Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

3D-Diy-Diamond-Painting-Cat-heart-lion-Full-Square

 

Revejo-me linearmente na posição do meu estimado colega Ricardo Leão. Desconfio que estes cinco anos de Bruno de Carvalho criaram um monstro ideológico que, com alguma insistência, provocará ao longo dos próximos tempos um assinalável sentimento de culpa a qualquer pretendente presidencial. Infelizmente, entre candidatos ou meros aspirantes que surjam, o discurso está orientado para o irrelevante – estes têm medo da sua originalidade, procuram por demasia a aceitação social, refugiando-se pateticamente na diplomacia como absolvição popular de um “croquetismo” que temem pertencer.

 

Esta fragilidade, e principalmente a falta de experiência em lidar com desafios, demonstra que ainda vivem debaixo da sombra de Bruno de Carvalho – o que para mim esclarece a ausência de qualquer substracto de líder.Este apadrinhamento de Frederico Varandas pelos mentores do golpe de 2013, retiram-lhe credibilidade. Varandas tem de viver um pouco mais para perceber isso. Mais a mais, desnecessário invocar a inutilidade de um triunvirato clínico como paliativo às necessidades do Clube, para as quais porventura outras tertúlias académicas se exigem.

 

Sem qualquer ponta de inclinação, reconheço no percurso profissional de Pedro Madeira Rodrigues um maior conteúdo para o efeito. Confesso que o próprio discurso do ex-Director Clínico, como na apresentação da sua candidatura, me exaspera de tão vazio. Quase tanto, quanto o manifesto ateísta de um pobre Rogério Alves perdido numa fila de votantes. Nem o “nosso” Rui Gomes, com responsabilidade em gerir um portal influente como o Camarote Leonino, “se acolhe na diplomacia pelo inconveniente da frontalidade”. Problemas que não assistem a pessoas com carácter.

 

Drake Wilson

 

publicado às 05:34

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


41 comentários

Perfil Facebook

De Mike Portugal a 28.06.2018 às 08:46

Mas Rogério Alves nunca foi candidato. Teve sempre receio de se assumir e não está assumido como candidato a estas eleições.

Em relação a PMR, não esquecer a sua candidatura nas últimas eleições, com um conteúdo, como dizes no post, altamente vazio.
Mais uma vez insistem em rotular um candidato com "continuidades" e afins, sendo que ao mesmo tempo dizem não gostar do rotulo de "croquete".
Uma coisa eu sei, PMR não tem qualquer hipótese de ter mais do que 10% numa votação, especialmente se forem várias cadidaturas a concorrer, devido ao seu passado aqui no blog já conhecido de toda a gente, mas que nem coragem tem para assumir.

Há vários candidatos que se perfilam e tudo vai depender destes 3 pontos:
1º as pessoas que apresentarem nas suas listas;
2º o tipo de discurso que tiverem em campanha;
3º o facto de terem algum histórico de serem conhecidos publicamente;

Todos estes 3 pontos podem, dependendo do seu conteúdo, levar as pessoas a ter mais ou menos simpatia por algum.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 28.06.2018 às 09:33

O MIke tem mais disparates para dizer, ou é só estes?

Não fale do que não sabe, um muito mau hábito seu!!!
Perfil Facebook

De Mike Portugal a 28.06.2018 às 09:41

O Rui tem muito a mania de classificar como disparates as opiniões diferentes. É a resposta de quem não pode contrariar o comentário, mas quer mostrar que manda.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 28.06.2018 às 09:46

Conceito errado. Não preciso de mostrar coisa alguma, aliás, não há nada para mostrar.

Contudo, tento só falar daquilo que sei, contrário ao Mike que avança disposições que são mera opinião como se fossem factos concretos. Daí os disparates...
Perfil Facebook

De Mike Portugal a 28.06.2018 às 10:04

Como em todos os comentários que faço, cá estarei para admitir se não tiver razão.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 28.06.2018 às 11:49

Não é preciso esperar por coisa alguma para confirnar isso.
Sem imagem de perfil

De Joaquim ferreira a 28.06.2018 às 09:10

Atualmente os 30% de apoiantes do lunático estão se a marimbar pro clube. Querem é saber dele pois equivale a deus, aos seus olhos.. Não se importam de prejudicar o clube que dizem ser, só pra poderem dizer que têm razão..
Maioria deles são frustrados com a vida.. Putos de claques, armados que ja metem medo e nem cara pra levar uma chapada têm ainda sequer.. Muitos deles nem trabalham ainda, vivem à custa dos cotas e julgam são os guardiões do clube..
Felizmente ainda ha gente lucida no clube e soube travar esta onda de populismo radical/extremista..
Sem imagem de perfil

De Nando a 28.06.2018 às 10:33

O seu conceito esta correcto até certo ponto.
Na cabeça dos 30% deles esta a ideia de apoiarem o amigo (como os de infância) que tem um Clube e andam sempre perto dele. Basta lembrar a cena do McDonalds a anos atrás quando ele foi comer um hambúrguer depois de um mau jogo.
Para o agradar (e este em troca lhes dar rebuçados) fazem o que ele diz, ajudam-no e apoiam-o. Estão sempre por perto.
Quando esse amigo desaparece de cena porque não tem o clube, acaba tudo para eles. Na próxima época ver-se-à o apoio que darão nos eventos pois já lá não esta o amigo deles.
Eventualmente voltarão aos eventos a apoiarem as equipas mas muitos estarão, como o amigo, num período de nojo.

No fundo, é o que acontecia quando éramos crianças e tínhamos aquele amigo que o pai tinha dinheiro e ele como consequencia mostrava "poder".
Imagem de perfil

De Greenlight a 28.06.2018 às 10:39

Dos 35% de sócios que votaram o Não à destituição do ex presidente bruno haverá concerteza muitos, não sei que %, que estarão como diz, pois que aliendos pela propaganda do lunático, confundiram o Sporting com um clube liderado pelo destrambelhado bruno e dizem que já não pagam quotas, vão rasgar os cartões de sócios, etc, mas, acredito que a maioria dessas pessoas irá ultrapassar o trauma da orfandade do bruno. O Sporting, contràriamente ao que o anormal bruno quis fazer crer não nasceu com ele e continuará a existir, bem melhor, sem ele. Compreendo assim, embora não concorde necessàriamente, que alguns candidatos, nomeadamente o Varandas, não queira apresentar-se como candidatos de ruptura com o ex-presidente bruno, nem seria credível que assim fosse, quando andaram juntos durante 5 anos. Se isso lhe vai dar votos ou não, o futuro dirá.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 28.06.2018 às 11:46

28,64% e não 35%.
Imagem de perfil

De Greenlight a 28.06.2018 às 13:07

28,64% foram os votos Não. 35% terão sido a % de sócios que votaram Não.
Sem imagem de perfil

De Bhodi a 28.06.2018 às 09:10

Problema é que quem poderá ser um bom líder nunca se irá apresentar antes de saber as reais condições em que o clube se encontra. Os outros pelo menos têm o bom senso de se limitar a emitir umas platitudes porque antes de se saber o estado em que a anterior gestão deixou a SAD nada de concreto se pode, ou deve, prometer. O que já é um salto qualitativo sobre ter candidatos a fazer promessas demagogicas para ganhar eleições.

Se a maioria dos adeptos sabe que o que quer que a comissão de gestão vai encontrar não vai ser bom, há que gerir os 35% que ainda votaram naquele que não será menciondado e aqueles que apesar de não se reverem na pessoa, acreditam em milagres. Milagres como os das modalidades sem querer saber se não tiveram custos financeiros superiores aos retornos. Os primeiros vivem numa bolha de negação e nunca irão ver a realidade, a sua gestão nunca será a traze-los para a realidade mas evitar que contaminem os outros com mentiras demagógicas. Daí que seja necessário o relatório da auditoria forense.

Com isto não quero dizer que a real situação do clube vai afastar pessoas válidas apenas que as pessoas válidas só vão aparecer sabendo no que se vão meter e de olhos bem abertos e sabendo o que podem prometer. O resto é gente cheia de boa vontade que pelo simples acto de concorrer pelo menos faz o favor de contribuir para o aumento da confiança no futuro do clube de um ponto de vista de imagem para o exterior. Se não aparecesse ninguém é que era muito grave.


Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 28.06.2018 às 09:28

Existe alguns equívocos…. primeiro, o facto de 71% ter votado a destituição de BdC não significa que estes 71% seja anti-BdC…. aliás a grande maioria destes 71 % votou anteriormente em BdC.
Segundo, a pior coisa numa eleição é os candidatos estrem presos a ideologias…. deveríamos todos acabar com esta ideia do brunismo e croquetismo….. se existiam coisas boas no mandato de BdC vamos manter, se existiam coisas boas no mandato dos croquetes vamos manter…. O importante aqui é não destruir as coisas boas que foram feitas.

Como apareceu esse tal monstro ideológico?! Quem lê o post, parece que BdC apareceu como o resultado de excelentes anos de gestão no clube…. Eu sempre disse que quem manda no clube são os sócios, e os sócios têm sempre razão…. se votamos e elegemos o BdC é porque foi a melhor decisão….. a seguir votámos a destituição, e foi a melhor decisão….. é assim que eu vejo a democracia!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 28.06.2018 às 09:37

Essa dos sócios têm sempre razão, dá para rir!!!

Pretende com isso justificar o seu apoio ao lunático ex-presidente???
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 28.06.2018 às 10:00

Se os sócios do Sporting votaram em BdC, essa foi a decisão conjunta dos sócios…. o seu argumento é o mesmo de BdC, que diz que é impossível 71% dos sócios ter votado na destituição….. a democracia tem contradições destas, que vêm demonstrar que os sócios têm sempre razão!

Eu não tenho de justificar nada, sou apenas um sócio que votou em BdC e depois na sua destituição…. não gosto de reescrever a história, nem de pessoas que gostam de andar sempre a destruir e a mudar tudo…..
Sem imagem de perfil

De Senhor Silva a 28.06.2018 às 10:59

Não consigo perceber como é que só ao fim de 5 anos alguns deram conta que o homem era uma fraude, um embuste, um lunático, um demagogo, enfim, um louco.
Não posso acreditar nessas pessoas, não viram o óbvio, não perceberam a evidência dos factos, então sofrem de qualquer maleita que lhes afeta o raciocinio lógico, logo, são incapazes.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 28.06.2018 às 11:12

Gostei desta, o Schmeichel votou na destituição do querido líder.....? Hummmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm no lo creyo.....
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 28.06.2018 às 11:32

Paulo,
-"no lo creyo....." -
Eu sim!
Pero, brujas!!?.. Que las hay, las hay! LOOOOOOOOOLL!

Schmeichel,
Acedito em ti, sinceramente.



Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 28.06.2018 às 14:10

Paulo Salcedas,

Se você acredita ou não, estou-me a marimbar….. mas acho interessante essa demanda pela limpeza étnica dos antigos brunistas…. que é feito da união entre sportinguistas?!?!

Eu continuo a defender em linhas gerais o programa eleitoral de BdC, eu e a grande maioria dos 86% que votou há 1 ano…. isso não me impediu de votar na destituição de BdC, não por minha culpa, mas por culpa do desvio do próprio BdC.

Mas questiono se acha que quem votou na destituição, se a maioria destes sócios não foram os mesmos que votaram em BdC?!? ou foram criados por magia, ou então são os mesmos sócios….
Sem imagem de perfil

De mike1906 a 28.06.2018 às 15:53

E ainda acrescento o seguinte: se estes 2 meses forem de trapalhadas, de conferências de imprensa ridículas, de decisões absurdas e de candidaturas vazias de conteúdo, o fantasma ainda lá vai e volta a ganhar. É inacreditável mas até parece que é de propósito.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 28.06.2018 às 13:42

"Segundo, a pior coisa numa eleição é os candidatos estrem presos a ideologias…. deveríamos todos acabar com esta ideia do brunismo e croquetismo….. "

A sério homem? depois de 5/7 anos de adoração a um tipo que sustentou grande parte da sua ascensão nessa conversa da luta contra os croquetes (seja isso o que for), agora vem com esta conversa?



Sem imagem de perfil

De Jorge a 28.06.2018 às 13:44

Peço desculpa, o comentário é meu.
Costuma estar memorizado, não percebi o porquê
Sem imagem de perfil

De Francisco Esquina a 28.06.2018 às 09:34

Nas partes que consiga entender, estou com curiosidade em ver as contas (incluindo as do clube) comparativamente ao que foi orçamentado de 2017/2018. Atendendo a que essas contas já terão que ser apresentadas pela nova direção e administração, vai ser um exercício interessante!

Continuo a achar que os candidatos de peso a aparecerem ainda aguardarão por mais e melhor informação sobre clube e SAD e que, assim, tenham a frontalidade de apresentar os seus projetos com base no que é real e não numa fantasia com promessas vãs impossíveis de realizar que surgem só para a afagar o ego e orgulho dos sócios. E sem terem medo de serem apelidados de croquetes ou brunistas consoante o tipo de propostas que tem para os diversos assuntos e problemas, precisamente porque entendem e acreditam no projeto que apresentam. É missão dos sócios escolherem o que é o melhor para o Sporting.
Sem imagem de perfil

De PSousa a 28.06.2018 às 10:02

Ainda bem que há diferentes opiniões sobre Frederico Varandas!
Continuo a gostar que muitos querem a ruptura total com o passado recente, aquilo que foi sempre acusado o ex-presidente. Enfim...

Que venham mais candidatos para vermos quais são as "vossas criticas".
Sem imagem de perfil

De Rui Miguel a 28.06.2018 às 10:21

Só vos digo uma coisa, não desbaratem os 71% que fizeram-nos chegar aqui, a um um novo recomeço, em pseudo-candidatos que são muito bem vistos por um grupo restrito, e depois perante o universo sportinguista. não passam dos 10%.
Ser presidente dum clube, dum país, etc, é algo imensamente maior que ser o a pessoa com mais capacidades entre um do grupo de amigos que se juntam para umas boas conversas num sábado à tarde.
O universo Sportinguista é alargado tanto socialmente como culturalmente, vai de Bragança a Faro, inclui do mais humilde trabalhador com escolaridade básica ao catedrático ou grande empresário de sucesso, emociona tanto um jovem na flor da idade com aquele que ainda viu os 5 violinos a dominarem o campeonato nacional.
No meu entender, o próximo presidente deve responder a todos, deve defender um Sporting hirto, de cabeça erguida sem se vergar aos poderes instituídos, mas deve-o fazer de forma sensata e com razoabilidade.
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 28.06.2018 às 11:18

Excelente, Rui Miguel!

P. S.. O passado não se apaga mas, não é preciso falar dele. Nem mencionar sequer.
Esse é o maior erro!
Com todos e muitos interesses económicos existentes, nunca esquecer a parte mais importante, a parte mais visível, o desporto... ainda desporto.
Quem apostar directamente e inteligentemente no desporto, ganha.
Ganha nas urnas, ganha no desportivo, ganha no económico. Todos sabem mas, ninguém segue essa tão simples e básica regra.
Para grandes epopeias, ideias simples!

Não a discurso inflamado. Inflamado quanto baste
Não a comissões de "honra". Tem sido mais... ufff!!
Não evocar nem brunos, nem croquetes. Nem benficas, nem portos. Nem as mães de ninguém.
Concentração total na parte desportiva, com os olhos no económico e ouvidos no bastidores.

Nós só queremos paz.
Nós só queremos um Sporting estável.
Nós só queremos ser felizes.

Abrazzzo
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 28.06.2018 às 11:03

Comentário apagado.
Imagem de perfil

De Nasd a 28.06.2018 às 11:46

Só assim por acaso, isso quer dizer que os livros de história e 95% dos historiadores são injustos com o Hitler porque ele fez muita coisa boa quando "pegou" na Alemanha falida, quase sem empregos, humilhada e desnorteada e a levou a durante algum tempo ser uma das maiores potências mundiais certo ?

E já agora, quem na altura vivia na dita Alemanha e criticava o Hitler e não admitia contraditório (acho que se chamavam resistência, digo eu) eram também intelectualmente desonestos pois afinal o tipo até estava a fazer muitas coisas boas, afinal foi para acabar com essa desonestidade que fundaram Dachau não é ?

Ou será que quando o plano de um líder é apenas e somente o poder absoluto, e o sucesso a curto prazo sem ser na realidade sustentável a médio/longo prazo, e sendo as atitudes desse líder atitudes de vencer a qualquer custo, incitação à violência, desculpabilização da mesma violência, tipo como quando os Judeus pagaram o custo dos seguros das janelas que lhes foram destruídas na noite de cristal, comparado à culpa de Rui Patrício por ter apanhado na boca por responder a insultos não é ?

Como disse muito bem neste caso o Miguel Sousa Tavares, gente como o Bruno deve ser destruída à nascença (figurativamente se não entender), e se a opção é olhar para o lado a actos de ódio e violência e não querer saber se o sucesso de agora è á custa de se ser o único clube a não pagar um empréstimo obrigacionista a tempo e horas (quiçá digno de ter o nome do Bruninho no guiness), porque se ganha nas modalidades que têm um orçamento se calhar maior que todos os clubes de futebol da primeira divisão exceptuando braga e grandes (é por essa sustentabilidade que precisam de 15 milhões para despesas correntes, reestruturação financeira de luxo...LOL), aliás, nos dias de hoje sabe-se que as contas da Alemanha apesar de tudo o que se dizia na altura estavam de rastos por não serem sustentáveis, a guerra foi em grande parte paga à custa das divisas roubadas aos paises conquistados, esta gestão de ganho agora e que se lixe o futuro é completamente louca e insustentável, sendo assim então prefiro mil vezes uma pessoa "desonesta intelectualmente" mas que ao menos sabe distinguir o bem do mal...
Imagem de perfil

De Nasd a 28.06.2018 às 11:47

OOoops, demorei tanto a responder que já foi apagado (justamente a meu ver), podem apagar a minha resposta...LOL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 28.06.2018 às 11:55

O seu excelente comentário não necessita de ser complementado.
Sem imagem de perfil

De Cris Dileo a 28.06.2018 às 11:06

Concordo com o que diz - FV está muito preso em termos de oratória e de conteúdo.

Tenta agradar a gregos e troianos e quando é assim as coisas podem correr mal

No entanto até ao momento parte muito à frente porque Benedito ao que se diz está com bastante dificuldade em compor a equipa e este senhor agora que vem com as bases de apoio de Severino também não deve sair da mesma votação residual deste.

JMR - muito difícilmente tem hipóteses também.

Só uma coisa - não acho sensato falar em golpe de 2013 nem em golpe de 2018. Não pode ser tudo legal quando queremos ou golpe quando não gostamos. Foram 2 momentos importantes no clube e ainda bem que se deu a mudança. Em ambos.
Sem imagem de perfil

De Rui Miguel a 28.06.2018 às 11:16

Concordo a 100%
Aliás acho que ainda vão existir alterações no enquadramento de candidatos, com reposicionamentos e reagrupamentos.
Ao contrário do que ouvi já em certos comentários, penso que terem colocado as eleições a 2 meses, e chamarem Sportinguistas seniores com experiência na gestão do clube foi bem feito.
Assim, permite ...
- Dar tempo a que sejam criadas listas credíveis e aglutinadoras.
- Os possíveis candidatos não ficam entretanto colados à comissão de gestão
- Porém a comissão de gestão fará com que o clube fique preparado para a nova liderança.

Quanto aos posicionamentos, dos anti, e dos anti-anti, isso é algo visto e revisto no universo sportinguista.
E como se diz, com ferros mate, com ferros morre.
Para muitos, por vezes, a democracia é excelente, mas somente se ela apoiar as suas ideias e opiniões.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 28.06.2018 às 12:05

Caro Cris,

Não concordo,minimamente, com o que afirma no seu último parágrafo.

O que ocorreu agora não foi "golpe" algum, mas sim a necessidade de afastar quem tinha o poder nas mãos para evitar a destruição do Clube. No entanto, o processo, como se verifica, não visa entregar esse poder a uma outra qualquer pessoa.

Em 2013, houve uma elaborada conspiração, um verdadeiro golpe, porque não obstante a necessidade de cessar a má liderança de Godinho Lopes, tudo foi para colocar o poder nas mãos de uma pessoa: Bruno de Carvalho.

Há uma enorme distinção entre processos e os seus fundamentos.
Sem imagem de perfil

De Cris Dileo a 28.06.2018 às 13:52

Caro Rui

Provavelmente sabe de mais coisas que eu, mas visto de fora, não me parece muito diferente. Aliás até vi (ou lembro-me) de mais cambalhotas de JMS do que de ED, embora lá está, se admitam porque era fundamental tirar o poder a BC.

Em 2013 houve eleições disputadissimas até final e a certo momento parecia que Couceiro ia ganhar. Valeu a BC, na altura, a ajuda de Carlos Severino que no final da campanha se dispos a atacar JC.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 28.06.2018 às 13:59

Sim, mas o todo do processo começou com a conspiração liderada por Eduardo Barroso e Daniel Sampaio com o intuito único da transferir o poder para Bruno de Carvalho.

Agora, não obstante o papel de Marta Soares, não houve conspiração alguma, houve sim o abandono a um lunático disposto a conduzir o Sporting para o abismo.
Sem imagem de perfil

De Cris Dileo a 28.06.2018 às 14:42

Percebo o que diz, na medida em que houve de 2011 a 2013 um rosto visível na oposição e um PMAG dessa lista. Mas sem saber mais, o que me pareceu foi mais um aproveitamento por parte de BC e EB que outra coisa.
Sem imagem de perfil

De Fernandes a 28.06.2018 às 11:32

FV representa a continuidade de ideias, e a ruptura com o perfil do líder. Falta conhecer mais em concreto as suas ideias, mas neste momento existe no horizonte alguém que dê tantas garantias quanto ele? Não.

E nem sequer estou a dizer que vai gerir bem o futebol, simplesmente é a alternativa globalmente mais forte.
Sem imagem de perfil

De Cris Dileo a 28.06.2018 às 11:50

É precisamente assim que FV se quer posicionar - só acho que é tudo ainda muito forçado mas creio que com o desenrolar da campanha tem de se mostrar mais. Espero que os outros candidatos o obriguem a Isso também.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 28.06.2018 às 12:07

Não sei se o alinhamento é claro, mas respondi ao seu último comentário mais acima.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 28.06.2018 às 14:03

Caro Fernandes,

Não vou dizer que o DR. Frederico Varandas me desagrada, porque seria prematuro e sobretudo injusto.

Não posso ignorar, no entanto, a ausência de experiência em gestão, ainda por cima numa Instituição complexa como o Sporting e, como se verifica, a sua lista de apoios.

Parece-me que anda à "caça" dos votos de quem apoiou o ex-presidente, que me faz temer a possibilidade de mais do mesmo, embora mais moderado.

Há muito mais para ver, ouvir e reflectir.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 28.06.2018 às 16:31

A afirmação de uma pessoa mais moderada poderá corresponder ao epiteto atribuído a JMR, "um Bruno mais polido". Nem tanto ao mar, nem tanto à terra. Varandas é com certeza mais polido, no sentido de ter educação e de ter respeito pelos outros e pelas leis. E não o vejo a dividir sportinguistas ou a atacar jogadores, em função de simpatias ou resultados. Cada pessoa tem a sua personalidade e entre Varandas e Bruno há evidentes diferenças.

O que me parece um erro na sua estratégia é querer jogar em todos os tabuleiros. Corre o risco de criar um albergue espanhol. O Sporting precisa de uma definição clara na liderança, sem que isso signifique dividir. Varandas partiu com vantagem, mas a ânsia de não desagradar a ninguém é arriscada. É preciso não esquecer, que o brunismo se integra, do ponto de vista ideológico, na extrema direita e por isso é muito perigoso.

Mais que em pessoas acredito em equipas e projectos. Neste sentido espero conhecer melhor a equipa e as propostas desta candidatura, como de outras. O presidente não precisa de ser expert em gestão, por exemplo. Têm é que ter perfil, como homem, para dirigir uma equipa com as competências necessárias.

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo