Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

franciscojmarquesDR1.jpg

 

Francisco J. Marques, director de comunicação do FC Porto, foi suspenso por 44 dias pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, por declarações ao Dragões Diário, em 25 e 27 de Fevereiro passado.

 

O director de comunicação portista também terá de pagar uma multa de 2.869 euros e a SAD do clube não se escapa igualmente à multa, que ascende a 7.650 euros.

 

Em causa estão, de acordo com o comunicado, declarações proferidas na newsletter Dragões Diário de 25 e 27 de Fevereiro, e relativas a arbitragem de jogos que envolveram Benfica e FC Porto.

 

Sobre o Benfica-Desportivo de Chaves foi escrito, nomeadamente, que "ontem, na Luz, o Ferrari vermelho fez pendant com o Benfica, o que nem aos mais distraídos surpreende -- estava lá mesmo para isso, para fazer pendant".

 

Em 27 de Fevereiro, o motivo das declarações é o Boavista-FC Porto e a arbritagem de Fábio Veríssimo: "Só quem não quiser ver é que pode fingir que estas arbitragens não acontecem devido à coação grave e reiterada que é diariamente exercida directa e indirectamente pelo Benfica."

 

O CD da Federação considera que as declarações violaram o artigo 136 do Regulamento Disciplinar sobre "lesão da honra e reputação e denúncia caluniosa".

 

Quando primeiro li a manchete pensei que fosse algo relacionado com as e-mails e o bruxo, mas enganei-me. Sobre declarações desta natureza, a punição pelo órgão federativo era expectável. Mais um simples caso de "denúncia caluniosa" para os arquivos do futebol português. A "lesão da honra e reputação" merece ser debatida, mas fica para outro dia.

 

publicado às 05:22

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


22 comentários

Sem imagem de perfil

De Aracaçu a 12.07.2017 às 11:41

A Justiça desportiva portuguesa:

Época 1973/1974

"Dirigentes do Benfica, que estava a fazer uma época bastante''tremida'', aliciando dirigentes do Vitória com a seguinte proposta: se o Vitória "facilitasse" no jogo com o Benfica, pagariam todos os salários até ao final da época. Esta proposta terá sido levada aos jogadores, que a repudiaram imediatamente.
O Vitória acabou por vencer na Luz por 3-2, quebrando assim a invencibilidade caseira do Benfica, que durava há anos. Após o jogo, José Maria Pedroto e os jogadores do Vitória quiseram denunciar a tentativa de aliciamento, mas a direção impôs a "lei da rolha" e impediu que a "bomba" rebentasse.
Em resposta Pedroto "bateu com a porta"; foi substituído por José Augusto, mas a segunda volta foi bastante cinzento e tornou-se evidente que o espírito da equipa estava de rastos. "
Sem imagem de perfil

De O Cid a 12.07.2017 às 11:57

Boa memória, Aracaçu. Parabéns!
Jorge Gonçalves: "Paguei a árbitros para favorecerem o Sporting"
Sem imagem de perfil

De sincero a 12.07.2017 às 14:18

"Jorge Gonçalves: "Paguei a árbitros para favorecerem o Sporting"

E onde é que isso foi escrito?
Sem imagem de perfil

De O Cid a 12.07.2017 às 19:49

Para o Sincero.
Aqui.
in A bola magazine, n.º128/Janeiro de 1998
Sem imagem de perfil

De Francisco Maria a 12.07.2017 às 11:58

Já agora identifique a fonte desse texto e ponha lá a conclusão a que o autor chegou no final:
"Escusado será dizer que esta história é muito especulativa e que não há qualquer indício de que tenha havido uma tentativa de corrupção desportiva".

Como se prova pelo facto desse campeonato ter sido vencido pelo SCP e não pelo SLB.

Quando a mentira e a manipulação têm a perna curta...
Sem imagem de perfil

De Aracaçu a 12.07.2017 às 15:21

A fonte do texto que aqui coloquei foi na caixa de comentários do site www.zerozero.pt, na página do jogo propriamente dito.

Mas vamos lá a ver, você não acha, meu caro, que depois de tudo o que eu disse aqui qualquer comentário seu seria inútil, e até mesmo, desprimoroso? Já pensou nisso?
Sem imagem de perfil

De Francisco Maria a 12.07.2017 às 16:22

Já pensou que aquilo que fez foi amputar um texto para levar os leitores a uma conclusão completamente oposta ao que se refere o autor no texto original, que já reproduzi na totalidade, para não restarem dúvidas?
Sem imagem de perfil

De Francisco Maria a 12.07.2017 às 12:06

Aqui está o comentário completo e não a manipulação mentirosa do Aracaçu:

"Não me parece que essa suspeita do campeonato “comprado” se refira a este campeonato, mas sim ao de 1973/74, que aliás seria ganho pelo Sporting.

No final de 1973, a equipa do Vitória estava no auge das suas capacidades: estava a discutir a liderança do campeonato taco a taco com o Sporting e acabara de registar a sua maior façanha europeia, a eliminação do poderoso Leeds United (considerada a melhor equipa de Inglaterra ou mesmo da Europa). Mas havia um senão: os salários em atraso, assunto que veio para a praça pública na semana anterior à deslocação à Luz, com a qual terminava a primeira volta.

Agora, a parte altamente especulativa: supostamente, dirigentes do Benfica, que estava a ter uma época bastante “tremida”, aliciaram os dirigentes do Vitória com a seguinte proposta: se o Vitória “facilitasse” no jogo com o Benfica, pagariam todos os salários até ao final da época.Esta proposta terá sido levada aos jogadores, que a repudiaram imediatamente.

O Vitória acabou por vencer na Luz por 3-2, quebrando assim a invencibilidade caseira do Benfica que durava há anos.
Após o jogo, José Maria Pedroto e os jogadores do Vitória quiseram denunciar a tentativa de aliciamento, mas a direcção impôs a “lei da rolha” e impediu que a “bomba” rebentasse.
Em resposta, o Pedroto “bateu com a porta”; foi substituído por José Augusto, mas a segunda volta foi bastante cinzenta e tornou-se evidente que o espírito da equipa estava de rastos.

Escusado será dizer que esta história é muito especulativa e que não há qualquer indício de que tenha havido uma tentativa de corrupção desportiva…"

por arquivista Junho 3, 2007 at 9:45 am
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.07.2017 às 13:41

Francisco Maria,

Que seja fanático na defesa do seu clube é um direito que o assiste e não nos incomoda. Já o mesmo não pode ser dito quando comenta de má fé, algo que faz com alguma frequência.

Se repetir comentários sobre o blogue como fez esta manhã - que eu não publiquei - será eliminado deste espaço.

No seu fanatismo e má fé não reconhece que andamos aqui a trabalhar voluntária e desinteressadamente. Opiniões são apenas isso, opiniões, e não lhe concede o direito de personalizar questões e/ou de "atacar" o blogue com bocas gratuitas.

Isto não está aberto a debate.
Sem imagem de perfil

De Francisco Maria a 12.07.2017 às 14:52

O Rui Gomes a falar de má fé? Pois...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.07.2017 às 14:53

Não voltarei a avisar, apesar de reconhecer que o caro não tem emenda !!!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 12.07.2017 às 18:07

Eu vi esse jogo, morava na Estrada da Luz; ainda hoje me lembro dos cartões de sócio rasgados.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 12.07.2017 às 19:03

Aqui exige-se que o leitor se identifique. Deixo o alerta.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo