Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Fotografia com história dentro (193)

Raul Águas e a teoria do guarda-chuva

Leão Zargo, em 12.04.20

Raul Águas Sporting.png

Raul Águas era um treinador em alta quando foi contratado pelo Sporting em Dezembro de 1989 para substituir Manuel José. No entanto, passados seis jogos os leões tardavam a engrenar. Não andavam, nem desandavam. Três vitórias e três empates. Em entrevista à Gazeta dos Desportos (16 de Fevereiro de 1990), questionado se considerava ser possível conquistar ao título de campeão, o técnico afiançou o seguinte:

“Acredito em tudo. Só não acredito que seja possível meter um guarda-chuva no rabo e depois abri-lo.”

O Sporting era presidido por Sousa Cintra que se celebrizou, entre outras coisas, pela sua impaciência relativamente aos treinadores que contratava. No final da época, Raul Águas foi despedido e Marinho Peres orientou a equipa na digressão a Angola em Maio e Junho. Mas, ele ainda teve tempo para testar a teoria do guarda-chuva, pois diria mais tarde que “eu tentei, mas infelizmente houve uma vareta que encravou”.

Assim, vista a esta distância temporal, trata-se de uma história deliciosamente irónica e bem reveladora de uma certa geração de antigos futebolistas portugueses, formados na necessidade de vencerem por si próprios as dificuldades da vida. Frequentemente, neles conjugam-se uma personalidade muito perspicaz e um sentido de humor assertivo, tudo caldeado com grande intuição e imaginação.

publicado às 13:30

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


6 comentários

Sem imagem de perfil

De RCL a 12.04.2020 às 14:15

Raul Águas, sobrinho de José Águas e primo de Rui Águas. Très benfiquistas, o segundo o maior de todos.
Sousa Cintra teve um grande treinador que despediu, deixando toda a gente perplexa. Disse que com Bobby Robson o Sporting nunca seria campeão. Não foi realmente no Sporting mas sim 2 anos seguidos no FCP. E Pinto da Costa a "gozar o prato" e os patos. Já tinha começado com João Rocha ; Eurico, Inácio, Ademar , Dinis, Futre, mais tarde Armando Manhiça.
Caro Leão Zargo, nunca percebi o que Raul Águas veio fazer para o Sporting. Lá ficou com o guarda chuvas encravado.
SL
Perfil Facebook

De Aurélio Buarcos a 12.04.2020 às 16:30

Há para aí uma grande confusão de datas.
Manhiça foi contratado pelo Porto em 1970, Futre em 1983.
Ademar foi contratado pelo Porto ao Marítimo, uma contratação falhada dos tripeiros, pouco jogou e não marcaria nenhum golo.
Pinto da Costa só "aparece" no futebol em 1977/1978 como director de futebol (o presidente era Américo de Sá) quando o Porto, treinado por Pedroto, consegue ser campeão ao fim de 19 anos.
Logo, nem Pinto da Costa contratou Manhiça, nem contratou Ademar ao Sporting, já vimos antes que o centro-campista foi comprado ao Marítimo.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 12.04.2020 às 17:34

Aurélio Buarcos

Tem razão quando refere Pinto da Costa como director de futebol na presidência de Américo de Sá nas eleições em Maio de 1976 (e não 1977-78). Pinto da Costa é presidente desde 1981.

Os jogadores referidos por RCL correspondem a cenários diferentes, é um facto. O caso verdadeiramente conflituante terá sido o de Futre que alegou uma falsidade para se ir embora. Os outros, ou já não estavam no Sporting (Ademar) ou terminavam o contrato e o FC Porto contratou-os (Manhiça em 1970, Dinis em 1976 e Eurico em 1982).
Sem imagem de perfil

De RCL a 12.04.2020 às 18:36

Aurélio Barcos
Tem razão, erro meu, Manhiça não é do tempo de João Rocha. Armando Manhiça esteve em 2 campeonatos do Sporting; realmente, como disse, transferiu-se para o FCP em 1970/71. Teve lá um acidente, lembro-me.


Ademar foi um dos jogadores fundamentais do titulo de 1982, no meio campo, ele, Nogueira e Virgílio dominavam, eram o pulmão; claro que o Sporting tinha uma grande equipa com um trio de luxo lá à frente, Jordão, Manel e Oliveira.
Realmente Ademar foi para o Marítimo, depois para o FCP.

A memória , passados tantos anos, atraiçoa. No entanto, ainda me lembro do nome de jogadores e ate resultados de partidas desde 1965. Depois de 2002 caiu uma sombra

Saudações Leoninas
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 12.04.2020 às 19:36

RCL

Lá isso é verdade. Essa sombra é a nossa sombra!

Saudações leoninas
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 12.04.2020 às 15:48

RCL

Na verdade, o Raul Águas era um treinador com notoriedade quando veio para o Sporting em 1989-90. Durante três épocas consecutivas tinha levado o Chaves a excelentes classificações (à volta do 5º e do 6º lugar) e na temporada de 1988-89 treinou o Boavista que ficou em 3º lugar, à frente do Sporting.
Creio que depois não obteve grande destaque, mas em 1989 tinha boa imagem.

O Sousa Cintra rebentava com tudo à volta dele!

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo