Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




‘Estrangeiros’ nas selecções?

Rui Gomes, em 28.11.22

image (1).jpg

No Qatar estão 32 selecções com um total de 832 jogadores de 53 nações diferentes, em que 137 não jogam pelo seu país de nascimento. Confuso? Não. Afinal, este é o Mundial da globalização (onde ironicamente nem todos podem expressar-se livremente). Na selecção de Marrocos, por exemplo, mais de metade dos jogadores são “estrangeiros”.

Das 32 selecções que estão a competir no Qatar, apenas quatro não contam com nenhum jogador nascido noutro país. São elas: Brasil, Argentina, Arábia Saudita e Coreia do Sul. Nas restantes, a maioria, há jogadores naturalizados, com destaque para Marrocos, que tem 14 ‘estrangeiros’ contra 12 convocados nascidos no próprio país. O país tem uma grande diáspora, a maioria na França, que conta com mais de um milhão de marroquinos até à terceira geração; mas existem também grandes comunidades de marroquinos na Espanha, Países Baixos e Bélgica.

Tunísia e Senegal surgem logo atrás de Marrocos com 12 jogadores naturalizados cada, enquanto os anfitriões catarenses têm 10 nomes de fora na sua lista - o português Pedro Ró-Ró é um deles -, tal como o País de Galês.

Uma outra análise da lista leva a verificar também que o país que enviou mais jogadores para o Qatar é a França. A selecção gaulesa tem apenas três atletas ‘estrangeiros’ na sua convocatória - Camavinga, nascido em Angola, Mandanda nascido no Congo e Marcos Thuram em Itália -, mas, em contrapartida, são 38 os nomes franceses que irão disputar o torneio por outros países, entre os quais Raphaël Guerreiro, por Portugal.

Além das 32 selecções participantes no Mundial, há outros 21 países que também estão representados, só com jogadores: Itália, Gâmbia, Argélia, Iraque, Sudão, Bahrein, Egito, Escócia, Quénia, África do Sul, Costa do Marfim, Bósnia e Herzegovina, Áustria, Guiné-Bissau, Angola, Colômbia, Congo, Kosovo, Jamaica, Suécia, Nicarágua.

Excerto da crónica de Alexandra Simões de Abreu, em Tribuna Expresso

publicado às 12:30

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


22 comentários

Sem imagem de perfil

De Pacheco a 28.11.2022 às 16:22

Para mim, se o Estado dá a nacionalidade a alguém, esse alguém passa a ter os mesmos direitos.

O que eu condeno é seleccionadores que nem nacionalidade têm.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 28.11.2022 às 17:20

Como é possível um seleccionador não ter nacionalidade? Não é cidadão de um país?
Sem imagem de perfil

De Pacheco a 28.11.2022 às 17:41

Eu quero dizer seleccionadores que não têm a nacionalidade do país que treinam.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 28.11.2022 às 17:58

São profissionais, nada tem a ver com nacionalidade.
Sem imagem de perfil

De Pacheco a 28.11.2022 às 18:58

Então e os jogadores não são profissionais, ou é da opinião que pode jogar qualquer um?
Sem imagem de perfil

De Elitista a 28.11.2022 às 22:08

Os treinadores não jogam, portanto, não entram nessa equação. Muitos países progrediram no futebol graças a treinadores estrangeiros, sem nunca terem recorrido a "contratações" de jogadores forasteiros.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D




Cristiano Ronaldo