Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

Cp0PvY_WAAA-SjL.jpg

 

O jornal italiano Gazzetta dello Sport noticia que o novo treinador do Inter, Frank de Boer, reuniu-se, este domingo, pela primeira vez com Steven Zhang, filho de Jindong, o dono da empresa chinesa Suning que detém o capital maioritário do clube, para fechar alguns dos dossiês pendentes no que toca ao mercado de transferências. Um dos nomes que terá sido falado na reunião foi o de João Mário, tendo o técnico holandês dado luz verde para avançar para a transferência.

 

João Mário será, numa primeira fase, emprestado, rendendo, no imediato, dez milhões de euros ao Sporting. No contrato de cedência, ficará fixada uma cláusula de compra obrigatória de 35 milhões de euros, que o Inter terá de accionar até final da época.

 

Com tudo acertado com o Sporting, os ‘nerazzurri’, segundo o jornal, aguardam a chegada de João Mário já esta segunda-feira, para realizar os habituais exames médicos antes de assinar um contrato de cinco anos, com um ordenado anual de três milhões de euros líquidos.

 

Continuamos sem confirmação oficial desta transferência mas, a confirmar-se, espero que Bruno de Carvalho cumpra com a muito apregoada promessa de transparência - muito falível até agora - e explique a lógica e os respectivos benefícios para o Sporting, deste negócio obedecer a estes termos financeiros. Com isto, espero um pouco mais de detalhe do que eventualmente será comunicado à CMVM.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:57

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


15 comentários

Sem imagem de perfil

De LionClaw a 14.08.2016 às 17:47

O Rui por acaso não sabe que o Inter está "apertado" por causa das regras do fair-play financeiro? É que este não é "uma treta", como o outro de que Jorge Jesus falava há uns anos!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 14.08.2016 às 20:55

Consta isso já há algum tempo, mas não compreendo como é que se relaciona com o Sporting. Quem não tem ou não pode despender, não vai às compras.
Sem imagem de perfil

De LionClaw a 14.08.2016 às 21:16

Você realmente faz rir. "Façamos todos um exercício de imaginação" (Peseiro dixit) para ver o Inter não ir às compras por causa do fair-play financeiro.

Os antigos dizem-no e com toda a razão: "Há muita maneira de matar pulgas". Se é que me entende...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 14.08.2016 às 21:30

Não sei a sua idade nem a sua experiência neste enquadramento, mas posso-lhe garantir que eu compreendo estas coisas por experiência própria há muitos anos.

Reitero, no entanto, que salvo haver fortes contrapartidas para o Sporting, as questões de fair-play financeiro do Inter são da exclusividade do... Inter.
Sem imagem de perfil

De LionClaw a 14.08.2016 às 21:33

E eu reitero que, sendo ou não problema da exclusividade do Inter, há formas de o contornar sem cair na ilegalidade - que é isso que fizeram e estão a fazer.

Quanto ao negócio em si, se pensar um bocadinho rapidamente chega à conclusão que... até é vantajoso para o Sporting, também.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 14.08.2016 às 21:42

Pois eu avaliarei essa suposta vantagem quando e se Bruno de Carvalho revelar em detalhe essencial os termos do acordo. Até lá...
Sem imagem de perfil

De LionClaw a 14.08.2016 às 22:44

Quando e se? Após o término de cada janela de mercado, todos os negócios foram publicados através do Jornal Sporting, em detalhe. Critique-se BdC por tudo (e por anda), mas nisto, dê-se-lhe o braço a torcer. Só não leu (ou só não lê) e só não sabe quem não quer...

De resto, não é difícil perceber que sendo o negócio feito através de um empréstimo com cláusula de compra obrigatória, o Sporting Clube de Portugal ganha mais, porque não terá que dividir a taxa de empréstimo. Se quiser, "é fazer as contas", como dizia António Guterres.
Sem imagem de perfil

De Jorge a 14.08.2016 às 23:30

O problema e exactamente esse.
Facil de perceber...tao facil como perceber que o empréstimo do nani fez parte do negócio do rojo.

se estamos a falar dum emprestimo por x, com o jogador a ver o ordenado revisto de imediato e com uma clausula de compra obrigatória por y, nao me escandalizaria que alegassem que, na pratica, era uma venda paga em duas tranches.

Vamos ver em que termos comunicam o eventual negócio.

Sem imagem de perfil

De LionClaw a 14.08.2016 às 23:34

"Facil de perceber...tao facil como perceber que o empréstimo do nani fez parte do negócio do rojo."

Com a diferença de que o negócio do Rojo e o empréstimo do Nani foram feitos paralelamente. Foram dois negócios distintos, embora um fosse consequência do outro.

Já agora, não sei se o caro é advogado ou magistrado, mas, diga-me lá em que enquadramento legal entra o "é fácil perceber". É que há muita coisa que "é fácil perceber" em tribunal, o difícil mesmo é... prová-lo. Sendo que o acusatório é sempre quem tem o ónus da prova.

Estamos percebidos?
Sem imagem de perfil

De Jorge a 14.08.2016 às 23:51

Claro que sim,meu caro. Mais q percebidos.

Foi exactamente isso que disse. Vamos ver em que termos comunicam o negócio.

Esperemos que nao o comuniquem como negocios paralelos,distintos mas um consequência do outro... :-)




Sem imagem de perfil

De LionClaw a 14.08.2016 às 23:55

Ah bom, já vi que você é "só" mais um que gosta de implicar com duas coisas: com tudo e com nada. Agora sim, estamos percebidos.
Sem imagem de perfil

De Jorge a 15.08.2016 às 13:52

Está enganado. Nao é com tudo e com nada, é só mesmo com chico— espertices e com acéfalos que a tudo batem palmas sem pensar nas consequencias das acções que sao tomadas.
Sem imagem de perfil

De LionClaw a 15.08.2016 às 16:53

O único acéfalo aqui, que insiste em falar com tiques de superioridade é você, o chico-esperto, que fala de tudo, até do que não sabe, qual Miguel Sousa Tavares.

Fala em abstracto, como qualquer político que muito fala e pouco diz...

Retenho, pelo menos, parte de uma sua frase: "acéfalos que a tudo batem palmas sem pensar nas consequencias das acções que sao tomadas. ".

Infelizmente, testemunhei isto, anos a fio, enquanto o Clube ia sendo espoliado por fulanos tal que achavam que o Sporting tinha era que se transformar num country club de acesso só às elites.
Sem imagem de perfil

De Petinga a 15.08.2016 às 08:48

Demasiada implicância sem necessidade. Até hoje, o Sporting é o único clube em Portugal que escrutiniza as suas transferências no jornal do clube. Se isto não chega para certos críticos, problema... deles.

Quanto ao negócio: não é difícil perceber onde possam estar vantagens para o Sporting. Basta recordar que dividindo o negócio em duas partes certas imposições decorrentes dos acordos com a banca podem ser aplicadas de forma mais vantajosa para o clube. Em abono da verdade, é sempre mais vantajoso para uma instituição não receber montantes avultados todos de uma vez.
Sem imagem de perfil

De Mike Portugal a 15.08.2016 às 11:56

Isto é simples de analisar. O negócio se for por empréstimo com clausula de compra obrigatória, tem as vantagens:

- O dinheiro do empréstimo não será dividido com a entidade que tem os 25% restantes;
- O dinheiro do empréstimo não terá que ir para a banca;
- Permite ter esse dinheiro totalmente disponível para reforços;

Desvantagens:

- Temos menos dinheiro para reforços do que se recebêssemos todo o dinheiro já;

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo