Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

Marco Silva liderou esta quarta-feira o Hull City a nova vitória, frente ao Middlesbrough (4-2), e atingiu uma marca que não é para todos: 40 jogos em casa sem perder em jogos para o campeonato. O registo começou ainda no tempo do Sporting, já lá vão mais de três anos.

 

image.jpg

 

Se fizermos as contas a todas as competições internas - excluindo Liga dos Campeões e Liga Europa - são 48 os jogos consecutivos que Marco Silva soma sem qualquer derrota. Entre Sporting, Olympiacos e Hull City, o técnico de 39 anos que foi demitido por Bruno de Carvalho regista 9 empates e 39 vitórias. O último desaire em casa tem a assinatura do Rio Ave, quando comandava o Sporting, no dia 30 de Março de 2014 (27ª jornada da I Liga), por 1-0.

 

Desde que chegou a Inglaterra em Janeiro, com a difícil missão de livrar o Hull City da despromoção, tem vindo a impressionar: em onze jogos para a Premier League, os "tigers" somaram 17 pontos, mais do dobro dos que atingiu o antecessor com quase o dobro dos jogos (20). Analisando até toda a Liga inglesa, só três treinadores conseguiram mais pontos desde que Marco Silva assinou: Antonio Conte (Chelsea, 23), Mauricio Pochettino (Tottenham, 23) e Ronald Koeman (Everton, 21).

 

publicado às 10:04

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


12 comentários

Imagem de perfil

De Mike Portugal a 06.04.2017 às 10:36

looooool

Já estou a ver quando perder ou empatar, os hate comments que vais levar.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.04.2017 às 10:40

Coisa que não me preocupa, minimamente, muito embora não faça sentido algum, salvo para os usuais energúmenos, cuja capacidade intelectual é da dimensão de um amendoim.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 06.04.2017 às 10:42

Eu sei, mas lembras-te o que aconteceu quando fizeste varios posts sobre o Marco Silva e a campanha na Liga dos Campeões, o que aconteceu quando ele foi eliminado?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.04.2017 às 10:44

Nada me move a desviar do que eu em boa consciência entendo publicar.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 06.04.2017 às 10:46

Eu sei. Parabéns ao MS pelo nº de vitórias em casa, mas tenho a certeza que o Canelas tem mais :P
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.04.2017 às 10:47

Nem em tom humorístico merecem a referência.
Sem imagem de perfil

De Luis Vicente a 06.04.2017 às 13:07

Sendo que para alguns,um amendoim é manifestamente exagerado!!!
Sem imagem de perfil

De Sérgio Palhas a 06.04.2017 às 11:05

Registo assinalável ainda para mais agora numa Premier League competitiva como poucos ligas.

Sem imagem de perfil

De MarcoI a 06.04.2017 às 11:34

Sempre que vejo o Nuno com os desenhos, o Jesus com as basófias ou o Vitória sem meio campo pergunto-me que está o Marco Silva a fazer no Hull City...
Sem imagem de perfil

De JAlves a 06.04.2017 às 13:11

Boa pessoa e bom treinador, só posso dizer que merece, e muito mais, tudo de bom que lhe está a acontecer.
Só lamento o que lhe aconteceu por aqui, segue em frente o teu bom caminho pois tens capacidade para isso, e muito mais, mostra a esta gente a grande asneira que fizeram .
Boa Marco, um abraço
Sem imagem de perfil

De Francisco a 06.04.2017 às 13:25

''O último desaire em casa tem a assinatura do Rio Ave, quando comandava o Sporting, no dia 30 de Março de 2014 (27ª jornada da I Liga), por 1-0.''

Estoril em vez de Sporting (MS treinou o Sporting na epoca 14/15; LJ na epoca 13/14)

Sempre gostei de MS e achei que seria um bom treinador para o Sporting fazer 2 a 3 anos a um bom nivel, com um crescimento sustentado e investimento cada x maior na equipa profissional de futebol.
Deixo aqui apenas algumas notas (opinioes pessoais)

- A nivel de defensivo (principalmente eem DC) a materia prima nao era melhor...PO/Everton/TF/sarr/mauricio...em defesas laterais nao estavamos assim tao mal..cedric/ML/RE/jefferson/JS...para medio defensivo WC/Rosell

-A nivel ofensivo tinhamos uma boa equipa, apesar de algo curta..montero/slimani/tanaka ; mane/nani/carrillo/capel; adrien/JM/AM;

-Do que mais gostava em MS era o facto de nao se agarrar somente a uma tactica..por norma jogavamos em 4-3-3 mas muitas vezes alteravamos o sistema para 4-2-3-1, ou variantes do 4-4-2..nao era tao anarca como Paulo Sergio mas mais elastico e notava-se alguma coerencia nestas variacoes de modelo tactico..

-O que menos gostava em MS era talvez a preparacao para os jogos..na maioria dos jogos (principalmente em casa) a equipa parecia ter o guiao errado..muitas vezes a partir de desvantagens..Belenses, Pacos,Moreirense,etc

-Por outro lado era brilhante a fazer mudancas e a ler o jogo apartir do banco..quase sempre uma substituicao (ou alter que era feita) tinha efeitos positivos..lembro-me que com o golo do Tanaka no final da 1a volta, ja tinhamos conquistados 10 ou 11 pontos apartir do banco..

-As diferencas entre MS e JJ sao profundas em muitos aspectos e nao acho que um seja superior em tudo em relacao ao outro..depende bastante do contexto em que esta inserido o clube.

por exemplo: JJ do meio campo para a frente tinha 4 dos 6 jogadores titulares do ano passado conseguio tirar bastante mais rendimento. Penso que se JJ tivesse este plantel, a classificao seria mais ou menos a mesma..mas penso que teria tirado melhor rendimento de alguns jogadores como Carrillo e Nani.

Para terminar penso que esta troca foi mais uma questao de oportunidade de BdC se livrar de um treinador de quem nao confiava ( e aqui ambos tem culpa no cartorio ) por um que nao agitasse muito o barco.

pessoalmento prefiro MS a JJ ( em termos de discurso, postura e relacionamento com os jogadores) mas e indesmentivel o rendimento elevado que JJ tirou de bastantes jogadores do plantel... JM , Adrien, Slimani sao os casos mais flagrantes.
No espectro inverso temos Jefferson e Mane.

Cumprimentos
Sem imagem de perfil

De Oceano Vermelho a 06.04.2017 às 22:54

Desde que aterrou em Londres, o Marco é o quarto ou quinto treinador com mais pontos conquistas da PL.

Quanto à sua ligação ao Sporting, é sabido que lhe começaram a arrasar o caráter quando as conversações com Jesus começaram. Toda a gente com o mínimo de conhecimento dos bastidores sabe isso.

Por mim, o Marco pode vir ver a águia Vitória voar. A águia, em todos os jogos em casa, e o treinador, em direção a outro ninho.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo