Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




 

Logo-blanc-sur-fond-bleu_eng_20131122111850.jpg

 

Segundo um ranking elaborado pelo Observatório do Futebol (CIES), o Sporting não foi o clube português que mais jogadores cedeu a selecções AA durante o ano de 2016, mas foi o que mais se destacou no que toca aos minutos efectivos de utilização desses internacionais cedidos ao longo do ano. Por outras palavras, os que mais desgaste sofreram.

 

Foram 10 os jogadores sportinguistas convocados e, num total de 81 jogos que disputaram, rodaram 5734 minutos (23.º emblema à escala mundial), quase mais 1200 minutos em relação ao segundo clube português a surgir na lista: o FC Porto (41.º) teve 11 convocados, que disputaram 63 jogos, num total de 4578" acumulados.

 

Mais abaixo, ainda dentro dos 100 primeiros, surge o Benfica, também com 11 convocados, distribuídos por 58 jogos de selecções e totalizando 3966 minutos de utilização efectiva.

 

Alargando a geografia, no topo desta tabela divulgada pelo CIES aparece a Juventus, adversária dos dragões nos oitavos de final da Liga dos Campeões. Com 21 jogadores utilizados, 157 jogos disputados e 12 454 minutos acumulados nas pernas durante o ano.

 

No pódio estão ainda Tottenham e Barcelona, por esta ordem. Os ingleses cederam 19 jogadores para 155 jogos e um total de 12 009". Já o Barça, que teve 20 internacionais ao longo de 2016, os minutos efectivamente jogados foram 10 802, distribuídos por 20 atletas.

 

No Top 10 aparecem ainda Arsenal (4.º lugar - 10 034"), Real Madrid (5.º - 9989"), Manchester United (6.º - 9833), Bayern Munique (7.º - 9750"), Manchester City (8.º - 8771"), Chelsea (9.º - 7925") e Southampton (10.º - 7565").

 

No Top 100 elaborado pelo CIES aparecem clubes de 42 associações de futebol. O Muang Thong United, da Tailândia, é o primeiro fora da zona europeia a surgir na tabela, com 10 internacionais e 6611 minutos divididos por 84 jogos.

 

publicado às 11:05

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo