Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Como Sportinguista, quero, em primeiro lugar, dizer que com o mal dos outros estamos nós bem. Pessoalmente, sempre puxei pelas equipas portuguesas, todas, mesmo aquelas que, internamente, me alegram quando perdem.

A razia que sofremos só reforça a nossa posição de menoridade futebolística no contexto europeu, apesar de termos excelentes jogadores e muitos e bons técnicos que continuam em jogo. Temos ainda quatro treinadores lusos e pelo menos um chegará aos quartos de final da Liga Europa.

Em segundo lugar, reforço o óbvio, fiquei bastante desapontado com a nossa saída da Liga Europa, depois de um jogo em Alvalade onde o resultado poderia ter sido muito dilatado, de tal maneira que o jogo da segunda mão não seria mais do que cumprir calendário e fazer turismo em Istambul.

soccer-uefa-europa-league-round-of-32-second-leg-s

Como se constatou, o jogo correu muito mal. Aliás, tudo o que podia correr mal, qual lei de Murphy, assim correu. Sofremos golos muito consentidos, demasiado cedo e, depois de marcar e ter a eliminatória na mão permitimos, mesmo a acabar o tempo regulamentar, que os turcos nos levassem para prolongamento. Como se isso não bastasse, no final do prolongamento, quando se adivinhavam os "penalties", sofremos o golo que nos afastou da Europa.

Não vou hoje discutir equipas, substituições, tácticas, qualidade de jogadores e equipas técnicas, directivas, etc, etc. Pretendo apenas refrescar algumas memórias que parecem ter uns lapsos de vez em quando. Ora, se considerarmos que por cada vitória na Europa temos 3 pontos e pelo empate 1 ponto, qual terá sido a nossa melhor prestação desde a época desportiva 2014/2015? Alguém arrisca um palpite?

Pois bem... a nossa melhor pontuação foi obtida em 2019/2020. Incrível?... Ou talvez não. Em 2015/16 fizemos 13 pontos (terceira melhor época desde 2014), em 2018/19 fizemos 14 pontos e nesta época em curso fizemos 15 pontos. Nenhum Sportinguista ficou satisfeito, evidentemente, mas convém olhar para os números e ser mais racional do que a nossa paixão nos permite. 

publicado às 03:33

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


44 comentários

Sem imagem de perfil

De LG a 29.02.2020 às 09:13


Comentário factualmente errado, esqueceu-se da época 17/18..

Caro Rui Barreiro, eu sei que a estatística é tramada, porque dá-nos vários ângulos para ver a coisa, mas não me parece que o seu seja o melhor ângulo.
Parece-me que o melhor ângulo nesta questão de jogos europeus será ver o que nos diz a UEFA e os seus critérios para elaborar o ranking. Em que, em primeiro lugar, as vitórias só valem 2 pontos

E pela UEFA a melhor época foi a 17/18 (que está omissa da sua análise), claro que com a majoração da qualificação para a champions. São 17 pontos para a UEFA, a que se seguem os 10 pontos das duas épocas completas de Varandas
https://kassiesa.home.xs4all.nl/bert/uefa/data/method5/trank2020.html.

Mesmo seguindo o seu critério (daí o "factualmente errado"), a melhor época foi 17/18. Faça as contas, 1 vitória e 1 empate na pré-eliminatória, 2 vitórias e 1 empate na Champions e 3 vitórias e 1 empate na UEFA League
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.02.2020 às 09:38

Tanto para tão pouco.

Já respondi ao outro leitor e digo-lhe a si que o meu colega não faz referência alguma à contabilização do ranking no seu post, consideração muito distinta.

Não comento a soma dos pontos porque não me dei ao trabalho de a verificar, mas concordo que se deve especificar a competição em que os pontos foram conquistados.
Imagem de perfil

De Rui Pedro Barreiro a 29.02.2020 às 12:12

Obrigado pelo seu comentário. De facto em 2017/ 2018 fizemos a pré-eliminatória (4 pontos na minha "contabilidade", 10 pontos na Liga Europa e 7 pontos na Liga dos Campeões). Todavia, o meu objectivo está atingido, para mostrar que esta época nem se pode considerar a pior dos últimos anos em termos europeus, apesar de todo o contexto envolvente. Já agora que vi que anda atento a números, qual a melhor época europeia da década?

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D




Cristiano Ronaldo