Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Gritei, gritei e gritei !

Rui Gomes, em 25.06.16

 

phpThumb.jpg

 

Foi o meu desabafo depois do muito nervosismo que me dominou e que estava destinado só a parar mesmo ao cair do pano dos 120 minutos, felizmente, com a vitória de Portugal.

 

Esta não é a melhor altura para escrever sobre este jogo a que assistimos dos oitavos-de-final do Euro 2016. Um jogo muito táctico, com muita intensidade, nomeadamente defensiva, e com poucas oportunidades de golo. Além do tento vitorioso de Ricardo Quaresma, creio que o lance mais flagrante de Portugal, foi o cabeceamento de Pepe, ainda na primeira parte, que foi por cima da trave.

 

O meu desejo do onze inicial foi "respeitado", finalmente, por Fernando Santos, à excepção de Renato Sanches que eu dei como titular. O jovem acabou por entrar logo no início do segundo período e esteve muitíssimo bem, dando uma outra dinâmica ao meio-campo português.

 

Não duvido que todos temos uns reparos a fazer, mas, da minha parte, fica assim por agora. O leitor é bem-vindo com as suas observações.

 

Parabéns Portugal !

 

WKSZWD83.jpg

Celebração de Ricardo Quaresma, pelo seu golo, aos 117'.

 

 

P:S.: Portugal vai agora defrontar a Polónia, nos quartos-de-final, na quinta-feira, dia 30 de Junho, às 20h00, em Marselha. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:36

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Sofia a 25.06.2016 às 23:25

Péssimo jogo de Portugal. Não me pronunciei online nem entre amigos sobre a questão "meio campo do Sporting" porque tinha muitas dúvidas sobre a capacidade da transposição daquela forma no campeonato português para a realidade internacional a alto nível (que meio campo, o da Croácia). Não me apetece entrar em discussões sobre o assunto, mas espero que JJ esteja atento porque vêm aí meios campos de Champions League.

Quem me conhece sabe que eu desligo as cores clubisticas desde o último jogo da época até ao próximo oficial. Não ligo a pré-epocas nem a silly seasons. Temos de deixar de estar isolados (internacionalmente!!) na questão Renato. Mike, já vi muitos lances em que Renato solta a bola tarde demais para os "padrões normais", e dá golo. Falha passes e não tem qualquer medo de tentar novamente. Trás algo "selvagem" ao jogo, como disse Vitória anteriormente e foi interpretado no contexto do horrível que foi o campeonato 2015-16 em palavras. Como Sportinguista, estou muito feliz pela sua ida pelo Bayern. Porque pode crescer imenso, para benefício da selecção, e porque saiu do Benfica. Um meio campo com Renato e João Mário foi do que melhor vi na selecção, em muito tempo.

Cedric, aleluia!! André Gomes fez uma boa época, mas a aposta neste momento é só teimosia, apesar do belo jogo contra a Islândia.
Sem imagem de perfil

De SMCM a 26.06.2016 às 10:12

Eu aho que o meio campo esteve bem, não dá é para tudo, se as ordens são para defender, não dá para atacar. Houve marcações ao homem, william-Rakitic e Adrien-modric, se os croatas não tiveram espaço, o contrário também é válido. Hoje podemos dizer que resultou mas tivemos poucas jogadas de ataque. Ainda assim Adrien ainda subiu e recuperou bolas altas como a do penalti sobre o Nani.
Acho que André Gomes não rende, mas o Renato que entrou bem e depois foi desaparecendo e fazendo algumas falta infantis, é mais útil quando as equipas estão mais partidas, quer a nossa quer a adversária. Tal como quaresma. Por isso não sei bem quem colocar ali. Visto que havia grande possibilidade de ir a prolongamento André deveria ter aguentado mais 10min, para renato estar mais fresco durante mais tempo.
Para mim o melhor em campo foi Pepe.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.06.2016 às 22:25

Eu não disse que o meio campo esteve mal, longe disso. Não esperava era que entrando o nosso meio campo se desse uma revolução mágica com dinâmica remotamente similar à do Sporting no campeonato, como muitos pareciam achar. É todo um outro nível, e quando se joga com marcações para parar os adversários, como bem disse acima, não sobra espaço para criação. É na verdade algo que se tem visto na maioria dos jogos...
Sem imagem de perfil

De Sofia a 26.06.2016 às 22:26

Sou eu acima

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds