Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O crocodilo velho e o bandalho

Rui Gomes, em 30.04.21

img_192x192$2020_02_13_19_45_22_1663516.pngPinto da Costa faz lembrar, definitiva e vivamente, a parábola do crocodilo velho. O crocodilo velho sabe que o tempo já não é o mesmo. Que é mais curto. Que o futuro já não é seu. Também sabe que o pântano vai continuar o mesmo de sempre, que é imutável. Águas podres, cheiro nauseabundo e a concorrência impiedosa do bando de predadores mais novos. Venham eles das suas hostes ou da outra tropa do sector sul, liderada pelo caimão de grossas escamas avermelhadas, que lhe disputa a influência sobre o território e sobre quem arbitra o respeito pelas poucas regras do pântano.

O crocodilo velho sabe, por isso, que tem de ter a tropa agrupada e manter o pântano em efervescência, sempre a bater forte nos inimigos e a fingir que nada vê dos pecadilhos que apontam aos seus. É a melhor (única) forma de ter um final de reinado sossegado, sem ser estraçalhado pelo cardume de piranhas que anda sempre por ali. Já pouco lhe interessam as guerras de afirmação do bando. Bastam-lhe as suas. Já só tem de chorar, aqui e ali, algumas das suas mais cínicas lágrimas de velho crocodilo e atirar para o lado. Atirar sempre para o lado e manter uma parte da matilha que sobra sempre pronta para atacar. Só assim pode banquetear-se em sossego com as suas vítimas. E nem todas são os seus adversários…

A recém-agressão ao jornalista da TVI por um dos predadores mais novos, nas vestes de bandalho, como muito bem foi qualificado por Rui Rio, mostrou-nos a plenitude dessa parábola pantanosa. O bandalho, primeiro, na agressão servil para brilhar aos olhos do crocodilo velho. Este, depois, a derramar as suas melhores lágrimas para o seu palanque televisivo privado para agregar o seu povo. Como espectáculo, o crocodilo velho continua um mestre na interpretação. É incomparável na arte da vitimização, do cinismo e da manipulação dos sentimentos de pertença a uma espécie de religião que bebe pela mais pura das cartilhas maniqueístas. Os meus bons e os maus lá de baixo, das forças ocultas que nos roubam. Como realidade, é muito triste.

Há um clube e uma cidade deveras extraordinários, que mereciam muito melhor. É a última narrativa sobre a incapacidade atroz do futebol português em mudar, um milímetro que seja. É, também, o resultado das suas insuportáveis dependências, entre clubes que são os legisladores dos regulamentos, desportivos e disciplinares, que montaram uma organização desportiva de fachada, para poderem ser eternamente juízes em causa própria. Tenhamos pena de nós, os que pensávamos gostar de futebol.

Majestoso escrito de Eduardo Dâmaso, Director da Sábado

publicado às 03:49

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


63 comentários

Sem imagem de perfil

De De Perry a 30.04.2021 às 05:38

Pinto da Costa diz que é contra qualquer violência, no entanto batia na sua mulher Filomena Pinto da Costa. Ele devia era estar preso, desde há muito tempo, mas só num país destes, em que os manfios andam a solta e ainda são idolatrados é que isso é possível.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.05.2021 às 23:55

Lamentavelmente, é assim!
Imagem de perfil

De Fernando Albuquerque a 30.04.2021 às 08:26

Rui Gomes

É um artigo sensacional, escrito por quem não tem medo de represálias..Ontem estive a ver o programa nojento do CMTV e também existem jornalistas que deveriam ser expurgados, pois não respeitam ninguém. O assunto importante seria o escândalo do jogo com o Moreirense, mas um artista qualquer lembrou-se de colocar um vídeo do jogo do Braga, onde acusam o Hugo Viana e o Rúben Amorim de mau comportamento. Foram mostradas várias imagens, com o Hugo Viana a dar pontapés numa parede, !!!!! muitas imagens do corredor do estádio e junto ao Rúben Amorim pessoas que festejaram o golo do SCP que vimos na transmissão do jogo. Ambos conhecem bem as pessoas do Braga, pois como treinador e jogador estiveram ligados a este clube. Não houve queixas do Braga, e não percebi ,ou melhor a intenção destas imagens era para desviar a atenção do que se passou em Moreira de Cónegos. O jornalista do Record presente, cujo nome ignoro , deve ter sido o autor desta farsa, pois está sempre a defender os clubes do norte, principalmente o bracarense, o que é indecente, pois deveria ser imparcial e essa é uma palavra que desconhece na sua linguagem. Vamos estar atentos, pois faltam 5 jornadas e muitos pontos para conquistar e tudo é possível, como vimos há dois anos Fernando Albuquerque (SCP)

Sem imagem de perfil

De De Perry a 30.04.2021 às 08:58

Isso é uma maneira de branquear o que foi feito por Pinto da Costa, eu em casa quando sinto que o Sporting foi prejudicado dou berros e murros no sofá mas nunca fui bater na mulher, oi nós filhós ou destratar qualquer outra pessoa
Imagem de perfil

De Luísa de Sousa a 30.04.2021 às 10:56

Olá Fernando Albuquerque,

Também vi esse triste programa e fiquei indignada com a postura desse jornalista de nome Victor Pinto, a tentar denegrir a imagem de Hugo Viana e desviar a atenção do que se passou em Moreira de Cónegos. Mas esteve muito bem o Dr. Carlos Barbosa, que habilmente e com a sua sabedoria e conhecimento o colocou no seu lugar.

Beijinhos
Feliz Dia
Imagem de perfil

De Fernando Albuquerque a 30.04.2021 às 11:12

Bom dia Luísa de Sousa

Os programas do CMTV são na generalidade horrorosos. Vejo para estar a par da postura dos intervenientes. e para não ser comido de cebolada. Ás quintas-feiras ainda tem algum nível, mas esse jornalista está a mais no mesmo.
Ando para lhe dizer que tenho uma costeleta madeirense, pois o meu Avô era do Arco da Calheta, onde ainda penso ter parentes. Fui lá uma vez e apenas conheci um primo, sobrinho do meu Pai. Beijinhos Fernando Albuquerque (SCP)

Imagem de perfil

De Luísa de Sousa a 30.04.2021 às 11:24

Que bom saber de um sportinguista com costela madeirense
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.05.2021 às 17:36

O nosso amigo Fernando Albuquerque é polivalente;)
Sem imagem de perfil

De FF a 30.04.2021 às 11:37

Bom-dia, Fernando Albuquerque,
Apenas uma pergunta: Terá porventura algum parente de apelido Betencourt?
Tenho as minhas raízes na Calheta, o meu bisavô oriundo dos Betencourt da Normandia era natural desta agora cidade.
FF



Imagem de perfil

De Fernando Albuquerque a 30.04.2021 às 11:58

FF

O meu Avô chamava-se Francisco Roque Albuquerque. Penso que teve 3 filhos, pois só tive contactos com uma irmã do meu Pai e nem sequer a vi pois estava na tropa , quando andou á minha procura . . No Arco da Calheta conheci um neto , sobrinho do meu Pai e havia pessoas da parte da minha Avó que não estavam em casa. Existem outras pessoas (Albuquerque) que julgo sejam da minha família, mas um deles não me respondeu a um e-mail, que enviei.e como vivi 80 anos sem os conhecer a vontade que isso aconteça é nula. Muita saúde é aquilo que lhes desejo. Fernando Albuquerque (SCP)
Sem imagem de perfil

De FF a 30.04.2021 às 17:20

Obrigado pela informação.
Saudações Leoninas
FF
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 30.04.2021 às 10:56

O Jornalista é um dos bois que tem nome, Vitor Pinto mas o Drº Barbosa da Cruz sabe tratar dele.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.05.2021 às 17:37

O problema é que o Dr. Carlos Barbosa da Cruz é só uma voz num oceano de arbutres!
Sem imagem de perfil

De RV a 30.04.2021 às 09:58

Um bandido será sempre um bandido
Imagem de perfil

De Luísa de Sousa a 30.04.2021 às 10:59

Excelente artigo de Eduardo Dâmaso


Beijinhos Rui
Feliz Dia
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 30.04.2021 às 11:26

O Eduardo Dâmaso descreve muito bem o pântano onde está emergido o futebol portuguê. Vivi no coração da selva vários anos, conheço muito bem o comportamento das pirañas, dos crocodilos, do crocodilo negro e velho comedor de pirañas., o rei no seu lamacento habitat. Do outro lado a sul do pântano reina a Anaconda no seu ninho de víboras, cruzam-se várias vezes numa vigilância apertada e impôem dessa forma o medo e a tensão permanentemente.

Quem ousar enfrentá-los acaba...devorado .
Imagem de perfil

De Luísa de Sousa a 30.04.2021 às 11:29

Perfeito Julius!

Beijinhos
Feliz Dia
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 30.04.2021 às 11:45

Beijinhos e um muito bom dia de sexta feira tambem para si Luísa
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 30.04.2021 às 11:43

Por curiosidade, nessa minha foto do meu perfil, sou eu a atravessar um dos maiores pântans do centro da Amazónia peruana nos confins das nascentes do rio Inuya, acompanhado por um restrito grupo de índios. Por cada passada o pé entrava nessas águas turvas e no desconhecido enfrentando sempre o imprevisto.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2021 às 12:21

"Por cada passada o pé entrava nessas águas turvas e no desconhecido enfrentando sempre o imprevisto"...

Até parece que está a falar do futebol português.
Sem imagem de perfil

De AlexandreP a 30.04.2021 às 12:56

Nem mais.
Para 2 equipas do nosso campeonato, é um piso liso/duro/com aderencia.
Para as restantes é um lodo e uma lotaria...
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 30.04.2021 às 12:59

Um pântano é um pântano e será sempre um pântano, um bandido é um bandido e será sempre um bandido.

Quem ousar entrar e enfrentar as profundezas do pântano do futebol português, terá que ir muito bem preparado para o imprevisto e ainda ninguêm está nem estará preparado para o fazer tão cêdo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.05.2021 às 17:39

Por outras palavras, é pior que um mundo selvagem!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.04.2021 às 13:05

FABULOSO
Comentário próprio e cheio de intenção e intensidade.
Muito bom. A carapuça serve que nem uma luva ao crocodilo Velho.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2021 às 13:11

Se não se identificar não voltará a ser publicado.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.05.2021 às 17:39

P.S.: Excelente texto, sem dúvida!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.04.2021 às 13:14

só a propósito de CMTV´s e sua versão escrita(CM) : há mais de 30 anos tive um Senhor como professor de jornalismo (Sr.Prof. Amícar Quaresma) que primeira separação de águas da lama foi explicar aos novatos alunos em jornalismo - há jornais , que noticiam os factos sintetica e factualmente ; e há TABLÓIDES assentes em mentiras sensacionalistas para entretenimento de dementes racistas , bairristas e afins . o "CM" existia então apenas á um par de anos . . . tinha vindo substituir outro balde de vomitado verbal intitulado " o crime" , lembram-se ?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2021 às 15:50

Aqui é necessário o leitor identificar-se com nome/pseudónimo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.05.2021 às 17:41

P.S.: O CM e a CMTV são puro lixo, mas parece que na actual sociedade vendem bem.
Sem imagem de perfil

De Rui Almeida a 30.04.2021 às 13:17

Bom dia, tenho 68 anos, não sou sócio do SCP, sou um adepto fervoroso (não confundir com fanático) Vivi sempre o Sporting desde os meus 7 anos, tenho amigos benfiquistas (muitos) amizade e desporto podem coexistir perfeitamente, mas por acaso (será por acaso?) não tenho amigos portistas, porque será? Vivi a taça das taças, ouvindo o relato numa velha Nordmend a válvulas, vivi João Roque a ganhar a volta, Carlos Lopes a fazer o que todos sabem... mas percebi que o futebol mudou, desde que um tal Zé do Boné, incutiu no nobre povo do Norte, a vitimização, o culto do coitadinho e outras coisas do género.... sou um sportinguista, que nunca pagou uma cota, que só entrou no velho José Alvalade para a chegada da volta, depois de uma valente subida da calçada de Carriche, onde vi chegar Agostinho, onde joguei contra um José marquês do ténis de mesa... serei sportinguista até ao fechar dos olhos, arrepia-me aquela gente (actualmente) do Norte.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.04.2021 às 14:55

"Entrei" aqui pela primeira vez, um pouco na espectativa de o ir fazer no "terreno do inimigo". No início vejo uma foto que me deixa muitas saudades, Joaquim Agostinho e "quase penso que já fui sportinguista " e até mais do que uma vez! Afasto logo esse pensamento! Não pode ser! Não, não! Eu sou benfiquista! Logo de seguida começo a lembrar-me das subidas desse grande ciclista ao Col do Tourmalet e a dar entrevistas no final da prova, enquanto Meckx "levava" oxigénio! Que saudades do grande J. Agostinho. Depois, foi Carlos Lopes que me encheu de orgulho. Pois, mas este também era do Sporting! Vem-me à memória, Vítor Damas, Fernando Peres e o futebol que eles tinham! Até pode parecer que me estou a esquecer de Eusébio, Coluna, Torres, José Augusto, Simões, Chalana, Humberto, Telma e muitos outros e outras, mas não, como compreenderão! Tive e aceito com todo o orgulho que "até fui sportinguista" , pois que eu os aplaudia, porque eram nossos e faziam coisas boas por nós todos, sendo eu, no entanto, benfiquista. Sou e serei sempre Português que gosta do desporto, dos grandes actores do desporto e que é benfiquista. Nas pessoas do Norte, somos uma diversidade e a amizade é transversal aos clubes que infelizmente têm caminhado por auto-estradas que podem levar à destruição do ser humano e ao vazio do sem sentido. É tempo que pode ser tardio se não pensarmos no ser humano, mas apenas em resultados sobretudo financeiros
Imagem de perfil

De Julius Coelho a 30.04.2021 às 15:36

O seu comentário merecia que se identificasse.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2021 às 15:46

O nosso amigo Julius foi muito diplomático. A identificação do leitor é uma exigência neste espaço, Se voltar a comentar, terá de se identificar para ser publicado.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.05.2021 às 17:42

P.S.: Mesmo não identificado, muito bom comentário. Subscrevo as suas considerações.
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 30.04.2021 às 15:12

Caro Rui Almeida,
Nem toda a gente do Norte o deve fazer arrepiar. Nunca devemos tomar a parte pelo todo.
É um facto que, no Norte do país, existem muitos com uma cultura desportiva distorcida, mas acredite que também existe um número significativo, provavelmente superior, que não segue essa "ideologia", nomeadamente sportinguistas.
Por alguma razão somos o Sporting Clube de Portugal, presente em todo e qualquer lado.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2021 às 15:48

A generalização à gente da Norte não é correcta, obviamente, mas creio que se deve muito ao regionalismo local com o FC Porto no seu epicentro,
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 30.04.2021 às 16:38

Independentemente de regionalismos existentes, há uma tentativa de "apropriação" da região, na vertente desportiva, por parte do FC Porto, o que manifestamente não coincide com a realidade. E quanto maior for o abandono por parte dos restantes, mais bem sucedida será essa tarefa.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2021 às 17:05

Mas, infelizmente, é precisamente isso que tem vindo a acontecer há muito!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.04.2021 às 18:45

Respondo-lhe com muito gosto, foi um erro meu a generalização, mas fui um erro por falta de pontaria, não me refiro às gentes do Norte no geral, mas à mafiosice que foi implantada em alguns, infelizmente muitos não são capazes de se libertar desse jugo, mas no Sul também há doentes....
Devo referir que um dos meus irmãos de armas, de manhã quando eu entrava a porta de armas, dizia-me com o sotaque de Paços de Ferreira o que eu transcrevo aqui: Ó filho da pouta, estais cá ouje, teu pai e tua mãezinha estão benhe?Que saudades tenho desse amigo....
Logo, no Norte há muito boa gente, o vernáculo não conta....mas sim a intenção!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.04.2021 às 18:46

Rui Almeida, faltou a identificação! desculpem!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.05.2021 às 17:43

Ainda foi a tempo!
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 30.04.2021 às 23:13

Rui Almeida, compreendo perfeitamente o seu raciocínio, até porque lido amiúde com alguma dessa "máfia".
Mas o meu comentário prendeu-se mais com a generalização regionalista que é feita a nível futebolístico. Muitos sportinguistas da grande Lisboa não têm a verdadeira noção da dimensão nacional do Sporting e associam determinada região, especificamente o Norte, a determinado clube, ignorando a significativa presença de sportinguistas.

Há de facto muita gente boa, não só no Norte, mas por todo este país, cada uma com o seu sotaque e com mais ou menos vernáculo, pois também concordo que a intenção não está directamente associada à forma de expressão.
Sem imagem de perfil

De Rumo Certo - Ventos Favoráveis a 30.04.2021 às 20:30

Caro Rui Almeida,
Desculpar-me-á o facto de lhe dirigir breves palavras.
Sou um pouco mais novo (65a.), mas tendo o seu comentário nomeado o nome do tenista José Marquês, fez-me recordar com saudade temos já longínquos.
Isto porque privei com ele alguns tempos, quando ambos frequentavamos o ensino secundário, na extraordinária Escola Industrial Afonso Domingues, infelizmente hoje extinta e com instalações e espaços devolutos e abandonados.
Neste estabelecimento de ensino, havia uma sala de convívio desportivo que integrava uma mesa de ténis e permitia a disputa de campeonatos internos e inter escolares.
O José Marquês jogava no Sporting e quando representava a E. I. Afonso Domingues, aquela sala enchia-se de rapaziada estudantil a deliciar-se e a viver extasiantes exibições dele.
Que regalo e entusiasmo genuíno.
Bons tempos esses, meu caro.
Sendo Sportinguista ferrenho, pondere e venha viver o Amor e Paixão no nosso Santuário, como sócio ou simples adepto.
Fraterno Abraço Leonino.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 02.05.2021 às 23:57

Igualmente, obrigado.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.04.2021 às 15:17

“Pinto da Costa iniciou-se no FCP como diretor da secção de hóquei em patins e hóquei em campo em 1962. Só em 1967, passados 5 anos, acumulou com a secção de boxe, pois estava encarregue das modalidades amadoras…”

Ora aí está, primeiro, modalidades que se praticam com paus, depois outra que se pratica com os punhos e finalmente outra que consiste basicamente em dar pontapés e cabeçadas, só podia dar no que deu... Porque é que o senhor nunca foi para o xadrez?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2021 às 15:44

Parece-me que não é a primeira vez que comenta sem se identificar. A partir de agora, não há mais alertas, os seus comentários serão prontamente apagados.
Sem imagem de perfil

De António Dias Lopes a 30.04.2021 às 15:41

Parabéns ao Eduardo Dâmaso pelo excelente texto.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 30.04.2021 às 15:43

Caro António Dias Lopes,

Veja como eu transcrevi o seu comentário. É assim que se deve identificar. Obrigado.

Comentar post


Pág. 1/2





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D




Cristiano Ronaldo