Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




 

download (1).jpg

 

Hesitei em publicar este post, porque já é um enorme suplício comentar as idiossincrasias de Bruno de Carvalho sempre que o seu ego boicota o cérebro, algo que, lamentavelmente, ocorre com alarmante frequência.

 

Que ele não sabe liderar, já é há muito o segredo mais bem conhecido, mas era de esperar que após cinco anos na cadeira da presidência já tivesse aprendido alguma coisa no que diz respeito às comunicações relacionadas com equipas e atletas. Não vale a pena dar uma explicação pormenorizada, salvo sublinhar quão importante é não vir a público com considerações, particularmente críticas, que são exclusivamente do foro interno.

 

Pouco depois do apito final em Madrid, Bruno de Carvalho surgiu com mais um post de Facebook que serve apenas para contrariar e desrespeitar este princípio inviolável. Não satisfeito com a sua escrita, ainda teve o desplante, para não dizer estupidez, de telefonar para a CMTV, onde entrou em directo no programa Liga d'Ouro, argumentando que não arrasou os jogadores e que se limitou apenas a constatar o óbvio.

 

Haverá, decerto, quem possa pensar que este seu "desabafo" é somente uma incidental consequência da sua mágoa face à exibição da equipa e ao resultado do jogo. Desengane-se!... No seu raciocínio, a soma destas acções (bem ponderadas), justificam-se em pleno, apenas e tão só porque ele entende que no momento de um desaire para o Sporting, o mais importante é salvaguardar a sua imagem perante os adeptos.

 

Enfim... já escrevi mais do que era a minha intenção. Eis o seu texto de Facebook:

  

"LIGA EUROPA: QUE FUTURO? TEMOS DE ENCHER ALVALADE!!!!

 

O que queria ter visto:

 

Uma equipa concentrada, com atitude e compromisso, defensivamente irrepreensível e com faro de golo. De 11 superarem-se e tornarem-se 22.

 

O que vi:

 

Uma equipa com atitude mas com uma defesa que não esteve concentrada. Coates e Mathieu a fazerem o que os avançados do Atlético não conseguiam. E o 2-0 a surgir sem nada terem feito para isso, a não ser (e não é pouco) marcarem.

 

Gelson aos 32m isolado frente a Oblak, em vez de "fuzilar" para a esquerda, tenta colocar em jeito, mas sem força, para o lado direito perdendo um golo que já quase se gritava.

 

De 11, em vez de 22 como queria, fomos 9, muitas vezes, e isso paga-se caro...

 

Fábio e Bas Dost "não quiseram jogar" em Alvalade, com faltas para amarelo que nunca poderiam ter feito.

 

Diego Costa a ser "intocável", sendo que "pediu" amarelo várias vezes mas não conseguiu, apesar de o merecer pelo esforço constante.

 

Um livre não assinalado encostado à grande àrea por falta devido a corte com a mão do jogador do Atlético aos 83m. As mãos e a cara continuam a confundir os russos.

 

Uma falta aos 87m pelas costas que devia ter dado cartão amarelo ao jogador do Atlético, sendo que isso evidenciou critérios disciplinares diferentes.

 

Coates fica isolado e, sem foco e não estando concentrado, em vez de rematar faz um passe para Oblak.

 

E, para terminar, Montero aos 92m desperdiçou um golo feito com um remate para o céu quando só se pedia um simples encosto.

 

O Atlético não dominou mas venceu por 2-0.

 

O Sporting CP demonstrou que tem equipa para fazer mais, mas não o fez.

 

Agora, em vez de podermos resolver mais fácil em Alvalade, resta-nos sonhar com a reviravolta. É possível? É! Era necessário este resultado de hoje? Não!

 

Viver um jogo de longe custa muito mais, mas ver erros grosseiros de jogadores internacionais e experientes ainda acrescenta mais ao sofrimento.

 

Obrigado aos cerca de 4.000 Sportinguistas que se deslocaram a Madrid! Vocês são únicos!".

 

E, já agora, aproveito o ensejo para passar uma outra mensagem sua desta quinta-feira, em entrevista à EFE, que, decerto, visa tranquilizar-nos relativamente à próxima época, no que diz respeito à continuidade de Jorge Jesus:

 

jorge_jesus_e_bruno_carvalho_foto_jose_coelho_lusa

 

"O Sporting está feliz com Jorge Jesus - até o comparo com Diego Simeone, são dois dos melhores que há -, e vai ser o treinador na próxima época, dando assim continuidade a um projecto que é mais do que um jogo ou um resultado, é uma filosofia e um caminho por percorrer. É claro que queremos ganhar tudo e ser campeões, e um falhanço não abala o que foi edificado".

 

Nem vale a pena comentar. Estamos devidamente esclarecidos!

 

publicado às 04:24

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


104 comentários

Sem imagem de perfil

De Rui Oliveira a 06.04.2018 às 04:33

Qual das 6 versões do post é que apresentaste???
Sem imagem de perfil

De António a 06.04.2018 às 04:43

Como assim? Versões?
Sem imagem de perfil

De Sofia a 06.04.2018 às 06:14

Foi sendo alterado... o título actual é "ULTIMA HORA: QUEM VÊ NISTO UM "ARRASO" A JOGADORES TEM DE TER UM PROBLEMA GRAVE!"

Noite triste.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.04.2018 às 16:15

Vai ajustando a escrita mediante as críticas que surgem. Típico chico-espertismo seu, não surpreende.
Sem imagem de perfil

De Jo a 06.04.2018 às 07:37

Enfim, palavras para quê, é um artista português.

Aparentemente estamos perante o novo treinador de situações de finalização para os treinos.

Sobre o lance do "golo falhado" Coates gostei mais da análise do Manuel Fernandes: "Como é que o Coates falha aquilo? Era só fazer assim, tau!"
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.04.2018 às 16:18

É de admitir que houvesse algum nervosismo nos minutos iniciais do jogo, perfeitamente normal. Mas naquele lance, um jogador experiente como Coates, não pode estar com cerimónias. Se não pode fazer um "bonito", tem forçosamente de aliviar o esférico.
Sem imagem de perfil

De Fidalgo a 06.04.2018 às 07:58

Bruno de Carvalho voltou a ser Bruno de Carvalho. Apenas isso! Mais uma acção sem desculpa, sem defesa, estúpida, mal educada e arruaceira. É assim à 5 anos! A culpa é de quem o defende! Infelizmente ainda há muita gente com palas nos olhos, e que se identifica com a forma de estar de BdC. Por isso vamos ter aturar estas anormalidades mentais (Presidente e seguidores) mais algum tempo.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.04.2018 às 16:21

Caro Fidalgo,

A maior ironia é que entre a propaganda avulsa e aqueles quantos apóstolos que o seguem, nada vai mudar. Ele já provou que não tem inteligência nem maturidade para evoluir e ajustar-se devidamente às circunstâncias que o rodeiam.

Como digo no post, o ego fala sempre mais alto!"!!
Perfil Facebook

De Mike Portugal a 06.04.2018 às 08:35

Acho que "arrasar" os jogadores será demasiado catastrófico dizer-se. Mais uma espécie de puxão de orelhas. Se ele quisesse arrasar os jogadores teria usado o palavreado que usou com o presidente do Braga.

Sendo verdade o que ele disse (não mentiu em nada), também não o deve fazer publicamente, pois passa a imagem errada. Dito isto, os jogadores mereciam ouvir das boas, quer do treinador, quer do presidente e não tanto o Gelson ou o Montero por terem falhado golos claríssimos (isso pode acontecer a qualquer um), mas Dost e Coentrão, pois fizeram faltas absolutamente incompreensíveis. E, claro, os centrais, pois pareciam 2 juniores.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.04.2018 às 16:22

Podemos debater semânticas, mas a única questão sobre a mesa é a postura pública do presidente que só pode prejudicar tanto a equipa como o Clube-
Sem imagem de perfil

De antonio a 06.04.2018 às 09:20

Bruno e muitos adeptos sportinguistas esquecem-se contra quem jogaram. Estao mal habituados.

Se há critica a fazer, é a derrota com o Braga, onde o Sporting foi completamente dominado. Ontem até nem jogaram mal, mas esquecem-se que defrontaram uma equipa de outro nível com outra mobilidade.
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 06.04.2018 às 09:32

E claro que o jogo, em si, foi bom, contra uma equipa astronómica... Não é isso que está em causa. O Sporting disputou a bola olhos nos olhos, sem medo. Na primeira parte, até chegámos a acampar no meio campo deles durante 10/15 mins, antes do 2-0. No entanto, o que se critica, é que o AtM nem muito fez pelos golos que teve, de bandeja. É o que se critica, a par com a evidente, desde o início da época e, muito mais sobrecarregado, défice na finalização para golo. Falhamos tantos, mas tantos golos feitos... É impossível que uma equipa que se quer campeã falhe tantos golos "de encosto", ou de baliza aberta. É simplesmente impossível!

A defesa do Sporting é muito forte, muito competente, e ontem teve um desaire. Apenas isso. Fomos penalizados por isso, visto que, com equipas desta qualidade, esses erros pagam-se no momento, sem oportunidade de recuperar.

Critico ainda os amarelos que Coentrão e Dost fizeram por ter. Vão ser muito necessários em Alvalade e não os vamos ter. Paciência.

Critico o facto de Diego Costa não ter visto um único amarelo, visto que também fez por isso, mas são outros tentos.

Critico o péssimo timing de Jesus nas substituições. Ele é péssimo a fazer substituições. Colocar Montero para conseguir dar um golo, que era a única coisa que se pedia em Espanha para ficarmos mais à vontade cá, a 3 minutos do fim é deveras jocoso. Ele goza com a necessidade dos adeptos em verem resultados, depois de 3 anos ao volante desta equipa. Pena foi terem assinado contrato por tanto tempo... Assim, se a bola entrar na baliza de Patrício por uma única vez, em Lisboa, podemos todos ir logo aos nossos afazeres.
Sem imagem de perfil

De antonio a 06.04.2018 às 09:44

Compreendo e todos os pontos em que tocou sao válidos. O que nao acho que podem exigir é que o Sporting fosse a Madrid ganhar ou sequer empatar.

Sonhar sim, exigir nao. Estamos a falar de uma equipa de outro escalao, muito acima de qualquer equipa portuguesa.
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 06.04.2018 às 10:34

Tanto que não conseguíamos disputar a qualificação lá que até acabamos por perder apenas pelos nossos próprios erros. Não foram golos provenientes de qualquer tipo de jogada ou sequer de pressão do AtM... Os golos surgem de jogada do Sporting, ambos. Dizer isso não é verdade. No mínimo, podíamos pedir o empate, tendo em conta tudo o que foi feito na Champions, no início da temporada. Não digo exigir o empate, nem sequer considero que "sonhássemos" com o empate, porque acho que tínhamos condições de melhor, mas pedia-se o empate.

Responsabilizo mais o Jesus pelas péssimas substituições, ou seja, no seu timing, do que pelo que aconteceu na defesa do Sporting. Erros todos podem cometer. Se se admite que um avançado possa falhar constantemente uma baliza e mesmo assim dizer que é um bom jogador por tudo o resto, também temos que ter o discernimento de aceitar erros na defesa. São tão humanos como o resto de nós. Em campo aberto, tudo pode acontecer. Só é justo na análise de um jogo. Já não consigo é desculpar a forma como as substituições são feitos e, para mim, foi meio jogo feito, na segunda parte. Substituições atrasadas foi o que selou o destino do Sporting para não chegar ao golo. Quando Montero entra, o jogo ficou de outra forma. Voltámos a colar na área do AtM e a criar confusão na área deles. Para mim, se as substituições tivessem sido feitas 10min mais cedo, talvez tivéssemos feito o golo que nos mantivesse à tona. Agora é ver como reagem em Alvalade.

Tudo isto vale o que vale, que é nada. O jogo está fechado e jogado, o resultado é este. O que me preocupa mais é que para o ano vamos ter mais do mesmo, visto que a continuidade de Jesus já foi anunciada por ambos os responsáveis.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 06.04.2018 às 10:42

Com esse tipo de mentalidade nunca ganhávamos a ninguém, isso é de gente pequena e atrofiada, não é o que queremos para o Sporting, vá com essas ideias para o outro lado da 2ª circular, aqui não são válidas.
O Sporting perdeu por dois erros grosseiros e estúpidos, ponto.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 06.04.2018 às 10:43

Resposta ao comentário do leitor António.
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 06.04.2018 às 10:49

Caro Paulo Salcedas, temos que saber conviver com as opiniões contrárias. Eu sei o jogo que vi, o caro antónio deve ter visto um jogo diferente. Se podíamos ter empatado, depois do que vi, não tenho qualquer dúvidas. Se tivéssemos entrado com a equipa serena e concentrada, tínhamos retirado o resultado mais competente para o Sporting e para o que foi o jogo. É claro que agora irão dizer que o AtM jogou a meio gás e que não tinham as peças essenciais em jogo, mas vi lá Griezman, Koke, Juan Fran, D. Costa, entre outros que compõem o núcleo duro vencedor desta equipa. Não correram menos, não passaram menos, não atacaram menos. O que vi, foi um Sporting competente que cometeu erros grosseiros e que pagou caro, independentemente do melhor jogo que tenhamos praticado. Ainda estamos na Europa, próxima semana é em Alvalade e, se o presidente e o treinador deixar os jogadores recuperarem mentalmente da derrota, teremos um muito bom jogo para assistir.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 06.04.2018 às 12:58

Caro R. Ribeiro, o meu comentário anterior não era para si, aliás eu concordo em absoluto com a sua analise ao jogo.
Era para o António
Sem imagem de perfil

De Governo Verde a 06.04.2018 às 10:53

Concordo em absoluto.
Triste,muito triste.
Sem imagem de perfil

De antonio a 06.04.2018 às 10:59

Nao é com mentalidade que o Sporting vai ganhar ou perder - é com golos. E para se fazer golos a uma equipa com o AtM precisa-se de mais qualidade ou sorte.

O Sporting teve uma boa atitude em campo e perdeu pois o adversário soube explorar erros.

Agora andarmos aqui a dizer que o Sporting podia ter ganho ou empatado... isto quando o AtM nem precisou de carregar no acelerador....
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 06.04.2018 às 13:04

Claro que é com mentalidade, confiança, atitude e garra que se ganham jogos, seja que jogo for, o futebol é um jogo, se entras á partida derrotado perdes de certeza e por muitos e não é esse tipo de mentalidade que queremos (nós adeptos do Sporting e não os adeptos rivais) para o nosso clube. Essa de dizer "coitadinhos deixem lá, eles são mais fortes, nem aceleraram muito e blá blá blá " pra mim e para os verdadeiros adeptos do Sporting não cola.
Sem imagem de perfil

De antonio a 06.04.2018 às 13:28

Oh meu caro escusa de tentar trazer os rivais para a conversa.

Eu nao disse que o Sporting deveria ter entrado para perder ou que já estava derrotado à partida. Disse que nao faz sentido culpar determinados jogadores pela derrota, quando a derrota valeu pelo coletivo e pela superior qualidade do adversário.
Sem imagem de perfil

De Paulo Salcedas a 06.04.2018 às 14:51

Faz sentido faz, a equipa jogou muito pouco para o que vale, não está em causa o valor do adversário (que o tem e muito) mas está em causa um jogo muito pouco conseguido, com pouca atitude e garra, assim não se ganha a ninguém. Quando se joga bem, com atitude, com garra, com determinação, concentração e confiança, até podemos perder também mas é muito diferente.
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 06.04.2018 às 10:44

Entenda que não estou a retirar a validade do que diz. O AtM é uma equipa astronómica, gigantesca e que, só está na Liga Europa porque teve azar no sorteio da Champions. O lugar desta não é aqui. Aliás, aquando do sorteio que colocou Sporting e AtM a enfrentarem-se, foi aqui colocado o valor de ambos os plantéis e os espanhóis ultrapassavam o valor da equipa do Sporting por várias centenas de Milhões. É obvio que isso também tem que sobressair em campo.

Ganhar, não tinha a mínima dúvida que não seria possível. Talvez o desejasse, mas não considerei possível.

Agora, empatar, estaria ao nosso alcance. Isso já considerei. Não exijo, porque não sou o presidente para exigir seja o que for. Mas considerei que pudéssemos empatar.

A derrota, sendo o resultado mais provável, é o qual se concretizou, mas mais por demérito do Sporting do que por mérito do AtM, visto que não houve jogo por parte deste que tenha desequilibrado o Sporting, até porque, pelo resultado, só mesmo aconteceu por erros nossos.
Sem imagem de perfil

De antonio a 06.04.2018 às 11:01

Ok R. Ribeiro compreendo a sua posicao, apesar de nao estar 100% de acordo.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 06.04.2018 às 10:01

O Sporting foi COMPLETAMENTE dominado em Braga? Aconselho a rever o Video dojogo quizá sem oculos ou cambie as lentes
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 06.04.2018 às 09:38

Há uma coisa de que BdC insiste em se esquecer. A base que lhe deu a presidência, é a mesma base que posteriormente lha vai retirar, ao fim de 5 anos de muita garganta e pouco resultado. Até os mais pacientes dos adeptos sportinguistas cansam-se e percebem que um comentário destes é e deve ser feito à porta fechada, no balneário. Os nossos jogadores já vêm desanimados pelo resultado do jogo, terão meio mundo da comunicação social a criticar todos os seus movimentos, terão comentadores e adeptos dos rivais para os puxar ainda mais para baixo e, aquele que devia dar apoio e segurança, foi imediatamente o primeiro a criticar, 5 mins após o final da partida. Isto é e sempre será um tiro no pé. Se BdC não consegue ver isso, não terá muitos mais mandatos para cumprir, pois lavar a roupa suja, contra a sua equipa, em plena comunicação social, é coisa que nenhum adepto goste de ver do seu presidente. Basta ler os comentários a este post no Facebook dele.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 06.04.2018 às 11:08

Com o devido respeito meu caro Ribeiro o seu comentário é de quem nunca viveu o interior de um balneário de alta competição e nao consegue enxergar erros admissiveis esses sim comentados depois á porta fechada e erros inadmissiveis que por pura falta de concentração em que os jogadores só conseguem depois acordar e envergonhar-se com puxões de orelhas publicos .

Os erros é como intensidade das falta que dão penalti e os de ontem os jogadores nao podem passar impunes enquanto os caros se entretêm na malhação facil e politica do entretem diário em cima do presidente mesmo quando não á razão para isso.

Eu ontem como presidente faria preciswmente e imediatamente o mesmo após o fim do jogo , pela defesa e respeito exigido de quem envergue as camisiolas do Sporting , jogadores bem pagos a peso de ouro e no dia sem falhas.

Nao foram uma nem somente duas foram varias falhas grosseiras inadmíssseis só por falta de concentraçãoem que e principalmente os adeptos que se deslocaram a Madrid para os apoiar nao mereciam.
Sem imagem de perfil

De Pedro Miguel a 06.04.2018 às 12:00

Caro Julius,

Eu costumo ler as suas posições e, sinceramente, por vezes aprecio a sua lucidez mas, outras vezes, fico incrédulo. Este último estado é, quase sempre, quando intervém sobre o BdC...

Tantas vezes faz alarde de ter "andado na bola" e acha normal que o presidente venha "rasgar" a equipa na praça pública desta maneira?

NINGUÉM faz isso!! Isso faz-se dentro do balneário!!

Só desse modo pode exigir o empenho dos jogadores sem perder o seu respeito.

Só desse modo consegue manter a unidade do grupo.

Eu só posso atribuir esse comportamento a algum desespero por, uma vez mais, ver uma época que poderia ser perfeita, desmoronar-se perante os seus olhos.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 06.04.2018 às 12:36

Pedro bom dia

Quizá por aqui seja dificil poder explicar-me melhor , o facto de eu concordar que ontem os jogadores por excepção mereceram um puxar de orelhas publico nao pretendo dizer que o mereçam sempre e que o presidente do Sporting acertou sempre que o fez , pelo contrário ja critiquei fortemente quando o fez sem justificação.

Eu fui treinador e vejo as coisas um pouco diferentes , conheço as manhas dos jogadres , como têm que se concentrar e como têm que abordar os lances e ontem tudo aquilo foi muito estranho , inadmissivel varias coisas grosseiramente erradas em tão curto espaço de tempo .
Já escrevi que por exemplo Coates deveria ser substituido por volta dos 30 minutos , revejam o video , ele nao acerta uma durante todo esse tempo , nao fez um passe correcto e horriveis abordagens á bola , quem nao o conhece diria que estava embriagado ou que nao dormiu a noite , autentico siucidio e isso é inadmissivel porque nao foram falhas tecnicas mas sim de falta de concentração e isso nao pode acontecer nesta fase tão importante da epoca quando é agora que necessitamos deles.

Tambem escrevi porque é um facto que fosse eu o treinador ontem questionava-me se não me estariam a fazer a cama.

Obviamente que quando á falhas têm que ser dissecadas dentro de portas á vista de todos mas quando são aberrantes falhas de concentração que ultrapassam o lógico tem que haver puxões de orelhas publicos que envergonhem e façam recordar quem são e onde jogam e as responsabilidades que têm , a epoca ainda nao acabou , existem muitos adeptos crentes em conquistas e ontem deram uma imagem de que entraram derrotados.
Nao todos os jogadores felizmente.
Sem imagem de perfil

De Francisco Maria a 06.04.2018 às 13:42

Pode perceber muito de futebol, mas não percebe nada de gestão das pessoas. E hoje os grandes treinadores são os que melhor dominam a gestão das pessoas, é isso que os distingue dos treinadores medianos.
O mesmo se pode dizer dos dirigentes.
Ora, a mais básica regra de gestão de recursos humanos ensina o óbvio: elogios fazem-se em público e críticas fazem-se em privado. Quem não souber isto, por melhor dirigente ou treinador que seja, acaba sempre por perder o seu exército.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 06.04.2018 às 14:34

É a sua opinião e de longe é a minha á excepções que só o puxão de orelhas publico entra na cabeça dos jogadores , concentrações no balneário para as conversas duras atras da orelha têm eles muitas durante as suas carreiras , de vez em quando têm que ser surpreendidos com algo mais forte (terapia de choque)que nao possam escapar tão facilmente quando basta sair do balneario e entrar na sua viatura ou no seu quarto de hotel .

Pelo contrário a minha arma mais poderosa como treinador era precisamente o psicológico as formas que sempre tive de entrar nas suas cabeças e encontrá-los ali dentro, só assim pude sacar-lhes todas as suas reais capacidades .
As excepções são necessarias e fazem parte do equilibrio.
Sem imagem de perfil

De Paulo Matos a 06.04.2018 às 09:53

Cada tiro, cada melro.
Este pelintra não tinha pedido aos seus fiéis seguidores para não dar atenção à CS.
Parece-me que ainda ontem o ouvi, em directo na CMTV... à guiza de justificação para mais um post ridículo no FB. Mais palerma do que esta avestruz, só mesmo os que o seguem. Cambada de acéfalos!
Sem imagem de perfil

De Agá Éme a 06.04.2018 às 09:53

Se fiquei siderada com o golo de Ronaldo pelas melhores razões, hoje estou siderada pelas piores.
Ontem foi a noite de todas a noites! E senti-me envergonhada!
Palavra de honra que não queria acreditar no que lia, nem no que ouvia.
Se já antes senti um misto de raiva e de indignação quando “engoli” as palavras de BC contra Miguel de Sousa Tavares, hoje sinto uma forte indigestão causada pela verborreia desta ridícula figura que preside o Sporting.

Em jeito de diário:
1. 4-04-2018
Miguel de Sousa Tavares
Não sou admiradora de Miguel de Sousa Tavares, não sou sua advogada de defesa, contudo não me foi indiferente a referência feita por BC à sua família (“Bjs à família e sempre a considerar os seus pai e mãe, que são a sua única razão de ainda comentar seja onde for!”).
Quem pensa que é BC?! Se não fosse presidente deste clube, onde andaria ele? Quem o conheceria? Nem com mil referências ao seu tio-avô iria a algum lado….

2. 4-04-2018
A privacidade, a bendita privacidade!
Para quem apregoou aos sete ventos a defesa da privacidade familiar, para quem vivia quase enclausurado dentro de portas, para quem já não aguentava tal claustrofobia, a publicação de ecografias da filha que nascerá em breve, é de mestre!
Esta devassa (sua) do que há de mais íntimo, esta desproteção assustadora da sua família, daria para um divórcio com justa causa. Não me surpreenderia a publicação de um vídeo no momento do parto e, com algum jeitinho, até poderá passar em Alvalade.

3. 5-04-2018
O melhor tratado filosófico-da-estupidez-humana!
No início ainda pensei “Ei, Agá Éme, concentra-te, estás a ler o perfil da pessoa errada”…
A minha alma estava parva!
Confesso que me assustei, julgando estar possuída por alguma insanidade momentânea. Afinal não estava louca, estavam-me a por louca!
De todas as idiotices, de todas as palurdices e lorpices azevedianas, creio bem que foi esta a que mais me doeu. Foi duro de mais, brutal de mais, doloroso de mais, ter de digerir uma atitude para a qual já nem encontro a adjetivação certa para a classificar.
Desconhecia eu que ainda estaria para vir o remate final!
BC daria um exclusivo à CM TV!!!
(Decidimamente, Agá Éme, tu trata-te mulher, que isso não está a acontecer!)
A figurinha mais ridícula da nossa sociedade no momento atual, resolve ligar para a televisão tentando justificar o injustificável.
E como poliu ele a sua pedra de toque? Começando por destratar tudo e todos, até o Hélder Amaral levou um puxão de orelhas por o designar de presidente adepto.
Ó Hélder, não se chama presidente adepto ao excelência, deve chamar-se rei sol!
Se estava à espera de obter resposta dos presentes em estúdio, se estava à espera que alguém perdesse a compostura e enveredasse pelo seu lamaçal, enganou-se!
Ó Azevedo, a maioria das pessoas é educada! A maioria das pessoas não desce ao teu nível! A maioria das pessoas é sensata!
Ó Azevedo, só não te digo para teres juízo, porque é inglório. Há muito que perdeste o juízo, se é que alguma vez o tiveste!
Curiosidade de colecionadora (sim, ultimamente deu-me para colecionar bizarrias antes que desapareçam do mercado):
Até à meia-noite e meia de ontem, mais de metade dos comentários dos adeptos foram apagados por BC. Todos eles tinham um aspeto em comum: a indignação. Os adeptos manifestaram o seu total repúdio perante a “original” publicação no facebrutus.
Neste momento, BC ainda deve dormir o sono dos justos ou já teria feito mais uma limpeza na sua rede, porque ali nem tudo que vai à rede é peixe….

Duas notas de rodapé.
1 – desculpem-me o testamento, mas foi uma espécie de desabafo, tentando que o meu processo digestivo volte ao normal;
2 – antes que me corrijam, informo que a minha escrita obedece às regras do novo acordo ortográfico
Sem imagem de perfil

De Nuno Ferreira a 06.04.2018 às 10:53

Magnífico comentário
2 ressalvas

Engana-se, a maioria das pessoas em Portugal é mal educada e isso até se sustenta facilmente pelas sucessivas vitórias avassaladoras de 1 tipo como o actual presidente do SCP

Faz mal em aderir ao novo acordo, se me permite a opinião

Cumprimentos
Sem imagem de perfil

De Agá Éme a 06.04.2018 às 11:03

:)

Caro Nuno

Permita-me discordar: felizmente ainda há boa educação. E só não é total, porque todos os que têm responsabilidades acrescidas, nomeadamente no mundo do futebol, ídolos dos mais novos, são péssimos exemplos.
Quanto à adesão ao novo acordo, claro que lhe permito a opinião, mas deixe-me acrescentar, goste-se ou não, concorde-se ou não, é lei. Dito de outra forma: o que antes era corre(c)to, passou a ser erro, e quanto a isto não há nada a fazer... Por outro lado, deveres profissionais obrigam-me a isso... bem que citei Bernardo Soares durante a fase do vai que não vai "A minha pátria é a língua portuguesa", mas não valeu de nada....

Cumprimentos.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 06.04.2018 às 11:14

Só discordo a ausencia de critica ás alarvices ditas do Miguel Sousa Tavares , que sendo coerente tambem deveria criticar , o ter dito , escrito, que não é admiradora desse senhor é curto , insuficiente e nada coerente e dessa forma fica a sensação de uma estratégia de atingir de qualquer forma um determinado alvo.
Sem imagem de perfil

De Agá Éme a 06.04.2018 às 11:25

Caro Indiana Julio

Tenho que partilhar consigo um detalhe: só tive conhecimento da opinião de Miguel Sousa Tavares, porque li a resposta de Bruno de Carvalho.
Quando não sou admiradora de alguém, nem sequer me lembro da sua existência, logo não estou a par do que escreve, do que opina, porque não me interessa. Portanto, para mim não ser "admiradora de" é mais do que suficiente. Mas, obviamente, o Indiana não poderia adivinhar estes preciosismos, porque não me conhece.
Quanto a essa sua "a sensação de uma estratégia de atingir de qualquer forma um determinado alvo.", como disse, é sua a sensação. Poderia estar aqui a debater consigo que não tenho qualquer estratégia? Poderia, mas não o vou fazer, porque, repito, o senhor não me conhece.
Assim sendo, respeito a sua opinião/sensação, mas fico por aqui....

Cumprimentos.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 06.04.2018 às 11:37

Mas o que disse o Presidente do Sporting (obviamente com direito á critica) a Miguel Sousa Tavares foi em resposta do que este deve ter tambem dito , lóico não é? Eu tambem tive primeiro conhecimento do que escreveu Bruno de Carvalho e vi tudo muito estranho naquelas palavras e a primeira coisa que fiz foi precisamente saber o que as motivou para depois poder fazer de forma mais correcta a minha análise de critica.
Por muito criticável que sejam as ações e atitudes os motivos que as provocam podem e devem ser sempre considerados.
Perfil Facebook

De João Paulo Gonçalves a 06.04.2018 às 13:41

Sem imagem de perfil

De de Vigia a 06.04.2018 às 13:56

Os meus parabéns....!

Deixe-me dizer-lhe, com toda a elevação que certamente pensa que merece, que o seu comentário é educadissimo, trata as pessoas como pessoas, não as ofende, não lhes faz diagnóticos médicos, não as ridiculariza, não as adjetiva, não as ........

Muito bem. É um exemplo!!!

Sem imagem de perfil

De Agá Éme a 07.04.2018 às 11:42

Ironia queirosiana?
Pode vir de carrinho, mas ainda assim prefiro cortes menos arriscados. Nada como jogar pelo seguro.....
Sem imagem de perfil

De Jorge Barros a 06.04.2018 às 09:55

Estamos perante um "case study"... parece que o Criador conseguiu reunir todos os defeitos, possíveis e imaginários, nesta criatura. Faria sucesso, numa qualquer feira popular, a levar com bolas de trapo no focinho.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 06.04.2018 às 10:04

Quando se pensava que já se tinha visto tudo, Bruno de Carvalho encarrega-se de desenganar a própria realidade. Com este post no Facebook puxou tudo ainda mais para baixo...

Há muito tempo que considero que Bruno de Carvalho é desqualificado para o exercício das funções de presidente do Sporting. Nomeadamente, não possui qualidades de liderança e de gestão de recursos humanos, e quando se for embora deixará o Clube no caos financeiro.

Mas, ontem à noite dei comigo a pensar que afinal ele possuirá uma lucidez diabólica, maquiavélica, e que urdiu o plano de obrigar Jorge Jesus a sair do Clube no final da época sem cobrar um cêntimo. O post de ontem à noite foi o primeiro dessa fase e num próximo entrará pela área do sistema de jogo da equipa. Pode destruir a equipa, mas não pagará pela saída de JJ!

Não há volta a dar: é um gestor desqualificado ou possui uma lucidez diabólica!
Sem imagem de perfil

De Agá Éme a 06.04.2018 às 10:12

Bom dia Leão Zargo

"Não há volta a dar: é um gestor desqualificado ou possui uma lucidez diabólica!"

Quantitativamente, atribuir-lhe-ia 20 para "gestor desqualificado" e 80 para "lucidez diabólica!".
Neste momento, BC é o maior "produtor" de lixo tóxico!

Cumprimentos.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 06.04.2018 às 10:50

Agá Éme, sem dúvida um "produtor" de lixo tópico a dar tudo por tudo pelo 4º lugar no Campeonato!
Sem imagem de perfil

De Fidalgo a 06.04.2018 às 10:18

Caro Leão Zargo,

O Brundo de Carvalho que atacou os jogadores em Madrid é o mesmo que atacou os jogadores em 2014 após o jogo de Guimarães. O homem é mesmo assim.

Tenho estado a ler alguns comentários em determinados espaços sportinguistas, e desta vez estou a verificar uma grande dose de críticas a BdC. Dou o exemplo do Fórum do Sporting, que nos últimos anos foi completamente dominado (e administrado) por gente afecta a BdC. Tirando os "Ruis Trindades" desta vida, que têm a mesma genética mental que o seu Bruninho, a maioria de quem ali escreve está furiosa.

Aguardo a cena dos próximos capítulos, mas o número de apoiantes do Bruninho desceu vertiginosamente em muito poucas horas. Haverá ainda esperança para o Sporting?
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 06.04.2018 às 10:55

Fidalgo,
em determinado momento da presidência de Bruno de Carvalho convenci-me de que quando ele sair do Sporting deixará o Clube em grave crise. É característico de pessoas como ele que provocam o caos por onde passam. Será uma crise de tipo diferente daquela que se herdou de Godinho Lopes, mas igualmente difícil.

Haverá esperança para o Sporting, naturalmente, mas o estado do Clube vai desencorajar pessoas capazes de o recuperarem. Estou convicto de que Bruno de Carvalho se vai embora nos próximos meses. Duvido muito que em Dezembro ainda esteja na presidência.
Sem imagem de perfil

De Fidalgo a 06.04.2018 às 11:07

Leão Zargo...ou muito me engano, ou este episódio vai ditar a saída de BdC. O homem está neste momento a vasculhar as redes sociais, comentários, blogues, etc...e já deve estar a magicar algo.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 06.04.2018 às 15:26

De facto, caro Fidalgo, Bruno de Carvalho provocou um desatino muito grande entre os seus apoiantes. Nada disto faz sentido na perspectiva de quem deveria presidir ao Sporting. A estratégia de BdC esgotou todas as alternativas, só lhe falta criticar publicamente o treinador. Será que ele quer mesmo ir-se embora?
Sem imagem de perfil

De Agá Éme a 06.04.2018 às 11:09

Leão Zargo

Fosse eu capaz de comungar essa esperança, mas, confesso, não sou!
BC continuará no Sporting, não porque o clube precise dele, mas porque ele precisa do clube!

(nota: afinal também ele conseguiu invadir um estúdio de televisão, não fisicamente, mas telefonicamente. Brilhante!)
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 06.04.2018 às 11:42

Invadir? Mas uma chamada telefónica pode ser ou não passada para o ar em directo e nao é seguramente quem a faz que decide.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 06.04.2018 às 15:28

CAro Agá Éme,
é certo que Bruno de Carvalho precisa do Sporting. Não me pare assim tão certo que o Clube precise dele.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 06.04.2018 às 11:40

Com melhor senso meu caro Zargo verá que nao foi assim tão disparatada a critica publica do presidente aos seus jogadores a quem paga ordenados de luxo e sem falta no dia.
Sem imagem de perfil

De AS a 06.04.2018 às 11:56

Argumento curto e falacioso. Os ordenados dos jogadores não são uma regalia. O ordenado é um direito e o seu montante não foi imposto, resulta de acordo entre o profissional e a instituição, com o acordo do presidente. Logo, não me parece equilibrado que o usufruto de um direto implique a exposição ao escárnio público. Imagine vossa excelência que, por ser trabalhador por conta de outrem e ter o ordenado em dia, automaticamente estaria sujeito à opinião birrenta e pública do responsável da sua entidade empregadora.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 06.04.2018 às 12:09

Tudo o que escreve é correcto quando se tratam de ordenados "normais" na nossa sociedade, mas alguns jogadores de futebol por esse mundo fora ganham muito acima do normal diria exageradamente e são esses valores que os definem diferentes nessa sociedade a a troco de exigências tambem acima do normal , é uma opção que aceitaram e convivem .
Nessas exigências sabem que quando falham grosseiramente ficam sujeitos á critica publica e se tiverem cabeça aguentam-se, se nao tiverem ficam á beira do abismo e tudo se perde e o que perdem principalmente ? Precisamente esses chorudos ordenados.
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 06.04.2018 às 13:13

Não concordo com o que diz. Quando envolve a sociedade no tipo de ordenados que estes sujeitos auferem, só consigo dizer que é o correcto. Convenhamos que, se a sociedade se revoltasse contra este tipo de ordenados referente ao bem público que estes praticam, com toda a certeza que tais ordenados não seriam pagos. Se o são, é porque a sociedade o tolera, tal como um actor que aufere Milhões para fazer de conta à frente das câmaras, ou um lutador para vencer um combate, ou um cantor para apresentar um concerto . A verdade é que a sociedade tolera este tipo de ordenados pelo entretenimento de massas, como tal, é normal que um jogador de futebol que move dezenas de milhares em massa para dentro de um recinto aufira um ordenado correspondente à sua capacidade geradora de lucros ao clube que o contrata.

Segundo ponto, tal como já foi exposto pelo caro AS, o vencimento NÃO É UMA REGALIA. Tal que não é uma regalia, como o é, sim, um DIREITO DO TRABALHADOR, tal como o que eu ou qualquer um de nós aufere pelo trabalho que praticamos. No entanto, estes recebem perante uma obrigação de meios, não de fins. Eles têm que aplicar o seu melhor para atingir certos objectivos, não lhes é exigido esse objectivo como dependência do vencimento. Tal como um médico que aufere o seu ordenado na obrigação de aplicar os meios disponíveis e apropriados para a cura do paciente, mas não com a obrigação de prestar essa mesma cura. Logo, "desde que apliquem o seu máximo com o objectivo de atingir a vitória", sendo este critério extremamente subjectivo, eles está a actuar em benefício do clube, não podendo ser responsabilizado por isso. É esse o seu contrato e pelo qual ambas as partes o celebraram. Poderá é dizer que os benefícios à parte são regalias. De acordo e, como tal, são sempre dependentes de objectivos, como maior nº de cortes, de golos, de assistências, de jogos cumpridos, etc. No entanto, o vencimento base nunca deve ser tido como uma regalia, independentemente dos valores praticados.

Depois, fala dos ordenados serem pagos a tempo e horas como condição desculpante à atitude de BdC. Não acho que está correcto nessa afirmação. Se o caro falar mal do seu patrão, deve ficar o seu patrão com desculpa para o denegrir em praça pública e desresponsabilizado em pagar a tempo e horas, mesmo que o caro tenha cumprido com o seu trabalho como lhe é devido??? O facto do Sporting, e não BdC, pagar a tempo e horas é uma obrigação de qualquer patrão. Não é uma regalia dos jogadores ou dependente dos resultados que obtenham. E tal não isenta ao bom comportamento dos dirigentes no que a comunicações públicas concerne. Acho graça que fale dos ordenados e depois, para justificar, fala dos ordenados praticados aos outros jogadores na Europa, porque já sabe que em Portugal não é onde que melhor ganham. Até sabemos que houve uma altura que os contratos estavam a ser renegociados em baixa pelo próprio BdC, por isso, essa questão cai por terra.

Em suma, os ordenados são um direito do trabalhador, independente de condicionalismos de objectivos, exceptuando os valores por objectivos.
O pagamento desses ordenados a tempo e horas não é, igualmente, uma regalia, mas sim uma obrigação da entidade que os emprega, independente de resultados.
A pontualidade no pagamento de vencimentos não dá o direito à entidade patronal a denegrir publicamente os seus empregados ou a condicionar os seus vencimentos.

Perfil Facebook

De Indiana Julio a 06.04.2018 às 13:32

Meu caro todo o mundo sabe que o vencimento pago a tempo e horas é um direito de um trabalhador, mas o caro parece nao andar neste mundo , falamos de futebol e quantos clubes pagam a tempo e horas salarios chorudos por esse mundo fora? Ou quer omitir a realidade?

A história do jogador que recebe metade do seu colega que saiu para outro clube para ganhar o dobro a diferença é que o que recebe metade continua a recebê-lo a tempo e horas e o outro que foi ganhar o dobro nunca o recebeu ou tem atraso de meses.
O caro escreve quase sempre o politicamente correcto e isso aburre um pouco , deveria ser mais genuíno .
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 06.04.2018 às 14:44

E o caro acha que, por grande parte dos clubes, tal como diz, não pagarem os vencimentos a tempo e horas, deve fazer refém os jogadores por dirigentes que se usam deste direito para moldar a comportamentos servientes? O caro acaba por dar a sua própria resposta. O politicamente correcto é exactamente o que é para ser implementado, por ser moralmente defensável e de respeito para com o próprio, na sociedade. Os clubes que se desviam deste "politicamente correcto" é que são os que devem ser julgados por comportamentos extremamente censuráveis! Politicamente correcto é o que o cidadão exige dos órgãos e institutos. Eu posso não viver nesta sociedade, como o caro diz, mas o caro vive nela e aceita-a, como também refere. Fica na consciência de cada um.
Sem imagem de perfil

De R. Ribeiro a 06.04.2018 às 13:13

Já se percebeu que o caro Julius concorda com o comportamento e atitude de BdC, não sendo a nossa função alterar a sua opinião, mas apenas o debate. Se retirar daqui percepções que lhe possam mudar certas opiniões, tanto melhor. Caso contrário, também não se perde nada. O debate é saudável e ninguém tem a razão suprema sobre as questões. Por mais que tente defender as atitudes de BdC, terá as suas razões para isso, não creio que sejam com esses argumentos, os quais tem usado insistentemente toda a manhã.

PS: num aparte mais pessoal, acho que os ordenados praticados no futebol, tal como as suas transferências, se estão a tornar impossíveis de aceitar, mesmo para o tipo de sociedade que se vive. São pessoas que correm atrás de uma bola, tal como as crianças do bairro o fazem. São profissionais, é verdade, com responsabilidades acrescidas, mas não deixam de ser 22 pessoas atrás de uma bola de trapos. O bem que fazem à sociedade, ao proporcionar um espetáculo de divertimento, à muito que foi deturpado, quando os confrontos violentos e físicos antecipando os jogos e os constantes ataques verbais pessoais pelos agentes ligados a este desporto, cada vez mais retiram a utilidade pública que se via neste desporto. Os ordenados orgásmicos e astronómicos por pessoas com este tipo de funções, a bem da verdade, não salvam vidas, não correm para dentro de edifícios em chamas, não capturam delinquentes e criminosos, começam a roçar o desperdício e a luxúria social. Uma transferência de uma pessoa, que dá uns toques na bola de futebol, por 222M de um clube para outro enquanto diversas nações no mundo estão na mais indescritível pobreza e fome é desumano. Este valor daria para alimentar um país inteiro durante um ano, naqueles descritos. A FIFA terá que pôr termo a isto, até porque, exige-se dos clubes fair-play financeiro, mas um clube com possibilidades financeiras infinitas, pode gastar mais de 1 000 000 000 000.00€ num plantel. Onde existe aqui o fair-play desportivo????? Ainda para mais, em competições internacionais, como a Liga Europa e a Champions. Claramente, caminhamos para uma competição cada vez mais fechada e sem possibilidade de surgirem novos clubes sensação. Isto, a par com os escândalos que são estas transferências por pessoas que correm atrás de uma bola.

PS2: sendo o exposto supra em "PS" uma forma de vida e um código de viver em consciência, não vale a pena entrarem em debate ou tentarem justificar aquilo que considero injustificável.
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 06.04.2018 às 13:37

A maioria tenta nem recordar quanto ganham esses tipos que dão uns chutos numa bola porque quando se recordam a coisa azeda .
Melhor fazer de conta que isso nem existe e viver o vicio do jogo e dos coitadinhos quando perdem , nunca idoletrei ídolos deste futebol moderno , aprecio muito mais os idolos antigos que quase pagavam para jogar e trainavam com botas rotas e recozidas á mão
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 06.04.2018 às 14:28

Caríssimo Julius,

Tenho evitado intervir, mesmo depois de ler alguns dos seus comentários que carecem de sensatez e fogem à realidade do desporto, em geral, e do futebol, em particular.

Já lidei com um bom número de situações deste género e sei bem identificar os respectivos quês e porquês.

Só uma única vez me descontrolei, e nem sequer foi relativamente a qualquer exibição da minha equipa, mas sim outros comportamentos, a exemplo do capitão ter saltado da varanda do seu quarto para outra ao lado, num sétimo andar de um hotel. Não vou elaborar sobre as razões para esta sua acção.

De qualquer modo, fiquei de tal modo furioso que mandei reunir a equipa no lobby do hotel e mesmo ali dei aos jogadores uma monumental "chicotada". Mereceram, indiscutivelmente, mas mais tarde arrependi-me de não ter sido mais discreto, como compete.

Com todo o respeito, como sempre, depois de ler os seus comentários, não diga a ninguém que andou no futebol organizado/profissional porque ninguém vai acreditar.

Pelos vistos, recusa reconhecer que o está aqui em questão não é os jogadores merecerem repreensão, mas sim o acto público e de certo modo até ultrapassando a autoridade do treinador.

Pode negar o que desejar, mas sensatez não é uma característica de Bruno de Carvalho, hoje e sempre. Poderemos até reagir bem no próximo jogo, mas se isso acontecer não será pela postura do presidente mas sim apesar dela.

Queira acreditar !!!
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 06.04.2018 às 14:46

Neste caso e volto a referir como excepção concordo que os jogadores mereceram este puxão de orelhas publico pelo seu presidente , á limites e ontem houve jogadores que o passaram .

Mereciam mais que o habitual raspanete duro no balneário , eu tolero falhas tecnicas mas tenho dificuldade em aceitar total falhas de concentração consecutivas , uns a andar a correr a esforçarem-se enquanto outros pareciam que estavam a brincar com aquilo.
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 06.04.2018 às 15:30

Júlio,
nem parece seu fazer uma afirmação assim. É que o Júlio sabe como é que um balneário funciona. Em desespero atira-se gasolina para a fogueira?
Perfil Facebook

De Indiana Julio a 06.04.2018 às 15:59

Leão Zargo está-se aqui a fazer uma tremenda tempestade num copo de agua , isto é assunto até ao proximo jogo , na proxima semana ja ninguem fala disto , mas nao penso ter sido tão despropositado este raspanete publico , a mim por exemplo isto já vem desde o jogo de Setubal depois daquele colapso de nossa defesa no ultimo minuto do jogo que nos custou quizá o titulo.

Sinceramente ainda noto menor sentido de responsabilidade nos jogadores do Sporting em comparação com os atletas do Benfica e Porto , nao basta dizerem que estão comprometidos , têm que o demonstrar sempre nas suas ações profissionais especialmente estarem altamente preparados e concentrados.

Muitas coisas que têm sempre que mudar para melhor a mais dificil é sempre a mentalidade , essa leva mais tempo.

Comentar post


Pág. 1/3





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Cristiano Ronaldo