Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Golpismo - "Alcochete" continua

Naçao Valente, em 11.02.20

"Trabalhar e vencer no manicómio que é o estádio de Alvalade é obra. Chapeau."

                                                   Alexandre Pais, a propósito do jogo Portimonense/SportinCP

                                                                                                                   Record

"Isto é uma tentativa de homicidio ao Sporting"

                 Rui Santos

Quem pensava que quase dois anos depois do assalto a Alcochete que este episódio estava arrumado, enganou-se redondamente. Alcochete continua bem vivo e presente na vida do Clube. Já é e continuará a ser um infame caso de estudo. Como é que uma minoria de associados/adeptos continua a perturbar o funcionamento normal do Sporting Clube de Portugal? Alguém já lhe chamou um clube de malucos. Pelo menos em relação a alguns a designação parece correcta. O facto é que utilizando outras formas o ataque ao Sporting vai tendo novos episódios.

O que se verificou na recém-manifestação de "antis" com violência gratuita à mistura, é apenas e tão só mais um desses episódios recorrentes. Quem são eles e o que pretendem? Numa aliança oportunista, distingo três grupos que se entrecruzam: as claques Juve Leo e Directivo XXI, os brunistas radicais com alguns descontentes ocasionais, os "abutres" sedentos de poder que na sombra manejam os seus fantoches, sem dar a cara.

Estão unidos num único objectivo em comum... derrubar a Direcção eleita há ano e meio. Mas têm objectivos próprios que os distinguem. As referidas claques com privilégios especiais há anos, que foram reforçados pela Direcção anterior, não se conformam com a sua perda. Lutam pelas regalias que possuíam em relação aos outros sócios, e que para alguns constituía um modo de vida. Lutam pelo poder de "governar" o Sporting CP,  sem mandato legal. Muito para além do apoio ao Clube são antros de vícios, onde se inclui a droga.

A droga, como substância alucinogénia para produzir uma realidade omniparalela, pode assumir outras formas, a que se chamaria de droga psicológica, e que está presente desde os alvores da humanidade na forma de religiões radicais e alienantes. É responsável por ódios e guerras trágicas. Condiciona mentes humanas fracas, criando fantasias que as façam viver numa euforia permanente.

doc2020020928199025tp_97161103cf89_base.jpg

Um analista televisivo inseriu este comportamento recorrente dos brunistas nesse estado de felicidade artificial, criado pelos seu lider, durante o seu consolado. De facto, Bruno de Carvalho, recorrendo a um veículo viperino de populismo e demagogia, criou um ambiente eufórico, como uma religião, mantendo os seus seguidores constantemente "embriagados" numa felicidade sem correspondência com o dia a dia, e sempre dependente de um paraíso futuro. Embora como psicólogo de bancada a tese parece fazer sentido.

E sendo assim, o que acontece quando se tira a droga a quem dela depende?... Entra-se em período de carência e procura-se readquirir a droga perdida. Daí esta golpada permanente para restituir ao poder quem o faça, assuma a forma que assumir. Para isso, está provado, recorre-se a todos os meios incluindo a violência, inerente a estados de espírito alienados.

O que é que isto tem a ver com o Sporting e os seus interesses? Nada. O que é que tem a ver com resultados? Nada. O que é que tem a ver com o presidente se chamar Varandas ou outra coisa qualquer? Absolutamente nada. Apenas tem a ver com a recuperação da droga perdida, metaforicamente falando. O vício da droga sendo uma doença não se cura com paliativos.

Na sombra encontra-se, cinicamente, o grupo de oportunistas que apostam na degradação do ambiente do Clube, esperando que o poder caia na rua para o apanharem. Que é que isto tem a ver com a recuperação do Sporting? Nada. Tem haver com os seus interesses, e tudo têm feito para desestabilizar, como se provou aquando do lançamento do empréstimo obrigacionista.

É esta oblíqua convergência de interesses que gera o 'caldo de cultura' que alimenta este golpismo. O golpismo tem de ser combatido com muita coragem, mas só isso não chega. É preciso desmacará-lo, com verdade, com transparência, com provas irrefutáveis. É preciso agir com firmeza. Se não for assim é difícil ganhar esta batalha. E quem perde não é a Direcção eleita e com mandato legítimo por quatro anos. Quem perde é o Sporting CP e o futebol em geral. Como no antigo PREC está em causa a democracia. Por ela todos os sportinguistas de boa fé devem lutar.

P.S. : Nos últimos 25 anos o Sporting teve sete presidentes, cinco que não completaram o mandato, e 30 treinadores. Caso para reflexão. Será que o Sporting aguenta muito mais este percurso destrutivo?

publicado às 04:33

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


50 comentários

Imagem de perfil

De Mike Portugal a 11.02.2020 às 08:20

Atenção que a agressão não foi na manifestação, foi dentro das instalações do clube. E nessa manifestação esteve muita gente, portanto não acredito que todos os que lá estiveram sejam: Juve, Diretivo, Brunistas ou abutres. Há muito mais gente do que isso e é um erro tremendo se pensas o contrário.
Sem imagem de perfil

De Pedro Santos a 11.02.2020 às 09:11

Será que há muito mais gente do que isso? Não reconhecer que o clube está com dificuldades provocadas por Alcochete (vai demorar anos a recuperar, disso não tenho dúvidas), enormes custos face às receitas, pedir a demissão porque se errou no planeamento, é de gente irresponsável que não sabe o que estão a pedir... É legítimo qualquer manifestação de desagrado, não é aceitável que essa manifestação seja feita desde o primeiro dia em que esta direção tomou posse. Há uma dor de corno inacreditável nos brunistas que não aceitam a realidade (esquecendo aqui os futebóis). O clube só se endireita quando o machado de guerra estiver enterrado. Neste momento, a direção devia cavalgar a união do clube contra a Juventude Leonina e Directivo XXI até que estes aceitassem que o clube está acima deles. Cantar que o "clube é nosso até morrer" faz algum sentido? Gostava de ver o Mike a condenar aqui publicamente este tipo de cântico ereconhecer que neste momento a Juve Leo está a mais no Sporting (para mim, deviam ter sido logo expulsos após Alcochete, ponto!).
SL
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 11.02.2020 às 10:29

Eu concordo com a frase "O clube é nosso até morrer" desde que aplicada aos sócios, não a grupos que ataquem o clube. E claro que condeno todos os ataques feitos aos jogadores, dirigentes, sócios, adeptos, etc...feitos por quem seja, Juve, Diretivo, GOA ou simplesmente arruaceiros contratados (que eu sei que há por ali).

Isso não tem nada a ver com uma manifestação de mais de 3000 pessoas que não criaram nenhum desacato nem problema com as autoridades. E sim, muitas das pessoas da manifestação são simplesmente sócios/adeptos descontentes com os resultados do futebol e que querem que os atuais dirigentes se demitam.

A minha opinião pessoal é que não se devem demitir, mas devem enfrentar a AG, pois aí é o lugar onde os sócios podem manifestar a sua vontade. E acredito que haja mais sócios que não querem que a direção caia....já.
Sem imagem de perfil

De Orlando Santos a 11.02.2020 às 11:43

A vontade dos sócios já foi manifestada nas eleições. Quando for a altura de novas eleições, então será a vez dos sócios darem a sua opinião sobre o trabalho efectuado. Se não aprovarem, escolham outra alternativa mas, até lá, deixem os outros fazer o seu trabalho.
Sem imagem de perfil

De Anibal Silva a 11.02.2020 às 09:57

Existem sempre os 'Maria vai com as outras' que vão a reboque por causa dos resultados desportivos serem negativos
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 11.02.2020 às 10:30

Anibal,

Exatamente. E para mim, esses estão em grande maioria na manifestação. Não acredito que velhotas de 70 anos (como vi em várias fotos) sejam abutres.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 11.02.2020 às 14:42

Esses que refere estariam sossegados se não ninguém os picasse.
Sem imagem de perfil

De João F a 11.02.2020 às 11:18

"Atenção que a agressão não foi na manifestação, foi dentro das instalações do clube. E nessa manifestação esteve muita gente, portanto não acredito que todos os que lá estiveram sejam: Juve, Diretivo, Brunistas ou abutres. Há muito mais gente do que isso e é um erro tremendo se pensas o contrário."

Mas que força enorme representa toda essa gente junta, que segundo foi dito no total seriam 3 mil pessoas, em comparação com o universo Sporting de dezenas de milhares de sócios! E depois pode-se perguntar dessas 3 mil pessoas, quantas é que serão sócias do Clube!

Será que é por acaso, que o numero de 3 mil pessoas é igual àquele que foi na lista apresentada na AG para a destituição (afinal, só 385 delas é que são sócias…) ou será a prova que a contestação é feita por um grupo de gente residente na região de Lisboa.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 11.02.2020 às 11:38

João F,

Não sei se todos serão sócios, provavelmente não. Mas quando houve o mesmo tipo de contestação há uns anos atrás contra BdC exatamente no mesmo sítio com o mesmo tipo de cartazes, não era esse discurso que se ouvia.
A voz dos sócios deve ser ouvida em AG.
Sem imagem de perfil

De João F a 11.02.2020 às 11:51

Eu nunca fiz parte daqueles que pediam a destituição do guru pela sua má gestão futebol, mas apoiei depois do 15 de Maio de 2018, pelo desastre que ele provocou.

A voz dos sócios deve ser ouvida na AG, se houver motivos para isso e os maus resultados no futebol não o são.
Estou certo que se houver uma AG e essa cambada perder, logo no inicio da próxima época haverá um outro pedido de AG, porque essa gentalha não se rende, pois para muitos deles está em causa a sua própria sobrevivência.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 11.02.2020 às 13:21

Isso poderá de facto acontecer, mas se voltarem a pedir uma AG, já terão muito menos apoio devido a terem sido derrotados na 1ª e terão muito menos legitimidade de a pedir.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 11.02.2020 às 14:45


João F,

Certo. Para uns a sobrevivência, para outros a alienação.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 11.02.2020 às 12:25

Mike,

se há mais gente que essa não sei, mas admito que haja. Nunca vivi nem vivo num reino de fantasia.
Sem imagem de perfil

De William a 11.02.2020 às 14:39

Mas houve agressão? Houve uma participação a desconhecidos??? Então não eram elementos da JL? que se meta a JL a tentar descobrir quem foram...

O presidente já disse que viu as imagens..nós também gostavamos de ver. Pode ser que aparecam no seu canal preferido...cmtv.

SL
Sem imagem de perfil

De Rui Miguel a 11.02.2020 às 08:22

Concordo com a generiladade do post.

Mas neste tipo de manifestações ruidosas e com muita algazarra, há duas coisas que me fazem confusão.

Uma é a extrapolação da representação.
Isto é, por serem muito motivados, energéticos, ruidosos, que só falam entre si e acham que a sua opinião é magnânima, dão entender que representam o mundo inteiro.
Que eles são a voz de todos sócios e adeptos Sportinguistas.
Mas quem lhes dá este direito?
Isso é como achar que o PCP representar o país inteiro por conseguir facilmente mobilizar manifestações massivas enchendo a avenida da liberdade e depois nunca chegam aos 10% nas urnas.
Até porque olhando para o domingo passado, a esmagadora maioria dos Sportinguista não deu importância à manifestação e foi para o estádio que era o seu objectivo

Segunda é o mito da União.
O pensar ilusoriamente que é facil congregar toda a gente na ingênua esperança que o único ponto que motiva um adepto é a vitoria em campo.
Pois bem, como já se provou, há muitos e variados interesses e parece que afinal nem ganhar em campo é agregador.
Desse modo a união global é ilusória e nunca na vida será possível de alcançar.
Nestes e noutros casos, aqui temos de tomar partidos por quem achamos ter a atitude correta nesta batalha.
Por isso também achar que estão a ser um pouco hipócritas quem critica a direção por não ter conseguido a tal dita união, até porque é certo e sabido este grupo que manifestou nunca e alguma vez vai querer uma união, mas simplesmente impor a sua voz.

Nisso realço Rodrigo Roquete, comentador na sic noticias às 2as com crivo de adepto sportinguista. Acho que não teve bem nos seus comentários. Mas também não sei o que lhe realmente motiva, se é simplesmente a paz no clube ou algum objectivo mais individual.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 11.02.2020 às 10:34

Rui Miguel,

Não há união no SCP nem nunca haverá com pessoas violentas. Mas com essas eu também não quero união. A união de que falas só vem com os resultados desportivos, PONTO. Não vem com guerras, nem manifestações, nem mandando calar os contestatários.

Em relação à extrapolação da representação, respondo à tua pergunta "Mas quem lhes dá este direito?", a resposta é simples: a constituição Portuguesa dá o direito à manifestação pacífica. E eles não representam todos os sócios, apenas a eles próprios.
Sem imagem de perfil

De João F a 11.02.2020 às 11:23

O Rodrigo Roquette foi um apoiador do Guru e só se desligou quando viu que o "caldo estava entornado". Deve-se se sentir com direitos especiais sobre o Clube, pelo facto de ser descendente do fundador do Sporting.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 11.02.2020 às 12:46

João F,

Também é o que penso.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 11.02.2020 às 12:34

Subscrevo na integra. O exemplo do PCP é adequado. Quanto a Rodrigo Roquete deu-se a conhecer com uma espécie de projecto para salvar o Sporting. Ganhou estatuto de comentador. Não me lembro de ter a mesma atitude com a Direcção anterior. Presta um mau serviço.
Sem imagem de perfil

De ricardo a 11.02.2020 às 12:36

mas quem é que vai votar numa lista desse Roquete
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 11.02.2020 às 23:01

Ninguém, mas dá para pensar que ele alimenta essa ilusão.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 11.02.2020 às 12:40

Comentário ao texto de Rui Miguel. Saiu do alinhamento.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 11.02.2020 às 09:27

Caro Nação Valente

Os inefáveis “letais” são capazes de tudo indiferentes à realidade e às necessidades do Sporting. Denunciá-los é fundamental, sem dúvida. Lutam pelos seus interesses mesquinhos e específicos e são as marionetas ao serviço de quem trabalha na sombra turvando as águas para conseguir uma melhor pescaria.
As marionetas duram até serem necessárias, depois na lista de espera existem outros com vontade de entregar os seus serviços a esses senhores, a quem o Sporting não preocupa, o que os move é a conquista do poder.

Sem imagem de perfil

De De Vigia a 11.02.2020 às 12:12

Pois então explique lá isto.....

" O ano passado fizemos uma época (18/19/ brilhante, a melhor dos últimos (quinze, vinte?) anos ".

"Esta época (19/20) está a correr mal. Erros nossos? Sim! Condicionados pelo passado". (?????????)
Sem imagem de perfil

De João F a 11.02.2020 às 12:54

Tudo o que tem acontecido de mau ao Sporting, é também ocasionado por tudo o que se passou durante a gestão do guru...ou não?!

Acha que com o Varandas com a sua gestão de 17 meses, já deveria ter gomado todos os malefícios do passado recente, quando toda a gente, menos os adeptos do guru, concorda que serão precisos anos?

Faço uma pergunta: quem é que irá pagar as largas dezenas de milhões de euros de prejuízo causados ao Sporting?

Se houver uma AG para destituir esta direcção, creio bem que o Varandas mostrará aos sócios a Auditoria feita no ano passado, que deve estar bem guardada no quentinho para uma ocasião destas.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 11.02.2020 às 12:38

Caro Leão Zargo,

Usa um termo muito adequado. As marionetas ao serviço de interesses que não são os do Sporting. A luta contra o golpismo também passa por denunciar as suas faces.
Sem imagem de perfil

De Transmontano a 11.02.2020 às 09:56

O Sporting só sobrevive a esta guerra suja, se as autoridades prenderem os cabecilhas desta corja o mais rapidamente, esta postura das claques só está a causar prejuízos de milhões ao Sporting..

O sentimento de impunidade desta gente leva-os a pensarem que são maiores que o Sporting, só quando o Maluco for preso junto com os cabecilhas da juve leo, irá haver paz no Sporting

Sem estabilidade nenhum clube consegue ganhar, se continuarmos a mudar de Presidente como quem muda de camisa, nem daqui a 30 anos somos Campeões..
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 11.02.2020 às 12:41

Transmontano,

Completamente de acordo.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 11.02.2020 às 13:45

Chefes ou cabecilhas das claques NO PASA NADA!!

Vou por aí , como açao imediata , cercar e caçar os ditos cabecilhas, os chefes da banda .
Mas sao chefes de quê afinal? Quem ousa seguir este tipo de personagens que nao passam de uns tristes e frustrados que mais nada sabem fazer da sua propia vida e que mal a sabem gerir , quem AFINAL segue estes tipos? Que raio de admiraçao podem ter POR ESTE TIPO DE PERSONAGEM?

Tornam-se famosos na CS , porque sao CHEFES , CABECILHAS mas ….pelos piores motivos e isso alimenta-lhes a sua razao de existir nas suas vidinhas tristes ,sombrias ,insignificantes e repletas de podridâo .

Quais os requisitos para serem cabecilhas?

O melhor currículo das vezes que já foram presos e tempo a dormir nos calaboiços das prisôes ? Os mais tatuados? Que deram mais bordoadas nos policías ? Que mais assaltos fizeram? Ou mafiosos dos circuitos do trafico da coca ou das folhas de cannabis, (haxixe) para o pessoal?Ou pelos actos heroicos de cortar as pulseiras electrónicos agarradas as pernas...ou ainda por ser o man hooligan mauzao do bairro de Marvila ou ainda mais por estúpidamente reenventar a extrema direita, a Frente Nacional Nazi dos tempos modernos como um ideial louco? , Nao passam de uns tristes e todos aqueles que se deixam fraquejar e iludir por esta gente anti-social conhecidos como "PIRAÑITAS DA SOCIEDADE OU CHOROS", "NO PASA NADA!!!

Faz-me imensa confusâo como presidentes do Sporting como o anterior andou de braço dado com estes pirañas igualando-se a estes niveis? Deixando-se ludribiar alimentando-lhes fama e dinheiro que sem saberem fazer nada de útil na vida , conseguem pagar rendas caras de vivendas em lugares nobres e andarem com carros de alta cilindrada tudo a troco de açoes marginais que provocam medo e pânico nas pessoas .

NO PASA NADA , se realmente quiserem que nao passe nada.

Nomes, como Fernando Mendes , Camarà Aleluias , Mustafá ,Mario Machado , estes "choros" valem o quê ? Que bem trazem ou fizeram para a sociedade ou mesmo para eles proprios?Que futuro para quem os acompanha?
Uma autentica tristeza!!!!
Sem imagem de perfil

De Pacheco a 11.02.2020 às 17:28

Curioso que na altura não lhe fazia confusão.
Sem imagem de perfil

De joão a 11.02.2020 às 18:02

É confusão à conveniência do momento.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 11.02.2020 às 19:14

Sim?? E qual é a conveniência do momento? Esclareça-me.
Sem imagem de perfil

De joão a 11.02.2020 às 20:41

De não remar contra a maré.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 11.02.2020 às 19:13

Era para nem lhe responder tão a leste que passam as suas palavras , se alguém pode fazer confusão é a pessoas como eu que fizeram parte no passado do primeiro grupo da Juventude Leonina em que a única preocupação era apoiar a equipa e expensas nossas , passávamos horas a ensaiar frases para serem ditas em cânticos de apoio e nao havia espaço para essas figurinhas que enumerei em cima , sei o que são choros e pirañas , o que são os verdadeiros coqueiros , vivi perto deles em lugares em que a mafia trabalha a serio e sei do que são capazes , a maioria deles com historias mirabolantes ,frustradas de infância .
Os adeptos ou claques têm o direito de apoiar e criticar quando existe razoes para tal mas nada mais que isso e muito menos existirem envolvimentos de dinheiros, de bilhetes gratuitos e outras coisas mais , isso è o chamariz da escumalha como qualquer dinheiro fácil.
Deixaram-nos entrar , infiltrarem-se e criar ovos agora só com atitudes radicais podem fazer-lhes frente .
Mas sei separar esse real problema da legitima contestaçao dos adeptos a erros que as Direçoes cometam.
Por um lado tem a única parte positiva da situação ,que na falta de resultados desportivos fica esse tumor exposto que seria seguramente camuflado caso a equipa de futebol estivesse la em cima no lugar que lhe pertence.
Sem imagem de perfil

De José francisco a 11.02.2020 às 10:52

Enquanto o maluco e os tipos das claques andarem a solta a atiçar, jamais teremos paz. Caso Alcochete tem de ser fechado o mais rápido possível.
Sem imagem de perfil

De V. Guerreiro a 11.02.2020 às 11:49

Alcochete continua. Este título é aterrador, passado todo este tempo.

A invasão da Academia do Sporting representou o clímax dum processo de alienação e intolerância, justificado por um jargão da gestão – a cultura de exigência – com que os ineptos mascaram a sua brutalidade.

Depois do clímax, eu esperaria um anticlímax redentor. Mas não, a fórmula da violência continua a ser utilizada como um recurso legítimo para alcançar os fins pretendidos. Não houve um mea culpa, um “fomos longe demais”, um parar para refletir, um rejuvenescimento ou, até, um renascimento. A invasão à Academia não serviu para tomar consciência de que atos de violência não só não resolvem nada como pioram as coisas, antes serviu de bandeira que foi levantada do chão e continua a ser empunhada por muitas cabeças alienadas e malformadas.

Depois de Alcochete, o poder caiu na rua, com a direção do Sporting destituída e os líderes da Juventude Leonina presos ou condicionados. Não houve condições para criar uma regeneração. A situação arrastou-se, gangrenou, os lideres das claques já não lideram e o mal descontrolou-se e anda à solta.

O Sporting Clube de Portugal sofre. Mas vai recuperar, com a ajuda de todos os que lhe querem bem.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 11.02.2020 às 12:44

V. Guerreiro,

Obrigado pelo contributo que enriquece este debate.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 11.02.2020 às 12:07

Creio que não há motivos para alarme, a manifestação foi apenas feita por meia dúzia de indivíduos com carência de metadona.
Está tudo bem no Sporting.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 11.02.2020 às 15:17

No Sporting não está tudo bem agora e há muitos anos. Mas diz uma coisa certa: existe muita "metadona". Pelos vistos não sou o único que assim pensa.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 11.02.2020 às 15:52

Não? Pensei que sim, como temos sido tão bem geridos nos últimos 10 anos.....
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 11.02.2020 às 13:46

A AG acabou de ser rejeitada pela MAG:

https://www.sporting.pt/pt/noticias/clube/comunicados/2020-02-11/comunicado-da-mesa-da-assembleia-geral-do-sporting-clube-de

Parece-me que isto irá acicatar ainda mais a contestação e os ânimos. Má decisão.
Sem imagem de perfil

De Governo Verde a 11.02.2020 às 14:06

Estou 100% de acordo consigo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 11.02.2020 às 15:41

MIke,

Mas AGs extraordinárias e especialmente destitutivas realizam-se com o fim único de "acicatar ânimos"?
Sem imagem de perfil

De J.Oliveira a 11.02.2020 às 13:55

Extraordinário post. Parabéns Nação Valente. Cabe aos verdadeiros sportinguistas não permitir que esta gente destrua de vez o Clube, já esteve quase, mas estamos a recuperar. Infelizmente uns comentadores (sempre os mesmos) deste blogue, que têm até dificuldade de alinhavar um pensamento com cabeça, tronco e membros, quanto mais passá-lo para a escrita, vão defendendo o indefensável. E o anão Braga (clube que nunca ganhou 1 (um) Campeonato que seja, têm 2 taças de Portugal espaçadas de quase 50 anos e andaram algum tempo e por mais de uma vez pela 2ª divisão, sentindo a nossa desunião, a guerra fratricida, vem tentar aproveitar, e atacar a despropósito o Gigante Sporting Clube de Portugal!
É isto que esta malta provoca e se sente feliz, o ataque dos inimigos do Sporting, sejam grandes ou pequenos, neste caso pequeno. Órfãos, viúvas, ex-sustentados pela teta do Clube e abutres, a mesma luta: politica da terra queimada. Quando houver só cinzas aparecerá alguém para salvar um Sporting já praticamente inexistente. Devemos aos nossos antepassados, aos nossos filhos e netos, uma luta sem tréguas, sem quartel, a esta gente que o que pretende é o fim do Sporting Clube de Portugal!!!
SL
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 11.02.2020 às 14:54

J.oliveira,

Obrigado pela apreciação e pelo contributo que dá para o debate.

SL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 11.02.2020 às 15:42

Louvor bem merecido, diga-se!!!
Sem imagem de perfil

De José Miguel a 11.02.2020 às 21:52

Plenamente de acordo com este "diagnóstico" e com os respectivos agentes do mal, perante tal situação compete à maioria silenciosa fazer a sua parte e não se esconder e não pactuar com esta gentinha medíocre, por mim estarei disponível para isso. SL a quem efetivamente gosta do SCP e não a quem dele se pretende servir.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo