Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




image.jpg

Mais uma vez, a Lei de Murphy vitimou o Sporting, mas, nesta ocasião, o efeito da lenda urbana foi precipitado pelo próprio treinador leonino que, na nossa opinião, sobreestimou o plantel à sua disposição.

Por força dos regulamentos vigentes, Silas não falou em conferência de imprensa formal, tendo posteriormente prestado declarações aos jornalistas, no final do jogo com o Alverca que ditou o afastamento do Sporting da Taça de Portugal:

"Não foi apenas eficácia, mas foi importante. Fizemos o dobro dos remates, era a nossa obrigação pois defrontámos uma equipa duas categorias abaixo da nossa. Fizemos 22 remates e nenhum golo, não é muito normal. A outra parte tem que ver com o facto de alguns jogadores não terem estado connosco durante a semana e não terem trabalhado o que nós trabalhámos.

Na segunda parte jogámos pior, houve posicionamentos que não foram cumpridos. Os jogadores estiveram nas suas selecções, é normal que não o tenham feito e permitimos transições ao Alverca. Não precisamos de heróis, construir uma equipa demora.

Estamos aqui há apenas duas semanas, queremos resolver os problemas como equipa e não como individualidades. É uma das nossas batalhas. Vamos conseguir implementar isso, tenho a certeza absoluta. Demora, vai custar, temos de trabalhar muito, mas vamos conseguir. Apostámos na qualidade individual e acabámos por perder um bocado na nossa organização.

Os adeptos estão desiludidos e com toda a razão. Temos de aceitar a crítica quando ela é merecida e é merecida. Mas não vamos deixar influenciar-nos".

publicado às 04:30

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo


subscrever feeds