Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Novo treinador para a equipa B ?

Rui Gomes, em 06.10.14

 

 

Pelos vistos, não somos só nós aqui no Camarote Leonino que entendemos que a condução da equipa B do Sporting não está bem entregue. Segundo o que está a ser noticiado esta segunda-feira, João de Deus poderá vir a ser apresentado, em breve, como o novo líder da segunda equipa leonina.

 

João de Deus, de 37 anos anos, natural de Setúbal, antigo jogador, já treinou meia dúzia de equipas, entre elas o Gil Vicente, Oliveirense e o Atlético.

 

Não o conheço o suficiente para dar uma opinião sobre o mérito desta decisão, mas algo tinha de ser feito para alterar o rumo da equipa B e, caso se confirme. esperamos que João de Deus seja a solução desejada.

 

Adenda: O Sporting já oficializou, via comunicado, a contratação de João de Deus para liderar a equipa B. Segundo consta, terá assinado contrato por um ano, mais outro de opção. Não vem acompanhado por adjuntos.

 

João de Deus "é conhecido por potenciar as características naturais dos atletas e pela aposta em jovens jogadores", pode ser lido no comunicado da Sporting SAD.

 

publicado às 08:27

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


48 comentários

Sem imagem de perfil

De Fernandes a 06.10.2014 às 13:45

Esta direcção já vai no 4º treinador da equipa B.

Tanta instabilidade só tem uma explicação possível: incompetência na sua selecção.

Vamos lá ver quanto tempo dura o João de Deus...
Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 06.10.2014 às 14:43

Bom dia,

Somente por curiosidade. Além do Abel, quem foram os outros dois?

SL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.10.2014 às 15:27

Creio que o Oceano e depois o Dominguez, este último que foi retirado do cargo para dar lugar ao Abel.
Sem imagem de perfil

De Alexandre Bórgia a 06.10.2014 às 15:54

Querer colar Oceano ou Dominguez a esta Direcção, e mais enquanto treinadores da Equipa B é, de facto, elucidativo.

1) Oceano Cruz nunca treinou a Equipa B na vigência desta Direcção (foi adjunto de Jesualdo Ferreira no final da época 2012/13);

2) José Dominguez esteve de facto à frente da Equipa B, nos tais 3 meses finais da época 2012/13, saíndo depois para a Colômbia;

3) Seguiu-se Abel Ferreira, com a "falta de empatia" - tão em voga ultimamente - que todos sabemos (e ainda assim, parece-me melhor que o Francisco Barão);

4) E chegamos a Francisco Barão, a quem a Direcção sempre colou o rótulo de treinador interino.

Portanto, no máximo serão 2 (Abel Ferreira e Francisco Barão - a sério que querem mesmo contar com o Dominguez?!); 3 se se confirmar vir o tal João de Deus que, desde já, considero uma má escolha. Por várias razões, a principal das quais prendendo-se com o tipo de jogo que normalmente incute nas suas equipas.
Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 06.10.2014 às 15:56

Boa tarde Rui,

Sei disso, a entoação da minha frase não foi perceptível. Queria dar um tom sarcástico, pela seguinte razão.

Dominguez e Oceano não fizeram parte desta direção, mas sim da anterior. Dominguez, não pode ser considerado um treinador desta direção porque saiu antes da época iniciar, para abraçar um projeto de 1ª liga, e, Oceano passou para a equipa A em substituição de Sá Pinto na época 12/13 sendo posteriormente substituído por Vercauteren, substituído posteriormente por Jesualdo.

Portanto, para repor a verdade. Abel, Barão e a confirmar-se João de Deus, será o 3º Treinador, tendo em conta que Abel faz uma época e Barão foi uma experiência mal sucedida, torna-se lógica uma nova entrada. Podemos sim, discutir se Barão tinha sido uma boa aposta, e aí concordo que se diga que não.

Não é preciso aqui lembrar épocas em que tivemos 4 treinadores num só ano na equipa principal.

SL
Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 06.10.2014 às 16:04

Para completar e retificar o meu anterior comentário.

Dominguez sai do Sporting para o Real Cartagena ao abrigo de uma parceria que esta direção fez, entrando então para o seu lugar o Abel. Assim sendo, apesar de Dominguez fazer parte dos quadros desta direção, a mudança não deve ser considerada mal sucedida nem erro de "casting".

SL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.10.2014 às 16:02

Não percebi a ironia e apesar da parvoíce da alusão a "colagem", referido mais abaixo, não fiz qualquer referência a Direcções.

Aliás, até acho que Dominguez não devia ter saído na altura.
Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 06.10.2014 às 16:10

Devido ao tom em que o Fernandes menciona 4 treinadores e instabilidade, quis com essa curiosidade questionar quem teriam sido os outros focos de instabilidade, tendo em conta que nesta direção o Dominguez sai através de uma parceria, Abel faz uma época, e Barão foi um erro. Portanto, não entendo que instabilidade é essa.

Agora, se João de Deus é uma boa solução, sinceramente, não era nome que me ocorresse, mas, tendo em conta, que: Filipe Ramos, Paulo Torres, Litos estão ocupados, espero que a solução encontrada sem bem sucedida. Fazer pior acho muito difícil...mas...

SL
Sem imagem de perfil

De L a 06.10.2014 às 16:20


Portanto quem estava não podia continuar. Bem me queria parecer que o Rui Patrício nunca foi GR desta direcção. Nunca se viu nada assim e dizem todos o mesmo. E nem nos precisamos de preocupar com o valor das indemnizações - se são baratinhas ou não - que eles não pagam. Para já. E se tivessem dinheiro já tinha chegado o Van Basten.
Sem imagem de perfil

De Alexandre Bórgia a 06.10.2014 às 16:53

Não se trata de poder ou deixar de poder continuar. Tarta-se de corrigir a informação, para que depois outros não caiam na esparrela de tomar por verdadeira a informação. Mas já que fala nisso:

O único treinador que conseguiu fazer alguma coisa de relevo pela equipa B foi Oceano Cruz - que iria ser "promovido" à equipa principal como treinador interino (quando saiu Sá Pinto), depois como adjunto de Franky vercauteren e de Jesualdo Ferreira. José Dominguez, que era o adjunto de Oceano Cruz na Equipa B, entretanto "promovido" a treinador principal da formação secundária, somou empates e derrotas, com uma vitória aqui e ali para desenjoar. Caso contrário não tenho dúvidas que o 4º lugar final se teria consignado a melhor (e eu nem ligo muito aos resultados, relativamente, na Equipa B mas, antes, ao nível exibicional e à evolução individual e colectiva).

Depois surgiu Abel, que fez melhor que os seus dois antecessores, ao nível de pontos, com pior classificação e pior nível de jogo. E depois Barão, ainda pior...
Sem imagem de perfil

De L a 06.10.2014 às 21:20


Pelo alinhamento dos comentários pode até não parecer mas a minha intenção era corroborar as observações do Fernandes. Em relação ao número de treinadores na B e até mais em relação à instabilidade que à competência, que nem vale a pena.

Anyway mais um não assunto em relação aos problemas profundos que atravessam toda a formação ou nomeadamente até em relação aos problemas da equipa B, aqui então à vista de todos. Mais um projecto completamente desvirtuado ou porque é que João Mário e Betinho cavaram para Setúbal já na época passada?
Sem imagem de perfil

De Alexandre Bórgia a 06.10.2014 às 21:54

"Mais um projecto completamente desvirtuado ou porque é que João Mário e Betinho cavaram para Setúbal já na época passada?"

Há jogadores que, quer pela sua valia técnica quer por outros motivos (motivação, por exemplo) "pedem" outros voos. O emréstimod e João Mário, por exemplo, fez-lhe muito bem, como fez o empréstimo de Tobias Figueiredo; já o empréstimo de Betinho foi bem pensado mas mal executado (o Setúbal não precisava de outro avançado e, nesse aspecto, o Estoril do Marco Silva ter-lhe-ia sido mais benéfico). Fossem todos os empréstimos lógicos, como estes.

Mas há outros a caminho do mesmo desígnio, e que faz parte da sua evolução. Iuri Medeiros será talvez o exemplo mais gritante, com uma personalidade frágil e completamente desmotivado na Equipa B.

O L., porventura, é que tem a ideia (quanto a mim, errada) de que a Equipa B pode e DEVE ser o último passo antes da equipa principal, o que depende muito das características específicas de cada jogador e da sua própria evolução.
Sem imagem de perfil

De L a 06.10.2014 às 22:03


No tema em causa a única ideia que eu tenho que pode importar para aqui é que uma equipa B não tem nada a ver com uma equipa de reservas. São duas coisas completamente distintas. Deixem de comprar lixo!
Sem imagem de perfil

De Alexandre Bórgia a 07.10.2014 às 00:13

Lixo, como Ryan Gauld (18 anos) ou Sacko (21 ou 22, salvo erro) ou Dramé (21 ou 22 também)? Houvesse mais lixo desse e estava o Sporting bem. Depois andam aí umas aventesmas que por considerarem o Miguel Lopes muito Sportinguista (que o é, não é isso que está em causa) acham que deveria jogar por decreto.

Quem segue a formação há (vá, para não ser muito exigente) 10 anitos, sabia de antemão que íamos ter problemas agora, e não é por BdC ter ma má acepção à Formação (que até acho que tem), é pela destruição contínua das estruturas que se foi fazendo ao longo da última década, com a anuência (e em muitos casos, a aplauso) de muita gente, com e sem responsabilidades. Porque haviam muitas pessoas a pensar que era só capitalizar (pagar os tais 5/6M € por ano) e a coisa resolvia-se. Não só ão se resolveu como se foi deteriorando a cada ano. É triste dizer isto, mas a Formação nos últimos 10 anos andou ao Deus dará, ao sabor de quem de responsabilidade que lá estivesse, e que nos últimos anos, sob vigências de Diogo Matos (o mestre das cunhas) e Pedro da Cunha Ferreira se agravou ainda mais. Eles não sabiam o que faziam, assinavam papéis de cruz...
Sem imagem de perfil

De L a 07.10.2014 às 11:49

“Quem segue a formação há (vá, para não ser muito exigente) 10 anitos, sabia de antemão que íamos ter problemas agora…”

Quando o Bruno entrou a contar não com uma mas duas das melhores gerações de sempre? Top Mundo e provaram-no nas duas primeiras edições da Next Gen, onde entramos como clube convidado, com as melhores escolas de formação do Mundo. Sem dúvida o melhor exemplo de uma formação ao Deus dará.

Também já tinha ouvido falar desse mito com 10 anos, o espaço de tempo entre aquela que ainda é hoje a base da selecção nacional e o melhor que Alcochete já formou. Mais do que falar do passado interessa falar dos passes que se dão no presente para avaliar o trabalho da actual direcção.

Com o melhor de várias gerações que Alcochete já formou o Bruno cumpriu a promessa de despachar quase tudo que recebeu propostas aceitáveis para entrarem 20 ou 30 contratações cirúrgicas.

Vamos ver como ficamos depois do Bruno revolucionar o futebol todo, depois de declarar guerra a tudo o que é agente de futebol. A maior afirmação porque todos pugnavam nas instâncias onde se decide o futebol já está aí à vista de todos, com o Sporting sempre a fazer muito barulho e a ficar definitivamente do lado de fora.

Actualmente as épocas muito desgastantes são iguais para todos, pobre e ricos, grandes e pequenos. Todos precisam de ter 2 equipas ou 2 jogadores por posição sempre disponíveis. Os clubes compradores, sempre com mais dinheiro que tempo, têm planteis enormes, c/ reservas. Os clubes vendedores por natureza e com a aposta na formação bem definida, devem ter planteis mais curtos, c/ jovens sempre muito motivados na última etapa da formação, as equipas B!

Enquanto a equipa principal conseguir ser competitiva a maior parte não se lembra do que está para trás. Levantou-se entretanto a questão dos centrais, onde a gestão desportiva já foi mais flagrante. E na frente felizmente chegou Nani - sabemos bem como e por quem – para dar outro elan ao ataque.
Sem imagem de perfil

De Alexandre Bórgia a 07.10.2014 às 17:20

O L. continua a não entender o que eu disse. A Formação nã é uma coisa de ano para ano, é uma coisa contínua, daí ainda irmos tendo aqui e ali boas "fornadas" como se costuma dizer. A "fornada" de que fala, vem de há quantos anos? Sabe responder-me? Parece-me que não conseguirá...

E fico por aqui para não entrar a desconversaçãoq ue o L. quer fazer, a fazer-me lembrar as quebras dos "pactos de silêncio" do outro senhor, só para não dizer coisa alguma sobre nada.
Sem imagem de perfil

De Pedro51 a 06.10.2014 às 14:09

Sabem quem eu gostava? Rolão Preto.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.10.2014 às 14:11

Já o sugeri várias vezes, mas também não sei se ele aceitaria.
Sem imagem de perfil

De Mosquito Zarolho a 06.10.2014 às 14:12

Sabem quem eu gostava? Manuel Fernandes
Sem imagem de perfil

De Opeth a 06.10.2014 às 17:38

Esse tá ocupado a ser o bobo da corte na SICN...
Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 06.10.2014 às 14:47

Bom dia,

Se é melhor, espero que sim. Barão pode ser um bom adjunto, mas como técnico principal deixou a desejar. Ontem apesar de uma arbitragem um pouco estranha na 2ª parte, ele próprio também me parece não ter estado no seu melhor.

Acredito que seja uma mudança para melhor, mas tinha como desejo o Litos.

SL
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 06.10.2014 às 14:59

A opçao original Litos seria sem duvida a melhor de todas e seria muito bem vindo mas Marco vê em Litos uma sombra que o incomodaria.
João de Deus é tambem a meu ver uma óptima soluçao gostei dele quando no Atletico, em Barcelos fiquei sem opiniao formada creio que aquele jogo na Luz a ganhar 1-o aos 90 mt e ter perdido o jogo nos descontos foi o seu princípio do fim.
Estou surpreso com a inércia de Barão, ja cansei de criticar as exibições e resultados da nossa equipa B que foi a pique desde a saída do Dominguez e Manuel Fernandes. Barão creio ter sido uma soluçao de amizades, de Virgílio. Entende-se até certo ponto que será sempre uma equipa de transição para os jovens jogadores e a sua ultima etapa de formaçao, entende-se também a real dependência das decisões do treinador principal Marco mas exige-se muito mais a este grupo de jogadores rotulados de futuros craks nos jogos da equipaB que se arrastam em exibições paupérrimas ao ritmo do marasmo.
Exige-se outro tipo de discurso do seu treinador depois das péssimas exibições da equipa, exige-se um discurso ambicioso e cheio de garra e nao com discursos acomodados e resignados.
Exige-se um treinador que entenda muito melhor as caractrístisticas dos jogadores que tem ao seu dispôr e as saiba rentabilizar na equipa para uma melhor evoluçao do atleta.
Hoje a nossa equipa B é um grupo de jogadores mal espalhado pelo campo em que cada um faz pela vida em ações individuais sem filosofia de jogo ou de qualquer tactica.
Bem vindo alguem com capacidade de mudar isto.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.10.2014 às 15:24

Litos também seria uma boa escolha, mas duvido muito que aceitasse o cargo. Acho que tem outras ambições.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 06.10.2014 às 15:27

Creio que esse processo foi abortado pelo Marco, era a 1ª opção da Direçao após Abel. Compreende-se a posiçao de Marco.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.10.2014 às 16:05

Não estou a ver bem o suposto poder de Marco Silva para decidir quem treina a equipa B. Que a ideia não lhe agradasse, até compreendo as razões.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 06.10.2014 às 16:11

Marco não decidiu o treinador mas mostrou-se incomodado pela escolha do Litos e para nao haver atritos logo no ínicio a Direçao preferiu recuar nessa escolha.
Imaginemos e eventualidade de uma série de maus resultados Litos seria sem duvida uma sombra que incomodaria Marcos e bom alimento para a imprensa atear fogo a fim de destabilizar.
Sem imagem de perfil

De sloct a 06.10.2014 às 15:41

João de Deus????

Os comportamentos das equipas do João de Deus são conhecidos e são sempre iguais, basta olhar com atenção.

As razões para esses comportamentos são conhecidas nos meandros.....

Sujeitamos a equipa B a descer de divisão?
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 06.10.2014 às 15:49

Vá-lá Sloct se os outros se têm dessenrascado com Jesus nòs teremos quizá mais possibilidades com Deus ou nao? :)
Sem imagem de perfil

De Hugo Claro a 06.10.2014 às 17:07

Sloct, disse tanto e depois de espremido não sobrou nada. Afinal explique-nos lá a nós, pobres leigos, o que é que se passa com as equipas do João de Deus ?
Sem imagem de perfil

De rigaboss a 06.10.2014 às 17:41

são especialistas em anti jogo e futebol de pontapé para a frente


alias não entendo que é que o João de deus já fez em termos de formação que faça com que mereça ir para este lugar
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 06.10.2014 às 18:18

desculpe discordar mas João de Deus fez um bom trabalho no Atletico e pôs a equipa a praticar um futebol agradável , enquanto lá esteve o Atletico foi uma equipa competitiva e difícil de lhes ganhar até á sua saída, por esse trabalho mereceu uma oportunidade na 1ª liga , na época passada até iniciou muito bem colocando o Gil nos primeiros lugares durantes algumas boas jornadas e com os míseros recursos nao se aguentou e lá se foi afundando , este ano as coisas não correram nada bem o que levou ao seu despedimento e até hoje nunca quis explicar os motivos.
Para as opções disponíveis para este momento parece-me uma escolha aceitável creio que Joao de Deus estará na linha de Dominguez.
Por certo é uma opçao bem melhor que Abel, Oceano e Barão.
Veremos o que consegue fazer e demonstrar.
Sem imagem de perfil

De Pedro51 a 06.10.2014 às 18:47

Não acho que seja melhor solução que Oceano. Ainda por cima é lampião. Preferia outro.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 06.10.2014 às 19:18

Oceano é muito limitado e com discurso banal de disco riscado que entra por um ouvido e sai pelo outro, os jogadores deixam de lhe fazer caso apartir de um certo tempo. Acredite que não tem essa capacidade.
Sem imagem de perfil

De Pedro51 a 06.10.2014 às 20:49

Mas o que aconteceu no Atlético e no Gil Vicente com João de Deus, também a partir de certa altura, não terá sido mais ou menos o mesmo? Bom, agora que já é oficial, vamos ver o que dá.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 06.10.2014 às 21:05

Agora só temos que o apoiar e e´assim que deve ser.
Ele saiu do Atletico em alta por motivos internos mas o Atlético praticava bom futebol , liderou o campeonato toda a primeira volta desse ano mas problemas internos levaram á sua saída.
Esta experiencia na 1ª Liga fizeram concerteza dele melhor treinador. Que seja feliz na nossa B.
Sem imagem de perfil

De sloct a 06.10.2014 às 18:15

Já os Bee Gees cantavam "you should be D********G"......

Não digo mais nada, quem perceber percebe, quem não perceber não percebe.



Sem imagem de perfil

De HY a 06.10.2014 às 21:11

Caro SLOCT, isso é uma insinuação sobre a orientação sexual do João de Deus?
Sem imagem de perfil

De altaia a 06.10.2014 às 23:55

Será que os problemas da equipa b serão mesmo dos treinadores?
Duvido e veremos daqui a pouco tempo,tenho um palpite de que há outras coisas que dão origem aos ditos problemas,entretanto desejo muitos êxitos ao João de Deus.
Sem imagem de perfil

De RRAleixo a 07.10.2014 às 02:21

Altaia,

Os treinadores são uma boa parte do problema a outra é a quantidade de jogadores de fraco nível que chegaram para a B que parece que por serem contratações têm direitos adquiridos face aos miudos da formação em termos de titularidade e isso dá azo a 2 coisas: - Pior equipa -Desmotivação nos jovens da formação

Sacko é mt inferior a Iuri neste momento
Dramé, enoh, Cissé - prefiro apostar no Betinho em vez de qql destes
Geraldes - não preciso dizer nada
Sambinha - preferia um Nuno Reis que sempre me pareceu que não se importava de liderar os B´s

Só Gauld se distingue da maioria e mesmo assim diria que é ela por ela com o talentoso Chaby.

A gestão da equipa B tem sido horrível e é o espelho de como se está a trabalhar mal numa formação de top3 de nível mundial.... Mas calma que isto com o Virgilio vai ao lugar o homem deve perceber a potes do assunto.

SL
Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 07.10.2014 às 17:46

Boa tarde,

Não acredito que João de Deus seja a solução, mas desejo que seja.

Algumas das contratações para a equipa B, acredito que seja pela vertente de valorização afim de em futuras negociações os mesmos serem inseridos em trocas. Até agora, não tem resultado.

Pelo que tenho visto esta época e na anterior. Das contratações deste ano,somente Gauld esta época tem sido titular, pelo que não se pode afirmar que se anda a retirar espaço aos nossos.

Do ano anterior, Sambinha, Cissé e Enoh têm sido titulares. Ora bem, Cissé e Enoh são avançados de características que nós não temos nos vários escalões, o problema é a sua falta de qualidade. Cissé e Enoh estavam na lista de empréstimos, mas não apareceram interessados. Sambinha luta por um lugar com Nuno Reis, tendo em conta que Tobias tem sido titular e Domingos Duarte está no 1º ano de sénior.

Estive agora no site da FpF.

Além dos convocados para os A com 6 do Sporting 1 do fcp e 1 do slb, temos:

Sub 21: Ricardo Esgaio, Paulo Oliveira, Tobias Figueiredo ( incrível que no site da FpF está como jogador do Réus), Carlos Mané e Iuri. O fcp tem 2 convocados e o slb tem também 2

Sub 20: Guilherme Oliveira, Domingos Duarte, Mauro Riquicho, Francisco Geraldes, Daniel Podence e Gelson Martins. O fcp tem 5 convocados e o slb tem 4.

Sub 19: Ultima convocatória com 4 convocados do Sporting, 5 do fcp e 4 do slb
Sub 18: Ultima convocatória com 5 convocados do Sporting, 4 do fcp e 7 do slb
Sub 17: Ultima convocatória com 6 convocados do Sporting, 3 do fcp e 7 do slb
Sub 16: Ultima convocatória com 4 convocados do Sporting, 6 do fcp e 6 do slb
Sub 15: Ultima convocatória com 5 convocados do Sporting, 2 do fcp, 8 do slb e 7 do Padroence ( distrito do Porto )

Total de jogadores convocados dos vários escalões para as ultimas competições: Sporting 41, 28 fcp e 39 do slb

Com quero dizer o seguinte. Pegando em alguns textos em que se nota alguma preocupação sobre o nosso futuro, penso que não devemos ficar preocupados. Além de termos um melhor aproveitamento, sabemos também que muitas das convocatórias são feitas por amizades (Emilio Peixe quando convocou 14 sub 17 a época passada).

Apesar de em inferioridade em alguns escalões, acredito que o sector da formação esteja a funcionar, não de forma excelente, mas de forma razoável. Mais preocupante para mim, é saber que existem jogadores nos rivais no escalão de sub 10 a receberem valores de 500€ ou mais, acrescidos de outras regalias, e essas têm sido algumas das razões pela preferencia nos rivais em detrimento do nosso clube.

O texto pode não fazer sentido num tópico de João de Deus, mas, pretendi fazer este apanhado sobre as convocatórias, para explicar o que espero que seja feito.

Tal como nós, Bruno de Carvalho e Marco Silva assistiram aos jogos da B, e de certeza que também chegaram à conclusão que algo devia ser mudado. Espero que esta mudança tenha tido em conta o potencial demonstrado pela nossa formação nos vários escalões, por forma a poder ser feita a ponte entre Venâncio,Telmo Costa, José Lima, João de Deus e Marco Silva afim de fazerem o melhor aproveitamento possível dos recursos existentes.

Acredito que a próxima janela de transferências, irá permitir efetuar um reajuste nos planteis, emprestando alguns jogadores excedentários e isso irá permitir um acréscimo de oportunidades para aqueles que há mais tempo se encontram na B, caso de Medeiros, Podence, Esgaio ou Walysson.

SL
Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 07.10.2014 às 18:13

Só para completar, apesar de ser fora do tópico. Jogadores que espero que sejam cedidos na próxima janela de transferências: Cissé, Enoh, Sambinha, Heldon, Shikabala, André Geraldes, King, Gazela e Dramé. Não creio que acrescentem qualidade, e podem ser geradoras de algumas mais valias, ainda que curtas.

SL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 07.10.2014 às 18:16

É preciso que alguém os queira e em que termos. A exemplo, salvo um clube do Egipto, quem vai querer Shikabala e ainda pagar para o efeito ?!
Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 07.10.2014 às 18:31

Sem dúvidas, e penso que tenha sido esse o problema na pré-epoca. Uma das criticas que faço a esta direção, é contratar estes jogadores com as cláusulas que sabemos. Se der bem, excelente, se corre mal, como está a correr, ficamos com um grande problema. Sobre o Shikabala, mantenho a opinião que foi uma jogada de marketing nada mais do que isso, sobre os restantes, experimentação para validação ou não.

Estas próximas 2 semanas não vão poder nos dar indicativos sobre o que se pretende da B, porque 10 estão convocados para as seleções de sub 20, sub 21 de Portugal e A da Escócia, limitando o trabalho da B e do plantel principal, mas a partir de Novembro, penso que já possamos ter alguns dados, que nos permitam avaliar o pensamento de João de Deus. Desejo que o mesmo seja feito em consonância com Marco Silva, concordando eu com quem frisa que Bruno de Carvalho não se deve intrometer nos trabalhos ou pensamentos dos treinadores a não ser que seja para exigir que aproveitem melhor a formação e não o contrário.

SL
Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 07.10.2014 às 19:14

Matheus Pereira, fez parte dos que foram chamados para o treino da equipa principal. Honestamente, de todos os casos com jogadores do Sporting, este é aquele que mais me intriga.

SL
Sem imagem de perfil

De Pedro51 a 07.10.2014 às 21:01

Sugestão: pô-lo no site de trocas online, que está muito em voga. 😋
Sem imagem de perfil

De Pedro51 a 07.10.2014 às 21:02

Refiro-me ao Shikabala, claro.
Imagem de perfil

De sportingsempre a 08.10.2014 às 15:46

Caro Pedro Miguel, acho que o Padroense é o Porto-B na formação, pelo que as suas contas não me parecem certas.

Sobre a equipa B e para além da falta de um treinador competente, agora colmatada com um ex-1ª Liga, o problema parece-me ser uma mistura complicada de fazer entre jogadores da formação, com promessas contratadas, com excedentes da equipa A. Promessas contratadas só se melhores ou diferentes (envergadura física, posição específica) dos da formação, de outra forma estão a travar a progressão destes sem vantagem.

Criticar a equipa B pelos resultados ilude a questão. A equipa B serve para potenciar jogadores jogando bom futebol num modelo aproximado à equipa A. E fazendo isso lá aparecem os resultados.

Para os jogadores entrados na B, existem 3 opções: ganham embalagem e saltam para a A (muito poucos e dependendo da necessidade), ganham embalagem e saltam para uma equipa de 1ª divisão para saltar para a A (a solução mais viável, vide Cedric, J. Mário, Adrien, Veloso), não ganham embalagem até aos 22-23 anos e são despachados de uma outra forma (a maior parte).

Olhando para esta equipa, existem jogadores que deviam ter sido emprestados e não foram (Esgaio, Cisse, Fokobo), outros que não ganharam embalagem e já não deviam estar (N. Reis), outros que deviam estar a ganhar embalagem e pouco jogam (I.Medeiros, F. Chaby e outros) e mais alguns da A para moralizar/recuperar.

É complicado... valha-nos Deus, espero eu !



Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 08.10.2014 às 16:32

Eu não tinha a certeza, por isso coloquei o Padroense nas contas, entretanto, em conversas com amigos e uma breve pesquisa dos jogadores de formação do fcp, verifiquei que o clube mencionado tem ligações com o fcp.

Os resultados da equipa B não me apoquentam, o que me deixa com laivos de "raiva", é que, apesar de a época passada com Abel, também não termos praticado um futebol por aí além, houve jogadores que se destacaram, e que este ano parece que regrediram.

Este ano, o caso do Gauld é paradigmático, quando começou na B notava-se a sua qualidade técnica, mas de jogo para jogo, parece que vem em decréscimo, somente fisicamente se nota alguma evolução. Como o Gauld, outros jogadores parece que desaprenderam, e os que ainda conseguiram manter o nível, parecem perdidos em campo.

Não é fácil trabalhar uma equipa B com 29 elementos tendo a principal 28, pelo que urge na minha opinião, emprestar ou ceder definitivamente aqueles que não acrescentam qualidade e dessa forma criar as oportunidades necessárias para os restantes.

Mais do que vitórias, o que desejo é que João de Deus consiga retificar aquilo que considero um erro. Contínua aposta em Cisse, Dramé,Enoh e Sambinha, em detrimento de Betinho (que não está) Medeiros, Gelson e Domingos Duarte. Sou um dos que defende que Fokobo poderá se tornar um elemento importante, a partir do momento que controlar as suas paragens "cerebrais" quando tem a bola e pretende fazer um bonito.

SL

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo