Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




"Leões" inscritos na UEFA II

Rui Gomes, em 07.09.14
 

 

No primeiro post relacionado com as inscrições dos jogadores do Sporting na UEFA para participação na Liga dos Campeões, divulgámos os 25 nomes que constituem a Lista A, sendo 25 o máximo permitido pelas regras da competição.

 

Entretanto, a UEFA publicou no seu site oficial a acima referida lista, assim como a Lista B, que não tem limite de inscrições. O Sporting inscreveu 27 jogadores adicionais nesta segunda lista, que pode ser lida aqui, apresentando o total de 52 jogadores inscritos.

 

A Lista B é composta por três jogadores que actualmente integram a equipa principal: Carlos Mané, João Mário e Ricardo Esgaio. Contrário ao que eu vi noticiado online, estes jogadores não se encontram nesta lista por serem considerados secundários, mas sim por cumprirem os requisitos da mesma, permitindo, portanto, a inclusão de três outros atletas na Lista A, que de outro modo não poderiam ser inscritos.

 

O balanço da Lista B é composto por jovens da equipa B e uns quantos juniores, a exemplo de Vladimir Stojkovic, Pedro Silva e José Postiga, só para nomear três. O que surpreende é a inscrição de 52 jogadores, quando a vasta maioria de equipas limita as inscrições entre 35 a 40 atletas, e com a lista a ter de ser actualizada diversas vezes ao longo da competição. É possível que obedeça a uma qualquer estratégia, mas não é aparente.

 

E, para antecipar qualquer comentário de leitores, esta inscrição de juniores não está associada à que é exigida para a participação dos sub-19 na "UEFA Youth League", como passaremos a explicar no post seguinte.

 

publicado às 04:27

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


3 comentários

Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 07.09.2014 às 10:49

Bom dia Rui,

Eu penso que será por uma factor de motivação, em que Sporting diz, que todos contam. Eu pessoalmente concordo com esta decisão. De toda esta lista, o que me faz confusão, e, por mais que dê "voltas à cabeça", não consigo perceber a estratégia, que se chama Matheus Pereira, outra vez. Inscrição na Liga entendo como uma defesa do clube, para a Champions, já não me faz tanto sentido, a não ser que algo se passe dentro de portas que não tenha passado cá para fora.

Aproveito para deixar aqui um comentário, em resposta a umas opiniões, que escrevi em outro blog sobre o nosso clube:

"Sobre o Paulo Oliveira, penso o seguinte: Foi um jogador que fez uma boa época passada no Vitória, e, tenho a certeza que se não o fossemos buscar, ele ia para carnide ou olival, e posteriormente estaríamos a reclamar porque é não o fomos buscar.

Slavchev: Temos um bom histórico com Búlgaros, pelo que nos resta, dar tempo ao tempo, não esquecendo que tem 20 anos e para a posição dele na B tinhamos o Kikas e o Luka, não acreditando que os mesmos lhe fossem superiores.

Gauld: Tem o aval de Aurélio Pereira, pelo que, temos de esperar para ver.

Sacko: Depende da posição, e, por vezes é mais fácil um jogador de fora adaptar-se melhor, do que por exemplo o Iuri, que, para quem acompanha a equipa B pode comprovar que em termos de atitude deixa bastante a desejar.

Rossel e Jonathan, nem nos B, Juniores e Juvenis, temos algo semelhante para já, quanto mais melhor.

Na equipa B, nota-se que o trabalho é integrado com a equipa A. Fabrice Fokobo, nitidamente está a ser trabalhado para a posição 6 e acreditem, que com o trabalho a ser efectuado nesta época, aquando na saída do William, não iremos de precisar de ir ao mercado.

Tanaka: Lembram-se do Slimani a época passada? Pois, a malta queria era o Ghillas

Fala-se muito do Sarr, mas esquecemos que defesas centrais com pé esquerdo é raridade a nível mundial, os bons, bem os bons além dos passes, há os vencimentos. E nós, nem temos dentro de casa centrais esquerdinos - bem, fomos buscar este ano 1 para os juniores -, nem temos dinheiro para comprar feito.

O Ramy: Saindo Rojo e bem - a memória é um pouco curta, e não se lembram de quando ele chegou ao Sporting e o que aconteceu no decorrer dessa época -, Saindo o Dier, aqui sim, um pouco de lamentar, mas é curioso que do ultimo jogo dele ninguém falou nem a comunicação social. São aquisições que acredito, irão dar a margem necessária para o Tobias e futuramente o Ruben, ganharem o seu espaço sem terem os holofotes focados neles

Para finalizar. O Bruno de Carvalho disse uma frase, aquando das noticias de revolta na academia que não esqueço, "... se os jogadores da academia sentem que são melhores que os que vieram, então que provem com trabalho que as oportunidades surgirão...". A realidade é que Esgaio, com trabalho passou de 4ª opção para 2ª, e , mais cedo do que se calhar esperamos, Tobias será o próximo a lá chegar.

A comunicação social, tem por tendência menosprezar o Sporting e a sua formação, valorizando o olival (1) e carnide (2), que juntos têm 3 jogadores nos seus planteis e nós que não apostamos e não valorizamos a formação temos 9! ainda para mais com 6 a titulares indiscutíveis e não de circunstância, ah, não esquecendo que 5 são potenciais titulares da Selecção Portuguesa A e 3 dos Sub 21. Alguém me explica porque é que batemos tanto em nós próprios?"

Escrevi este pequeno raciocínio, porque tenho lido ultimamente na blogoesfera opiniões que sinceramente não passam de criticar por criticar.

SL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 07.09.2014 às 12:29

Boa tarde Pedro Miguel,

Responderei apenas a duas ou três questões:

- A inscrição de 52 jogadores tem apenas efeitos artificiais, uma vez que os inscritos, nomeadamente os juniores, sabem muito bem que não irão participar na Champions . Considero uma medida mais para "inglês ver", do que como incentivo.

- O valor de Paulo Oliveira no Sporting não será determinado enquanto não tiver a oportunidade de fazer alguns jogos na sua posição. Tantos que opinam sobre isto que ainda não perceberam que a posição dele é a de Maurício , ou seja, no lado direito. Há centrais que não se adaptam a jogar nos dois lados, e ele é um deles. No V. Guimarães jogou sempre no lado direito e nos sub-21 também.

- Por muitas justificações que tentem apresentar, houve um excesso de contratações e a equipa não foi melhor reforçada por isso. Teria sido melhor menos e com mais experiência e qualidade. Para mim, especialmente preocupante é o eixo defensivo , em que perdemos dois centrais de grande qualidade e os que chegaram nem de perto de aproximam. Além do mais, há muito que eu digo que é muito improvável Maurício fazer uma época como a do ano passado, e com a saída de Rojo e Dier , essa improbabilidade aumenta significativamente.

-Para quem de direito, o que se está a passar com a formação é preocupante e nem sequer vale a pena discutir a temática na blogosfera . Perda de tempo e energia. Tudo o que o presidente possa dizer neste sentido é inconsequente, nomeadamente porque não percebe patavina da matéria, hoje e sempre, e visa somente justificar decisões incompreensíveis.

- Dou o benefício da dúvida sobre Ryan Gauld por enquanto. A sua chegada nunca foi devidamente explicada, porque foi interpretada como um reforço para a equipa principal e durante a pré-época Marco Silva fez com ele o que se sabe.

- A inscrição de Matheus Pereira na Champions é apenas mais uma decisão misteriosa, entre muitas outras.
Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 07.09.2014 às 13:29

Boa tarde,

Sobre a inscrição, é claro que grande parte não vai jogar, mas, para um grupo, é sempre importante os elementos sentirem-se parte integrante do projecto. Seguindo este raciocínio, eu como parte do colectivo, conhecedor das minhas capacidades e limites, ficarei sempre mais satisfeito ao me considerarem parte de um todo, do que sentir o contrário.

Sobre o Paulo, claramente é para essa posição do Maurício, no entanto, isso não impede que o Tobias se demonstrar essa capacidade, não possa ser a 1ª para o substituir, e, espero não estar enganado, mas já faltou mais para isso acontecer.

O excesso de contratações não discordo, no entanto, se a estratégia dessas contratações estiverem enquadradas, na estratégia que penso que tenha sido delineada, compreendo as mesmas, na expectativa que o resultado seja positivo.

Sobre os 2 melhores centrais, aqui discordo Rui, pelo que passo a explicar. O Rojo quando chegou e durante bastante tempo, cometeu inúmeros erros, colocação em campo, faltas e falhas de marcação. Erros que o Sarr também comete, tendo feito até ao momento somente 3 jogos pelo Sporting. Não considerava o Rojo imprescindível, como continuo a não considerar.A questão é que a presença do Rojo mitigava os erros do Maurício e chegados aqui, eis o que penso,perdemos 2 dos centrais mais experientes do plantel, um deles Rojo, titular, pelo que aqui sim, em termos de experiência, de momento, estamos mais fragilizados. O Dier para mim, continua a ser o que era, um jogador com enorme potencial, que que já estava formatado para o plantel principal e seria opção imediata. Acredito que após o Sarr adquirir as rotinas necessárias, paulatinamente o Tobias irá reclamar o lugar actualmente pertença do Maurício e como central , na minha opinião, o Tobias é superior ao Dier técnica e tacticamente, podendo ficar para já, a perder em termos de personalidade em campo, mas nada que com trabalho e lá está, com rotinas, não possa ser melhorado.

Sobre a formação, já teci alguns comentários sobre o assunto. Não concordo com algumas decisões, mas a realidade é que a trajectória do Esgaio, e esperemos que se confirme, a do Tobias, deita por terra a teoria que os que chegaram partem à frente. Sobre os elementos que saíram por empréstimo. Sinceramente, concordo com todas as decisões tomadas:
...
Betinho - Acredito que seja aquele jogador que precisa daquele choque de mentalidade futebolística para crescer.
Mika Meira - Com os guarda redes que temos nas nossas fileiras, uma decisão tinha de ser tomada, recaindo nele.
Kikas - Um jogador que estagnou nos B, e, para quem acompanha a equipa B, muito dificilmente conseguiria lugar na equipa principal, à semelhança de Luka.
Ruben - Espero, e, acredito que tenha sido essa a intenção da direção, que a passagem dele pelo Réus surta efeito idêntico ao do Tobias.
...
Lamento que não tenha sido possível emprestar mais alguns,mas tendo em conta o que se passou nos últimos anos com equipas da nossa liga, entendo que a estratégia passe por emprestar às equipas estrangeiras, o que acaba por nos limitar bastante na colocação dos jogadores.

Vi ontem a equipa de Juniores e, não desgostei do vi, apesar de o Nacional da Madeira não ser um adversário de muita dificuldade, viu-se algumas coisas positivas, como os 3 jogadores que o Sporting comprou este ano para o respectivo escalão. Acredito também, que os erros servem de aprendizagem, pelo tenho a convicção que esta direcção também vai saber analisar o que correu mal e onde, tirando daí as devidas ilações do que deve ser rectificado.

Sobre o Matheus, resta esperar pela próxima convocatória da equipa B ou então por Janeiro.

SL

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo