Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Fotografia com história dentro (91)

Leão Zargo, em 01.04.18

Mário Cunha e F. Mendes 1964.jpg

 

Mário Cunha

 

Mário Cunha era o chefe de Departamento de Futebol do Sporting em 1964 quando o Sporting derrotou o Manchester United por 5-0. No dia 26 de Fevereiro de 1964 os leões foram derrotados por 4-1 em Old Trafford, e era unânime a convicção da injustiça do resultado. No Sporting considerava-se que a equipa leonina não era inferior à inglesa e que uma “mãozinha” do árbitro do holandês J. H. Martens tinha sido decisiva no desfecho do jogo da 1ª mão da eliminatória. “Grande apenas na estatura”, escreveu Artur Agostinho na crónica do jogo no jornal Record.  

 

Na realidade, a reviravolta de Alvalade, três semanas depois, começou a ser construída logo na viagem de regresso. Luís Miguel Pereira, no livro “Estórias d'Alvalade”, refere que o piloto do avião da TAP perguntou aos jogadores “o que são quatro bifes (golos) para leões famintos?”. A pergunta do piloto gerou muita conversa na comitiva. Em Lisboa, Mário Cunha foi ao balneário para conversar com os capitães de equipa e prometeu vinte contos a cada jogador se eliminassem os ingleses. Tratava-se de uma quantia elevadíssima, muito acima dos melhores salários do plantel, pois a média salarial era de dois contos e quinhentos escudos.

 

Os dias seguintes foram vertiginosos. Sempre com Mário Cunha por perto, o arquitecto Anselmo Fernandez substituiu o treinador Gentil Cardoso, e levou os leões a um empate na Luz por 2-2. Para o jogo com o Manchester United fez apenas uma alteração que se revelou decisiva: substituiu o extremo Alfredo por Mascarenhas e concedeu liberdade de acção a Osvaldo Silva. Mascarenhas dinamitou a defesa inglesa e Osvaldo fez um jogo de sonho coroado com um notável hat-trick. No banco, Mário Cunha e Anselmo Fernandez festejaram aquela vitória retumbante e inesquecível que abriu caminho à conquista da Taça das Taças na finalíssima de Antuérpia.

 

publicado às 16:27

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


3 comentários

Sem imagem de perfil

De Pedro51 a 01.04.2018 às 16:32

Saudade desse tempo!
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 01.04.2018 às 18:58

Era uma bela equipa!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.08.2018 às 10:58

Angolano e luandense, Mário Cunha era filho do meu tio-avô Ernesto Cunha, irmão do meu avô e padrinho Júlio Cunha, naturais de Cabeça Santa, Penafiel. Conheci-o em 1950, era eu menino de 8 anitos, quando ele veio a Portugal e trouxe uns saquinhos de café e açúcar à minha mãe, enviados de Luanda pelo meu pai, que morreria no ano seguinte. Em 1964, antes da minha partida para S. Tomé, como militar, fui visitá-lo à Avenida das Descobertas, em Belém, mas tive de esperar algum tempo, pois ele tinha ido com o seu Sporting a Setúbal. Faleceu novo, em 1970, em Portugal, onde vivia há anos, ligado ao seu Sporting, por coincidência no ano em que parti para Angola, onde ele possuía um pequeno império. O irmão, Fernando, sportinguista de gema como ele, faleceu há meses. Saudações de um benfiquista. Diamantino Cunha

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo