Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Golpismo irresponsável

Rui Gomes, em 29.09.20

images-2-e1580732667239.jpg

*** Este texto é da autoria de Nação Valente

O Sporting CP, no comunicado emitido após a Assembleia Geral para votação do Relatório e Contas e o Orçamento, agradeceu aos sócios votantes pela sua presença. Não percebo o agradecimento, tendo em conta que a maioria dos sócios presentes não compareceu para participar na votação dos documentos, mas para "votar contra a Direcção", o que não estava em causa nesta votação. Pode ter sido um voto de protesto, mas repito, não contra o que estava para ser votado.

Estes contestatários, dois ou três milhares, sobretudo constituídos pelas claques Juve Leo e Directivo XXI, acompanhados de mais alguns brunistas e não brunistas insatisfeitos, aproveitam todas as oportunidades para desgastar os Órgãos directivos, com a esperança de conseguir a sua demissão. Como gato escondido com o rabo de fora, está o guru, à espera de regressar ao poder seja qual for processo.

Dir-me-ão até que há mais contestação, para além do brunismo... Haverá. Os adeptos não ficam contentes com más épocas desportivas. Mas interrogo-me: porque razão durante o consulado do guru, com resultados desportivos que se conhece, esta gente nunca esboçou, qualquer protesto? Quem souber  que responda.

Portanto, esta votação contra a Direcção, não passa de golpismo assumido, como se vê nos comunicados das referidas claques, a vangloriar-se e a cantar vitória. Mas mais que golpismo é golpismo inconsciente. Quem sai prejudicado não é Varandas, é o Sporting. Os actuais Órgãos Sociais são meramente transitórios. Terminado o seu mandato poderão ou não continuar. Quem continua é o Sporting.

A pura verdade é que a reprovação dos dois documentos prejudica a imagem do Clube, e enquanto instituição/empresa põe em causa a sua credibilidade. Quem faz isto, muito mais que anti-varandista é anti-sportinguista. Põe em causa o próprio SCP, na fase deveras delicada que está a atravessar O que está na mente destas pessoas (descerebradas?) é o fanatismo a uma "ideologia" que quase destruiu o Sporting.

Um novo "chumbo", embora sem consequências directas a nível directivo, pode arrastar o SCP para uma crise de contornos imprevisíveis. Os sportinguistas que gostam do Sporting, têm que perceber que é preciso parar o golpismo e a irresponsabilidade. "Alcochete" foi há cerca de dois anos, mas continua, com outra estratégia.

O Sporting não pode continuar refém de grupos de oportunistas, que se servem do Clube, em vez de o servir. "Alcochete" tem que ser parado!... De vez.

publicado às 03:34

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


131 comentários

Sem imagem de perfil

De LG a 29.09.2020 às 07:43

Está difícil isto.
- o ano passado o orçamento passou com cerca de 70% dos votos, em 1200 votantes (por causa dos resultdos desportivos, tínhamos acabado a "melhor época desportiva desde...";
- O ano passado o R/C só passou por causa dos sócios com mais votos, já que nominalmente votaram mais contra do que a favor (pesaram os maus resultados da pré-época e os 5-0 da supertaça
- O ano passado no R/C votaram 1300 sócios, este ano foram mais de 3100.
- No sábado 3/4 dos sócios votaram contra:
- Eu percebo que quer os "varandistas" (leia-se apoiantes de Varandas) quer os "brunistas" (apoiantes de um IMPOSSÍVEL regresso de BdC ao clube - é passado, nunca acontecerá) queiram justificar os resultados da AG (e a contestação em geral) com a existência de uma irredutível aldeia brunista - dá jeito aos dois extremos. Mas não são os extremos que decidem as votações, é o centro, que anda e vota ao sabor dos resultados desportivos

Num clube amordaçado, em que assembleias sao pedidas mas não marcadas, em que a própria mesa da AG transformou a assembleia num plebiscito, que opção resta ao sócio não extremista descontente?

Os documentos, principalmente o RC, tinham questões preocupantes, potenciadoras de um afastamento/divórcio entre clube e SAD. E uma das questões, parece-me, vai ser assunto nos próximos tempos. E será que o RC precisava de ser aprovado apenas por 50% +1?

Mas sim, que venham as(há muito anunciadas) assembleias de delegados obedientes, o problema é que essa alteração estatutária tem de ser aprovado
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 12:43

LG,

Constatei que este texto deu azo a grande debate. Obrigado aos participantes. Objectivo cumprido. Por outro lado, constatei que grande parte das participações são de opositores, brunistas convictos, disfarçados, ou não brunistas. Tocou-se na ferida. E quando assim é, dói e toca a gemer.

Do que escreve LG, para além do Sporting "amordaçado" que não comento, refere-se aos documentos, com "questões preocupantes". Brincamos? mas quer fazer crer que a maioria dos votantes leu os documentos? Mas quer fazer crer, que mesmo que os lessem os entendiam? Que grau de literacia económica/financeiro têm os adeptos, em geral?
Sem imagem de perfil

De LG a 29.09.2020 às 13:08

O NV percebeu o que escrevi:
"Mas não são os extremos que decidem as votações, é o centro, que anda e vota ao sabor dos resultados desportivos"
E por isso tivemos em julho do ano passado um orçamento 19/20 aprovado com 70% de votos favoráveis (depois da "melhor época dos últimos x anos)" e três meses depois, com número semelhante de participantes,um RC 18/19 que foi aprovado com mais sócios a votar contra (porque pesaram os resultados da pré-época e da supertaça).

A parte em que classifico os documentos como "preocupantes" é a minha exclusiva análise, que os li e (presunção minha, decerto) tenho literacia para os perceber.
A maior parte dos sócios, como outros escreveram aqui, é resultadista.
Mas não foi/é sempre assim?
E que opção tiveram esses sócios para mostrar descontentamento para além da votação no sábado?

"Tocou-se na ferida. E quando assim é, dói e toca a gemer."
Engraçado isso, quando quem se sentiu ferido foi quem apodou a utilização da única voz possível como golpista
Sem imagem de perfil

De LG a 29.09.2020 às 13:15

E coloco a questão inversa: se este ano os documentos foram reprovados por quem não percebe nada do assunto e só quer descredibilizar a direção, isso quer dizer que nos anos anteriores, porque esses documentos foram aprovados, os mesmos sócios, essa entidade una, coletiva e indivisível, só queriam credibilizar a direção?


Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 15:24

LG,

É simples: não a queria descredibilizar.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 14:55

LG,

Os sócios contestatários não fizeram outra coisa que mostrar descontentamento desde que esta Direcção tomou posse, com alguma contenção no primeiro ano, em função de razoáveis resultados desportivos.

Contesta nas redes sociais, inclusivé na página do Facebook do Sporting, onde insultam o Presidente e rejubilam com os maus resultados. Comportamento que me parece pouco inteligente, tendo em conta a concretização dos seus objectivos. Contestava no estádio, quando era frequentado. Tem contestado em manifestações.

Fazem política de terra queimado. O Sporting pouco interressa. Para a maioria dos contestatários, interessam as mordomias que perderam.
Sem imagem de perfil

De VR a 29.09.2020 às 14:04

E o caro é o quê acabado em "ista"?!
Com este nick eu diria nacionalista!!
É caso para perguntar: Onde estava no 25 de Abril?
O SCP é de todos os sócios e adeptos independentemente das opiniões que tenham em relação a determinados assuntos. Passa aqui sorrateiramente um atestado de analfabetismo aqueles que foram votar contra? A sério?! É esta a sua democracia?!
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 15:08

VR,

Onde estava no 25 de Abril não é da sua conta, mas vou-lhe dizer como muito orgulho: estava no largo do Carmo a apoiar os revoltosos, onde assisti à queda da ditadura, que já vinha a combater.

Sobre outras considerações de tipo pessoal, não lhe vou responder, porque não vou descer ao seu nível.

Onde é que viu no texto que o Sporting não é de todos os sócios? Onde é que viu passar atestados de analfabetismo? O que disse e mantenho é que houve irresponsabilidade, em relação aos interesses do Sporting, E acrescento mais, houve clara má fé, pela parte de alguns votantes. É a minha apreciação livre, tão democrática quanto a sua. Não o conheço, mas até lhe digo mais, não me dará certamente, lições de democracia.
Sem imagem de perfil

De VR a 29.09.2020 às 15:31

Se é um democrata de longa data, respeite as opiniões/decisões dos outros!!
Passe bem...
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 15:41

Deve confundir discordância com falta de respeito, que foi o que aqui demonstrou.
Sem imagem de perfil

De Perry a 29.09.2020 às 08:12

A análise para ser bem feita, devia-se saber quem ganhou nos 10 /9 /8/7/6/5 votos, se calhar o Sr. Nação Valente, chegava a outra conclusão, já o disse aqui, tenho amigos que escrevem em jornais, que de brunista não têm Nada, pelo contrário é não foram votar, não estão de acordo com a governação desta direcção e se fossem votar eram contra e valem muitos votos.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 12:46

Perry,

Obrigado pela participação e por me dar razão. Quem foi votar foi para descredibilizar a Direcção. Os documentos são o pretexto.
Sem imagem de perfil

De Zen a 29.09.2020 às 15:01

cada vez mais ridículo
Sem imagem de perfil

De António Ribeiro a 29.09.2020 às 08:21

Estranho Mundo Leonino
Depois da AG de dia 26/09/2020, um claro cartão vermelho à gestão do clube pelo atual Conselho Directivo, surge sem qualquer PUDOR E TOTAL DESPREZO PELO SÓCIOS PELO CLUBE, a versão nos órgãos de comunicação, " A CULPA É DOS SÓCIOS"
Vamos lá por partes, recordo num passado recente, arautos da opinião imaculada com programas televisivos completos na análise exaustivas dos relatórios de contas e orçamentos.
Lá se vislumbrava uma gestão ruinosa, com buracos e mais buracos financeiros, com batuques, e muito que reportar as autoridades para investigação por ilícitos, uma desgraça diziam eles a pés juntos enquanto arrancavam os cabelos.
Passados dois exercícios e por CULPA DOS SÓCIOS, o batuque não toca, os buracos não existiam, e ficaram cerca de 500 milhões, do contrato da NOS.
Pelo contrário pela calada já existiu WANGS PROTOCOLO CHINÊS, RUBENS POR PAGAR,
ANTECIPAÇÕES DE MILHÕES NOS CONTRATOS .
Credores e mais credores a ganir por dívidas feitas nestes últimos dois exercícios, venda ao desbarato de ativos do clube, e aquisição de outros muito inflacionados e por metade dos passes .
Pagar o dízimo ou o bilhete numa outra volta de carrossel.
Vai tudo corrido a 10% ...
AI TERRÍVEL HERANÇA PESADA.
NÃO PELO PESO MAS POR DAR TRABALHO A DISTRIBUIR.
EU SEI QUE É DIFÍCIL TRABALHAR NESTA CIRCUNSTÂNCIAS ,
TAMBÉM, O DEFUNTO MALVADO.
DEIXOU TANTO E TÃO BOM.
Acham mesmo que a culpa é dos sócios?
POR ONDE ANDAM OS CAPITÃES DE MAIO/ JULHO E OS GENERAIS DA HONRA SALOIA...
CÚMPLICE, O SILÊNCIO APROVA TUDO OU CONDENA ...
NESTE CASO É CONFORME OS INTERESSES.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 29.09.2020 às 09:14

Mas que rica herança, a começar pelo empréstimo obrigacionista vencido, dívidas de milhões originadas em orçamentos desmesurados sem retorno desportivo e financeiro (liga dos campeões). Gestão à moda de roleta no casino, também seguida pelo vizinho da segunda circular, mas complementada nos bastidores, como se comprovou com os emails.
Não há maior cego do que o que não quer ver.
Também não estou satisfeito com a gestão desportiva de Varandas (mudança de treinadores, logo com Peseiro e definição do plantel da última época). Mas agora é o Presidente eleito em funções, no final do mandato faço a minha avaliação global.
Agora não dou para o peditório duma sistemática destruição da Instituição. E quando fizer a minha avaliação global, num dos pratos da balança vai pesar é muito a coragem de acabar com as claques, que tanto nos têm prejudicado.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.09.2020 às 09:18

Identificação?
Sem imagem de perfil

De Perry a 29.09.2020 às 09:34

Infelizmente, todas as Direcções que pegam no clube têm que resolver problemas das anteriores houve direções que até tiveram de pagar meses de ordenados em atraso, ainda ontem está Direcção comprou um jogador que começa a ser pago em 2022, possivelmente já será por uma próxima direcção, se está não for eleita. Qua do se vencer o empréstimo obrigacionista é necessário efetuar outro. Esta Direcção não tem capacidade de financiamento, vamos necessitar de pessoas que o tenham, já o disse aqui num post anterior. Os bancos nos dias de hoje, nunca vão emprestar um Chavalho à Brunos de Carvalho, mas a estes também não. Precisamos de outra gente.
Sem imagem de perfil

De João F. a 29.09.2020 às 10:59

"Esta Direcção não tem capacidade de financiamento, vamos necessitar de pessoas que o tenham, já o disse aqui num post anterior."

Bravo!
Dito por outras palavras, deve-se meter o Clube nas mãos dos Riccis desta vida, desejosos de tirar a maioria da SAD e vendê-la a um qualquer e correr o risco de se ver o Sporting a resvalar para as situações em que se encontram os Aves e Belenenses, entre outros!

A pouco e pouco vai-se conhecendo verdadeiramente o empenho dalguns cartilheiros.

Sem imagem de perfil

De Perry a 29.09.2020 às 12:41

Meu caro, sou contra a venda da SAD, até já o disse aqui num post anterior, qualquer personagem que se candidate tem que ser muito claro, neste assunto, se visse o que eu tenho dito anteriormente, não largava essas postas de pescada.
Sem imagem de perfil

De João F. a 29.09.2020 às 15:39

Diz que é contra a venda da SAD, mas defende gente que venha de fora e meta dinheiro lá dentro, como se o fizesse sem interesse.

Prefiro vender as minhas postas de pescada (não sou a marionete de ninguém) e que não põem em perigo a existência do Sporting, do que defender ideias que o possam pôr em risco, como é o seu caso.
Sem imagem de perfil

De Perry a 29.09.2020 às 16:48

Meu caro, quantas vezes, João Rocha, Dias da Cunha deram o seu aval, para conseguirem dinheiro para o clube, eu sou do tempo em que ia a casa de João Rocha e ele nos dizia que er necessários 6 mil contos para fazer face às despesas do fim do mês no clube, e quem os arranjava? Claro que depois ele ia lá busca-lo, agora o Varandas ou o Bruno de Carvalho não dão garantias a nenhuma entidade bancária neste momento em Portugal se necessitarem de dinheiro, nem Para mandar cantar um cego. Aos bancos interessa-lhes quem lhes garanta as operações.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.09.2020 às 17:07

Deve andar muito distraído!

Acha mesmo que nos tempos de hoje presidentes de clubes vão ao bolso empregar dinheiro próprio ou dar garantias bancárias?

O último que o fez no Sporting foi Sousa Cintra no iníco da década de 90 e pagou-se com juros muito generosos.
Sem imagem de perfil

De Perry a 29.09.2020 às 17:18

Rui, não colocam lá o dinheiro, isso é o banco, mas dão o aval, Dias da Cunha, fé-lo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.09.2020 às 17:21

Alguns ao longo dos anos empregaram mesmo o dinheiro. O Sousa Cintra foi um deles.

José Roquette e Dias da Cunha quando chegaram foram mesmo à Banca dar garantias em prol do Sporting.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 12:52

António Ribeiro,

Bem vindo a este espaço, onde cabem todos os sportinguistas, incluindo os saudosos do brunismo, desde que participem com civismo. Vivem, respiram, são reais, e não se devem ignorar.

Pena que o que escreve, não acrescente nada à discussão.

SL
Sem imagem de perfil

De Perry a 29.09.2020 às 15:25

O António Ribeiro, apontou até muitas coisas, concorde-se ou não, o caro Nação Valente é que não disse nada, pensei que rebate-se o que ele disse, como não o fez, não teve argumentos para ele.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.09.2020 às 16:56

Oiça lá chico-esperto...o António Ribeiro não sabe responder por ele próprio, precisa da sua contribuação?

Recomenda-se um pouco mais de moderação para assim evitar levar respostas que não lhe vão agradar.
Sem imagem de perfil

De Perry a 29.09.2020 às 18:05

Rui, gosto de ver uma boa pelea
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 17:12

Perry,

Isto aqui não é um concurso de argumentos, tipo quem quer casar com o agricultor. .Nem há nenhum norma que obrigue a rebater comentários. Respondo aos que entendo que devo responder.

O que o referido leitor escreveu é uma cópia da estafada argumentação brunista. Tenho muitos comentários para responder. A ladainha do brunismo não me interessa. Cansei de responder a essa ladainha.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 29.09.2020 às 08:50

Este novo Sporting marimba-se para a opinião dos sócios como se vê neste post.... a imagem que fica é de uma liderança sem noção do que os sportinguistas querem, alheados da realidade e agarrados ao poder. Má imagem é não pagarmos o Amorim, é batermos recordes negativos em derrotas, é ver as guerras internas, etc..... o rejeitar do orçamento é um acto democrático em linha com os estatutos, normal num clube democrático, a não ser que achem que os socios não mandam no clube.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 29.09.2020 às 09:02

Schmeichel,

De todas as borradas que esta direção tem feito (incluindo o atropelo aos estatutos), só os resultados desportivos os poderão mandar embora mais cedo. E para isso acontecer, o SCP teria que fazer mais uma má época (como a anterior). Acredito que agora, neste momento, ainda não é a altura de fazer cair esta direção, até porque têm feito um bom trabalho nas contratações para a época.

No entanto, também acredito que se esta época não terminarmos pelo menos em 3º, a direção vai ser pressionada para sair.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 29.09.2020 às 09:20

Mike,

Eu não voto a favor ou contra um orçamento só porque a bola entra ou não.... eu não fui votar, mas eu votaria contra, porque o caminho traçado é o de destruição do Sporting, veja-se o género de contratações a 50%, veja-se o nível de comissões em causa, veja-se por exemplo como se continua a guerra contra as claques, veja-se a forma como não se consegue agrupar os sportinguistas e pelo contrário ataca-se os sportinguistas.
Alegar golpe numa votação de uma AG em linha com estatutos é ridículo e demonstrativo de que esta direcção não quer saber a opinião dos sócios, no fundo os sócios só atrapalham é o que esta gente quer dizer…..
O Varandas teve muitas oportunidades para comunicar com os sócios, preferiu esconder-se, preferiu ir adiando as Ag's…… os sócios não são parvos e a maioria por norma tem sempre razão, e é isso que está em causa, a direcção volta a não perceber o que os sportinguistas querem para o Sporting. Não tem nada a haver com a bola entrar ou não…. aliás o BdC foi destituído e nunca ficou abaixo do 3º lugar.
Sem imagem de perfil

De João F. a 29.09.2020 às 11:07

A incúria deste é ser tão exigente com o presente e ter-se marimbado com o que se passou no passado do seu chefe! Nesse tempo ia tudo bem!
Estamos todos avisados que a finalidade desta gente não são os resultados desportivos e os R&C, mas sim
as pessoas. O Varandas teve a ousadia de atacar o brunismo e isso nunca lhe será perdoado. Ponto!
A religiosidade e adoração por um personagem da pior espécie ao seu mais alto nivel!...
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 29.09.2020 às 11:30

Varandas atacou o brunismo depois de ser eleito presidente….. até lá dizia que o BdC tinha sido um bom presidente….. dizer que ele teve a ousadia de atacar o brunismo pode ser verdade, agora não tem é uma base democrática para o fazer.

O que para mim é hilariante é estarmos a discutir o orçamento do Sporting em 2020 e sportinguistas continuarem-se a referir ao antigo presidente do Sporting como o culpado desta rejeição.…. Falta capacidade a esta direcção para alterar o discurso de coitadinho e de desculpas, exige-se maior capacidade de motivar os sportinguistas e de os unir….. não se culpe os sócios de uma responsabilidade que é da direcção. Se o Sporting tem sócios brunistas, estes têm direitos e têm de ser respeitados. Simples!
Sem imagem de perfil

De João F. a 29.09.2020 às 11:50

"O que para mim é hilariante é estarmos a discutir o orçamento do Sporting em 2020..."

Tem se estado a discutir aqui o orçamento de 2020???
Só falta dizer que na AG os tais 2/3 votaram contra, porque encontraram o orçamento para 2021 pior do que aqueles que votaram noutros tempos recentes!

Unir gente que não quer ser unida e que tem feito tudo para que tal não aconteça, tendo utilizado até agora todos os meios como ameaças e insultos soezes!...

Gente que apoiou um reles personagem que pôs o Sporting ao seu serviço e dos seus amiguinhos por todos os meios ao seu alcance, tendo reunido à sua volta gentalha da pior espécie como guarda pretoriana que financiou com os dinheiros do Sporting...esses sócios para mim não me merecem respeito!


Sem imagem de perfil

De Manuel Parreira a 29.09.2020 às 16:20

Muito bem
Sem imagem de perfil

De Rumo Certo - Ventos Favoráveis a 29.09.2020 às 19:45

Meu caro João F.,
Permita que o trate com toda esta sincera afinidade, pois o seu lúcido e incisivo comentário, que subscrevo na íntegra, espelha com rigor, tudo o que igualmente sinto, assisto e diagnostico.
Revejo-me na plenitude, e estarei sempre mobilizado na defesa do nosso Sporting CP, contra aqueles que apenas tudo criticam, mas que nunca fizeram nada de exemplar ou construtivo e, tão só, pretendem retirar indevidos proveitos e inadmissíveis privilégios espurios.
Quando das próximas eleições e após fim de mandato, os sócios irão pronunciar-se, em liberdade, com sabedoria e de acordo com a grandeza e valores do clube.
Grande e fraterno abraço leonino.
SL
Imagem de perfil

De Fernando Albuquerque a 29.09.2020 às 11:16

Schmeichel

Não percebo a razão de criticar as compras efectuadas com 50% do passe do jogador.

Se o SCP não tem disponibilidade financeira para comprar jogadores, que rondam os 10 milhões, que estão longe dos grandes contratos, diga-me qual é o problema do SCP apenas ter metade do passe do jogador ?

O que me interessa saber é se esse jogador durante a vigência do contrato justificou os 50% investidos. Como na maioria são jovens, podem voltar a fazer outro contrato e na minha perspectiva o investimento foi um excelente negócio.
Péssimo é se o SCP comprar um jogador com 100% do valor do passe e depois o jogador não justificar o investimento, o que acontece muitas vezes no nosso clube. Nem preciso de dar exemplos, pois temos mais coisas importantes que nos preocupam. Fernando Albuquerque (SCP)
Sem imagem de perfil

De João F. a 29.09.2020 às 11:19

Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 29.09.2020 às 11:43

Caro Fernando,

Com todo o respeito, porque gosto muito de ler os seus comentários, eu desprezo este tipo de negócios…… lembra-se do Rojo? 10% do passe…. se não há dinheiro para investir compre-se mais barato…… Avaliar um jogador do Famalicão em 13M€ não acha um exagero? em tempo de pandemia …. isto serve quem? Aliás ao comprarmos só 50%, o passe tem tendência a ficar mais caro.

Quando BdC chegou ao Sporting em 2013, não tínhamos passes dos jogadores, por exemplo o João Mário tinamos 25%..... só na venda ao Inter recuperámos Milhões de euros. É isto uma politica de futuro, assente em boas contratações, onde se garante o controlo do passe do jogador. Se o Bruno Fernandes fosse comprado apenas por 50%, quanto tínhamos perdido? Não esquecer que numa venda tem de se pagar comissões, o que sobre então para os clubes?

Se a tactica é comprar sempre a 50%, nunca estaremos bem financeiramente no futuro porque as eventuais vendas, grande parte do lucro ficará fora do Sporting….. no fundo esta é uma estratégia feita no tempo do Godinho Lopes com os resultados financeiros conhecidos.
Imagem de perfil

De Fernando Albuquerque a 29.09.2020 às 12:29

Schmeichel

O seus "astros" dizem que o SCP não vai poder comprar os restantes 5O% dos passes dos jogadores ?

Volto a dizer o que me interessa saber é qual vai ser o rendimento destes jogadores durante o tempo do seu primeiro contrato, porque depois vamos ter tempo para pagar o que falta, se isso nos interessar. O SCP não pode andar todos os anos a fazer uma equipa. Se não tem dinheiro tem de pagar as dividas que alguém as fez e de certeza que não fui eu e depois pensar em outras alternativas de valorização da nossa equipa. Para já temos um " poço" de petróleo em Alcochete que nos vai dando alguma folga aproveitando todos os excelentes jogadores que aí foram formados e que devemos conservar o mais tempo possível e depois arrumar esta casa que está muito mal (futebol)em termos desportivos. Fernando Albuquerque (SCP)
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 29.09.2020 às 13:18

Fernando Albuquerque,

A mim também me interessa o rendimento desportivo, mas tem de haver retorno financeiro dos investimentos feitos….. se assim não for teremos de baixar e muito o orçamento nas próximas épocas.

Por exemplo compramos um atleta por 6,5M por 50% do passe, numa eventual venda por 30M, o Sporting vai lucrar 8,5M sem deduzir comissões nem ordenados, que vamos ter de pagar a 100%. Na prática o Sporting numa eventual venda por 30M o lucro será irrisório.

Quanto ao resto, concordo que tem sido a formação a salvação constante do Sporting….. porque exatamente um jogador vindo da formação por norma temos 100% do passe.
Imagem de perfil

De Fernando Albuquerque a 29.09.2020 às 18:20

Schmeichel

Os jogadores ainda praticamente não jogaram e o meu querido consócio já está preocupado com os retornos financeiros. Tenha calma, pois se algum dos jogadores em questão " explodirem," tenho a certeza que os nossos dirigentes não andam a dormir, ou pelo menos penso que não, e como não são os passarinhos. que muita gente pensa. na altura própria resolvem este assunto. Saudações leoninas Fernando Albuquerque (SCP)



Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.09.2020 às 20:37

Debater com este fanático é desperdiçar tempo e energia. Além do mais, ele nem sequer é sportinguista.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 29.09.2020 às 09:11

Interessante texto...
A culpa é dos contestatários, leia-se claques e afins....
Se assim é, caro Nação Valente, e vamos colocar aqui um cenário imaginário de eleições para os corpos sociais do Sporting num futuro muito próximo, por exemplo 1 mês...
Vamos também supor que esse acto eleitoral era tão ou mais participado que o último ou tão ou mais participado que a Assembleia de destituição do "terceiro olho" leia-se "guru" anormalóide.

Portanto nesse cenário, diga, caro Nação Valente, olhando para isto como um barómetro da satisfação dos sócios...
Acha que Varandas e a sua equipa ganhariam??
É uma boa pergunta....

Não foram só elementos das claques a votar contra nesta assembleia o R&C, houve muitos mais sócios a votar também contra, e sócios com direito a muitos votos...
Isto foi um cartão vermelho a esta direção, Varandas que tire daí as suas conclusões.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 13:01

Paulo Salcedas,

Obrigado pela participação.
Há hipótese que coloca, não sei responder, porque não faço futurologia. Uma eleição futura depende de múltiplos factores, incluindo os candidatos que forem a jogo.

Possivelmente não foram só membros das claques que foram votar. Mas até pela campanha feita foram muitos, se não todos. Quantos milhares são?
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 29.09.2020 às 09:12

Nação Valente,

Golpismo foi o que aconteceu em Alcochete, de facto. Aí concordamos. Um golpe efetuado por vários casuals, alguns pertencentes à Juve, outros nem sequer Sportinguistas. E depois um outro golpe dado por 9 jogadores e seus empresários, 3 dos quais se redimiram, mas só 1 realmente a sério (Bruno Fernandes) que não aceitou aumentos de ordenado para voltar.

Esses sim foram verdadeiros 2 golpes ao clube.

Este chumbo no R&C e orçamento era mais do que previsível, pois o presidente da MAG tem vindo a fazer ouvidos moucos aos sócios, já há bastante tempo, não lhes dando um espaço para se fazerem ouvir, com medo precisamente, disto. Cada vez mais pessoas descontentes se vão juntando ao coro de vozes, que começaram apenas por ser umas dezenas de apoiantes de BdC e Ricciardi, depois juntaram-lhes as claques e ainda depois juntaram-lhes mais uns quantos daqueles que ao primeiro sinal de resultados desportivos maus, mudam logo a opinião. Agora já não são só dezenas, já são milhares.

Faça a equipa um bom campeonato e verás este número diminuir automaticamente.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 13:17

Mike Portugal,

Se fôssemos dissecar "Alcochete", tínhamos muito para falar. Este golpe não se pode restringir aquele dia, pois começou muito antes, continua e continuará até conseguir derrubar a Direcção.

A rescisão de 9 jogadores foi um golpe dado por jogadores e empresários. De tão absurdo, nem vou comentar. Quem deu golpes foi a própria Direcção.

Os sócios do Sporting não têm espaço para se fazer ouvir. Que espaço? Em AG? Não existem regras, basta estalar os dedos? E ouvir para quê? Para o grupo minoritário insultar quem não faz o seu jogo? Então a governação do Sporting faz-se, através de AGs? Esse grupo não se faz ouvir nas redes sociais, nomeadamente do Facebook do Clube, onde insultam os órgãos sociais, sem contraditório? E nas manifestações de rua? Se não se manifestassem tanto, talvez o Clube estivesse melhor.

Num aspecto concordo. Se acontecerem bons resultados desportivos, ficam de bico calado.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.09.2020 às 09:34

Interessante, sem ser surpresa, os primeiros comentários ao post...

LG - o fanático que finalmente conseguiu publicar a sua diatribe de encomenda.

Perry - que tenta disfarçar, mas não fica muito longe.

Schmeichel - o incontornável doente já bem conhecido.

Paulo Salcedas - a sua crítica em cadeia fala por si própria.

António Ribeiro - descohecido aqui com este nome mas que se identifica claramente através do seu comentário, comentário este que será apagado na próxima vez que for escrito com letras maiúsculas.

Mike Portugal - antigo brunista que tenta ser mais moderado mas nem sempre o é.

Temos aqui um registo para a história!
Sem imagem de perfil

De LG a 29.09.2020 às 09:41

Aqui está a primeira lista de golpistas.

Vão trabalhar malandros, e deixem os verdadeiros sportinguistas continuar o bom trabalho que têm feito

Rui, sobre mim, o que desconhece dava para um livro. O que presume conhecer dava para outro.
Sem imagem de perfil

De Perry a 29.09.2020 às 09:43

Arre chiça. Avé César.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 29.09.2020 às 09:43

Estás enganado,

Eu nunca fui brunista. Tanto que a única vez que votei nele, foi nas últimas eleições onde participou contra PMR, devido a esse candidato ser tão mau.
Eu fui pró-JJ, que é uma coisa bem diferente.

Mas eu acrescento a tua lista:
Nação Valente - anti-brunista primário desde o primeiro dia

Rui Gomes - antigo godinhista que tenta ser mais moderado mas nem sempre o é.

lol
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.09.2020 às 09:52

Fraca resposta Mike. Essa classificação/adjectivação não impressiona.

Com a excepção do lunático, apoiei sempre as presidências do Sporting, pelo menos até se chegar a um extremo limite.

Mil por cento anti brunista!!!
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 29.09.2020 às 09:55

Se não gostas de ver os teus colegas de blog ou tu próprio adjetivado, talvez não devas fazer o mesmo aos outros.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.09.2020 às 10:00

Segunda fraca resposta Mike.

Quem opera um blogue e tenta agradar a gregos e troianos não vai ter muito sucesso, com ou sem adjectivação.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 29.09.2020 às 10:03

Não estou a pedir que agrades a toda a gente. Deves manter-te fiel ao que acreditas, mas o constante meter labels nas pessoas cansa e aos poucos afasta a vontade de querer comentar.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 29.09.2020 às 10:10

Rui Gomes,

Prefiro este seu registo que o de ontem ao eliminar comentários…… apesar de eu ser um denominado brunista, eu sou um democrata, gosto de ler e debater opiniões contrárias.
O que para mim é demonstrativo do que se passa é mais uma vez a tentativa de assustar os sócios com o regresso do BdC, uma espécie de demónio que não é sócio e portanto não pode ser presidente….. eu odeio tácticas do medo…. porque razão o Varandas trata os sportinguistas como pessoas burras? dou o exemplo do nosso rival benfica, rejeitaram o orçamento em tempo de pandemia sem adiamentos e posteriormente votaram a favor…… o que fez a direcção do Sporting? adiou a AG para ver se passava a imagem do 4º lugar e contratava uns gajos para inglês ver, e perante a rejeição do orçamento ainda vêm com criticas aos sócios?! isto é demonstrativo de que encaram os sócios como uma espécie de empecilho, imagem que sempre tive deste direcção, um conjunto de pessoas alheados da realidade e do que realmente pretendem os sportinguistas.
Em nenhuma votação Varadas teve mais de 30 e poucos por cento dos sócios com ele, questiono portanto quem de facto fez o golpe? e quem deu o direito a esta direcção para governar o Sporting contra a vontade dos sócios? as eleições servem para eleger, mas a votação dos orçamentos serve para definir estratégias orçamentais, respeite-se as regras e estatutos do Sporting, e não criticar os sócios por exercerem o seu direito de votar contra um orçamento.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 29.09.2020 às 11:30

Caro Rui Gomes:

A minha questão ao Nação Valente também poderá ser respondida por si....

Gostava muito de ler uma resposta...

O caro continua com o mesmo problema crónico, quando não pode com a mensagem, ataca o mensageiro, mas não se preocupe, não está sozinho, o que falta para aí é gente com esse problema.
Sem imagem de perfil

De MAV a 29.09.2020 às 12:56

O comentário do RG muito bom.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 13:19

É verdade Rui. Já o disse num comentário por outras palavras. Temos de facto um grande registo.
Imagem de perfil

De Greenlight a 29.09.2020 às 09:53

A maioria dos sócios não tem, certa ou erradamente, a percepção de que está, em curso, um golpe para recolocar BdC ou alguém da sua "entourage" na presidência do Sporting. A maioria dos sócios não faz oposição a Varandas mas não consegue, obviamente, apoiar um Presidente e uma Direcção que têm coleccionado asneiras e destruído valor na equipa de futebol. A última época e a sua propagandeada preparação poderia fazer parte de um manual de como não se deve gerir um clube de futebol. Para além dos erros de gestão desportiva, Varandas colecciona "gaffes" e frases inoportunas, cada vez que abre a boca. A maioria dos sócios, em oposição a Bruno e os seus seguidores quer que o Sporting vença sempre, mas não se revê em Varandas. Julgo que só numa situação de desespero e para impedir o regresso do brunismo, a maioria dos sócios se mobilizará para, relutantemente, votar a favor de Varandas ou dos seus actos e relatórios de gestão. Mas, para isso, será preciso muito mais do que os argumentos apresentados por Nação Valente.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 29.09.2020 às 10:08

O Greenlight acertou na mouche.
BdC só conseguiria voltar, fazendo uma lista com ele na SAD e alguém de sua confiança a presidente do clube. E mesmo essa lista para ser votada por maioria, significaria que as outras que tinham aparecido eram muito fracas. Não acredito que isto seja possível, até porque há pessoas bastante boas que já apareceram nas últimas eleições (mas não Ricciardi nem Varandas, nem PMR, por amor de deus) e acredito que haja tantas outras por aí "escondidas" que devem aparecer nas próximas.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 29.09.2020 às 11:34

Caro GreenLight:
Em boa verdade o amigo acha que os sócios do Sporting alguma vez em sufrágio livre darão alguma hipótese ao regresso do anormalóide "terceiro olho"??
Tenha dó, pensar isso é estar a passar atestados de parvoíce aos sócios do Sporting.
Não estará também o caro a esquecer-se dos candidatos derrotados nas últimas eleições?? João Benedito não ganhou mas ficou lá perto...
Imagem de perfil

De Greenlight a 29.09.2020 às 11:46

Paulo Salcedas, já vi muita coisa na vida, mas, na verdade, não acredito que os sócios do Sporting permitam o regresso do Destituído. Se reler melhor os meus comentários verificará que é isso que eu digo. Levanto essa possibilidade, académica, quando se acena com esse bicho-papão. E quanto aos insultos tento não insultar quem quer que seja, embora às vezes me apeteça...e muito.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 13:26

Greenlight,

Não sou defensor desta Direcção, nem do seu Presidente. Sou defensor do Sporting. Volto a repetir: votar contra documentos fundamentais de gestão de uma Instituição/empresa, só prejudica o Clube, e é uma irresponsabilidade. O cartão vermelho a qualquer Direcção dá-se no acto eleitoral. Até lá deixem-nos trabalhar, desde que o façam dentro da Lei.
Imagem de perfil

De Greenlight a 29.09.2020 às 14:13

Nação Valente, eu não votei contra, simplesmente não votei. Usando a analogia dos cartões, diria que o meu voto (ou abstenção) corresponde a um cartão amarelo à Direcção.
Perfil Facebook

De Rui Jorge Marques a 29.09.2020 às 17:37

Então para que se fazem AGs? SL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 29.09.2020 às 17:44

Será que agora as AGs não têm Ordem de Trabalhos?

Mas, na realidade, até não é essa a questão. Não compreende ou não quer compreender.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 18:39

As AGs tem Ordem de Trabalhos. Esta não era para fazer o julgamento da Direcção.
Sem imagem de perfil

De Joao Gil a 29.09.2020 às 10:07

Subscrevo. Em próxima AG secos sócios decentes não forem votar não podem depois chorar nas televisões. Nem só nas assembleias eleitorais a MAG devia organizar a votação por correspondência.
Devias ser uma regra, porque assim só virá quem está em Lisboa. Por estas e por outras e que o voto remoto (i-voting) é um imperativo. Para que todos possam participar.
SL

Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 29.09.2020 às 10:11

O que é um sócio decente? Um que viva na Lapa ou em Cascais?

Já agora e para criar o I-Voting, não se vota? não se pergunta aos sócios decentes?!?
Sem imagem de perfil

De João Gil a 29.09.2020 às 10:51

Tem dúvidas sobre o que é uma pessoa decente? Desde quando para criar um sistema de voto electrónico deve ser obrigatório levar um tema destes a uma AG? Você para fazer compras on-line exigiu que a AR da república promovesse um referendo nacional para saber se os portugueses estavam de acordo em poder fazer as coisas sem saírem do sofá lá de casa? Acha muito perigoso votar remotamente? Não é e o mundo está cheio de instituições onde o voto remoto é um sistema perfeitamente válido, escrutinado e que promove a inclusão das pessoas em vez de as manter fora dos processos de decisão. Você é daqueles sócios que acha que o Sporting é só de Lisboa e que só os que vivem em Lisboa (com excepção talvez dos moradores na Lapa e em Cascais.....) é que têm permissão para votar? Manter as pessoas fora do processo de decisão é justamente aquilo que se pretende quando se está contra a universalização do direito de participação. Vá nessa cantiga quem quer. Eu, pela minha parte, não vou.
SL
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 29.09.2020 às 11:47

Eu por acaso neste momento não vivo em Lisboa e por isso não fui votar….. Não sou contra nem a favor do I-Voting, porque não estou a par dos custos associados…… você sabe? num clube que diz não ter dinheiro, esta pelos vistos é uma preocupação da direcção…..

O que para mim é mais importante seria em caso de votações criar 3 zonas de voto, Porto, Lisboa e Faro.
Sem imagem de perfil

De João Gil a 29.09.2020 às 12:15

Sabe quanto custa um sistema informático? Pouco. Os custos, não sendo negligenciáveis, são pouco relevantes no panorama dos custos totais das empresas, sobretudo quando medidos contra a produtividade que acrescentam e à aceleração dos processos. Eu admito que a maioria das pessoas não tenha noção do que tratam estas matérias porque não estão em posição nos seus empregos e empresas de decidir e dominar a temática das contas, dos investimentos e de como as empresas se organizam. Mas isso não deve impedir ninguém consciente de reflectir e estudar os assuntos. Hoje, com tanta informação disponível, não há desculpa para a ignorância, não há segredos invisíveis que não possam ser compreendidos, com um mínimo de curiosidade, leitura e de análise. Todos a temos.
Sabia que quando os americanos foram à lua em 1969 o poder de computação de que dispunham, para levar o foguetão ao espaço, meter a cápsula em órbita, levar e trazer o módulo lunar, acopla-lo outra vez à cápsula e trazê-la de volta à terra comemos astronautas sãos e salvos, era inferior ao poder de computação de um banal e vulgar computador portátil que há hoje aos pontapés em qualquer Fnac ou Worten por menos de 1000€?
É isto que vale a tecnologia, hoje. Nada. O que custa é desenvolvê-la. O benefício que traz às organizações é absurdo e faz com que se dêem saltos gigantes de desenvolvimento.
Para trás mija a burra, temos de nos deixar de manter o Sporting a andar ao contrário. É isso que representa chumbar as contas para dizer que não se gosta desta direção. Não se gosta, vota-se noutra quando houver eleições. Contas são contas, legitimidade democrática é outra coisa. Esta coisa de um tipo não gostar dos alemães e com esse pretexto destruir o BMW que conduz e lhe custou uma pipa de massa das próprias poupanças não parece gesto muito lúcido e inteligente.
No Sporting temos de olhar para as coisas com uma certa racionalidade ou não vamos a lado nenhum. Não tem nada a ver com este presidente nem com o que esteve antes deste ou antes dele.
SL


Sem imagem de perfil

De Manuel Parreira a 29.09.2020 às 16:52

Joao Gil.
Excelente comentário, os problemas do Sporting (leia-se inimigos) são precisamente os próprios sócios e adeptos, com adeptos assim não precisamos mais inimigos, começaram a atacar e criticar esta direção ainda antes de tomarem posse, enquanto que com o destituído, apesar de nunca ter ganho nada, ter esbanjado dinheiro na contratação de um treinador e de cerca de 100 jogadores, qual deles o melhor, estava tudo bem e nunca foi contestado senao quando começou a atacar os próprios jogadores, culminando com o ataque em Alcochete.
Apesar de tudo isto há muitos que o querem de volta, porque com ele tinham bilhetes de borla e até alguns usufruíam de avião para irem ver os jogos do Sporting ao estrangeiro, em vez de servirem o Sporting, como no’s simples adeptos, estavam a servir-se do Sporting.
Sporting sempre, mas voltar ao passado.....não.
Sem imagem de perfil

De João Gil a 29.09.2020 às 17:37

Caro Manuel Parreira,
Obrigado e SL.
Sem imagem de perfil

De MAV a 29.09.2020 às 13:05

O Schmeichel é contra o voto electrónico porque sabe que os sócios que não são de Lisboa e arredores ou seja centro do pais sul etc são mais moderados e isto não dá jeito para a agenda radical de claques e afins.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 29.09.2020 às 13:23

MAV,

Você nem leu o meu comentário….. Eu por exemplo resido no Algarve e não fui votar por essa razão, e não sou contra o I-voting, só questionei os custos associados.

Agora, é o I-Voting a salvação do Varandas….. depois será as farturas e a seguir os tremoços….. as desculpas vão sendo criadas para distrair do essencial, que é a rejeição do orçamento pelos sócios do Sporting.
Sem imagem de perfil

De MAV a 29.09.2020 às 14:06

Schmeichel

Está enganado eu li o seu comentário e não percebo essa sua aversão ao i voting
Qualquer inovação tecnológica tem custos não conheço nenhuma que não tenha.
Falou em democracia umas quantas vezes o que pode ser mais democracia do que isto?
O i voting não é para salvar ninguém o que salva Varandas ou não será sempre os resultados desportivos. A votação de um RC/O num clube de futebol não é o mesmo de um estado por isso não pode ser avaliado como um cartão vermelho visto que mesmo com o chumbo se pode continuar na liderança do clube.
Pensa que se a votação( chumbo) pudesse valer novas eleições não haveria mais sócios a votar?
Outra coisa é Varandas ficar atrás de um comunicado sem reagir a um orçamento projetado pela direcção dele que foi chumbado.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 29.09.2020 às 14:36

MAV,

O que traz mais sócios é um projecto no qual os sportinguistas confiem..... o I-voting dizem vocês que é barato, mas na realidade não sabem nada sobre isso, é apenas uma suposição que é barato.... pois eu diria que é um investimento elevado, que por sinal nenhum clube o tem.
Gaste-se dinheiro e tempo em coisas importantes. Vocês não querem democracia, porque se assim o fosse teriam em consideração que o Varandas foi eleito por uma minoria, o que vocês querem é ter um fait-diver ou uma desculpa para tudo o que vai acontecendo.... agora é o I-voting amanha serão as calças ou os colchões.
Sem imagem de perfil

De MAV a 29.09.2020 às 18:26

Schmeichel

O Sporting sempre foi pioneiro não em tudo mas em algumas coisas... veja as Sad
E a Academia que vi muitos a dizer que era uma obra faraónica todos nos seguiram.
Já não fomos na tv do clube e penso que mal.
Na era da tecnologia e a passar por uma pandemia faz sentido o i voting
Não sei porque utiliza em relação a mim o termo "VOCÊS " eu não apoiei Varandas alias o RG d já me acusou de fazer parte da equipa dos críticos , pois posso lhe dizer que estou em cima do muro... sempre vi Varandas como uma transição. Não é a pessoa certa mas tem de acabar o mandato e receber as críticas faz parte.
Sem imagem de perfil

De gonalvescansad1 a 29.09.2020 às 21:56

Vocês não querem o I-voting porque no dia em os sócios de de Bragança, da Guarda, de Viseu, do Minho, etc votarem, a partir de suas casas, acabam-se os insultos, as agressões verbais e físicas, as ameaças, as mordomias e as benesses de que muitos têm usufruído. Quanto aos projectos que apresentam são todos muito bons: só é pena que se esqueçam de mencionar onde vão buscar o financiamento para os executar. Vocês sabem muito mas andam a pé.


Gonçalves Cansado

Sem imagem de perfil

De João F. a 29.09.2020 às 15:48

O meu polegar é para o comentário do MAV das 13:05
Sem imagem de perfil

De gonalvescansad1 a 30.09.2020 às 00:33

Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 13:28

João Gil,

Concordo. Não é nada democrático, que apenas uma minoria de sócios que vive em Lisboa, decida a vida de um clube de âmbito nacional. É urgente mudar.
Sem imagem de perfil

De João Gil a 29.09.2020 às 13:53

Democratico é. Temos vivido com estes estatutos com poucas alterações, votadas pelos sócios, mas o mundo progride e as instituições devem adaptar-se à modernidade se não quiserem ser ultrapassadas. O Sporting é um clube com sócios e adeptos espalhados por todo o mundo. O Sporting tem de se abrir a essa gente e trazê-la para a vida do clube. Em suma, internacionalizar-se a sério.
SL
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 29.09.2020 às 15:22

João Gil,

Democrático é do ponto de vista formal, mas não é justo. É justo um sócio que vive, por exemplo em Bragança fazer 600 quilómetros, para vir votar, como já aconteceu. Assisti na Presidência de João Rocha a aprovação de documentos, onde estavam "meia dúzia de gatos pingados". Mas eram tempos em que o Sporting não estava refém de oportunistas. Urge adequar as normas aos tempo actuais.
Sl
Sem imagem de perfil

De João Gil a 29.09.2020 às 15:49

Claro que sim, completamente de acordo
SL.
Sem imagem de perfil

De Rui Miguel a 29.09.2020 às 10:13

Entre acusações mútuas de golpes e golpistas (faz lembrar o sketch dos Gato Fedorento do Jesus Cristo é o senhor, só que aqui é o "Golpista" é que é o "senhor"), a questão relevante e levantada um pouco pelo Naçao Valente passa só e somente pela ideologia de cada um.

Ou seja, a visão sobre algo semelhante ou parecido, quer sejam resultados desportivos, financeiros, políticas de vendas, atitudes com os sócios, etc, é altamente criticável ou tolerada ou mesmo elogiada dependendo de quem está na liderança, e o grau de ligação emocional que quem crítica/elogia tem com essa liderança e a "ideologia" associada.

Esta ligação emocional à ideologia tem um grande exemplo a actual arena dos EUA nas vésperas de eleições.
Ainda ontem ouvia analistas políticos a comentarem sobre o impacto das recentes acusações de "fugas" aos impostos pela parte de Trump e se isso refletia no seu apoio nas urnas, sendo que a resposta foi um redondo não.
Quem apoia Trump apoia-o sempre, e quem o detesta, detesta-o sempre, sendo que iguais acusações por exemplo ao Biden, nesse caso os admiradores de Trump caíram implacáveis sobre o ex vice de Obama.

Concluindo, o Sporting não passa tristemente de uma arena política altamente polarizada, onde o objectivo de cada lado é acusar o lado contrário.
E tudo serve para levantar a toxicidade do ambiente, sendo que os resultados desportivos ou algo que esteja a ser feito para os obter, ser completamente irrelevante nesta luta fratricida.

Sinceramente, não vejo grande futuro e penso que neste ambiente de guerrilha não há ninguém a sair bem da fotografia.
Imagem de perfil

De Greenlight a 29.09.2020 às 10:49

Rui Miguel, não me parece que a arena (para usar o seu termo) do Sporting possa ser comparada à arena dos EUA. No entanto e contrariamente ao que diz os resultados positivos ou negativos mudam o sentido do voto de todos aqueles (a maioria) que não se regem por ideologia. Ou seja, Trump está atrás nas sondagens, não pelas asneiras que diz e faz (na minha opinião, claro) mas pelos efeitos desastrosos que a pandemia provocou na economia americana. Do mesmo modo, Varandas estaria muito mais confortável se os resultados desportivos do Sporting, na última época, não tivessem sido tão maus. Assim se os resultados da equipa de futebol começarem a ser positivos, Varandas e a sua Direcção ganharão novo fôlego. No mundo real, mais do que a ideologia, é o rendimento disponível das famílias que conta e no mundo do desporto é a bola dentro da baliza.
Sem imagem de perfil

De Rui Miguel a 29.09.2020 às 11:35

Concordo em parte, caro Rui Gomes.

Uma das discussões actuais das eleições dos EUA é a capacidade que cada lado tem de fazer com que a sua tradicional base de apoio saía de casa e vá votar.
E claro, como é que os "indecisos" se comportam neste ambiente de agressividade feroz.

Ainda ontem, vieram noticias a publico que em 2016 a campanha de Trump através de dados retirados da Cambridge Analytica, definiram perfis de eleitores e avançaram com campanhas nas redes sociais para dissuadir a sua a ida às urnas, e assim diminuir a quantidade de votos na Hillary Clinton e aumentar desta forma a possibilidade do Trump ganhar estados chave para essas eleições.

Porque, uma coisa é certa, e falando novamente do Trump, ele tem um grupo de votantes que não o abandona por nada que é o voto branco evangélico, os chamados de WASP (White, Anglo-Saxon and Protestant), e isso representa cerca de 40% dos eleitores americanos que vão normalmente às urnas.
Sendo facilmente transposto este tipo de análise para o Sporting e para os seus sócios, todos conhecemos os diferentes grupos e facções, e quem apoiam incondicionalmente.

Depois basta, dissuadir ou tentar evitar que os possíveis votantes na outra linha vão votar, e estão ganhas as eleições.
Se bem o ver, foi o que aconteceu na AG do Sporting de sábado passado.

No Sporting, a melhor forma de dissuadir votantes e apoiantes, e neste caso aqueles imensos Sportinguistas que vivem o clube pelos os resultados e pela qualidade do plantel, e o ideal de liderança é algo que lhes passa ao lado, é que a performance da equipa de futebol seja fraca.
E é claro que quando isso acontece, a polarização acentua-se, já que os "moderados" tendem pelo menos a afastar-se.
Na minha opinião, tem sido aí o grande calcanhar de Aquiles do Varandas, ao extremar posições (e claro uma certa incoerência na politica desportiva)

Agora importante reflectir, que é bem verdade que no mundo real, foi sempre pelo rendimento e pela qualidade de vida que as eleições se tendiam para um lado ou para o outro, porém o mundo real de hoje é bem diferente do de ontem, tanto na vida dos nossos dias como na bola.
Acrescente aí o mundo das redes sociais, que nestes tempos modernos tornou-se elemento chave para o mundo real de muitos, e alavanca o populismo irracional feito somente de sound bites e sem qualquer racionalidade.
Sem imagem de perfil

De Rui Miguel a 29.09.2020 às 11:41

Peço desculpa Greenlight, tratei-o de Rui Gomes.
Isto porque recebi uma notificação de resposta ao meu comentário no gmail, e dizia:

🗨 Comentário novo no blog Camarote Leonino
Rui Gomes respondeu ao seu comentário no post Golpismo irresponsável às 10:49, 29/09/2020 :
...
Deve ser algo por defeito na configuração do blog, mas faz com que ficamos a pensar que é o Rui Gomes a responder e deu nesta falha na minha interpretação. :)
Imagem de perfil

De Greenlight a 29.09.2020 às 12:06

Entendi a confusão nos nomes. "No problem"
Concordo consigo que o mundo digital veio de alguma forma distorcer a realidade na medida em que há pessoas que parecem viver numa realidade paralela, com o Facebook e o Instagram, entre outros, mas,"at the end of the day", alguém tem que colocar o pão na mesa.
Quanto às comparações Sporting vs EUA, o problema reside também na qualidade (ou falta dela) dos protagonistas. Mas, se nos focarmos no Sporting, que é o que interessa para aqui, a realidade é que a afluência às AGs, para votação das contas, sempre foi baixa. E assim, face ao militantismo dos "evangélicos" do clube, Varandas terá muita dificuldades em fazer aprovar as contas, a não ser que consiga mobilizar os sócios mas para isso será conveniente a ocorrência de muitos golos nas balizas dos adversários do Sporting.
Sem imagem de perfil

De Ricardo JF a 29.09.2020 às 12:14

Caro Greenlight,

Deduzo, pelo que escreveu, que este RC e Orçamento deveriam e têm todas as condições para serem aprovados sem qualquer reserva.

É isto que devemos subentender?

SL

Ricardo JF
Imagem de perfil

De Greenlight a 29.09.2020 às 12:31

Ricardo JF, não pode deduzir-se isso daquilo que eu escrevi. Mas posso desenvolver um pouco. Fazendo um paralelo com o mundo empresarial e salvaguardando situações excepcionais, a aprovação das contas decorre naturalmente da confiança dos sócios ou accionistas nos Conselhos de Gerência ou de Administração. Não comungo da ideia, já aqui defendida, de que uma coisa não implica a outra e vice-versa. E é por isso que eu fiquei em casa, não iria votar no mesmo sentido dos seguidores de BdC mas também não considero que o actual Presidente e Direcção mereçam um voto favorável, depois de todas as asneiras que fizeram, no ano em apreço.
Sem imagem de perfil

De Ricardo a 29.09.2020 às 14:44

Caro Greenlight,

O que me diz é que só não saiu de casa para ir votar contra foi porque, por coincidência, o seu sentido de voto era o mesmo que os "apoiantes de BdC".....

Desculpe-me a ousadia, mas isto não faz sentido nenhum.... prefere passar carta branca à incompetência/asneira só porque existe quem vote (com o mesmo sentido de voto) por razões que não as directamente relacionadas com os pontos em questão (o que, digam o que disserem, sempre houve e sempre haverá).

SL

Ricardo JF
Imagem de perfil

De Greenlight a 29.09.2020 às 15:04

Talvez Ricardo, é um pouco de "diz-me com quem andas dir-te-ei quem és". Pois entre o incompetente Varandas e os apoiantes do BdC prefiro estar do lado do incompetente, ou, no caso vertente, não estar contra. Porque e apesar de não constar da ordem dos trabalhos foi disso que tratou a AG de sábado passado.
Sem imagem de perfil

De Peyroteo a 29.09.2020 às 15:52

👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻 de pé 👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻
Sem imagem de perfil

De Peyroteo a 29.09.2020 às 15:53

Ao Rui Miguel

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo