Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O bota-abaixismo: inteligência ou estupidez?

Naçao Valente, em 22.08.19

899d452dd63daa9cc9542eabd6288440.jpg

"Duas coisas são infinitas: o universo e a estupidez humana. Mas, em relação ao universo, ainda não tenho certeza absoluta".

Einstein (cientista)

"Nunca o ser humano foi tão estúpido como agora"

Perez-Reverte (escritor)

Duas frases que se complementam. Uma pronunciada há algum tempo por um cientista, e outra dita por um escritor, muito recentemente. Não passa de uma actualização adequada aos tempos que correm.A estupidez é a qualidade ou condição de ser estúpido, ou a falta de inteligência, ao contrário de ser meramente ignorante ou inculto.Contrariamente, indivíduos inteligentes também podem ter um comportamento estúpido, quando o seu pensamento racional é subsistituido por opiniões fortes ou crenças rígidas.

Estabelecida a definição genérica, outras variantes se podem encontrar nas atitudes e nos comportamentos humanos. Actos definidos como estupidez acontecem todos os dias cada vez com maior frequência. A título de exemplo pode referir-se o aumento da violência doméstica, expressa em crimes passionais. São fruto da emotividade, em contraste com a racionalidade/razoabilidade.

Se há mundo onde a emoção supera largamente a razão é o do futebol. O cidadão na qualidade de adepto transfigura-se, e pensa e age condicionado pela paixão clubística. Este comportamento não é específico de qualquer cor, mas abrange o adepto em geral, salvaguardadas as devidas excepções.

Mas esta reflexão tem como motivo imediato a discussão que se trava no mundo leonino, em blogues e redes sociais sobre a vida do Sporting, que tenho seguido no início desta época desportiva. E vou tentar deixar de fora as opiniões da viuvez brunista, por demais condicionadas por uma cegueira idólatra, uma das formas mais evidentes de estupidez, assentes na ressuscitação de um passado,  como única forma de redenção.

Em geral,o adepto, talvez inconscientemente, apresenta-se como um catedrático da arte da bola, que não é. Sabe tudo, tem solução sempre preparada para todos os problemas, sejam financeiros, sejam da área desportiva. Não conhece como funciona uma estrutura desportiva, nem tem conhecimento, da razão específica de cada decisão. Mas o catedrático fala porque só tem que falar, porque não tem que decidir em concreto.

Pronuncia-se sobre as tácticas, as estratégias, os plantéis, as substituições, como dono da verdade absoluta. Não considera, porque desconhece, a personalidade de cada atleta, o seu estado anímico e físico, em cada um dos momentos da sua actuação. Não avalia a qualidade ou falta dela dos activos. Não considera a razão, porque desconhece, da constituição  da equipa de uma forma, e não de outra, da utilização ou não do jogador A ou B. Mas dá palpites sem conhecimento concreto do motivo da decisão. 

Considera o treinador uma besta desde que tenha um ou outro mau resultado. E porque o catedrático da bola  julga saber tudo, a partir de uma avaliação subjectiva, pautada pela emoção, propõe soluções que não tem que tomar, que passam sempre pela substituição de equipas técnicas, ao mais pequeno desaire.

O catedrático da bola sofre de dois vícios extremados: a euforia e a depressão. Apoia a equipa enquanto esta ganha, reprova quando perde. Expressa-se então, não pelo incentivo, mas pela contestação  expressa, em campo, pelo assobio. Será isto um acto inteligente? Será batendo em alguém caído que ele se levanta?  Será um acto inteligente, assobiar um atleta que deu o que tem e o que pode dar,  porque cometeu erros na sua acção? Será que estes adeptos não os cometem, enquanto cidadãos e profissionais no seu dia a dia?

O adepto, enquanto tal, confunde crítica ponderada e objectiva com bota-abaixismo. Todo o debate é lícito e necessário desde que procure ser positivo e assente em factos e não em conjecturas. A discussão séria, baseada em dados concretos, e em honestidade intelectual,  é precisa e pode ajudar.

Para ser mais concreto, e para me cingir, em conclusão, ao que se passa no Sporting, entristece-me o bota-abaixismo à equipa e aos seus técnicos, ao fim de dois jogos oficiais; entristece-me o aproveitamento de um desaire para pôr tudo em causa, incluindo a direcção eleita, isolando as críticas do contexto dos acontecimentos, que muitas vezes desconhecem.

Vê-se em certos comentários, ausentes em situações de êxito, que há um aproveitamento revanchista propositado. Estamos perante actos que não favorecem a estabilidade imprescindível à recuperação do clube. Entre o bota-abaixismo inconsciente e o bota-abaixismo deliberado, venha o diabo e escolha. Nenhum deles favorece o clube. O Sporting por este caminho não precisa de inimigos externos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:49

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


106 comentários

Imagem de perfil

De Mike Portugal a 22.08.2019 às 08:04

Em relação ao treinador já não há nada de subjetivo na análise que se tem feito. Os dados estão aí para todos verem desde a época passada e não mudaram. O treinador é fraco, não sabe meter a equipa a defender em bloco e não sabe adaptar-se enquanto os jogos correm.
Sem imagem de perfil

De Jorge a 22.08.2019 às 10:31

Imagem de perfil

De Naçao Valente a 22.08.2019 às 12:00

Mike,

Se algum dia fizer um curso de avaliação de treinadores, e se tiver conhecimento específico dos seus métodos de trabalho, respondo com muito gosto. Até lá remeto-me à minha ignorância no assunto, e não faço apreciações sustentadas em percepções pessoais. Mas compreendo que essa é a norma do adepto.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 22.08.2019 às 12:04

NV,

Não é preciso curso de treinador para ver que a equipa não defende bem. Basta olhar para o número de golos sofridos. Mas obviamente que ajuda quando se lê análises feitas por....treinadores. Aprendemos a ler táticas e a ver detalhes que antes desconhecíamos.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 22.08.2019 às 17:32

Mike,

Ok, não defende bem. E não defende bem porquê? Falta de qualidade da equipa, má forma de alguns elementos? Então qual é a solução? Substituir o treinador ou o plantel? Ou todos?
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 22.08.2019 às 18:35

1- Falta de qualidade tatica de Wendel que muitas vezes deixa a zona do meio-campo desprotegida;
2- Falta de apoio da parte de Raphinha no flanco onde está;
3- Falta de articulação entre a defesa e o meio-campo de forma a haver compensações;
4- Não há treino de posicionamento de forma a fechar o espaço entre a nossa defesa e o nosso meio-campo (ver a quantidade de vezes que um jogador adversário está nessa zona e consegue estar virado para a nossa baliza com a bola dominada);
5- Não existe pressão coletiva no nosso meio-campo, apenas jogadores individualmente a pressionar o adversário que tem a bola (causa imenso desgaste físico, fazendo com que na 2ª parte haja um estouro);

Um bom treinador sabe resolver todos os pontos (até o 1º). Com JJ, Ristovski até parecia bom jogador porque o coletivo estava bem posicionado para a pressão. Nota-se o trabalho (ou a falta dele) que é feito nos treinos a nível de coordenação defensiva.

Claramente a equipa anda a treinar movimentos atacantes e posicionamentos ofensivos, pois isso também se nota nos jogos. O problema é a compensação. Se há um erro de passe ou um contra-ataque, a equipa é demasiado vulnerável. Nós jogamos melhor em contra-ataque do que em ataque continuado, precisamente por causa disso. Wendel, que é dos piores jogadores com cultura de posicionamento defensivo, é dos melhores a definir movimentos atacantes de contra-ataque.

Claramente precisamos dum treinador que saiba fazer as 2 coisas e não um que já mostrou que não sabe e não irá aprender.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 22.08.2019 às 18:58

Mike,

Tudo muito bem, mas não me parece que esta seja a real intenção deste post: debater exclusivamente questões técnicas da equipa.

Com o devido respeito, isto são conclusões do Mike ou extraiu de um daqueles espaços que gosta de visitar?

De qualquer modo, deve guardar uma cópia do texto para se debater numa outra ocasião mais adequada ao tema.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 22.08.2019 às 19:57

Tem razão, caro Rui, a discussão de pormenores técnicos não faz parte deste post. De qualquer modo, mea culpa porque questionei Mike a propósito dele ter escrito que a equipa defende mal. Deu uma lição de treinador de bancada, acabando por dar a volta e concluir que o nosso treinador não sabe de futebol, nem nunca saberá. Por portas e travessas dá alguma consistência ao meu texto, Temos na bancada gente que percebe muito mais de futebol ou pensa que percebedo que os profissionais, mesmo desconhecendo razões objectivas do que descreve.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 22.08.2019 às 20:17

NV,

Não te tomo por parvo, mas não faças de mim um.
Eu não disse que percebo mais de futebol que Keizer. Eu digo é que Keizer não é um bom treinador. São 2 coisas bem diferentes e não preciso de saber mais do que Keizer para saber que ele não é bom, tal como tu não precisas de saber mais do que um chef de cozinha para saber se um bife é bem cozinhado ou se há quem faça melhor.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 22.08.2019 às 21:37

Mike,

Não há aqui qualquer inferência que o Mike é parvo e a primeira linha do comentário não só é injusta como indelicada.

Segundo, a analogia que o Mike escolheu é horrível. A imaginação atraiçoou-o neste caso.

Terceiro, noto que não respondeu à minha pergunta sobre a origem do texto de análise técnica da equipa.

Por fim, eu também não estou satisfeito com o trabalho deste treinador e não estou aqui para o defender, mas a título de curiosidade, o que diria o Mike do trabalho de Alex Ferguson que na sua segunda época no Man U classificou a equipa em 11.º lugar. E... repetiu essa mesma classificação na sua quarta época.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 22.08.2019 às 21:46

Mike,

Não tenho competências para avaliar técnicas e tácticas de futebol, mas tenho ainda menos para atribuir estatuto de parvo, seja a quem for. Por isso essa frase era desnecessária.

Na minha resposta cingi-me à análise apresentada. Quando se diz que um treinador não sabe fazer (…) e que não irá aprender, põe em causa uma das capacidades do ser humano, que é a constante aprendizagem. Há quem diga que até os burros aprendem, e se assim for, Keizer poderá estar abaixo de burro. Esta é exclusivamente uma conclusão/interpretação pessoal, da minha única responsabilidade. Para que fique claro.

Se Keizer é bom ou não, o tempo dirá. Com certeza que haverá sempre melhor ou pior, como em tudo na vida. O certo é que no Sporting raramente um treinador brilha? Serão todos maus?

O exemplo do bife é engraçado, porque a única coisa que questiono é o meu gosto.
Sem imagem de perfil

De Carla Pinho a 22.08.2019 às 09:35

Susbcrevo na íntegra

SL

Carla Pinho
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 22.08.2019 às 10:00

Grande análise!

É preciso dar nas orelhas a esses catedráticos, que se permitem atacar aqueles que lidam com os jogadores todas as semanas, que sabem de certeza melhor do que eles, os porquês e as razões de certas decisões.
Deviam-se limitar a julgar se a equipa praticou bom ou mau futebol, mas descaradamente metem-se nas apreciações táticas, que o 4-4-2 é melhor ou pior que o 4-3-3, etc,
Se se sentem assim tão especialistas, porque é que não tentam a carreira de treinador?

É verdade que alguns até se dizem treinadores, mas é mais uma razão para saberem as contingências da profissão e serem mais condescendentes.
Mas qual quê! É de esgalhar de alto a abaixo, sem dó nem piedade.

Para alguns deles, o Kaiser é fraquinho, ele que em meio ano à frente da equipa ganhou 2 taças!Mas então o que é que se deverá dizer do tal "mestre da tática" que ganhou 2 taças em 3 anos? Enfim...haja paciência para tanta jactância e facciosismo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 22.08.2019 às 10:41

Não voltará a ver comentário seu publicado se não se identificar.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 22.08.2019 às 12:10

Não esqueça de se identificar. Neste mundo da bola cada adepto é um especialista, mestre de treino, e de tácticas. Sempre assim foi. O que mudou é que antes as apreciações ficavam no recanto lar ou nas conversas de café. Agora estão nacomunicação social. Não abordo o assunto, mas os comentadores das têvês, também contribuem para esse histerismo. Acentuo que não sou contra o debate, nem contra a livre opinião. Sou contra pôr tudo em causa apenas por causa de um resultado desportivo. Até Guardiola perde ou empata, tendo uma equipa milionária.
Sem imagem de perfil

De Ghost a 22.08.2019 às 13:07

Estou um bocado cansado desta retórica que não perde uma oportunidade para lembrar que MK ganhou 2 taças no ano passado.
Todos vimos como foram ganhas, sem jogar muito bem, no sofrimento e no final, por penalties.
Aqui eu até vou mais longe e dou o mérito dessas duas taças ao Nelson, ele sim foi o maior responsável pela conquista das taças. é que enquanto MK treinou e preparou uma equipa para dois empates, o Nelson treinou e preparou um GR para defender mais penalties que o GR adversário!

Tomem este comentário como quiserem, como bota-abaixismo, como realismo ou como com um bocadinho de humor.

SL

Imagem de perfil

De Rui Gomes a 22.08.2019 às 13:58

Muito pouco realismo e nenhum humor!!!
Sem imagem de perfil

De Borges a 22.08.2019 às 14:51

Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 22.08.2019 às 10:07

O Nação Valente esquece-se de um ponto essencial que é o direito do sócio do Sporting à critica…. não me recordo de o Nação Valente alegar que o papel do Camarote Leonino no período de gestão do BdC como bota-abaixismo, ou estou equivocado?
Dou este exemplo, quando em outras discussões utilizei dados factuais para criticar a politica de contratações do Varandas, e o Nação Valente disse que não era um debate sério….. o que é então um debate sério?! é tipo uma conversa entre pessoas com a mesma opinião?

O problema do Sporting resulta de direções fracas, o Varandas foi eleito sem ser o candidato mais votado, teve ainda a lata de contrariar o seu programa eleitoral e depois vêm as virgens ofendidas a dizer que não há apoio?! Mas os sócios do Sporting por acaso estão a ser respeitados? Que tipo de informações estão a ser passadas aos sócios? zero….. e depois querem que apoiemos baseado numa suposta credibilidade que eu não reconheço!

É como diz o provérbio… "Pepino que nasce torto jamais se endireita".
Sem imagem de perfil

De hugo gomes a 22.08.2019 às 10:39

Schmeichel se o presidente não foi o mais votado como ganhou? O que tem mais votos é o mais votado ou não? É o que dá seguir o que está escrito em blogs e não pensar pela sua cabeça.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 22.08.2019 às 16:50

hugo gomes,

O presidente Godinho Lopes como o presidente Varandas foram eleitos com maioria dos votos e não votantes, isto é não têm a maioria dos associados com eles….. já percebi que isso não é problema, mas para mim é indicador de que os sócios não estão com o presidente eleito!
Sem imagem de perfil

De Paulo Matos a 22.08.2019 às 10:48

O essencial é que se esqueceu que o actual presidente foi eleito democraticamente. Com mais ou menos votos é assim que mandam as regras.
Reside em si uma certa indisposição, por os sportinguistas terem mudado o rumo, que você tanto apreciava e cantava loas constantemente. Olhe, vá dar um passeio, como uns petiscos e deixe de ser saudosista de tempos que não voltarão.
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 22.08.2019 às 16:53

Mas eu alguma vez referi que o Varandas não foi eleito democraticamente?!?!!?

Agora…. se o presidente eleito não se preocupa com alguns sócios, preferindo renegá-los, essa mesma democracia que o elegeu, permite ou não fazer oposição e solicitar uma AG para mandar abaixo esta direcção?!?

A democracia é em ambos sentidos….
Sem imagem de perfil

De Zequinha a 22.08.2019 às 11:57

O tempo veio demonstrar à saciedade que o suposto "bota-abaixismo" deste Blog, que refere no seu comentário, se tratava de crítica justa, lúcida e bem apropriada.
Talvez se mais Sportinguistas tivessem dado ouvidos a esse suposto bota-abaixismo, se tivesse evitado muitas coisas que prejudicaram em muito o Sporting.
Surpreende-me que ainda hoje e em face de tudo que se sabe, ainda exista quem defenda BdC!
Mas pronto ainda há quem pense que se não fossem os acontecimentos de alcochete, BdC teria tido uma presidência excelente ...

Nota: não é que o Blog precise de defesa
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 22.08.2019 às 15:43

Foi um periodo deveras excepcional que nos obrigou a assumir uma postura crítica também excepcional.

Mas o caro leitor até acertou em cheio. A razão esteve do nosso lado desde o primeiro dia, lamentavelmente, para o Sporting.
Sem imagem de perfil

De Pelisca a 22.08.2019 às 17:17

Boa tarde,

Mudam-se os tempos .... muda-se as vontades resta saber de que lado estará a razão mais uma vez.

SL
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 22.08.2019 às 12:33

Caro Schmeichel,

Escrevi no texto: "Todo o debate é lícito e necessário desde que procure ser positivo e assente em factos e não em conjecturas." A discussão séria, baseada em dados concretos, e em honestidade intelectual, é precisa e pode ajudar. Isto não é admissão de direito à crítica?
A Direcção de Bruno de Carvalho esteve cinco anos no poder. Durante os primeiros dois anos não fiz críticas a essa Direcção, mas elogios. A minha crítica começou quando, na minha perspectiva, se justificou, por actos praticados, mas também por atitudes que não se coadunavam com o prestígio de um grande clube. Não tem nada a ver com o frenesim das críticas a Varandas que ainda nem tem um ano de Presidência.
Nunca critiquei compras ou vendas de jogadores de nenhum Presidente. As compras do Varandas foram feitas, bem ou mal, de acordo com as condições financeiras que existem. Sobre as mais recentes temos que esperar para ver. Isso é que é debate sério, e não utilizar um outro aspecto que pode ser criticável para desvalorizar o Presidente. Seriedade é valorizar os actos positivos e isso nunca o vi fazer.

Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 22.08.2019 às 17:03

Nação Valente,

Não percebo em que medida você fala em análise séria sobre a estão do Varandas, quando esta diercção não fornece nenhum dado aos sócios…. a sua confiança resulta numa perspectiva pessoal e de opinião própria.

O que eu retenho da retórica do Varandas é um conjunto de contradições que não transmitem confiança…. desde não haver dinheiro para colchões e depois gastar perto de 40M em contratações….. desde prometer respeitar o mandato do BdC, e depois promoveu a expulsão de sócio….. desde prometer o regresso dos jogadores e depois nada ter acontecido, bem pelo contrário….. vejo desorganização e vejo incapacidade para resolver os problemas! Nunca coloquei o problema no Keizer mas na incapacidade da direcção.

Em resumo, se quer falar de seriedade respeite quem critica, primeiro porque acho que não falto o respeito a ninguém (ao contrário de muitas considerações que fazem à minha pessoa aqui no Camarote) ,segundo não é por termos opiniões completamente distinta que temos de acusar os outros de falta de seriedade…. Sem um respeito mutuo pelas opiniões dos outros, é impossível chegarmos a uma pacificação do nosso clube.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 22.08.2019 às 17:50

Sempre respeitei e respeito as suas opiniões, embora discordando. Se assim não fosse, não as comentava. Agora deixe-me dizer-lhe que bate sempre na mesma tecla: a crítica a Varandas por tudo e mais umas botas, como volta a fazer neste texto. Com todo o direito aliás, mas não com toda a razão. O trabalho de uma Direcção avalia-se no seu conjunto e não num ou noutro acto. Por isso não vou entrar nesse ping pong, por demais debatido.

As suas opiniões, como as minhas, são influenciadas por subjectivismo. E com todo o respeito, mas com toda a franqueza acho que não consegue libertar-se de um mundo que já é passado e até arrisco prever que não irá mudar, por mais que este presidente faça.

SL
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 22.08.2019 às 18:05

O que seria um debate sem as contradições revolucionárias do Schmeichel?

Mas é preciso muita paciência, que eu nem sempre tenho...
Sem imagem de perfil

De Schmeichel a 22.08.2019 às 21:32

Caro Nação Valente,

Você assume que o meu brunismo está assente na pessoa BdC.... está completamente equivocado! O BdC apenas explorou um espaço que existe em grande parte dos sportinguistas que pretendem um Sporting belicista em relação ao sistema que é o futebol português.
Quem quer que seja o presidente do Sporting é essencial a relação com os sócios.... isso implica respeitar a ideia que o levou ao cargo. Não são os estatutos que dão estabilidade e união ao Sporting, são os sócios e seus adeptos. Assim sendo, não aceito p.ex esta ocultação dos valores das transferências, não posso simplesmente aceitar o argumento de que tenho de acreditar que tudo está a ser bem feito. E ao contrário do que diz teria todo o gosto em apoiar um presidente Varandas se este for de encontro ao que são as minhas preocupações.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 22.08.2019 às 21:43

Schmeichel,

Não há ninguém razoavelmente inteligente e sensato que vá ao encontro das suas "preocupações"!!!

A sua hipocrisia é tal que tem a ousadia de vir falar em "ocultação dos valores das transferências", tendo presente que não sabemos metade do que ocorreu no consulado do lunático.

Tenho o mínimo de respeito por outros já que não se respeita a si próprio!
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 22.08.2019 às 10:38

Não concordo nem com o Nação Valente, nem com o Einstein(a este é só ler sobre a sua vida familiar) e muito menos com o Perez-Reverte.. 😁

A estupidez, ela... !!
Depende sempre e sempre do ponto de vista.. E cada um tem o seu.
É caso para dizer, a estupidez não existe..

A critica...!
Esse sentimento faz parte da natureza humana.. É sabido!
A critica é o motor da razão.
A critica pode ser maior ou menor, depende das circunstâncias.. Dessa mesma razão.

Abrazzzo
Sem imagem de perfil

De mike1906 a 22.08.2019 às 11:01

Sem imagem de perfil

De João a 22.08.2019 às 11:12

O Carlos NT vive num mundo surreal: "a estupidez não existe"!
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 22.08.2019 às 11:33

João,

Surreal e irreal.. LOOOOOOOOOLL!

P. S.. Bom, tenho que explicar em detalhe.. Pois, não me parece que tenha lido correctamente.
Simplificando..
Alguém diz.. Tu estupido.. Claro isto do ponto de vista dessa pessoa.
Mas, o outro acha que não e responde: estupido tu.
Entretanto chega um terceiro e diz: não, não, estupidos são os dois..
Afinal, quem é o estupido?? 🤔

Leia novamente..
A estupudez depende sempre do ponto de vista de cada pessoa, individualmente.
Ao igual que a opinião.. Cada quem tem a sua.
O absoluto não existe, dizem por aí.. E eu concordo. 😁

Abrazzzo
Sem imagem de perfil

De Zequinha a 22.08.2019 às 11:38

Permito-me discordar! Estás a falar do insulto fácil!
Para quem dois dedos de testa é fácil distinguir a estupidez da diferença de opinião!
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 22.08.2019 às 11:54

Oh!. Zequinha,

Então, o que a estupidez?.. Senão é opinião de alguém, sobre algum outro, o que é!?
Mamma mia!!.. Que dificil..✌️
Sem imagem de perfil

De Zequinha a 22.08.2019 às 12:07

Sim, pelo vistos é difícil! LOL
Um acto estúpido não faz da pessoa que o pratica estúpida, embora muitos actos estúpidos indiciem uma pessoa estúpida!
Exemplo: Se uma pessoa lê o post e não compreende que há uma diferença entre o bota-abaixismo nele referido, e a opinião crítica que todos podemos ter! Significa que não se tem capacidade suficiente para absorver a ideia, logo e em conclusão trata-se de uma pessoa estúpida!
Se por outro lado, a pessoa compreende o texto mas faz de conta que não, porque não lhe dá jeito, isso entra numa categoria diferente!!!
Se compreende mas não concorda, trata-se apenas de ter uma opinião diferente, o que não indicia nada de estúpido!
Claro que isto é a minha opinião que pode ser .............. estúpida! looool
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 22.08.2019 às 12:18

Não, né!
Escreve e escreve e é só contradições.

-"Um acto estúpido não faz da pessoa que o pratica estúpida, embora muitos actos estúpidos indiciem uma pessoa estúpida" -
Mer...
Tá visto!...
-"Claro que isto é a minha opinião que pode ser .............. estúpida! looool" -
Exato!.
Sem imagem de perfil

De Zequinha a 22.08.2019 às 14:29

"Escreve e escreve e é só contradições"
Esta entra na segunda categoria!
.
Sem imagem de perfil

De Vítor Guerreiro a 22.08.2019 às 12:20

Caro Carlos,

A sua opinião está errada (é a minha opinião). Claro que existem opiniões erradas (a estupidez é apenas um patamar extremo duma opinião errada) e a minha opinião não passa a estar certa só por eu ter direito a expressá-la. Hoje em dia, pode-se ter uma opinião qualquer sobre um assunto qualquer, por mais desinformada que seja. E se alguém nos disser que estamos errados, dizemos que é a nossa opinião e, portanto, é tão válida como outra qualquer. Isto é errado e induz uma confusão e uma desinformação com as quais é difícil lidar.

O Carlos confunde opiniões sobre gostos (há quem goste de sardinhas e quem não goste), em que cada um tem a sua, com opiniões sobre coisas mensuráveis e comprováveis. Se eu disser que a Terra é plana, acredite que isso será profundamente estúpido. Sim, a estupidez existe. Não a aceitemos como uma coisa boa e legítima.

Vítor
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 22.08.2019 às 12:48

Vitor,
Mais uma opinião!
Não concordo em absoluto com a sua opinão.
E esta foi... Engraçada😁
-"Se eu disser que a Terra é plana, acredite que isso será profundamente estúpido. Sim, a estupidez existe." -
Não, não é estupidez!
Sim, uma opinão errada com base na ignorância
Pergunto: eram os nossos antepasados, ignorantes ou estúpidos?
Sem imagem de perfil

De contundente a 22.08.2019 às 13:33

Vou tentar esclarecer a problemática porque já vi que nem daqui à eternidade se atingirá o consenso.
Toda a humanidade é sábia, com apenas a particularidade de alguns de vistas mais curtas.
E toda a humanidade é estúpida, com apenas a particularidade de alguns terem melhor visão.
Está bem assim?
OK. De nada!
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 22.08.2019 às 13:40

LOOOOOOOOOOLL!!!..
Sem imagem de perfil

De Vítor Guerreiro a 22.08.2019 às 14:29

Os nossos antepassados eram ignorantes. Não sabiam nem tinham forma de saber.
Com a informação que há hoje, há certas ignorâncias que já não fazem sentido. Se chamamos a essas ignorâncias estupidez ou outra coisa qualquer, já é do gosto pessoal.
Sem imagem de perfil

De Sousa a 22.08.2019 às 19:01

Hoje em dia há mais estupidez que ignorância.
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 22.08.2019 às 12:51

Carlos N.T.,

Sabe que prezo muito a sua participação, com marca pessoal, neste espaço. Mas isso não invalida que estejamos sempre de acordo. Concordo que a crítica seja o motor da razão, mas eu distingo crítica do seu aproveitamento para fazer "chicana política". Em termos concretos é o que aqui se passa com alguns comentários, cuja agenda está para lá dos interesses do Sporting. Na política levou a muitas ditaduras. A crítica como tudo na vida deve ter limites.

A definição do conceito de estupidez está expresso no texto e não vou acrescentar mais nada. A discordância, caro Carlos N.T. faz parte da natureza humana, tal como a estupidez. Podemos acreditar ou não, mas que ela existe, existe. E seria tema para um grande debate, mas não é o local próprio.

Abraço
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 22.08.2019 às 13:37

Sim, sem dúvidas, o apreço é mutuo.!
E sim, entendi o seu ponto de vista que de certa maneira até concordo. Cuidado, de certa maneira disse😁
Mas como disse anteriormente, desta vez discordo!
Dirscordo essencialmente das palavras utilizadas. Mas, está claro, no seu direito. Nem podia ser de outra maneira.
Mas, palavra torta, puxa palavras retorcidas.
Conhece-me bem... E entende-me!
O meu blog de eleição, logo....


Sim, sim.. a estupidez!.. 😁
-"E seria tema para um grande debate, mas não é o local próprio." -
Concordo 💯 %
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 22.08.2019 às 15:50

Se quer exemplos de ESTUPIDEZ, na sua forma mais grosseira, basta ver alguns dos comentários que eu elimino diariamente - que, por vezes têm uns minutos de vida pela minha ausência - provenientes de idiotas e anormais.
Sem imagem de perfil

De Zequinha a 22.08.2019 às 16:11

Tudo dito em três linhas e lá se foi a teoria de que não há estupidez!!!
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 22.08.2019 às 16:37

Rui Gomes,

É estupidez do seu ponto de vista....
Do ponto de vista deles, os estúpidos certamente não são eles, concerteza!.
Em que ficamos?! 🤔


Zequinha,
Aprenda português primeiro por favor.
Não queria responder-lhe porque você confunde estupidez com inteligência.. e vice-versa. Está bem explicito no seu comentário.
Que dizer!.. Da minha parte. Nada!..
Não torne isto em algo pessoal. Num tira e devolve. Desinteressante..! 😁
Fiquemos por o tema do post..
Sem imagem de perfil

De Zequinha a 22.08.2019 às 16:46

"Aprenda português primeiro por favor."
Vou dedicar-me a isso e prometo melhorar o suficiente para estar à altura dos seus padrões!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 22.08.2019 às 19:05

Carlos,

Estupidez: "Falta de inteligência e de delicadeza de sentimentos", em termos muito simples.

Não é uma questão do ponto de vista pessoal, na maioria dos casos, está à vista de qualquer pessoa razoavelmente inteligente e sensata.
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 22.08.2019 às 20:30

Tudo isto começou por que eu disse : É caso para dizer.....a estupidez não existe. Pus umas reticências mas, não valeu de nada.
Não disse simplesmente.. A estupidez não existe.. Mas, logo houve quem desejou a controvérsia desnecessária, mas que pude entender e como tal até respondi.
Depois expliquei porque o dizia, num comentário dirigido ao João, onde terminei dizendo.. O absoluto não existe e eu concordo..
Logo depois dei mais uma explicação o porquê do meu comentário..não da palavra. O Rui também o leu, concerteza.
Finalmente, terminanos discutindo(outra palavra que normalmente lhe dão significado errôneo) sobre a palavra estupidez e abandonamos o contexto onde estava inserida.. 😉

P. S.. Discordamos totalmente... e com todos, mesmo... 😬
Falta de inteligência não é significado de estupidez, ainda que por aí se leia como tal.. (nem mesmo alguém com pouca inteligência devido a uma deficiência mental, será estupido.)
Todos cometemos estupidezes algumas vezes na vida e não é por isso que alguém deixará de ser inteligente..ou ter falta dela..
O mesmo Einstein para exemplo!... 😁
Já assim concordo.. Com a falta de delicadeza de setimentos, procedimentos descorteses ou indelicadeza o que acontece por aqui ferquentemente..
Para terminar com algo engraçado(do meu ponto de vista...😁.) Houve um tipo à alguns seculos dizia, que o mundo era redondo e quase foi queimado vivo por os inteligentes LOOOOOOOOOLL!..
O ponto de vista é tudo...

Abrazzzo
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 22.08.2019 às 21:48

Carlos,

Antes de lhe responder, gostaria que me explicasse o significado desta sua afirmação:

"Já assim concordo.. Com a falta de delicadeza de setimentos, procedimentos descorteses ou indelicadeza o que acontece por aqui ferquentemente".

Sugiro reflexão antes de responder...
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 22.08.2019 às 22:22

Reflexâo!..
De que?. Do que?.. E porquê??. 🤔
Às vezes o Rui tem cada uma..
Vê perigos donde eles não existem.

Por muito dos comentários que elemina..


P. S.. Rui,
Não responda.. O tema já me tem cansado...
Estúpido, estupidez, idiotas, etc.. Que mais me dà..
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 22.08.2019 às 22:33

Carlos,

Não queria resposta mas não a posso evitar. O Carlos escreveu o que escreveu, eu não compreendi e depois fica aparentemente aborrecido por eu pedir uma explicação.

Para sua informação, 95% dos comentários que elimino são de anormais que infelizmente nos visitam diariamente e publicam diatribes à dúzia. Os restantes são de leitores que não se identificam.
Sem imagem de perfil

De Pedro51 a 22.08.2019 às 11:14

Completamente de acordo. Realmente são muitos os catedráticos...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 22.08.2019 às 19:06

Caro Pedro,

Lamentavelmente, o Sporting sempre foi fértil em catedráticos, algo que durante anos me levou a afirnar que o Clube sofria da cultura do "sr. doutor".
Perfil Facebook

De Eduardo Pais a 22.08.2019 às 11:21

Essa do "não engolir" se é para o Varandas é de mau gosto.

De resto bom esforço em fazer o Damage Control em relação ao Bas Dost, bem coordenado com os outros que já partilharam e opinaram, bom trabalho vocês valem mesmo os vossos honorários.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 22.08.2019 às 15:52

Os nossos "honorários"...

Ainda o Carlos N.T. defende que não há estupidez!?!
Sem imagem de perfil

De Cris Dileo a 22.08.2019 às 11:22

Eu tenho esperança que um dia, depois da saida desta direcção possamos analisar o momento do Sporting sem se trazer BC á baila.

O caro Nação Valente diz que muitas opiniões mais negativas são motivadas por um certo revanchismo e até pode ter razão.

No entanto há muitos que também fazem o inverso - ou sejam seguem uma postura acrítica por medo que qualquer crítica que façam, possa ser ( não sei como) benéfica para a anterior direcção.

Talvez quando varandas sair (porque não há varandistas) se possa dar a nossa opinião sem sermos conotados de nada a não ser sportinguistas
Sem imagem de perfil

De Sousa a 22.08.2019 às 11:33

Só um brunista poderia adiantar uma estapafúrdia destas!
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 22.08.2019 às 13:00

Cris Dileo,

A crítica, e digo-o, é legítima e necessária. O pior que pode acontecer a uma sociedade ou instituição é a ausência de crítica. Significa estagnação. Mas temos de saber distinguir crítica, do seu aproveitamento, para fazer campanha para desvalorizar pessoas ou projectos, com o objectivo de vir a impor uma agenda escondida. Quer um exemplo? Já vi neste blog passar recorrentemente a ideia de associar Varandas a Godinho Lopes. Isto é sério?
Sem imagem de perfil

De Cris Dileo a 22.08.2019 às 14:40

Havia um colega seu deste blog que associava recorrentemente BC a GL, acha isso normal ?

Frederico Varandas tem de fazer o seu caminho sem se colar a nenhum antigo presidente - independente do estilo ( que obviamente está muito mais próximo de GL que BC) o que eu espero é que haja competência e seriedade.

Seriedade para já acho que sim, competência, a ver vamos - umas vezes parece que sim, outras nem por isso.

Agora não tenho dúvidas que o melhor para o Sporting é que FV consiga trilhar um caminho de sucesso e torço por isso porque enquanto andarmos em eleições e campanhas não vamos lá.
Sem imagem de perfil

De Zequinha a 22.08.2019 às 11:34

Creio que alguns dos comentários estão a confundir o bota-abaixismo que é referido no post, com o natural direito à crítica ...
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 22.08.2019 às 14:00

É isso mesmo.
Perfil Facebook

De Susana Neves a 22.08.2019 às 11:51

Excelente análise!
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 22.08.2019 às 14:02

Susana Neves,

Obrigado.

Saudações leoninas

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D




Cristiano Ronaldo