Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O poder da palavra

Rui Gomes, em 05.12.20

img_192x192$2015_10_12_13_07_15_1005695_im_6366777Uma das melhores armas de Rúben Amorim é a sua capacidade de expressão, que lhe permite comunicar como poucos treinadores. O discurso é bastante calmo, assertivo e sempre com uma intenção. Na conferência de ontem, o técnico foi capaz de atirar em várias direcções sem levantar grandes ondas ou polémicas. Mas fez saber aos miúdos que não podem pensar em ir para o estrangeiro por tuta e meia ao fim de meia dúzia de jogos, ao mesmo tempo que disse à administração da SAD que não está disposto a perder jogadores importantes a troco de nada.

Rúben Amorim acabou de chegar a Alvalade mas sabe muitíssimo bem o que deve ser o Sporting CP: um clube formador e potenciador de talento, mas que só retirará verdadeiros benefícios disso se conseguir conquistar títulos, até numa perspectiva de valorização dos passes dos seus jogadores.

Pelo meio, e por meias palavras, Amorim respondeu às recém-críticas do FC Porto às arbitragens do Sporting. "Já temos algum conhecimento do que vai acontecer no futuro", atirou, provavelmente pensando na pressão sobre a arbitragem que vai continuar a ser colocada por todos os lados (até do Sporting...). Com tanta coisa para ganhar esta época – e ainda mais a perder... –, os decibéis vão voltar a subir. E nisto não há inocentes. Nem sequer os bem-falantes.

Artigo da autoria de Sérgio Krithinas, Director Adjunto de Record

publicado às 12:59

Comentar

Para comentar, o leitor necessita de se identificar através do seu nome ou de um pseudónimo.


6 comentários

Sem imagem de perfil

De LeaoCapel a 05.12.2020 às 14:08

Temos divergido ao longo dos tempos, caro Rui, mas numa coisa terá que concordar comigo: Rúben Amorim foi de facto uma lufada de ar fresco naquilo que considero ser o desnorte a nível de comunicação no Sporting de Frederico Varandas. Eu que habitualmente não sigo as quase diárias conferências de imprensa dos treinadores, vejo-me por estes dias a seguir, com toda a atenção, as palavras do nosso treinador. Cada conferência do mesmo é uma aula daquilo que deve ser a comunicação no futebol moderno, quer para dentro quer para fora do clube.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 05.12.2020 às 15:38

Ainda bem!
Imagem de perfil

De Leão do Norte a 05.12.2020 às 14:47

A melhor arma de Rúben Amorim não é a sua capacidade de expressão, é a sua inteligência, o que lhe permite pensar pela própria cabeça. Estes aspectos, associados a uma inegável capacidade de expressão, permitem-lhe apresentar um discurso que sai da banalidade do futebol português.
E de facto comunica como poucos treinadores, pois não precisa de se intitular de mestre de alguma coisa, nem de apresentar um discurso "bronco", travestido de motivador, para ter crédito e passar a sua mensagem.
Daí as suas conferências de imprensa serem sempre um foco de interesse e não se transformarem num vociferar de acusações aos inimigos, nem num atropelo à língua portuguesa.
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 05.12.2020 às 15:39

Lufada de ar fresco!!!
Imagem de perfil

De Leão Zargo a 05.12.2020 às 15:01

De facto, é como LeãoCapel e Leão do Norte afirmam a propósito de Rúben Amorim. Antes, eu prestava uma atenção algo marginal às conferências de imprensa dos treinadores do Sporting, interessava-me essencialmente pela lista de convocados para um determinado jogo e pouco mais. Com Rúben Amorim procuro ouvir, mas de certeza que logo que possível leio o que ele disse na conferência de imprensa.

Se o que Rúben Amorim diz é elucidativo, o trabalho como treinador é ainda mais. Por exemplo, a forma como pôs Nuno Santos, que era essencialmente um defesa/ala, a surgir um pouco por todo o campo ou como colocou Pote num lugar diferente daquele em que jogava no Famalicão, mais adiantado e mais próximo da grande área. Muito bem!
Imagem de perfil

De Rui Gomes a 05.12.2020 às 15:40

Veremos se todo este bom trabalho vai ser compensado no final da época.

Comentar post





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Taça das Taças 1963-64



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D




Cristiano Ronaldo