Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




20210305-mvp_0220.jpg

Sebastián Coates já tinha dado a vitória ao Sporting frente ao Gil Vicente nos últimos minutos e ontem frente ao Santa Clara repetiu a dose. O golo ao cair do pano deu mais 3 pontos ao leão e foi festejado com grande euforia no campo e no banco em mais uma imagem de grande união. Uma das grandes figuras da época, Coates também foi muito felicitado nas redes sociais, tantos nas contas pessoais como nas do clube, tanto por companheiros de equipa, como por adeptos. A publicação que fez já este sábado tem centenas de comentários e mereceu a reacções de alguns jogadores leoninos.

"Jogo difícil, mas esta equipa acredita e luta sempre até ao fim!!", escreveu o central, levando por exemplo Antunes, Adán, e Tabata a reagirem com emojis de felicitações e aplausos e Pedro Porro, que ficou de fora por lesão, a escrever: "Bom avançado".

O uruguaio, de 30 anos, entrou com a motivação em alta, já que foi ontem premiado pelo Sindicato de Jogadores com o galardão de melhor jogador de Fevereiro na Liga NOS, com 18,39%. Bateu Ryan Gauld (14,31%), do Farense, e o colega Palhinha (9,93%). "É sempre bom receber um prémio, mas também vale pelo todo o grupo. É mérito de todos. A união não é só dos onze que entram dentro de campo. É também de todo o plantel, do staff e das pessoas que trabalham connosco".

Já Rúben Amorim teve isto para dizer:

"Tudo o que Coates faz tem muita qualidade. É uma sorte apanhar os jogadores nestes pontos. Está confortável no sistema, está mais protegido. A forma como no primeiro cabeceamento deixou para o Jovane. A outra deixou passar para o João Mário. É um excelente homem que tem de apertar com os colegas. Vai fazê-lo".

publicado às 14:30

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


6 comentários

Imagem de perfil

De Leão do Norte a 06.03.2021 às 15:21

Já não há adjectivos para qualificar as prestações do Coates.
E, para além do Gil Vicente e Santa Clara, também nos teria dado a vitória em Famalicão, não fosse a actuação habilidosa do VAR.

Ele é de facto um dos pilares da união do grupo e, para além da sua extraordinária prestação desportiva, é necessário que "aperte" os colegas (como disse o RA) de forma a não permitir desvios ou relaxamentos no caminho para o grande objectivo.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo