Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O passado está sempre presente

Rui Gomes, em 16.11.14

 

jordao1.jpg

 

Durante o jantar em sua homengem que teve lugar esta sábado, Manuel Fernandes deu um "passeio" pelo passado e fez uma afirmação interessante:

 

«João Rocha foi o meu presidente, mas a maior falha não foi ter deixado o Futre ir para o FC Porto, o maior erro foi ter substituído Malcom Allison pelo António Oliveira. Podíamos ter ganho mais uns campeonatos. Mas todo erramos.»

 

* Na foto com Jordão.

 

publicado às 12:24

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


30 comentários

Sem imagem de perfil

De iorda9 a 16.11.2014 às 15:15

Depois queixa-se
Sem imagem de perfil

De iorda9 a 16.11.2014 às 15:21

Parece-me a mim uma clara indirecta a António Oliveira - provavelmente terá assuntos pessoais pendentes com ele como teve com BC
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.11.2014 às 19:02

Não é uma indirecta, mas sim uma directa. Parece-me que o Iorda9 desconhecerá a história por detrás da ascensão de António Oliveira a treinador/jogador do Sporting e o despedimento de Malcom Allison que, contrário ao que se encontra em alguns livros, não se ficou a dever apenas ao facto do técnico inglês ter bebido umas taças de champanhe e fumar os seus charutos no estágio da equipa no Algarve.

O que o Manel disse é 100% certeiro, sem se saber o certo, claro, quantos mais títulos teria o Sporting conquistado com Allison ao leme.

A propósito, sabe quem é o novo representante do FC Porto no programa Trio d'Ataque ?

Sem imagem de perfil

De iorda9 a 16.11.2014 às 20:18

Não sou desse tempo ainda

Lembro-me bem de ver Manuel Fernandes jogar, mas o 1º treinador que me lembro com maior propriedade é John Toshack

Não vejo necessidade de numa festa em sua honra, estar a mandar este tipo de farpas - aliás faz-me lembrar o comportamente de alguem que por acaso também lá estava

Não vejo esse tipo de programas, mas se é António Oliveira - terá muitas oportunidades de falar pessoalmente com ele sobre esse e outros episodios
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.11.2014 às 20:32


Neste momento não sei a que propósito veio a conversa sobre João Rocha, mas saberei muito em breve. Mesmo sem indagar, posso-lhe garantir que o que o Manel disse não foi em tipo de "farpa". Não se deve precipitar com conclusões sobre questões que desconhece.

Aconteceu muita coisa naqueles tempos, nem tudo favorável ao Sporting, mesmo com o grande João Rocha ao leme.

P.S. Isto não foi uma "festa", mas sim um simples jantar de homenagem ao capitão, com um intuito muito específico. O timing indica claramente o propósito e a declaração de pazes com o Bruno surgiu em data posterior ao início da sua organização.
Sem imagem de perfil

De Tywin Lannister a 16.11.2014 às 21:30

Big Mal sempre foi conhecido pela sua extravagância, especialmente no Reino Unido. Quem o contratou para o Sporting sabia muito bem ao que ia, mas todos também sabemos que João Rocha nunca suportou ter no banco um treinador que pudesse fazer-lhe sombra em termos de popularidade... Nesse aspecto, Pinto da Costa teve muito mais proveito.
Sem imagem de perfil

De Marco Silva a 16.11.2014 às 17:36

À esquerda um grande jogador (que é feito de til, Rui Jordão?) resgatado para o Sporting num raid a Espanha pelo Dr. Sousa Marques, mais um dos grandes dirigentes que passaram pelo Sporting.
Naquele tempo, Benfica e Porto vendiam para o estrangeiros e nós íamos buscá-los: Oliveira, Fernando Gomes e Rui Jordão foram os mais sonantes. Agora é ao contrário.
Mnael, Manel, do que é que te foste lembrar!
Diz-nos lá, aqui que ninguém nos ouve, por que é que João Rocha despediu Malcolm Allison. No que disseres, não te esqueças de falar no estágio da Bulgária realizado no início da época que se seguiu à termos sido campeões.
Depois e uma vez que falaste do Futre, diz-nos lá onde o deixaste e/ou a quem o entregaste no dia em que ele foi para o Porto. Não eras tu que davas boleia ao Futre quando iam para Alvalade?
Podes continuar dizendo a razão dos problemas criados por alguns jogadores pelo facto de João Rocha ter decidido que o Oliveira seria jogador/treinador. O quê, também estava incluído no lote dos instisfeitos? Dos mais insatisfeitos? Olha que eu não sabia! Não foi nessa altura que tu e o Inácio deixaram de se falar e que esteve na ida dele e do Eurico (grande defesa central que tinha vindo do Benfica para o Sporting) para o Porto?
Por fim e dada a relação privilegiada que tinhas com João Rocha, o que fazia temido no balneário, não achas que o somatório de tantos problemas e chatices abalou forftemente João Rocha o que fez com ele batesse com a porta e nunca mais voltasse ao Sporting? Se não concordares com esta versão, diz-nos lá então por que é que João Rocha se pôs a andar sem sequer olhar para trás?
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.11.2014 às 19:07

Já que o Marco Silva sabe tanto, queira informar quem era o "bufo" de João Rocha no balneário do Sporting nessa altura e que na realidade precipitou muito do que acabou por acontecer.

A decisão sobre Allison foi feita muito depois da Bulgária, com a equipa a estagiar no Algarve.
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 16.11.2014 às 20:07

Bora lá !!! Contem, contem...........
Estamos curiosos...

Agora à distancia de mais de 25 anos, é realmente estranho, como chega um portista a treinador-jogador de um clube grande.....
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.11.2014 às 20:20

Carlos, a história é longa e quando tiver disposição publicarei um post nesse sentido.
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 16.11.2014 às 20:40

Sem imagem de perfil

De iorda9 a 16.11.2014 às 20:43

Carlos - quase 35
Sem imagem de perfil

De Carlos N.T. a 16.11.2014 às 20:52

Disse, + de 25.
Nao me queria sentir tao .. idoso !!!! LOOOOLL!!!!

Malvadinho iorda9
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 17.11.2014 às 15:11

António Oliveira era .....só o melhor jogador portugues nesse tempo, tinha uma lesão grave no pé , foi operado em Barcelona mas a lesão seguia e tinha que jogar injectado , era um senhor, conquistou uma liderança natural no balneário e um enorme respeito dos adeptos sportinguistas. Manuel Fernandes e Jordão tiveram algumas dificuldades em lidar e de conter alguma inveja dessa situaçao em que Oliveira vivia no Sporting.
A comunicaçao social tambem ajudava á festa nos jornais só dava Oliveira e .....claro está todos os outros eram menos valorizados.
Sem imagem de perfil

De Marco Silva a 16.11.2014 às 20:30

Eu não disse que Malcolm Allison foi despedido logo a seguir ao estágio na Bulgária mas que o seu despedimento tinha sido resultante dos graves acontecimentos ocorridos durante o estágio na Bulgária,
Não sei quem era o bufo ou mesmo se havia algum bufo o que sei é que pela sua resposta, o Rui Gomes mostra saber que eu sei que tambem sabe toda história e sabendo-a certamente melhor que eu podia fazer luz sobre o assunto.

Nesse sentido, faço-lhe duas perguntas:
- foi ou não verdade que Oliveira foi posto de lado por pressâo de Manuel Fernandes e do Rui Jordão?
- Se tivesse que mencionar um exemplo de sportinguista escolheria o Manuel Fernandes?

http://www.youtube.com/watch?v=Z-1U63AylqE

O meu desgosto assim como o de muitos sportinguistas foi tão grande que ainda hoje não consigo perdoar aos causadores do desmembramento daquela mariavilhosa equipa que tantas alegrias nos deu na época de 1981/1982 na qual se ganhou tudo que havia para ganhar.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.11.2014 às 20:44

Hoje não, porque não sinto disposição para isso, mas tentarei ainda esta semana publicar um posto sobre o que sei desses eventos.

Eu era amigo íntimo de quem - já falecido - viveu intimamente esses tempos, além do meu conhecimento directo.

Vou tentar refrescar a memória com os meus arquivos pessoais, mas penso que estou certo quando digo que tudo começou - embora já existisse um certo clima no balneário - quando Allison se ausenta para estar presente no casamento do seu filho e ultrapassou Marinho - seu adjunto - ao deixar Oliveira a orientar os treinos durante alguns dias. Oliveira aproveitou o ensejo para chamar o Bastos à equipa e "encostar" Carlos Xavier. Enfim... como já disse a um outro leitor, é uma história longa.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 16.11.2014 às 21:16

Marco Silva,

Lembrei-me agora de posts que já publiquei que muito embora não expliquem tudo, explicam muito, e são relacionados com esta história. Poderá ler, pelas próprias palavras de João, quão sportinguista ele achava Manuel Fernandes.

Janeiro 02, 2013 : http://camaroteleonino.blogs.sapo.pt/80005.html

Abril 24, 2013: http://camaroteleonino.blogs.sapo.pt/314851.html

Setembro 13, 2013: http://camaroteleonino.blogs.sapo.pt/529152.html
Sem imagem de perfil

De Marco Silva a 17.11.2014 às 14:20

Gostei de ler, obrigado.
Eu nunca duvidei do sportinguismo de Manuel Fernandes sei muito bem disso seja por me contarem seja por testemunho pessoal ainda do tempo da CUF.
A questão é saber se na época de 1982/1983 falou mais alto o seu sportinguismo ou o seu ego, isto é, se na altura o seu comportamento com graves repercussões no balneário e o que disse publicamente numa entrevista salvo erro à Bola factos que levarama que lhe fosse instaurado um inquérito por parte da Direcção presidida por João Rocha, os interesses do Sporting também estavam acima dos do Manuel Fernandes e do Presidente João Rocha? A meu ver não e tanto que assim foi que as coisas nunca mais foram as mesmas, a divisão entre jogadores foi notória e o desgaste de João Rocha foi tremendo com as consequeêcias que todos conhecemos, com a saída, mais tarde, de Manuel Fernandes para o Setúbal e o abandono de João Rocha, iniciando-se assim um calvário de 18 anos sem se ganhar um título de campeão.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.11.2014 às 22:45

Não duvido que tivessem existido questões de ego, quase sempre há. Creio que todos já sabiam que Oliveira tinha o ouvido de João Rocha e quando ele é designado, alegadamente (?) pelo próprio Allison , para liderar a equipa em detrimento de Marinho, a situação piorou. O Manel , entre outros, não gostou disto e como se dava muito bem com Allison , reagiu impetuosamente com aquela entrevista que quase levou a castigo e a que lhe tirassem a braçadeira. Quem evitou esse cenário foi o próprio Oliveira, reconhecendo, obviamente, que a equipa necessitava do Manel. Este respondeu com 3 golos no jogo seguinte.

Não escrevi no post porque só me foi dito posteriormente por quem esteve presente no jantar. O Manel também afirmou que o Oliveira foi o melhor jogador com quem jogou e... com Jordão ali sentado ao lado.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 17.11.2014 às 14:57

Oliveira nao foi resgatado no extrangeiro mas sim ao Penafiel e dentro de um plano bem organizado pelo João Rocha para o resgatarmos ao Porto.
Futre foi para o Porto porque João Rocha o desvalorizou ao nao lhe querer dar mais 50 contos que Futre pediu para continuar no Sporting, passaria a ganhar 250contos e assim foi ganhar 400contos no Porto.
Neste caso Joao Rocha é o unico culpado facto que nunca lhe perdoei.
Com a agravante de estar de acordo com o treinador Hungaro para que Futre fosse emprestado á Académica.
Sem imagem de perfil

De HY a 18.11.2014 às 12:01

De acordo Julius. Foi um grave erro de avaliação do Presidente João Rocha.... Quase sempre o nosso mal esteve em graves erros dos nossos dirigentes. Ao nível desse, só o Cintra despedir o Robson... ou o próprio JR despedir o Mário Lino.

Só um pormenor: o treinador era checo - Josef Venglos.

Húngaro era o guarda redes : Bela Katzirz...
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 18.11.2014 às 12:20

Sim tem razao , era esse checo que entendia tanto de futebol que nem me recordo a sua nacionalidade imagine! Futre emprestado!!! Que cosa??Esse Venglos devia ter-se dedicado era a carregar madeira ás costas na Amazónia. João Rocha ás vezes inventava!!
Um mistério para mim e solicito a quem tenha os pormonores , afinal por carga de agua foi Mario Lino despedido?? Fomos campeões nesse ano , será que teve influencia o termos perdido os 2 jogos com o carnide??
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 17.11.2014 às 15:03

Manuel Fernandes deixou de falar ao Inácio depois de este e já no Porto ter atitudes bem desagradáveis com os antigos colegas incluindo M.Fernandes , antes, durante depois dos jogos quando o Sporting se deslocava ás antas.actitudes que nao tinham nada a haver com profissionalismo.
Sem imagem de perfil

De JC a 17.11.2014 às 00:52

para memória futura:

https://2.bp.blogspot.com/-NWHo9ixY6Hk/VGVIdzdc6LI/AAAAAAAAFpw/YHzLt6w354w/s1600/Indignação2.PNG
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 17.11.2014 às 01:44

E... ??? Recusam compreender, comparar alhos com bugalhos.
Imagem de perfil

De sportingsempre a 17.11.2014 às 11:05

O Manuel Fernandes teve a sua festa de homenagem e tem toda a legitimidade de por cá fora coisas que o marcaram como homem e sportinguista, sem ofender ninguém.

Ainda há pouco li na Bola um ex-jogador da altura (penso que o ex-médio Márinho) contar a forma manhosa com que o "Oliveirinha" (como diz o Rodolfo) fez o João Rocha despedir o grande Malcolm Allison. Um caso de não olhar a meios para atingir os fins, que poderia integrar o best-seller da vida do Oliveirinha (se e ele o escrevesse...), concerteza bastante divertido e movimentado, também com a ascensão da Olivedesportos, as paródias com as misses, os excessos orientais com a selecção, etc...

Voltando ao João Rocha, ele tinha uma qualidade rara... treinador que ganhasse o campeonato era liminarmente despedido. Foi assim com Mário Lino (73/74), Fernando Mendes (79/80) e Malcolm Allison (81/82).

Outra questão foi a guerra que travou com o Porto, com mais derrotas que vitórias, e que envolveu saídas de sportinguistas (Futre, Inácio, Dinis e outros) e entradas de portistas desapegados deste clube (Oliveira, Gabriel, Sousa, J.Pacheco, F.Gomes).

Como Sportinguista que viveu esses tempos, gostava bastante que se fizesse história do período João Rocha, e todos os contributos serão com certeza bem vindos.


Imagem de perfil

De sportingsempre a 17.11.2014 às 11:59

Curiosamente ou não, esse final de temporada 81/82 está a marcar a actualidade do Sporting. M.Fernandes, J. Eduardo, Virgilio, Inácio, Barão e Venâncio (em transição p/ a equipa A), apoiantes ou convidados a apoiantes do Bruno de Carvalho, são todos desse tempo, e situações actuais devem ter com certeza explicação em histórias daquele tempo.
Imagem de perfil

De juliuscoelho a 17.11.2014 às 15:15

Gostaria de ver um dia a justiça de uma homenagem ao Rui Jordão, homem discreto mas um grande jogador que como M.Fernandes marcaram e de que maneira uma época no Sporting.
Jordão é uma gloria inolvidável.
Ainda recordo que com ainda 18 anos fazia já uma dupla infernal com Eusébio no Benfica
Sem imagem de perfil

De F.Ferreira a 17.11.2014 às 18:55

Boa-tarde,
Do discurso do grande "capitão" na festa de homenagem que lhe foi prestada, retive as seguintes afirmações que, certamente, não terão agradado ao sr.Presidente:
"como comentador desportivo, vou criticar quando a equipa jogar mal; se jogar assim-assim, darei o benefício da dúvida" e "o Sporting está acima do presidente e do Manuel Fernandes".
Saudações leoninas,
F.F.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D




Cristiano Ronaldo