Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Novo "braço-de-ferro" de Slimani ?

Rui Gomes, em 09.08.16

 

gettyimages-509988224.jpg

 

Que possa existir uma qualquer "novela" com Slimani como o principal protagonista, não surpreende de modo algum, dado que a ameaça já paira no ar há semanas.

 

Muito além da sua por enquanto hipotética existência, temos, perante nós, mediante com quem se falar ou jornal se ler, várias versões do suposto mesmo incidente. Não é apenas uma questão de fiabilidade jornalística mas, muito mais, como não podia deixar de ser, o conflituoso aproveitamento em tons sensacionalistas.

 

Todos estão de acordo num único ponto: Slimani participou no treino matinal e esteve ausente na segunda sessão que Jorge Jesus agendou para a parte da tarde. A partir daqui começam as histórias:

 

a) Islam Slimani faltou ao treino da tarde desta segunda-feira do Sporting e volta a forçar novo braço-de-ferro em Alvalade, reforçando o desejo de sair;

 

b) Slimani procurou falar com Jorge Jesus no sentido de esclarecer a sua situação, numa altura em que se sucedem os clubes associados ao interesse na sua contratação. O técnico dos leões, porém, não atendeu às pretensões do avançado magrebino, que já não compareceu ao treino da tarde;

 

c) Muito cobiçado no mercado, o internacional argelino, antes da falta, avisou o treinador Jorge Jesus de que não marcaria presença nos trabalhos no centro de treinos e cumpriu com o aviso;

 

d) Fonte (anónima) dos leões garante que o avançado reuniu-se com Jorge Jesus e recebeu autorização do técnico para não comparecer ao treino e tratar de assuntos pessoais, uma vez que não será opção para a 1.ª jornada da Liga NOS, em virtude de estar castigado.

 

A premissa em que, alegadamente, esta "novela" está assente, é que o Sporting terá recebido e recusado tantas como três propostas pelo avançado argelino. A inicial, de 15 milhões de euros, seguido por duas outras mais vantajosas: uma de 20 milhões de euros e outra de 20 milhões de euros mais 5 por objectivos. No entanto, não se conhecem os clubes que estarão na origem destas propostas, embora haja a suspeita que são provenientes de Inglaterra.

 

Ironicamente, sensacionalismo não obstante, a história menos plausível é o suposto esclarecimento por "fonte" do Sporting. Não dá para imaginar - num contexto lógico - que a haver comentário por parte do Clube, este seja por pessoa anónima.

 

No seu todo, é uma situação ingrata para o Sporting, caso o jogador tenha mesmo assumido novo "braço-de-ferro". Isto, porque é um elemento muito importante na equipa e está bem valorizado neste momento no mercado. No entanto, recorde-se que tem contrato até 2020 e não pode não comparecer ao trabalho sem sujeitar-se a severa punição.

 

Estamos a opinar no escuro, mas caso seja verdade que chegaram ofertas de 20 milhões, ou mais, o Sporting deveria aceitar. Tanto pelo ponto de vista do Clube como do próprio atleta, atendendo às circunstâncias globais, dificilmente este se valorizará mais no futuro. Será, porventura, uma oportunidade única para ambos, embora no imediato o Sporting fique privado de um ponta de lança goleador.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:17

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


34 comentários

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 10.08.2016 às 01:09

P.S. 2: Para que fique completamente esclarecido, o que ocorreu foi o seguinte:

Pela prorrogação do contrato até 2020 - com um aumento salarial substancial, o Sporting queria uma cláusula mais alta do que os 30 milhões (se até o Beto tem uma de 45 milhões, dá para imaginar).

O jogador não concordou (porque já nessa altura era sua ambição sair, surgindo uma boa oportunidade). Em troca de deixar o valor da cláusula nos 30 milhões, concordou com a estipulação do prazo).

E... não há mais nada nisto.
Sem imagem de perfil

De Anónimo Benfiquista a 10.08.2016 às 09:51

Obrigado pela explicação.
Como disse, a minha dúvida é genuína e como é a primeira vez (de que me lembre) que oiço falar na expiração do valor estipulado para a rescisão do contrato só estou a mencionar o Slimani porque é o caso corrente. Se fosse um jogador de uma outra cor qualquer a minha dúvida manter-se-ia constante.

Portanto, se bem entendi das suas palavras, é ao Sporting que cabe definir as condições de saída do jogador. Sendo assim, é porque há uma cláusula adicional/específica no contrato para se sobrepor ao regime jurídico do contrato de trabalho de desportistas e ao contrato coletivo de trabalho acordado entre a liga e o sindicato dos jogadores. Ou seja, o Slimani bem pode estrebuchar que não há forma de pressão (se é que ela existe) que lhe valha, porque como se diz quem tem a faca e o queijo na mão é a entidade patronal.

O jogador é que assinou o contrato, supostamente, sabia o que estava a fazer. Se é de facto é isto que está no contrato não há nenhuma razão para tanto alarido. É o que o Sporting decidir e pronto!
Sem imagem de perfil

De Anónimo Benfiquista a 10.08.2016 às 10:58

(Uma primeira resposta minha ainda não apareceu, pelo que a sequência das observações pode ficar ao contrário, mas é irrelevante :) )

Só queria colocar aqui uma observação ao que disse. Disse que o jogador não concordou com o aumento do valor da cláusula de rescisão é que por isso aceitou com o prazo, já que na altura já demonstrava ter vontade de sair. Esta atitude, a meu ver, é um bocado estranha já que passa de uma situação em que tem um valor a partir do qual uma equipa compradora sabe que pode libertar do contrato para uma situação em que fica completamente dependente da "boa vontade" da sua entidade patronal? Essa, com o devido respeito, é um pouco mais difícil de engolir. É que, mesmo tendo um valor definido para ativação da cláusula de rescisão, o clube tem toda a liberdade para negociar e vender abaixo desse valor. Assim, a meu ver, o jogador ficou sem qualquer rede de segurança! Mas, como já disse, o jogador assinou, mas que ele então, para aquilo que queria, parece ter estado distraído quando assinou ;)! Isto, se estou a perceber bem as implicações daquilo que me explicou.

Mais uma vez, obrigado pelas explicações.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo