capel (20%), Diego Rubio (15%), Diogo Salomão (25%), João Mário (15%), Zézinho (25%), Nuno Reis (15%), Seejou KIng (40%), William Carvalho (40%) e Wilson Eduardo (40%).

 

Uma excelente notícia, indubitavelmente, mas que carece de algumas informações adicionais para se verdeiramente compreender o seu significado e o impacte financeiro na SAD e no Sporting:

 

1. Além do que já tinha sido levado a cabo (ou está a ser levado a cabo) com a Holdimo, era a minha impressão que esta recuperação de percentagens de passes estava integrada no processo de reestruturação financeira;

 

2. No caso de William Carvalho, há muito que se fala que a Sporting SAD já era detentora da totalidade dos seus direitos económicos, mas, evidentemente, só a partir de agora é que passará a ser;

 

3. Partindo do princípio que a Sporting SAD não tinha o "cash flow" para efectuar esta operação com o Sporting Portugal Fund, qual é a origem dos fundos, ou haverá, então, um crédito lateral para a viabilizar ?... Ainda, a exemplo do que sucedeu/sucederá com a Holdimo, o pagamento ao Fundo será efectuado através de acções da SAD ?

 

Esta não é uma área do meu maior conhecimento e, por isso, estas questões me parecem pertinentes. É a minha esperança que os leitores venham a esclarecer o assunto, concretamente. E quando digo "concretamente", excluo suposições e conjecturas. 

 

Com tudo isto, o leitor continua livre de abordar qualquer outra questão.

 

publicado às 04:39

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Leão 1906 a 27.02.2015 às 20:20

A aquisição dos passes ao Sporting Fund foi incluído no a acordo de reestruturação financeira conforme se pode ver aqui:

http://web3.cmvm.pt/sdi2004/emitentes/docs/FR52871.pdf


De que saliento :

"No seguimento dos comunicados divulgados ao mercado em 12 de Abril de 2013, 21 e 30 de Junho de 2013, a Sociedade informa que teve hoje lugar a assinatura do Acordo Quadro de Reestruturação Financeira entre, por um lado, a Sporting SAD, o Sporting Clube de Portugal (SCP), a Sporting SGPS, SA e a Sporting Património e Marketing, SA (SPM) e, por outro lado, o Banco Comercial Português, SA e o Novo Banco, SA.

...........

"Cumpre igualmente informar o mercado que, nos termos previstos no identificado Acordo Quadro, a Sporting SAD, dando cumprimento a um objectivo de gestão estratégico da Sociedade, exercerá o direito de opção de aquisição da totalidade das Unidades de Participação (UP’s) do SPORTING PORTUGAL FUND, o que lhe permitirá recuperar a totalidade dos direitos económicos relativos a 17 jogadores que compõem a actual carteira do SPORTING PORTUGAL FUND (parte dos quais já foram alienados pela Sporting SAD), pelo montante total de 12,65 milhões de Euros."

Em relação ao empréstimo obrigacionista:

"Este acordo contempla também a disponibilização de uma linha de crédito intercalar, no montante de 20 milhões de Euros, com vista ao reembolso do actual Empréstimo Obrigacionista, “Sporting SAD 2014”, com vencimento em 22 de Novembro próximo."

Em relação ao empréstimo obrigacionista gostaria mais que tivéssemos tido capacidade de emitir as obrigações no mercado a investidores privados.Inicialmente o montante era de 30 M e estaria acordado com os bancos que seria uma emissão privada-declarações de Carlos Vieira à Sporting TV-mas provavelmente reconheceu-se que não haveria condições para tal.

A verdade é que assim é possivelmente mais vantajoso para nós pois os encargos serão menores:juros mais baixos e prazos mais dilatados entre outros.
O mesmo com a compra dos passes dos jogadores.

A banca,tão aviltada,tem sido a "lifeline " desta direcção.

O problema são as nossas obrigações e como os gregos também agora descobriram,há limites e condições ao que podemos fazer com o dinheiro dos outros.

Em relação ao tema levantado atrás,é evidente que adquirimos jogadores baratos e apostamos na formação porque não há dinheiro.
Mas mesmo que houvesse nunca está garantido o sucesso de um jogador.
Vejam-se os casos de Falcão no MU e Bale no RM.

Mas é mais fácil acertar se as garantias forem maiores,mas esses jogadores são caros.
De uma coisa estou certo,só poderemos competir seriamente com os nossos rivais quando formos capazes de gastar o mesmo ou semelhante a eles.

Os orçamentos vão baixar mas mesmo assim vamos ter que fazer um esforço considerável para chegar ao patamar financeiro em que os outros dois estão.
Sem imagem de perfil

De Leão 1906 a 27.02.2015 às 20:25

"...e apostamos na formação porque não há dinheiro."

Clarificar só este ponto.Apostaríamos sempre na formação mas como se vê em muitos dos os clubes formadores e por muitas razões é sempre necessário complementar com jogadores não formados no clube e é aqui que o poder aquisitivo é importante.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds