Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




img_920x518$2020_10_21_15_24_07_1769047.jpg

Rúben Amorim foi punido pelo Conselho de Disciplina da FPF com 6 dias de suspensão e uma multa de 3.825 euros pelo comportamento no Clássico entre o Sporting e o FC Porto.

O treinador leonino terá dito após a decisão de reverter o penálti: "Isto é uma vergonha. Vocês são uma vergonha". 

A manifestação de Rúben Amorim terá sido comunicada ao árbitro, pelo quarto árbitro, que, minutos antes, ignorou os palavrões de protesto verbalizados por Sérgio Conceição. Daí que Amorim tenha sublinhado a lamentável dualidade de critérios.

_______________________________________________

Entretanto, o Sporting emitiu um Comunicado sobre a função do VAR, em função de vários episódios adversos e, muito em especial, no que sucedeu no Sporting vs FC Porto, no passado sábado:

"O Sporting Clube de Portugal entende (sempre entendeu) que o videoárbitro (VAR) é um instrumento deveras essencial para a protecção da arbitragem e do espectáculo desportivo.

O VAR não pode voltar atrás, mas também não pode ficar parado.

A sua função não só pode como deve ser aperfeiçoada o mais possível, nomeadamente adoptando-se mecanismos que tornem a sua utilização mais uniforme e transparente.

O Sporting Clube de Portugal defende, por isso, que o protocolo do VAR seja objecto de intervenção no sentido da adopção de critérios claros e inequívocos de uniformização, que mantenham o princípio da intervenção absolutamente mínima, mas garantam que esta efectivamente não ocorra quando não pode ocorrer, e que efectivamente ocorra quando tem de ocorrer.

Defende, igualmente, que os diálogos entre o VAR e o árbitro, com o jogo parado, sejam divulgados em directo, durante a transmissão do encontro, à semelhança do que acontece noutros desportos em que as decisões tanto do VAR como das equipas de arbitragem são transparentemente explicadas a todos os intervenientes do espectáculo e aos espectadores.

Por essa razão, apresentará as suas propostas de alteração neste caminho no sentido da transparência.

O Sporting Clube de Portugal continuará a lutar pela adopção de todas as medidas que, como estas, visem proteger os árbitros e contribuir para a transparência e compreensão da sua actuação, mantendo o foco no jogo jogado, no espectáculo e na verdade desportiva.

Quem não deve, não teme".

publicado às 15:35

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


10 comentários

Sem imagem de perfil

De Manaças a 21.10.2020 às 17:01

O arruaceiro que diz o que quer e que disse o que que quis logo que foi marcado e bem o penalti, até goza com isto.
Ele cospe nos colegas, ele goza com os adeptos, ele falta ao respeito aos jornalistas, ele trata mal os jogadores, ele dá cabeçadas a torto e a direito, enfim ele tudo pode fazer e ainda lhe sobra tempo.
Castigos?Zero.
É isto que temos, comer e calar!!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 21.10.2020 às 17:21

Lamentavelmente!!!
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 21.10.2020 às 19:50

Não vejo a mesma celeridade a castigar outros.... pouca vergonha
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 21.10.2020 às 21:35

Como é óbvio, já se esperava.
Em relação ao comunicado do VAR eu defendo que tem que se tirar a subjetividade de tudo o que for possível, de forma a tirar poder aos árbitros. Ou seja, não pode haver protocolos baseados em "analisa se o lance for evidente", porque o que é evidente para uns, não é para outros.

O protocolo do VAR deveria ser sempre analisar TODOS os lances de penalty, sejam eles evidentes ou não, bem como todos os cartões vermelhos e amarelos, sempre.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 21.10.2020 às 21:39

O problema Mike, é que quanto mais o "homem" estiver envolvido mais erros vamos ter.
Imagem de perfil

De Mike Portugal a 21.10.2020 às 21:49

Certo, mas quanto mais objetivas forem as leis, menos eles se podem escudar das decisões erradas tomadas.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 21.10.2020 às 21:59

Em Portugal parece que eles só têm satisfações a dar aos interesses vigentes.
Sem imagem de perfil

De António Vieira a 21.10.2020 às 21:59

Em Portugal as verdades seja em circunstancias for não podem ser ditas...Rubem Amorim não disse mentira nenhuma, e costuma-se dizer quem não se sente não é filho de boa gente...
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 21.10.2020 às 22:05

Eu disse na altura que ele só disse a verdade, mas que a verdade tem preço, especialmente em Portugal.
Sem imagem de perfil

De António Vieira a 22.10.2020 às 17:21

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo